Cobea já viabilizou 92 adoções de cães e gatos no município neste ano

A 1ª edição da Primavera de Adoção, realizada pela Prefeitura por meio da Coordenadoria de Bem-Estar Animal, promoveu o acolhimento de cinco animais no último sábado (25), na Praça Dom Pedro II. A iniciativa contou com a parceria das entidades Dog’s Heaven, Irmão Animal, GAPA Itaipava e Alma Peluda, que ficaram responsáveis por disponibilizar cães e gatos castrados, vacinados e vermifugados no evento. A etapa faz parte das campanhas quinzenais realizadas pela Prefeitura de Petrópolis, através da Coordenadoria de Bem-estar Animal (Cobea). Ao todo,12 eventos já foram realizados, com 92 pets adotados.

“A cada edição vemos a população mais consciente. Estamos gerando adoções responsáveis. Os novos tutores são sempre orientados pelos profissionais da unidade sobre a importância da posse consciente e das condições e tempo para cuidar do animal", detalhou o governo interino, lembrando que o município busca permitir acolhimentos para pessoas que comprovem capacidade de possibilitar um lar em situação adequada para os bichinhos viverem.

Além das instituições citadas, a iniciativa também contou com apoio do Conselho Municipal de Proteção e Defesa dos Animais (COMUPA), Rospauth, Escola de Tosa Cintia Lima, Universidade Estácio de Sá e Vigilância Ambiental. Já a próxima edição da etapa será no próximo sábado (02), das 10h às 15h. Pela primeira vez, a Campanha de Adoção vai para os distritos e a Posse vai ser a estreante com a ação. Vale destacar que, em caso de chuvas, uma nova data poderá ser agendada.

“O sucesso das etapas realizadas no Centro nos fez enxergar a possibilidade de levar a campanha também para os distritos. Acreditamos que é uma forma de atingir um novo público e gerar novos lares para cães e gatos. O apoio das ONG’s tem sido de grande importância para conseguirmos atuar de forma mais eficiente”, afirmou a coordenadora de Bem-estar Animal.

Em caso de dúvidas, a Coordenadoria disponibiliza contatos por e-mail e telefone para esclarecimento da população.
Telefone: (24) 2291-1505
E-mail: O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo.

A nova diretoria da Associação de Moradores do Siméria foi recebida hoje (27.09) pelo governo interino, que deu boas notícias para os moradores: a partir da segunda quinzena de outubro começa o serviço de asfaltamento no bairro, sendo realizado nas ruas Presidente Sodré e Manoel Francisco de Paula, com extensão de 4 quilômetros.

“Vias importantes do Siméria serão asfaltadas. De forma gradual, vamos trabalhando para atender os pedidos que são feitos por melhorias em toda cidade”, explica o governo interino.

Os representantes da associação também fizeram algumas solicitações ao prefeito, como a inclusão do projeto Agita Petrópolis na região e a colocação de lâmpadas de led no bairro.

“É importante ouvir a representação das comunidades, pois assim fica mais fácil saber o que cada região está precisando do poder público. São as associações de moradores que concentram as demandas e estamos sempre prontos para ouvir e, sempre que possível, atender os pedidos”, disse a coordenadora especial de Articulação Institucional.

O novo presidente da Associação de Moradores do Siméria destacou a importância de estreitar o contato com o governo municipal. “A reunião de hoje foi muito proveitosa. O governo interino escuta a voz da população. Estou feliz por estar aqui e saber que o bairro vai ser atendido”.

Lideranças comunitárias visitaram atrativos da cidade com o objetivo de despertar o sentimento de pertencimento

Cerca de 80 lideranças comunitárias de Petrópolis participaram nesta segunda-feira (27/9) de um city tour por atrativos turísticos da cidade para celebrar o Dia Mundial do Turismo, comemorado nesta data. A iniciativa é da Prefeitura de Petrópolis - por meio da Secretaria de Turismo, da Coordenadoria de Relações Institucionais, Instituto Municipal de Cultura (IMC) e da Comdep - e teve por objetivo possibilitar aos petropolitanos o conhecimento da riqueza dos atrativos turísticos e o sentimento de pertencimento sobre estes.

