Na segunda (14), outro espaço público será grafitado: a Escola Municipal Clemente Fernandes, na 24 de Maio

O Centro de Iniciação ao Esporte (CIE) de Petrópolis, no Caxambu, vai ser grafitado no próximo domingo (13/06) a partir das 8h. Além de embelezar o lado de fora do ginásio e valorizar o entorno do espaço, a ideia da prefeitura é utilizar a arte para conscientizar sobre a importância de preservar o espaço, que é uma conquista da comunidade. A iniciativa do governo interino acontece em parceria com a Produtora NaGulha, UJS (União da Juventude Socialista) de Petrópolis e outras diversas representações de jovens e estudantes.

Voltado para a iniciação esportiva e também ao alto rendimento, o CIE no Caxambu se tornou o principal ginásio público poliesportivo do município. Entre as competições realizadas, estão uma edição da Taça Brasil sub-20 de futsal, além de torneios infantis e universitários.

Na segunda-feira (14), será a vez da Escola Municipal Clemente Fernandes, na 24 de maio, receber o grafite. "A arte encanta, estimula e incentiva criança e jovens. É uma ação muito bonita e tenho certeza que os alunos da escola ficarão felizes com essa nova cara", afirma a secretária de Educação.


Petrópolis é a primeira cidade do interior do país a receber o treinamento

O Governo interino recebeu hoje (10/06) o secretário Nacional de Incentivo e Fomento ao Esporte, Leonardo da Cunha de Mendonça Castro, responsável por ministrar a capacitação sobre a Lei Federal de Incentivo ao Esporte. A atividade, realizada no salão nobre da Universidade Católica de Petrópolis (UCP), teve como objetivo ensinar a elaboração de projetos esportivos adequados as normas da Comissão da Lei de Incentivo. O treinamento aconteceu graças a uma parceria do governo interino com o governo federal e com o apoio da AssociEventos.

Petrópolis é a única cidade do interior do país até o momento a receber a capacitação e a primeira após a criação da Secretaria Nacional de Incentivo e Fomento ao Esporte por parte do governo federal. "É importante que o gestor esportivo entenda como a Lei Federal funciona para que os projetos sejam elaborados de acordo com o permitido", explica Leonardo Cunha, ressaltando que o município é um dos poucos em todo o país que permite o incentivo nas três esferas.

"Além da lei federal e da estadual, existe uma municipal, e isso é um grande destaque para Petrópolis. Vocês contam com um apoio que é muito raro no nosso país", completou o secretário nacional. 

Perto de completar 106 anos de história, o Serrano está se inspirando em clubes que conseguiram investir em estrutura através da Lei de Incentivo. "Alguns times muito tradicionais estão usando esse mecanismo e hoje viemos aqui buscar conhecimento para fazer igual ou parecido", explicou o presidente do Azul e Branco, Alexandre Beck, que participou do encontro. "Acredito que essa é uma forma de investir nos jovens, nas categorias de base, formando atletas", disse.

Segundo o secretário de Esportes, Promoção da Saúde, Juventude, Idoso e Lazer (SEPJL), garantiu que em breve a prefeitura vai anunciar a abertura do edital da lei de incentivo municipal. "Essa aproximação com o setor privado será muito importante para o esporte da nossa cidade. O objetivo é facilitar o apoio das empresas para os projetos", afirmou.


Na quinta-feira (10/06) será realizada uma capacitação sobre a Lei Federal de Incentivo ao Esporte. A atividade acontece no salão nobre da Universidade Católica de Petrópolis (UCP), de 9h às 17h, graças a uma parceria do governo interino com o governo federal e com o apoio da AssociEventos. Quem vai ministrar o treinamento é o secretário Especial do Esporte, entidade ligada ao Ministério da Cidadania, Leonardo da Cunha de Mendonça Castro.

A Lei municipal de Incentivo ao Esporte, que permite destinar até 30% no Imposto Sobre Serviço de Qualquer Natureza (ISQN) ou até 50% no pagamento do Imposto Predial e Territorial Urbano (IPTU) para projetos sociais.

Leonardo Mendonça acumula experiência como consultor de projetos incentivados, tendo atuado por cinco anos na gestão de projetos do Clube de Regatas do Flamengo. Hoje atua na coordenação para que projetos esportivos e paraesportivos financiados mediante incentivos fiscais sejam executados em todo o país.

