O secretário de Esportes e Lazer, Renato Freixiela, entregou mais de cem bolas de futebol de campo e de salão para os clubes da cidade. Na noite da última terça-feira, ele se reuniu com os presidentes do Petropolitano, Carangola, Magnólia, Vera Cruz, Palmeira, Imperial, Benfica e Liga Petropolitana de Desportos (LPD) para encaminhar o material, fruto de uma parceria com o Ministério do Esporte.

Para o secretário Renato Freixiela, os clubes da cidade são fundamentais para que o esporte avance em Petrópolis. Além de colocar a Secretaria à disposição dos presidentes, Freixiela pediu que os clubes continuem abrindo espaço para as comunidades.

“O trabalho de vocês é mais que louvável, reconheço o que fazem junto às comunidades. Nós precisamos de vocês. Se precisarem de nós, estamos com as portas abertas”, disse Freixiela.

Cada clube recebeu cinco bolas de futsal, dez de futebol de campo e duas redes de futebol de campo. O presidente do Vera Cruz, Jorge Vieira, afirmou que o clube e os moradores do Moinho Preto ganharam com a medida.

“Qualquer coisa que você receba e que possa ser aplicado no esporte é positiva. Vai ser muito importante para a comunidade. Nem tudo é só dinheiro. A parte do material é muito importante também”, disse Jorge Vieira.

Ao todo, neste ano, a Secretaria de Esportes e Lazer, em convênio com o Ministério do Esporte, entregará mais de 1.300 bolas de futebol de campo, futsal, basquete, vôlei e handebol para escolas e clubes de Petrópolis.

O programa Escola Aberta foi aberto oficialmente pela Secretaria de Esportes e Lazer no último sábado, dia 24, no Quitandinha, na Escola Municipal Marcello Alencar. Fruto de uma parceria da Prefeitura com o Ministério do Esporte, o programa possibilita que a comunidade utilize a quadra da escola para a prática esportiva nos fins de semana. Ao todo, neste ano, serão entregues mais de 1.300 bolas de futebol de campo, futsal, basquete, vôlei e handebol para dez escolas que participarão do programa.

Também no sábado, o programa foi lançado na Escola Municipal do Alto Independência. O secretário de Esportes e Lazer, Renato Freixiela, esteve nas duas unidades, representando o prefeito Rubens Bomtempo: “A comunidade ocupa um espaço que estava ocioso. Ela luta tanto por um espaço para lazer e esporte, e a escola é de fato da comunidade. É claro que queremos outros espaços também, como melhorar as praças e as quadras mas estamos iniciando, a pedido do prefeito Rubens Bomtempo, um projeto que tem tudo para dar certo. São dezenas de escolas com boas instalações que têm que ser ocupadas”, disse Freixiela.

Em toda unidade que receber o programa, haverá uma pessoa indicada pela prefeitura e outra pela comunidade para acompanhar as atividades esportivas nos fins de semana. O Escola Aberta funciona aos sábados e domingos. A Secretaria de Esportes e Lazer realizará, antes de instalar o programa, plenárias com a comunidade para discutir os horários e as modalidades que serão praticadas, além da escolha dos responsáveis por cada escola. 

“Esse trabalho é feito com participação popular. Os moradores têm a Secretaria de Esportes e Lazer como a casa deles. Queremos contribuir e aprender com eles. Nossa intenção é, cada vez mais, ampliar a participação popular através do esporte, além, é claro, de incentivar a prática esportiva”, disse Freixiela.

Na Escola Municipal Marcello Alencar, o programa funciona de 8h às 21h30 e recebe, em média, 50 pessoas por dia. O professor de capoeira Elton Alves, conhecido como “Novato”, falou sobre a importância do programa para os moradores do Espírito Santo, no Quitandinha, que já recebeu mais de 50 bolas.

 “Antes do programa, nós íamos para o Rio de Janeiro, para o Amazonas, porque aqui não tínhamos onde jogar. Nem todos os pais deixavam os filhos irem. Hoje, com o Escola Aberta, é próximo de casa. Os pais abraçam a ideia. Vai ter um responsável olhando. Acredito que vá ficar sempre lotado. A criançada está feliz”, disse Elton.