"É importante sensibilizar e envolver as comunidades, mostrar toda a riqueza histórica e cultural de Petrópolis. Todo este patrimônio atrai petropolitanos e turistas, movimentando a economia e garantindo emprego e renda", destaca o governo interino.

O city tour foi divido em duas etapas: as primeiras 40 lideranças saíram do Museu Imperial às 8h15 da manhã, e visitaram o Museu Casa de Santos Dumont, o Museu Casa do Colono, Museu de Cera de Petrópolis e o Parque Cremerie, local onde foi oferecido um lanche aos participantes. Na parte da tarde, a partir das 13h, outro grupo com mais 40 lideranças percorreu o mesmo circuito.

"Essa foi uma ação integrada do governo, inclusive com a participação dos atrativos turísticos da rede privada, quando buscamos levar a conhecimento das comunidades um pouco do que cadeia produtiva do turismo representa para Petrópolis. Além disso, uma ação que buscou fazer com todos se sintam inseridos como parte integrante desta família", disse o secretário da Turispetro.

Para a Coordenadora Especial de Articulação Institucional da Prefeitura foi um dia muito especial para as lideranças comunitárias de Petrópolis. "São pessoas que trabalham diuturnamente pelos seus respectivos bairros e acabam não olhando para si mesmos. Hoje eles tiveram um momento único, onde puderam esquecer os problemas do dia a dia e aproveitar os nossos atrativos, tendo uma sensação de pertencimento da cidade e de seu patrimônio. O turismo é para eles também", destacou a secretária, ressaltando a felicidade de alguns em andar pela primeira vez e de forma gratuita no pedalinho do Parque Cremerie.

"Me senti muito feliz hoje quando entrei no Museu Casa de Santos Dumont. Agradeço muito a Prefeitura por ter nos dados essa oportunidade", disse Viviane Marques, líder comunitária do bairro Duarte da Silveira. A opinião foi parecida com a de Cláudia Ramos, que veio do Córrego Grande, no quinto distrito, para participar do city tour. "Fiquei encantada com a visita ao Museu de Cera. Era um sonho antigo. Foi de fato uma emoção indescritível", completou.

Todos os participantes foram orientados sobre o uso de máscaras e receberam álcool gel para uso durante o passeio. O city tour teve o apoio de parceiros da iniciativa privada, incluindo a Turp Transportes, a Associação dos Guias de Turismo de Petrópolis (AGP) e de outros guias que acompanharam o city tour.


A taxa de ocupação de leitos para pacientes com covid-19 no Sistema Único de Saúde está, nesta segunda (27/09), em 18% em leitos clínicos e 28,79% em UTIs. Levando em conta toda a rede de saúde da cidade, incluindo hospitais públicos e privados, são 107 pacientes internados, sendo 48 em UTIs e 59 em leitos clínicos. Dois óbitos foram incluídos na base de dados da Secretaria de Saúde nesta segunda-feira.

Até agora foram realizados no município 196.917 testes para Covid-19, com 48.267 resultados positivos e 148.328, negativos (levando em consideração testes rápidos e Swab).

A Secretaria de Saúde esclarece que o número de óbitos, hoje em 1.512 é atualizado nos boletins apenas após o registro do atestado de óbito e do resultado do exame do paciente no sistema da Vigilância Epidemiológica, o que é feito por equipe administrativa. Trata-se de medida de segurança para evitar erro na informação divulgada pela Secretaria de Saúde.

A Secretaria acrescenta, ainda, que trabalha na atualização de dados de notificações e casos em análise no sistema, inserindo ainda dados pendentes de meses anteriores. É possível acompanhar a evolução dos casos no portal da transparência do coronavírus, no site da Prefeitura (www.petropolis.rj.gov.br).

Óbitos:

1 - Homem, 89 anos, morador do Duarte da Silveira. Internado em 16.09.21 na UPA Itaipava. Óbito registrado em 18.09.21 no HNSA. Paciente com doença cardiovascular crônica.

2 – Homem, 73 anos, morador da Castelânea. Internado em 14.09.21 na UPA Cascatinha. Óbito registrado em 25.09.21 no HAC. Paciente com doença cardiovascular crônica, diabetes, asma e pneumopatia crônica.

