Iniciativa busca estimular a adesão do homem aos cuidados de rotina com a saúde

Incentivar o homem a cuidar da própria saúde. Esse é o objetivo do pré-natal do parceiro, atendimento que busca estimular a adesão do público masculino aos cuidados de rotina com a saúde. O Pré-Natal do Parceiro envolve o homem em todo o processo de planejamento reprodutivo, gestação, parto, puerpério e desenvolvimento da criança, integrando-o nos cuidados com a saúde, para que ele divida com a mãe a responsabilidade pelos cuidados com o filho. O atendimento é oferecido pela Prefeitura de Petrópolis, em todas as unidades de saúde do município.

Marlon Gomes, de 23 anos, viu seu filho Erick nascer há 27 dias. Ele fala sobre a importância do acompanhamento: "Foi uma boa experiência. Aprendi muitas coisas e vi que realmente é muito importante o parceiro fazer o pré natal. Fiquei surpreso em saber que existia pré-natal para o parceiro".

“Ressaltamos a importância do pré-natal do parceiro em utilizar a estratégia como importante porta de entrada do SUS para a população masculina. Ao acompanharem a mulher na consulta do pré-natal, os homens são abordados por profissionais de saúde qualificados para realização de consultas, exames de rotina, testes rápidos, aferição de pressão arterial, verificação das medidas antropométricas, atualização do cartão de vacina e participação nas atividades educativas, além do incentivo a participar do parto e dos cuidados com a criança”, explica o secretário de Saúde.

A coordenadora das Áreas Técnicas da Saúde do Homem explica a importância da realização do atendimento: “A participação em todo o processo de gestação, parto, pós-parto e cuidados com a criança, sendo o pai biológico ou não, pode trazer benefícios para a mulher, a criança e ao próprio pai. Através do pré-natal do parceiro ele passa a ter o melhor acesso para cuidar da própria saúde. Queremos acabar com os preconceitos culturais do gênero masculino e mostrar a importância do cuidado com a saúde”.

Criada em 2016, a estratégia do pré-natal do parceiro aborda importantes questões relacionadas à saúde masculina. A valorização da paternidade busca aproximar o homem das atividades como pai. O planejamento familiar oferece assistência especializada e apresenta os recursos que permitem a escolha de ter ou não ter filhos, o número, o espaçamento entre eles e a escolha do método contraceptivo adequado quando for necessário. Além disso, são disponibilizados testes rápidos contra hepatites e Infecções Sexualmente Transmissíveis (IST).

A nova versão da caderneta da gestante oferecida pelo Ministério da Saúde possui um espaço destinado ao pré-natal do parceiro. Nele pode ser preenchido o nome, idade, peso, altura, vacinas aplicadas, odontograma, tratamento para sífilis e resultado de exames realizados pelo pai ou parceiro. Os profissionais da rede de saúde recebem orientações sobre o pré-natal do parceiro e assuntos relacionados.


Segunda, 20 Setembro 2021 10:33

Boletim Epidemiológico – 19/09/21 (domingo)

A taxa de ocupação de leitos para pacientes com covid-19 no Sistema Único de Saúde está, neste domingo (19/09), em 34% em leitos clínicos e 31,82% em UTIs. Levando em conta toda a rede de saúde da cidade, incluindo hospitais públicos e privados, são 105 pacientes internados, sendo 52 em UTIs e 53 em leitos clínicos. 

Até agora foram realizados no município 194.208 testes para Covid-19, com 47.461 resultados positivos e 145.887 negativos (levando em consideração testes rápidos e Swab).

A Secretaria de Saúde esclarece que o número de óbitos, hoje em 1.501 é atualizado nos boletins apenas após o registro do atestado de óbito e do resultado do exame do paciente no sistema da Vigilância Epidemiológica, o que é feito por equipe administrativa. Trata-se de medida de segurança para evitar erro na informação divulgada pela Secretaria de Saúde.