O auditório da UCP estará com a capacidade reduzida para esse encontro, respeitando o distanciamento social, além do uso de máscaras e do álcool em gel.

As atividades são financiadas pelo Fundo Municipal de Cultura

A arte circense é o destaque nos lançamentos culturais desta semana. Mais três projetos deste segmento serão lançados através do Fundo Municipal de Cultura (FMC) nos próximos dias. As apresentações acontecem após o governo interino que homologar o resultado do edital do FMC de 2020, empenhando um valor total de R$ 220.400,00. Graças a essa ação da atual gestão da prefeitura, 84 projetos serão agraciados pela verba do FMC.

Hoje (07/06) será lançada a apresentação “In Lucem”, às 19h, no Canal Cultura Petrópolis. A performance é de caráter lúdico, que busca a união de elementos primitivos e modernos. A apresentação lembra que apesar do grande avanço da tecnologia e do uso de aparelhos eletrônicos na rotina atual, a sociedade não pode esquecer de coisas que parecem simples, porém sempre foram de extrema importância para o ser humano, para sua sobrevivência e conforto.

Na quinta-feira (10), no mesmo canal, também às 19h, acontece uma oficina de caráter prático e destinada a iniciantes e/ou quem nunca tentou fazer malabarismo. No primeiro momento será mostrado como confeccionar as bolinhas, usando materiais que qualquer pessoa possui em casa. Depois disso, será ensinado o tutorial de como manipular as bolinhas, começando com exercícios utilizando apenas duas bolinhas. Os exercícios vão aumentando o grau de dificuldade conforme a aula avança.

Já o projeto “Com Quantos risos Se Faz Nossa Humanidade? – Palhaces e direitos Humanos” visa, através de uma gama de ações artísticas, propiciar uma reflexão sobre os possíveis vínculos da arte da palhaçaria com a questão dos direitos humanos e de que forma a figura do palhaço pode contribuir para que melhor nos percebamos, nos entendamos e nos relacionemos. A programação será exibida através do Instagram e do canal do Youtube do grupo Teatro Circense Andança do dia 10 até 12 de junho.

PROGRAMAÇÃO: “Com Quantos risos Se Faz Nossa Humanidade? – Palhaces e direitos Humanos”

10/06 – Apresentação do espetáculo “O Grande Circo do Meio-Dia”, com Madson José e Renata Alves;
- Podcast com Maristela Barenco com o tema “Em Profunda Conexão Com a Natureza”.

11/06 - Realização da oficina de palhaços “Qual É a Sua Graça?”, com Madson José;
- Realização do Cabaré de Palhaços, com participação de artistas convidados. Serão apresentados quatro números de palhaços com duração de cinco a dez minutos cada;
- Live com Syilvio Costa Filho e Pita Cavalcanti, do grupo Pessoal Aí, com o tema “Oh, Rai’o Sol, Suspende a Lua, o Palhaço, o Teatro e a Rua”.
12/06 - Apresentação do espetáculo solo de palhaço “Flor de Cacareco”, com Madson José;
- Live show musical com Marco Aureh, com o título “Das Cantigas de Cena, Riso e Reflexão



Participação de José Luís "Nino" Dalla Costa

Os professores da rede municipal de Educação inscritos no projeto “Petrópolis Olímpica – Uma Educação de Valores” participarão nessa terça-feira (07/06) às 14h30 de uma formação especial que contará com a participação de José Luís "Nino" Dalla Costa, Mestre em Ciências do Movimento Humano pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (2008) e professor titular do Curso de Educação Física da Universidade Regional Integrada do Alto Uruguai e das Missões - Campus de Erechim. O encontro será realizado de forma remota e o link será enviado aos participantes pela equipe técnica da Secretaria de Educação.

O projeto Petrópolis Olímpica – Uma Educação de Valores” é uma ação da Secretaria de Educação lançado nesse ano e que vem promovendo formações mensais com os profissionais que atuam nas escolas e Centros de Educação Infantil (CEIs) da rede municipal de Educação, com o objetivo de proporcionar para gestores, professores, educadores e alunos uma diversidade de experiências, incorporando o esporte e a educação olímpica em suas rotinas de aprendizagem.