Teste antígeno será feito por equipes que atuam em UBSs e PSFs

O governo interino e o secretário de Saúde, anunciaram o Testa Petrópolis, programa de busca ativa por pacientes com sintomas de covid-19, com testagem rápida, feita por equipes de unidades com Estratégia de Saúde da Família - UBSs e PSFs. O teste antígeno permite a detecção do novo coronavírus desde os primeiros dias de infecção e tem resultado liberado em 15 minutos. Paralelo à vacinação, o Testa Petrópolis vem somar com as ações para melhor controle da pandemia de covid-19 na cidade. A testagem está sendo realizada em áreas atendidas por equipes que compõem unidades de saúde dos bairros em pacientes com sintomas respiratórios.

“Temos hoje uma situação mais estável em relação à covid-19, tanto em relação à demanda por atendimentos, quanto nas internações, que se mantém em níveis baixos. A vacinação está avançando em diferentes frentes, seguimos com a imunização de adolescentes, com a aplicação e doses de reforço nos idosos e todos os demais públicos, mas a pandemia ainda não acabou. Este tipo de testagem, feita praticamente em casa, é importante para o melhor controle da pandemia”, destaca o governo interino.
 
Nas unidades, onde a testagem está sendo implementada gradativamente, o trabalho de identificação dos pacientes para a aplicação de teste pode ser feito tanto durante as consultas, quanto durante os atendimentos domiciliares de rotina para acompanhamento dos pacientes.
 
“Ao perceber que o morador apresenta algum sintoma respiratório, as equipes de saúde aplicam do teste. Em caso de resultado positivo o paciente já recebe todas as orientações necessárias, como a necessidade de isolamento para evitar a contaminação de outras pessoas, além de ter os dados enviados para a central de monitoramento. A intenção ao fazermos esta testagem nas UBSs e PSFs é reduzir a circulação da doença, uma vez que a pessoa já recebe o diagnóstico em casa”, explica o secretário de Saúde.
 
Equipes que atuam nas unidades com Estratégia de Saúde da Família já passaram por treinamento com a Vigilância Epidemiológica para atualização sobre a coleta de materiais para o exame antígeno. Os exames serão realizados com 9.500 testes rápidos enviados ao município pela Secretaria de Estado de Saúde.
 
Nesta segunda (27/09) Petrópolis tem 107 pacientes internados, sendo 48 em UTIs e 59 em leitos clínicos, 28,79% e 18% respectivamente. O município tinha 196.917 testes realizados, com 48.267 casos confirmados de covid-19. Dados da Vigilância Epidemiológica apontam que o município tem 45,875 recuperados e contabiliza 1.512 mortes em função de covid-19.

O governo municipal acompanhou os atendimentos na unidade no último sábado (25)

Consulta multidisciplinar com médico, enfermeiro, dentista e psicólogo, realização de testes rápidos de hepatites B e C, HIV e sífilis, atualização do cartão vacinal do homem, orientações sobre planejamento familiar e saúde do trabalhador, além de aferição de pressão arterial e glicose, e verificação de peso e altura para cálculo do IMC. Esses foram os serviços oferecidos ao público masculino na UBS Independência no último sábado (25), na Ação em Saúde do Homem.

O governo interino acompanhou os atendimentos ao público na unidade. “É muito bacana acompanhar de perto os homens buscando consultas e atendimentos em ações como essa. Queremos acabar com os preconceitos culturais que muitos homens têm e mostrar a importância do cuidado integral com a saúde. Com os atendimentos sendo realizados perto da residência deles, incentivamos esse auto cuidado”, disse ele, lembrando que a UBS Independência tem equipe com médico, enfermeiro, pediatra, psicólogo, fisioterapeuta, educadora física, fonoaudiologia e dentistas.

A Ação em Saúde do Homem foi uma realização da Prefeitura de Petrópolis, por meio das Áreas Técnicas da Saúde do Homem, Gabinete da Cidadania e Casa do Trabalhador. O Secretário de Saúde também esteve presente na ação e ressaltou a necessidade da ação. "A mulher tem um cuidado maior com a saúde do que o homem. Esta ação é importante porque chama atenção para esta necessidade, busca conscientizar os homens de que eles também precisam de acompanhamento médico. Parabéns a todos envolvidos pelos atendimentos e consultas oferecidas. Já estamos recebendo pedidos de outras unidades de saúde do município para levar a ação para outros locais da cidade”.