A Secretaria acrescenta, ainda, que trabalha na atualização de dados de notificações e casos em análise no sistema, inserindo ainda dados pendentes de meses anteriores. É possível acompanhar a evolução dos casos no portal da transparência do coronavírus, no site da Prefeitura (www.petropolis.rj.gov.br)

Segunda, 20 Setembro 2021 10:32

Boletim vacinação – 18/09/2021 (sábado)

As equipes de enfermagem, sob coordenação do departamento de Vigilância em Saúde, deram sequência no sábado(19/09) a vacinação contra a covid-19. Durante todo o dia, 1.173 pessoas foram vacinadas na cidade. Destas 338 receberam a primeira dose, 797 receberam a segunda dose e 38 receberam a dose de reforço. Até o momento 217.565 pessoas receberam a primeira dose, 114.564 receberam a segunda dose, 6.805 receberam a dose única e 941 idosos institucionalizados maiores de 70 anos, idosos com mais de 90 anos, e pacientes imunossuprimidos receberam a dose de reforço do imunizante. Por conta da logística de informações para fechamento dos dados o boletim da vacinação passou a ser divulgado na parte da manhã.

Nos pontos de imunização 24 idosos foram vacinados, sendo nove com a primeira dose e 15 com a segunda dose. Receberam a dose de reforço também 19 idosos institucionalizados e 19 pacientes imunossuprimidos.

A primeira dose da vacina foi aplicada ainda em 324 pessoas com idade entre 18 e 59 anos sem comorbidades. Na faixa etária abaixo de 59 anos, 309 pessoas também receberam a segunda dose.

Foram vacinadas ainda com a segunda dose, 50 pessoas com comorbidades.

Equipes vacinaram ainda 15 gestantes. Destas, três receberam a primeira dose e 12 receberam a segunda dose. Além destas,72 puérperas foram vacinadas com a segunda dose.

Também foram vacinados com a segunda dose sete profissionais de Saúde,seis profissionais de Educação e 323 trabalhadores do setor se transportes.

A vacinação contra a covid-19 segue na segunda-feira em 13 pontos distribuídos nos cinco distritos.

Em caso de dúvidas é possível utilizar o Whatsapp da Saúde - assistente virtual que fornece informações sobre a vacinação, locais de atendimento a pacientes com sintomas da doença e boletins. O atendimento está disponível pelo número (24) 9.9200-1428

Segunda, 20 Setembro 2021 10:31

Boletim Epidemiológico – 18/09/21 (sábado)

A taxa de ocupação de leitos para pacientes com covid-19 no Sistema Único de Saúde está, neste sábado (18/09), em 24% em leitos clínicos e 33,33% em UTIs. Levando em conta toda a rede de saúde da cidade, incluindo hospitais públicos e privados, são 101 pacientes internados, sendo 53 em UTIs e 48 em leitos clínicos.

Até agora foram realizados no município 194.208 testes para Covid-19, com 47.461 resultados positivos e 145.887 negativos (levando em consideração testes rápidos e Swab).

A Secretaria de Saúde esclarece que o número de óbitos, hoje em 1.501 é atualizado nos boletins apenas após o registro do atestado de óbito e do resultado do exame do paciente no sistema da Vigilância Epidemiológica, o que é feito por equipe administrativa. Trata-se de medida de segurança para evitar erro na informação divulgada pela Secretaria de Saúde.

A Secretaria acrescenta, ainda, que trabalha na atualização de dados de notificações e casos em análise no sistema, inserindo ainda dados pendentes de meses anteriores. É possível acompanhar a evolução dos casos no portal da transparência do coronavírus, no site da Prefeitura (www.petropolis.rj.gov.br).