José Luís “Nino” Dalla Costa será o convidado desse mês no encontro do Petrópolis Olímpica. O professor tem experiência na área de Educação Física, com ênfase em Educação Física Escolar.

Vale salientar que o projeto prevê a criação de métodos e projetos diferenciados, usando a Educação Olímpica como referência, sempre com o suporte da Secretaria de Educação, que disponibiliza bases norteadoras através de apostilas online e livros de atividades.


O "IMC nas Redes – Conversas Culturais" desta quarta-feira (26/05) vai debater os desafios da dança em tempos de isolamento social. A roda de conversa on-line será transmitida nas redes da prefeitura (Facebook e Youtube), às 19h, com a participação de representantes do segmento na cidade. A mediadora do encontro será Catarina Maul, gerente do Centro de Cultura.

Participam da roda de conversa Roberta Bertelli, responsável pela direção artística e técnica do Espetáculo O CANTO DAS IRIAS, da Comunidade Católica Shalom; Neiva Voigt, que foi professora e coreógrafa na Training Center, CETEP, atualmente sócia/proprietária da Movimento ART & Cia Ltda, além de ser Conselheira Suplente do Segmento da Dança no CMC; Mickael Ramos, que trabalhou como coreógrafo de artistas como Ludmilla, Daya Luz, Karol K, além de ser formado em Direção de arte pela Academia Internacional de Cinema e Felipe Laureano, produtor, coreógrafo, fotógrafo e videomaker, assina pelo selo Hard Produções, com a Cia H.C, produtor artístico e colaborador do selo musical Boom Lab Music.

Sobre o projeto "IMC nas Redes - Conversas Culturais"

Toda quarta-feira, serão realizadas lives nas redes sociais da Prefeitura de Petrópolis (Canal de Youtube e Facebook), visando promover encontros entre agentes culturais, instituições de relevância, especialistas nas áreas dos diversos segmentos, procurando agregar informações e conhecimento.

Sobre os artistas

Roberta Bertelli

Iniciou os estudos de dança em 1989 e mantém até hoje pesquisas estudos e pesquisas nas modalidades de jazz, dança contemporânea e ballet clássico.
Desde 2018 atua e participa das construções e pesquisas coletivas da Cia Corpoiesis.
Atualmente é responsável pela direção artística e técnica do Espetáculo O CANTO DAS IRIAS, da Comunidade Católica Shalom, junto ao Corpo de Baile da Obra Petrópolis/RJ. Teve 8 trabalhos selecionados para a Jornada Mundial da Juventude no Brasil em 2013 e foi convidada para a edição de 2016 na Cracóvia.
Por 16 anos ensinou dança em um trabalho 100% voluntário, chamado Cia de Dança Sacra Expressão de Louvor. O projeto promove a inclusão social de crianças, adolescentes e jovens adultos que vivem em declarado risco social, no bairro Sargento Boening, na cidade de Petrópolis - RJ. Trabalho este desenvolvido no salão da igreja católica Sagrada Família, na comunidade. O grupo viajou pelo Brasil, conquistando mais de 200 títulos e premiações em inúmeros festivais de dança sacra.

Neiva Voigt

Catarinense de Rio do Sul, graduada em Ed. Física pela UDESC/SC (1976) com Especialização em Dança na UFRJ(1979). Atuou como professora e coreógrafa na Training Center,CETEP, atualmente sócia/proprietária da Movimento ART & Cia Ltda. Participou da criação e formatação do SMC de Petrópolis. Conselheira, ora titular ora suplente do CMC de Petrópolis de 2010 a 2014. Pelo SPDRJ (sindicato da dança) esteve nas seguintes funções: Delegada Regional, membro do Conselho Fiscal e atualmente Conselheira Honorária. Participou da criação do Projeto “Dançar por Dançar” (1987 a 1991,2010,2011,2012 e de 2015 a 2019. Recebeu do vereador Jamil Sabra o Título de Cidadã Petropolitana. Atualmente é Conselheira Suplente do Segmento da Dança no CMC.