Atendimento pela internet facilita o agendamento de consultas

A UBS Independência é uma das nove unidades de Saúde de Petrópolis que disponibilizam o agendamento de consultas pelo sistema Consulta Fácil. O serviço oferecido pela Prefeitura de Petrópolis, através da Secretaria de Saúde, tem o objetivo de facilitar o acesso da população aos serviços de Saúde, para marcação de consultas em oito UBSs e no Centro de Saúde do Itamarati, de clínico geral e pediatria.

A coordenadora da UBS Independência conta como está sendo a adaptação à Consulta Fácil. “Antes, com as consultas sendo marcadas presencialmente, as pessoas ficavam na fila, já a partir da madrugada, esperando para marcar uma consulta. O Consulta Fácil facilita muito a vida das pessoas porque hoje elas conseguem marcar os médicos de casa. Não temos mais filas na porta da unidade”, conta ela, explicando que a unidade ainda mantém uma cota de vagas reservadas para pessoas que não têm acesso à internet.

Para marcar a consulta médica em uma das UBS pelo Consulta Fácil, basta acessar o site da prefeitura (www.petropolis.rj.gov.br) e clicar no banner “Consulta Fácil”, inserir seus dados e fazer o agendamento. Após a realizar a marcação da consulta, os usuários recebem por mensagens (via WhatsApp da Saúde) informações sobre seus pedidos de agendamentos para exames e consultas com especialistas na rede SUS. Além disso, caso o usuário não possa comparecer para a consulta na data marcada, ele pode fazer de forma remota o cancelamento do agendamento.

Pela primeira vez, nos últimos quatro anos, todas as estradas vicinais do Brejal e do Taquaril passam pela recuperação.

O governo municipal concluiu na última semana a recuperação de mais de 100 quilômetros de estradas vicinais na zona rural do distrito da Posse, Brejal e Taquaril. O trabalho vem sendo realizado desde o início do ano pela secretaria de Obras, que se reuniu com o Comitê de Estradas do Brejal para estabelecer o calendário organizado de serviços de melhoria do acesso dos moradores e produtores, bem como o escoamento da produção.

“Foi uma intervenção importante, que não acontecia, de forma tão extensa há muitos anos. Era um anseio de produtores rurais e moradores do Brejal e Taquaril. Nos reunimos com o comitê semanalmente para que essa intervenção atendesse às demandas da comunidade, dando prioridade aos trabalhos emergenciais. Claro que o trabalho continua, mas agora é uma ação de manutenção do já foi feito até agora”, ressaltou o governo interino, que vistoriou as ações de recuperação na região.

Neste momento, a secretaria de Obras executa o trabalho de revisão da Estrada dos Albertos. “Essa foi uma das primeiras estradas em que executamos o trabalho de recuperação, no início do ano. E é normal que aconteça agora a revisão. Esse trabalho será feito em todas as estradas de forma contínua”, informou o secretário de Obras, que informa ainda que será feito um trabalho semelhante ao realizado no Brejal entre os bairros Fazenda Inglesa e Secretário.

Mais de 100km de estradas recuperadas

No Brejal, o trabalho aconteceu nas estradas: Santa Matilde (5km); Albertos (8km); Quisséis (4km); Cachoeirinha (4km); Santa Maria (5km); Avelino de Carvalho (500m); Targinos (4km); Arnaldo Dyckerhoff (6km); Caboclos (2km); Sossego (1km); Rio Bonito (5km); Xingú (11km); Contrões (8km); Pilatos (3km); e Cruzeiro (8km). Além do Taquaril, o trabalho incluiu ainda o Paiolinho e trechos da Granja Cláudia e Mata Cavalos.

As ações na região contaram com serviços de drenagem em trechos como o acesso à Escola Avelino de Carvalho, além do nivelamento e remoção de lixo verde das laterais das estradas. “A equipe realizou ainda reparos em caixas de drenagem, além de substituição de manilhas quebradas”, informa o engenheiro da secretaria de Obras, Vitor Augusto Kreischer, que lembra ainda que as intervenções incluíram o trabalho de roçada.

Segundo o secretário de Obras, no Brejal, foram, ao todo, 86 quilômetros de vias recuperadas. “São dezesseis estradas, que ajudam a escoar a produção local. O trabalho, no entanto, também incluiu outras estradas da região, como a Taquaril”, esclarece.