Adolescentes que tinham feito o agendamento para quinta ou sexta-feira (16 ou 17/09) e não tomaram a vacina podem comparecer ao posto de vacinação na segunda-feira

Novas vagas para cadastramento deste público serão abertas neste domingo (19/09)

O governo municipal e o secretário municipal de Saúde anunciaram que a cidade vai retomar a vacinação de adolescentes de 12 a 17 anos sem comorbidades a partir da próxima segunda-feira (20/09). A decisão tem como base pronunciamento da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), além de deliberação do Conselho Nacional de Secretarias Municipais de Saúde (CONASEMS) e posicionamento de órgãos técnicos da área de saúde nacionais e estaduais, que recomendam a vacinação de adolescentes em municípios que já alcançaram 90% da população adulta vacinada, como é o caso de Petrópolis.

Na cidade, adolescentes que fizeram o agendamento para quinta ou sexta-feira e que ainda não tomaram a vacina podem comparecer ao local agendado na segunda-feira (20/09). Para isso, basta apresentar o comprovante do agendamento (print da tela do agendamento, com o CPF e a data), além de documento pessoal e caderneta de vacinação. A Prefeitura também vai abrir neste domingo (19/09) novas vagas para cadastramento deste público. O cadastramento deve ser feito no site da Prefeitura, o www.petropolis.rj.gov.br.

O governo municipal lembrou que, neste momento, Petrópolis tem 92% do público maior de 18 anos vacinado, com 49% destes já com o ciclo de imunização completo, com segunda dose ou dose única. "Suspendemos temporariamente a vacinação nesta sexta-feira (17), a fim de aguardar as orientações dos órgãos competentes. Com o pronunciamento da Anvisa e a ratificação das orientações anteriores, dadas pelos órgãos técnicos nacionais e estaduais, entendemos que há segurança para manter a vacinação de adolescentes. Seguiremos trabalhando de maneira organizada, garantindo a ampliação da vacinação de forma responsável, de acordo com a chegada de doses", detalhou.

O secretário de Saúde lembrou que os outros públicos também seguem sendo atendidos. “Seguimos vacinando pessoas com mais de 18 anos com ou sem comorbidades e adolescentes com comorbidades. Além disso, estamos aplicando normalmente a segunda dose e também a dose de reforço em idosos (a partir de segunda-feira naqueles que têm a partir de 80 anos) e em pacientes imunossuprimidos, o que significa que estamos dentro dos parâmetros apontados pela Organização Mundial de Saúde”, frisou, lembrando que a Secretaria de Saúde se preparou para vacinar neste momento os adolescentes sem comorbidades, começando por aqueles com 17 anos. “Mas é importante deixar claro que a ampliação da campanha depende da entrega de doses da vacina”, lembrou.

“Com um controle rigoroso e planejamento feito pela Divisão de Imunização durante toda a campanha de vacinação, temos hoje vacinas disponíveis para atender os adolescentes e em paralelo continuamos vacinando todos os demais públicos. O uso da vacina Pfizer em adolescentes tem a aprovação da Anvisa. Todos os esforços estão sendo feitos para que todos sejam imunizados na cidade o quanto antes. As vacinas são seguras e já está comprovado que salvam vidas”, enfatiza o secretário de Saúde.

Fique atento:

- Adolescentes com 17 anos que estavam agendados para a vacina na quinta ou na sexta-feira (16 ou 17/09) e não receberam a dose não precisam fazer novo cadastramento. Basta comparecer ao posto de vacinação onde foi agendado na segunda-feira (20/09) com comprovante do agendamento, documento com foto, CPF e cartão de vacinação.

- Adolescentes com 17 anos que ainda não agendaram a vacina devem acessar o site da Prefeitura (www.petropolis.rj.gov.br) a partir deste domingo (19/09) e fazer o agendamento.


As equipes de enfermagem, sob coordenação do departamento de Vigilância em Saúde, deram sequência na sexta (17/09) a vacinação contra a covid-19. Durante todo o dia, 1.267 pessoas foram vacinadas na cidade. Destas 230 receberam a primeira dose, 966 receberam a segunda dose e 71 receberam a dose de reforço. Até o momento 217.227 pessoas receberam a primeira dose, 113.767 receberam a segunda dose, 6.805 receberam a dose única e 903 idosos institucionalizados maiores de 70 anos, idosos com mais de 90 anos, e pacientes imunossuprimidos receberam a dose de reforço do imunizante. Por conta da logística de informações para fechamento dos dados o boletim da vacinação passou a ser divulgado na parte da manhã.