Mickael Ramos

Foi bailarino e coreógrafo do Projeto/Espetáculo Trilhas do Prata Arte Negra do Rio Grande do Sul, dirigido por Heloisa Peres e Diego Mac. Ministrou oficina de dança contemporânea na I Conferência Gaúcha de Dança. Contemplado pelo Rumos Itaú cultural com a pesquisa Consequência do som – Dança contemporânea a partir do hip-hop. Integrou o corpo de baile do programa Gente Inocente da Rede Globo com Direção coreográfica de Caio Nunes. Integrou a Cia. Heart Company dirigida por Octávio Nassur. Coreógrafo da Art & Dança – Espaço Cultural a 10 anos onde obteve vários prêmios em festivais pelo país. Formado em Direção de arte pela Academia Internacional de Cinema. Professor e Performer convidado do projeto cultural Canoas Verão com arte. Diretor Coreográfico da cantora Lorena Simpson. Trabalhou como coreógrafo de artistas como Ludmilla, Daya Luz, Karol K, Maria etc.

Felipe Laureano

Iniciou sua carreira artística através da dança na infância, participando como bailarino de vídeo clipe para comerciais de grandes marcas como a antiga TAM, TIM, Caixa Econômica entre outros, de programas de TV como The Voice Brasil, finais de ano com Roberto Carlos. Shows com Gaiola das Popozudas, MC gordo boy, Darlene Lepetit. Foi um dos integrantes da equipe de bailarinos profissionais da Montagem da Abertura das Olimpíadas Rio2016 sobre a direção de Déborah Colcker, do Show de Abertura no Maracanã além de Shows com a equipe Rio 2016 no Parque Olímpico da Barra da Tijuca. Ministrou workshops em Petrópolis , Duque de Caxias , Rio Pomba , Rio de Janeiro , Três Rios , Juiz de Fora, São Paulo, Joinville, entre outras cidades e estados compartilhando seus estudo baseados na cultura Hip Hop, e na cultura Clubing mais precisamente o House Dance .

Dirigiu, produz e coreógrafa filmes e vídeos comerciais, o mais atual foi para o festival Brasil/França Dança em trânsito com o filme Caput, entrou em circulação com as peças Turminha do Barulho (2012/2018), o Espetáculo Ponto Comum(desde 2014), festivais de música, Festival Dançar por Dançar de 2014 a 2019 obtendo premiações e expandindo junto com sua equipe o festival a novos horizontes, Festival Urb 2016 a 2019 , Mostra artística Dance e deixe Dançar, Festivais de cultura urbana pela Ambev, CEG, Ampla, Nação Hip hop e Prefeitura de Petrópolis.

A prefeitura, em parceria com o governo federal e com o apoio da AssociEventos, promove uma capacitação sobre a Lei Federal de Incentivo ao Esporte. A atividade acontece no dia 27 de maio, no salão nobre da Universidade Católica de Petrópolis (UCP) e as vagas são limitadas. Os interessados podem entrar em contato com a Secretaria de Lazer, Promoção da Saúde, Juventude, Idoso e Lazer (SEPJIL) através do e-mail: O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo. ou pelo telefone: 2233-1218. As inscrições serão aceitas entre os dias 19 e 21 de maio.

Quem vai ministrar a capacitação é o secretário Especial do Esporte, entidade ligada ao Ministério da Cidadania, Leonardo da Cunha de Mendonça Castro. Ele acumula experiência como consultor de projetos incentivados, tendo atuado por cinco anos na gestão de projetos do Clube de Regatas do Flamengo. Hoje atua na coordenação para que projetos esportivos e paraesportivos financiados mediante incentivos fiscais sejam executados em todo o país.

Segundo o secretário de Esportes do município, o encontro será realizado de acordo com as regras sanitárias previstas no município. "O auditório da UCP estará com a capacidade muito reduzida para esse encontro, que será totalmente gratuito. Vamos respeitar o distanciamento social, além do uso de máscaras e álcool em gel. A ideia é promover um dia de muito aprendizado para os gestores esportivos da nossa cidade", disse.

A prefeitura, em parceria com o governo federal, promove uma capacitação sobre a Lei Federal de Incentivo ao Esporte. A atividade acontece no dia 27 de maio, no salão nobre da Universidade Católica de Petrópolis (UCP) e as vagas são limitadas. Os interessados podem entrar em contato com a Secretaria de Lazer, Promoção da Saúde, Juventude, Idoso e Lazer (SEPJIL) através do e-mail: O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo. ou pelo telefone: 2233-1218. As inscrições serão aceitas entre os dias 19 e 21 de maio.