A Escola Municipal Monsenhor João de Deus, em Pedro do Rio, e a Escola Municipal João Paulo II, no São Sebastião, também receberão o programa. As outras seis unidades ainda estão sendo avaliadas pela Secretaria de Esportes e Lazer.

Com o tema “O Futuro do Esporte Estudantil e Comunitário”, o Fórum de Esportes e Lazer de Petrópolis apresentou e aprovou diversas propostas ligadas à área e também elegeu os novos membros do Conselho Municipal, que estava desativado na cidade desde o ano passado. O evento reuniu mais de 200 pessoas e  aconteceu no último sábado (17/8) em dois locais: no Theatro Dom Pedro na parte da manhã e no Liceu Municipal Prefeito Cordolino Ambrósio na parte da tarde.

Durante a solenidade de abertura, o secretário de Esportes e Lazer Renato Freixiela, que no ato representou o prefeito Rubens Bomtempo, destacou que o governo está voltado para o esporte estudantil e comunitário: “Precisamos de grandes equipamentos, mas acima de tudo temos que resgatar e valorizar o esporte em cada ponto da cidade. É por isso que cada vez mais vamos precisar da participação popular e da atuação do conselho para implementarmos as políticas públicas corretas e que possam fortalecer essa área, que estava abandonada”.

O evento contou com duas palestras – “Projetos Esportivos Sociais x Grandes Eventos Esportivos” e “Importância do Esporte Estudantil na Construção da Cidadania Plena” – além de uma homenagem ao professor Denoni Pereira Alves. Emocionado, o ícone da educação física estudantil de Petrópolis elogiou a iniciativa da Prefeitura: “Petrópolis está de parabéns por voltar a incentivar o esporte estudantil, área em que atuei por mais de 15 anos. Espero que aqui voltem a surgir grandes talentos”.

Os eixos para a discussão nos grupos de trabalho foram: “O Desporto Estudantil”, “O Desporto Comunitário”, “O Esporte de Rendimento” e “O Esporte e o Lazer para Pessoa com Deficiência”, temas que tiveram inúmeras propostas aprovadas.        Entre elas,  destacam-se a realização da copa dos clubes envolvendo diversas modalidades, o incentivo a hábitos saudáveis por meio da atividade física para o controle da obesidade, uma rua de lazer itinerante, um calendário de eventos específico voltado ao paradesporto, o resgate dos jogos universitários, além do fortalecimento dos jogos estudantis e do Jeup’s.

“Esse é um momento importante para discutir as políticas públicas para esta área. O esporte salva e recupera vidas. Garante segurança, saúde e educação”, destacou o presidente da Câmara de Vereadores, Paulo Igor.

Os membros da sociedade civil do Conselho Municipal de Esportes e Lazer também foram eleitos durante o fórum. São eles:

- Segmento das Academias

Titular: Hingo Hammes e Suplente: Ricardo Gall do Amaral

- Segmento das Associações de Moradores

Titular: Angela Marcia Araujo de Alcantara e Suplente: Robison Thomaz de Souza

- Segmento do Cenário Empresarial

Titular: Marcelo Rodrigues e Suplente: Miguel Francisco Guimarães

- Segmento dos Clubes

Titular: Flavio Martins Fiuza e Suplente: Jorge Luiz Vieira

- Segmento dos Discentes de Ensino Superior

Titular: Samanta Azevedo do Vale e Suplente: Thiago Pacheco de Andrade

- Segmento dos Docentes de Educação Física

Titular: Bruno Leonardo de Souza Christ

- Segmento das Entidades Representativas dos Discentes do Ensino Médio

Titular: Felipe Raibolt da Cruz e Suplente: Wesley Diniz Furtado

- Segmento das Instituições de Ensino Superior

Titular: Renato Vasconcelos Farjalla e Suplente: Fabiana Rodrigues Scartoni

- Sindicato dos Professores de Petrópolis e Região

Titular: Marcia Machado da Costa Chaves

Suplente: Mario Gilberto Carvalho Arrais

- Conselho Municipal de Defesa da Pessoa com Deficiência

Titular: Luiz Felipe da Cruz e Silva

Suplente: Rodrigo Dias Paes Siqueira

Já os membros do governo são:

- Secretaria de Esportes

Titulares: Renato Freixiela de Oliveira, Claudio Castro de Jesus e Douglas Schmitt