Nos pontos de imunização 27 idosos foram vacinados, sendo cinco com a primeira dose e 22 com a segunda dose. Receberam a dose de reforço também 18 idosos institucionalizados.
A primeira dose da vacina foi aplicada ainda em 219 pessoas com idade entre 18 e 59 anos sem comorbidades. Na faixa etária abaixo de 59 anos, 504 pessoas também receberam a segunda dose.

Foram vacinadas ainda com a segunda dose, 106 pessoas com comorbidades e um deficiente. Também receberam a primeira dose quatro adolescentes com comorbidades.

Equipes vacinaram ainda sete gestantes. Destas, duas receberam a primeira dose e cinco receberam a segunda dose. Além destas, 92 puérperas foram vacinadas com a segunda dose.
Também foram vacinados com a segunda dose 125 profissionais de Saúde, 46 profissionais de Educação, 62 trabalhadores do setor se transportes e três integrantes de Forças de Segurança.

A vacinação contra a covid-19 segue neste sábado (18.09) em pontos distribuídos nos cinco distritos.

Em caso de dúvidas é possível utilizar o Whatsapp da Saúde - assistente virtual que fornece informações sobre a vacinação, locais de atendimento a pacientes com sintomas da doença e boletins. O atendimento está disponível pelo número (24) 9.9200-1428

A prefeitura, através do Instituto Municipal de Cultura (IMC), juntamente com a comissão formada pelo Segmento de Culturas Afro-brasileira, quilombolas e matrizes africanas, COMPIR, COPIR, MNU e representantes da Câmara do Vereadores, prorrogou o prazo para entrega de projetos artísticos e culturais que serão apresentados na Semana da Consciência Negra – que acontecerá entre os dias 17 e 21 de novembro. Os interessados podem entregar sua proposta no Centro de Cultura Raul de Leoni, que fica na Praça Visconde de Mauá, 305, no Centro Histórico ou por e-mail ( O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo. ), até a próxima quarta-feira (22/09) às 17h.

Segunda, 20 Setembro 2021 10:23

Boletim Epidemiológico – 17/09/21 (Sexta)

A taxa de ocupação de leitos para pacientes com covid-19 no Sistema Único de Saúde está, nesta sexta-feira (17/09), em 24% em leitos clínicos e 36,36% em UTIs. Levando em conta toda a rede de saúde da cidade, incluindo hospitais públicos e privados, são 100 pacientes internados, sendo 55 em UTIs e 45 em leitos clínicos. Dez óbitos foram confirmados em incluídos na base de dados da Secretaria de Saúde hoje.

Até agora foram realizados no município 193.846 testes para Covid-19, com 47.397 resultados positivos e 145.697 negativos (levando em consideração testes rápidos e Swab).

A Secretaria de Saúde esclarece que o número de óbitos, hoje em 1.501 é atualizado nos boletins apenas após o registro do atestado de óbito e do resultado do exame do paciente no sistema da Vigilância Epidemiológica, o que é feito por equipe administrativa. Trata-se de medida de segurança para evitar erro na informação divulgada pela Secretaria de Saúde.

A Secretaria acrescenta, ainda, que trabalha na atualização de dados de notificações e casos em análise no sistema, inserindo ainda dados pendentes de meses anteriores. É possível acompanhar a evolução dos casos no portal da transparência do coronavírus, no site da Prefeitura (www.petropolis.rj.gov.br).

Óbitos:

1 – Mulher, 88 anos, moradora de Cascatinha. Internada em 25.11.20 no Hospital do Coração em Duque de Caxias (fora do município). Óbito registrado em 01.12.20 no Hospital do Coração em Duque de Caxias. Paciente com hipertensão arterial e doença renal crônica.