Qualquer instituição interessada em captar verba federal pode participar da capacitação. Pode ser um clube, uma ONG, ou até mesmo uma liga amadora. Qualquer gestor esportivo pode participar. 

Quem vai ministrar a capacitação é o secretário Especial do Esporte, entidade ligada ao Ministério da Cidadania, Leonardo da Cunha de Mendonça Castro. Ele acumula experiência como consultor de projetos incentivados, tendo atuado por cinco anos na gestão de projetos do Clube de Regatas do Flamengo. Hoje atua na coordenação para que projetos esportivos e paradesportivos financiados mediante incentivos fiscais sejam executados em todo o país.

O auditório da UCP estará com a capacidade muito reduzida para esse encontro, que será totalmente gratuito.

O Governo interino e o secretário e Esportes, Promoção da Saúde, Juventude, Idoso e Lazer formalizaram na manhã deste sábado (08/05) a denominação da quadra de esportes Tatiane Brand de Castro, localizada na Rua Presidente Sodré, no bairro Siméria. A denominação foi aprovada pela Câmara Municipal no ano passado e transformou-se na Lei 8.033/2020, após a sanção pelo Poder Executivo.

Assim como diversas outras quadras de esportes do munícipio, a do bairro foi recentemente recuperada pela Prefeitura. Todo o gradil foi recuperado, com a solda das partes tubulares que estavam deterioradas, e pintado. A quadra ganhou também uma cobertura de tela em toda a sua extensão e o pavimento recebeu melhorias com a aplicação de pó de pedra. Os trabalhos, realizados pela Comdep, ficaram prontos esta semana.
O secretário de Esportes também enfatizou que as melhorias na quadra da Siméria fazem parte de um objetivo da área no atual governo municipal, que é estar presente nas comunidades, oferecendo condições mais dignas para a prática das modalidades. Ele lembrou que, além da quadra, a pequena praça e o parquinho infantil que ficam na frente da área também receberam melhorias.
Um pequeno grupo de parentes e amigos da homenageada participaram da rápida cerimônia, entre estes a presidente da Associação de Moradores do bairro e conselheira tutelar do município, Marise Brand. “Fico muito agradecida por essa homenagem à minha filha e pelo reconhecimento do seu trabalho. Minha família sempre esteve muito ligada a este espaço, e a própria Tatiane ajudou a cuidar dele”, disse a mãe da homenageada.
O esposo de Marise, o comerciante José Nilson, proprietário de um bar em frente à quadra, também estava visivelmente emocionado. Ele que também zela pelo espaço público de lazer há muitos anos, diz que com as melhorias implementadas a quadra ficou excelente. “A comunidade certamente fará um bom uso do espaço, principalmente quando essa fase da pandemia passar”, destacou.

Evento será realizado cumprindo todos os protocolos de segurança

A etapa em Petrópolis da Copa Internacional de Mountain Bike (CIMTB) – prevista para acontecer entre 24 e 26 de setembro no Vale do Cuiabá – irá seguir os protocolos de saúde e pode ser realizada sem público. Em reunião realizada nesta terça-feira (04/05), representantes da prefeitura ouviram do organizador do evento, Rogério Bernardes, as normas para que a prova aconteça de forma segura, com a testagem de atletas e equipes de apoio. O município também vai receber a Copa do Mundo de MTB em abril de 2022.

O mercado brasileiro de ciclismo vem crescendo de forma estável já há alguns anos. Segundo a Abraciclo, o crescimento da produção no Brasil em 2020 foi de 12,8%, com um total de 750 mil bicicletas fabricadas. Um dos motivos desse aumento é a bike entrando no dia a dia do brasileiro durante a pandemia, como explica Rogério.

"Será uma etapa que seguirá a risca com todos os protocolos de segurança. Vamos limitar o número de pessoas na prova e se for necessário, será realizada sem público. Além disso, em 2022, vamos fazer o melhor trabalho possível para que a Copa do Mundo não saia nunca mais do Brasil”, contou Rogério.


Pagina 10 de 116