Suplentes: Rogério de Oliveira Neves, Vinicius Ramos da Silva e Leonardo da Silva dos Santos

- Secretaria de Educação

Titulares: Leandro de Azevedo, Maria Eliza Badia e Marco Aurélio Pereira Alves

Suplentes: Sonia Maria Webler Rabello Maba, Cristiana de Oliveira Machado Soares e Marcelo Hoelz

Veiga

- Setrac

Titular: Jorge da Silva Maia

Suplente: Jorge Maicon Lourenço da Silva

- Gabinete do Prefeito

Titular: Leonardo França Souza

Suplente: Marcio Lopes de Carvalho Pregal

- Secretaria de Saúde

Titular: Clara Leontina Lissoni

Suplente: Marcia Carneiro Miranda e Silva

- Fundação de Cultura e Turismo

Titular: Saturnino Dias O. Junior

Suplente: Maicon Mesquita Barros Estrella

- Câmara Municipal

Titular: Maurinho Branco

Suplente: Luizinho Sorriso

A união faz a força. Este é o lema do XXIII Jogos das Escolas Municipais (JEMS), evento esportivo tradicional na cidade e que retorna este ano. A abertura foi realizada na manhã desta sexta-feira (16/8), no Esporte Clube Corrêas. Estiveram presentes os representantes das 40 escolas que participarão dos jogos, a partir da próxima segunda-feira. Os alunos desfilaram, leram o juramento dos atletas e acenderam a tocha olímpica. Também houve apresentações de acrobacia, karatê, banda de música e DJ.

“Esporte é união, saúde e qualidade de vida. Foi somando forças, unindo as secretarias, professores e alunos que nós conseguimos realizar este evento na nossa cidade”, afirmou a secretária de Educação, Mônica Freitas, que representou o prefeito Rubens Bomtempo no evento. Ela recebeu uma medalha em retribuição ao apoio prestado ao grupo de karatê do professor Luís Antônio Silva.

A secretária entregou uma placa de homenagem ao professor Hamilton Guerra Peixe. “Ele é um exemplo da prática esportiva no município”, afirmou. E, finalizou pedindo palmas “a todos os campeões desses jogos: vocês”, apontando para a plateia.     

Para o secretário de Esportes e Lazer, Renato Freixiela, essa foi a melhor abertura dos JEMS em Petrópolis. “Hoje é dia de muita alegria para todos nós. Fizemos um grande esforço para que esses jogos voltassem”, disse o secretário, que convidou todos os presentes a comparecer ao Fórum de Esportes e Lazer de Petrópolis, que será realizado neste sábado (17/8), pela manhã no Theatro Dom Pedro e à tarde, no auditório do Liceu Municipal.   

O JEMS envolve cerca de dois mil alunos. As competições começam na próxima segunda-feira e vão até o dia 30 de agosto. Segunda-feira (19/8), às 9h, começam as competições de xadrez, basquete e voleibol na Fábrica do Saber; terça-feira, a partir das 8h, será dia de futsal na Magnólia; quarta-feira, 8h30, handebol, no Laginha; quinta-feira, 9h, tênis de mesa, handebol, voleibol e basquete, na Fábrica do Saber e sexta-feira, futsal e handebol, no Clube Magnólia. 

Depois dos XXIII Jogos das Escolas Municipais (JEMS), a ser realizado na sexta-feira, será a vez do Fórum de Esportes e Lazer do Município de Petrópolis. Com o tema O Futuro do Esporte Estudantil e Comunitário, o evento começa às 9h, este sábado (17/8), no Theatro Dom Pedro, com a solenidade de abertura, seguida da leitura e aprovação do Regimento Interno do Fórum, duas palestras e grupos de trabalho.

A primeira palestra será Projetos Esportivos Sociais x Grandes Eventos Esportivos – A discussão sobre o “legado”, com o professor Luiz Carlos Michelotti Pinheiro. Já a segunda, Importância do Esporte Estudantil na Construção da Cidadania Plena, vai ser ministrada pelo professor Cláudio Castro. Os eixos temáticos para os grupos de trabalho serão: O Desporto Estudantil, O Desporto Comunitário, O Esporte de Rendimento e O Esporte e o Lazer para Pessoa com Deficiência.