2 – Mulher, 69 anos, moradora de Araras. Internada em 08.06.21 no Hospital Municipal Luiz Gonzaga (fora do município). Óbito registado em 27.06.21 no Hospital Municipal Luiz Gonzaga.

3 – Mulher, 79 anos, moradora do Independência. Internada em 18.078.21 no Hospital São Vicente de Paulo (fora do município). Óbito registrado em 18.07.21 no Hospital São Vicente de Paulo. Paciente com doença cardiovascular crônica.

4 – Homem, 90 anos, morador de Itaipava. Internado em 06.09.21 na UPA Cascatinha. Óbito registrado em 10.09.21 no HNSA. Paciente com hipertensão arterial.

5- Homem, 94 anos, morador do Bingen. Internado em 10.09.21 na UPA Cascatinha. Óbito registrado em 13.09.21 no HNSA. Paciente com hipertensão arterial.

6 – Homem, 59 anos, morador do Alto da Serra. Internado em 05.09.21 na UPA Cascatinha. Óbito registrado em 13.09.21 no HNSA.

7- Mulher, 55 anos, moradora do Valparaíso. Internada em 08.09.21 na UPA Cascatinha. Óbito registrado em 15.09.21 no HNSA.

8 – Mulher, 83 anos, moradora do Quitandinha. Internada em 08.09.21 na UPSA Cascatinha. Óbito registrado em 15.09.21 no HNSA. Paciente com doença cardiovascular crônica, diabetes e obesidade.

9 – Homem, 79 anos, morador do Centenário. Internado em 09.09.21 no Hospital Unimed. Óbito registrado em 15.09.21 no Hospital Unimed. Paciente com doença cardiovascular crônica.

10 – Mulher, 82 anos, moradora da Mosela. Internada em 15.08.21 na UPA Cascatinha. Óbito registrado em 16.09.21 no SMH. Paciente com doença cardiovascular crônica e hipotireoidismo.

O evento, que conta com apoio da CPTrans, será transmitido ao vivo no Youtube da OAB.

Neste sábado (18), a partir das 10h, a Ordem dos Advogados do Brasil - OAB/Petrópolis promove a palestra “Direito de Trânsito sob a Ótica do Defensor de Condutores”. O evento gratuito, que conta com apoio da Companhia Petropolitana de Trânsito e Transportes - CPTrans, será transmitido ao vivo pela internet. Entre os temas: as mudanças na legislação de trânsito e as novas regras para perda de pontuação na Carteira Nacional de Habilitação.

“Percebemos uma demanda grande de condutores que têm dúvidas sobre as mudanças na nossa legislação de trânsito e como isso acaba afetando os direitos de quem dirige. Um reflexo disso é que, assim que abrimos o evento na forma presencial para o público em geral, rapidamente as vagas - que eram bastante limitadas para atender aos protocolos de proteção à vida no enfrentamento à Covid-19 - acabaram se esgotando muito rápido. Por isso, decidimos abrir esse evento de forma online, através do canal no Youtube da OAB/Petrópolis, para todas as pessoas que queiram participar e aprender mais sobre o tema”, ressalta a presidente da Comissão de Trânsito e Transportes da OAB/Petrópolis, Renata Quintela Riggo, que é advogada especialista em direito no trânsito.

Para conduzir o debate, o convidado para é o advogado especialista em direito de trânsito, com foco na defesa dos condutores, Vagner Oliveira. Ele é autor dos livros Coletânea de Jurisprudências de Direito de Trânsito e Infrações de Trânsito sob a Ótica do Defensor de condutores, além de colunista e criador do blog academiadodireitodetransito.com e da revista digital Trânsito e Direito. “É a primeira vez que temos um palestrante para falar exclusivamente sobre defesa do condutor. O que é muito importante neste momento em que ocorreu mudanças significativas na legislação de trânsito, que impôs novas regras para a pontuação na CNH, sobre os exames toxicológicos. Ele vem do Paraná e tem doutrina no direito de trânsito”, destaca a presidente da Comissão de Trânsito e Transportes da OAB/Petrópolis.

Entre os participantes do evento estão julgadores dos recursos de multas que atuam na CPTrans. “São muitas as mudanças na legislação de trânsito nos últimos anos, por isso a capacitação é fundamental. Recentemente tivemos um curso com a Guarda Municipal do Rio, também sobre legislação de trânsito, que capacitou nossos agentes de trânsito em Petrópolis, bem como os Guardas Civis da cidade”, pontuou o diretor-presidente da CPTrans.


Com a parceria serão criadas 40 vagas de Jovem Aprendiz na companhia

O governo interino assinou na manhã desta sexta-feira (17.09) o Termo de Cooperação entre o Tribunal de Justiça e a Comdep, que vai gerar 40 vagas de Jovem Aprendiz para meninos e meninas de 14 a 24 anos. Os jovens serão indicados pela Vara da Infância, da Juventude e do Idoso da Comarca de Petrópolis. Os contratados farão cursos de capacitação no Senai. A cerimônia foi realizada na sede da Fundação Educandário Princesa Isabel, no bairro Alto da Serra.

Além do prefeito assinaram o documento o presidente do TJRJ, desembargador Henrique Carlos de Andrade Figueira, o juiz em exercício da Vara da Infância, da Juventude e do Idoso, José Cláudio de Macedo Fernandes e o presidente da Comdep. 

As vagas serão preferencialmente direcionadas a quem cumpre medida socioeducativa, acolhimento institucional e outras medidas protetivas, em situação de vulnerabilidade social ou baixa renda, além dos filhos de funcionários da Comdep que também vão participar desse processo. O acordo também viabiliza o atendimento dos dispositivos inseridos na Lei 10.097/2000 que regulamenta a contratação de jovens aprendizes.

“Podemos contribuir bastante neste processo. Queremos dar oportunidades, apoiar e ensinar a esses jovens um ofício. Esta união vai permitir um importante mecanismo de auxílio, que pode contribuir para saiam daqui com um emprego. Temos que acreditar no potencial de cada um. Muitas vezes é desta confiança, desta orientação que precisam", afirmou o governo interino.

“O Poder Judiciário precisa estar efetivamente imbuído de contribuir no âmbito social. Estamos trabalhando para encurtar a dívida que temos com as camadas mais desfavorecidas. Essa iniciativa hoje se deve também ao esforço do Tribunal, que soube contribuir, participar desse instrumento para efetivação dessa medida”, destacou o desembargador e presidente do TJ, Henrique Carlos de Andrade Figueira.

O juiz auxiliar do TJ, Alexandre Teixeira, apontou que o convênio assinado será replicado para comarcas do interior do Estado. “Essa ação garante o desenvolvimento de muitos jovens que só precisam de um auxílio. Estou muito satisfeito e agradeço a todos os nossos colaboradores”.

O presidente da Comdep corroborou que os filhos de funcionários da empresa serão beneficiados com essa ação. “Esse será mais um processo de motivação, tenho certeza que os filhos de muitos funcionários terão uma ótima oportunidade de crescimento”.

O governo municipal e o secretário de Saúde anunciaram mais uma etapa da campanha de vacinação contra a covid-19 no município: idosos a partir dos 80 anos começam a receber a dose de reforço na próxima segunda-feira (20/09). Não é preciso se cadastrar, mas é importante estar atento à caderneta de vacinação, já que a dose de reforço só pode ser aplicada seis meses depois da segunda dose ou da vacina em dose única. Para receber a dose, basta que o idoso retorne ao ponto de vacinação onde recebeu as doses anteriores – Parque Municipal em Itaipava ou Campus da UCP Benjamin Constant, portando documentos e a caderneta de vacinação.

A aplicação da dose de reforço em idosos faz parte do Plano Nacional de Operacionalização de Imunização contra a covid-19 e prevê a aplicação de mais uma dose do imunizante em pessoas com mais de 70 anos. Em Petrópolis, a aplicação está sendo feita de forma escalonada por faixas etárias, a exemplo do que foi feito na aplicação da primeira dose.