Depois do almoço, o fórum seguirá para o auditório do Liceu Municipal Prefeito Cordolino Ambrósio (Centro), com trabalhos dos grupos, apresentação e aprovação das propostas e eleição dos membros do Conselho Municipal de Esporte e Lazer (CMEL - 2013 - 2015).

Esta sexta-feira (16/8) vai ser dia de esporte. A Secretaria de Educação promoverá, a partir das 10h, no Esporte Clube Corrêas, o XXIII Jogos das Escolas Municipais (JEMS). O evento tem como objetivos incentivar a prática esportiva nas escolas, contribuir para a socialização entre alunos e professores e difundir valores olímpicos e paraolímpicos.

Os jogos foram divididos em duas etapas: a primeira foi classificatória e realizada em julho nos ginásios do Magnólia e Laginha, na qual oito escolas, somando um total de 2000 alunos, se destacaram em cada modalidade  e  avançaram para a fase final, que começa nesta sexta-feira e termina no próximo dia 30. Além dos esportes tradicionais este ano também haverá a volta de atividades importantes como o judô, natação e a apresentação do korfebol. Para a fase final também serão utilizados os espaços da Fábrica do Saber, Magnólia, Laginha e 32º Batalhão de Infantaria Motorizado.

O pré-projeto para a implantação de um Centro de Referência de Educação Inclusiva foi apresentado hoje (9/08) pela secretária de Educação, Mônica Freitas, ao Conselho Municipal dos Direitos da Pessoa Portadora de Deficiência de Petrópolis - CMDPPD. O encontro, realizado na Casa dos Conselhos, foi uma oportunidade dos representantes do grupo esclarecerem dúvidas. “Estamos aqui para que o conselho possa subsidiar projetos do tipo e agregar novas propostas. Queremos estabelecer parcerias entre o poder público e a sociedade civil em benefício de toda a população”, explicou a secretária.

O Centro de Referência vai atender os 180 alunos da Escola Municipal Paulo Freire - que atua com jovens com necessidades educativas especiais -, e do Atendimento Educacional Especializado - AEE na rede.O presidente do CMDPPD, Rodrigo Dias, destacou que a iniciativa do Governo Municipal em apresentar o pré-projeto mostra o estabelecimento do diálogo. “Principalmente porque o projeto ainda não está fechado e pode passar pelas adaptações necessárias. É uma demonstração de que, nesse governo, a parceria existe”, disse.

O prédio que abrigará o novo Centro de Referência já está sendo viabilizado, e nele deverá funcionar ainda toda a Coordenadoria de Educação Inclusiva. Além da Secretaria de Educação, o projeto deve envolver a Secretaria de Trabalho, Assistência Social e Cidadania – Setrac, Saúde, Esportes, Cultura e Turismo, assim como a CPTrans. “A proposta do governo é valorizar ainda mais a inclusão”, complementa a secretária.

O pré-projeto contempla oficinas de artesanato, realização de jogos interativos, música e teatro, além da realização de atividades como forma de expressão pessoal, comunicação e incentivo ao trabalho em equipe. As ações possibilitarão o desenvolvimento das potencialidades e competências, garantindo um maior equilíbrio emocional, fortalecendo a autoestima do aluno. 

A Prefeitura de Petrópolis, por meio das secretarias de Defesa Civil e Esportes e Lazer, participou, neste sábado (3/8), do 2° Torneio de Inverno das Comunidades, no ginásio do Petropolitano, no Valparaíso. O evento faz parte da campanha Inverno com mais Calor Humano, da Rádio Imperial, em parceria com o clube Petropolitano e a Prefeitura. Cerca de 300 jovens, com idades entre 11 e 16 anos, de 11 comunidades, participaram de um grande torneio de futebol, que começou às 10h e durou o dia inteiro, com direito a lanche e troféus.

No evento, realizado no ginásio do Petropolitano, no Valparaíso, foi promovida uma campanha de arrecadação de garrafas pets, que foram entregues à Defesa Civil, para a confecção de pluviômetros a serem distribuídos para as comunidades. As comunidades que conseguiram arrecadar mais garrafas ganharam troféus. Uma curiosidade: os próprios troféus foram confeccionados por garrafas pets, mostrando a versatilidade na reciclagem das embalagens.

A Secretaria de Esportes e Lazer prorrogou o período de inscrições da sociedade civil para concorrer às cadeiras no Conselho Municipal de Esportes e Lazer (CMEL). A pedido do prefeito Rubens Bomtempo, que quer garantir uma maior participação popular, o prazo foi estendido até o dia 16 de agosto. O I Fórum de Esportes e Lazer do Município de Petrópolis, também teve a data alterada para o dia 17 de agosto, no Theatro Dom Pedro, e terá como tema principal “O Futuro do Desporto Estudantil e Comunitário”. É neste evento que os membros do CMEL serão escolhidos.

“A ideia é aguardar o retorno das férias para reunir um maior número de participantes, incluindo a classe estudantil e pessoal ligado a Educação Física. Queremos retomar as atividades do CMEL que estava parado há algum tempo”, destaca o secretário de Esportes e Lazer, Renato Freixiela.

As inscrições podem ser feitas de segunda a sexta-feira, na sede da própria secretaria, e são recebidas de acordo com as especificidades de cada um dos segmentos elencados na Lei Municipal 6.378, de 15 de setembro de 2006, que criou o Conselho, mediante comprovação de “elegibilidade” através de apresentação de documentos. A lista das exigências para concorrer está disponível no próprio local de inscrição, podendo ser também solicitada pelo e-mail O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo. . A Secretaria de Esportes e Lazer fica localizada na Rua Moreira da Fonseca, 33 – Centro (ao lado da Câmara Municipal) e as inscrições podem ser feitas das 14h às 18h.

O Fórum de Esportes e Lazer também servirá para colher propostas dos diferentes segmentos envolvidos no debate da construção de políticas públicas voltadas para o setor (academias, empresas, universidades, associações de moradores etc), divididos por grupos de trabalho nas quatro coordenadorias que compõem a estrutura da SEL: desporto estudantil, comunitário, de rendimento e para pessoa portadora de deficiência.

Segunda, 01 Julho 2013 - 15:01

Estão abertas as inscrições para o CMEL

Estão abertas até o dia 5 de julho, de segunda a sexta-feira, as inscrições para a sociedade civil concorrer às cadeiras no Conselho Municipal de Esportes e Lazer (CMEL). A eleição dos novos conselheiros acontecerá durante a realização do I Fórum de Esportes e Lazer do Município de Petrópolis, que acontecerá no dia 13 de julho no Liceu Municipal Prefeito Cordolino Ambrósio (Campus I), das 8h às 17h, e que terá como tema central “O Futuro do Desporto Estudantil e Comunitário”.


As inscrições para o CMEL são recebidas de acordo com as especificidades de cada um dos segmentos elencados na Lei Municipal 6.378, de 15 de setembro de 2006, que criou o Conselho, mediante comprovação de “elegibilidade” através de apresentação de documentos. A lista das exigências para concorrer está disponível no próprio local de inscrição, podendo ser também solicitadas pelo e-mail O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo. . A Secretaria de Esportes e Lazer fica localizada na Rua Moreira da Fonseca, 33 – Centro (ao lado da Câmara Municipal) e as inscrições podem ser feitas das 14h às 18h.


O Fórum de Esportes e Lazer também servirá para colher propostas dos diferentes segmentos envolvidos no debate da construção de políticas públicas voltadas para o setor (academias, empresas, universidades, associações de moradores etc), divididos por grupos de trabalho nas quatro coordenadorias que compõem a estrutura da SEL: desporto estudantil, comunitário, de rendimento e para pessoa portadora de deficiência.


Duas palestras estão programadas: às 10 horas, “Projetos Esportivos Sociais X Grandes Eventos Esportivos – A discussão sobre o legado”, com o professor Luiz Carlos Michelotti Pinheiro e, logo em seguida, a palestra “Importância do esporte estudantil na construção da cidadania plena”, com o professor Cláudio Castro de Jesus. Para o Secretário de Esportes e Lazer, Renato Freixiela, o momento é de arregaçar as mangas e trabalhar pelo desenvolvimento do esporte e do lazer na cidade.


“Tenho plena convicção de que estamos trilhando o caminho certo. O governo municipal necessita da participação popular e os conselhos são o caminho para que essa colaboração mútua ocorra. É fundamental que toda a sociedade organizada discuta e auxilie na construção das políticas públicas. É isso só tem a nos auxiliar no processo de democratização e legitimização das decisões”, destaca o Secretário.