“Até quinta-feira, 832 pessoas já tinham recebido a dose de reforço, que é indicada para idosos e pessoas com a baixa imunidade (imunossuprimidos). A ampliação do reforço para pessoas com 80 anos é mais um passo dentro da campanha para que os petropolitanos estejam protegidos contra a covid-19”, destaca o governo interino, lembrando que, após a vacinação do público a partir dos 80 anos, o município vai convocar também aqueles com mais de 70 anos.

Na cidade, a dose de reforço começou a ser feita no dia 1º de setembro, inicialmente apenas em idosos que vivem em Instituições de Longa Permanência (ILPIs). No dia 13, o município iniciou a vacinação em idosos com mais de 90 anos. Equipes também iniciaram esta semana a aplicação do reforço em idosos acamados. Em paralelo, as equipes de imunização estão vacinando também pacientes imunossuprimidos – pessoas que tem doenças que provocam baixa na imunidade. Estes últimos, no entanto, por serem em maior número (já que, para o grupo de imunossuprimidos, a dose de reforço é indicada a partir de 28 dias após a segunda dose ou dose única), devem fazer o agendamento no site da Prefeitura, o www.petropolis.rj.gov.br.

O secretário de Saúde frisou a necessidade de as pessoas estarem atentas à data de aplicação da segunda dose. “É importante que as pessoas verifiquem a data em que a segunda dose foi aplicada, pois, no caso dos idosos, o reforço deve ser aplicado somente seis meses depois da segunda dose”, pontua o secretário de Saúde, lembrando que a apresentação do cartão de vacinação é obrigatória.

“O cartão precisa ser apresentado no dia da vacinação para que a equipe possa conferir a data em que o idoso recebeu a segunda dose, verificando se o prazo de seis meses está sendo respeitado, bem como o tipo de vacina aplicada anteriormente”, explica o secretário de Saúde.

Imunossuprimidos devem ser cadastrar para receber a dose de reforço

Pacientes imunossuprimidos (que tem imunidade baixa) e ainda não receberam a dose de reforço, devem se cadastrar no site da prefeitura (www.petropolis.rj.gov.br)
De acordo com as orientações do Ministério da Saúde, imunossuprimidos podem receber a dose de reforço a partir de 28 dias após a aplicação da segunda dose.

A vacinação de pessoas imunossuprimidas está concentrada em quatro diferentes pontos da cidade: Clube Palmeira, no Itamarati; Esporte Clube Magnólia, no Bingen; Centro de Saúde Professor Manoel José Ferreira, no Centro; e Parque Municipal, em Itaipava.

“O reforço na vacinação destes grupos, que são mais vulneráveis à covid-19, é fundamental dentro da campanha de imunização contra a covid-19 na cidade. A Divisão de Imunização fez todo um planejamento para que possamos continuar atendendo de forma organizada todos os públicos a medida em que a campanha avança e é ampliada. Todos grupos convocados devem comparecer para receber a vacina. É uma proteção individual, mas importante também para a coletividade. A imunização de cada petropolitano é fundamental para o controle da pandemia”, destaca o secretário de Saúde.

Em Petrópolis cerca de 2.300 pessoas com imunidade baixa foram vacinadas contra a covid-19. Fazem parte deste grupo pacientes com doenças renais crônicas em diálise, pessoa com câncer, pessoas que vivem com HIV, entre outras doenças que causam perda de imunidade. Para a aplicação da dose de reforço, no momento da vacinação é obrigatória a apresentação do comprovante de vacina, além de CPF, documento pessoal com foto e laudo médico.

Encontro comemorou 35 anos da instituição e centenário de Paulo Freire

Petrópolis está participando do 18º Fórum Nacional dos Dirigentes Municipais de Educação, que tem como tema central “35 anos da Undime como protagonista na construção de políticas públicas educacionais”. O evento, que está ocorrendo em Brasília termina nessa sexta-feira (17/09) e conta com a participação de dirigentes e técnicos de secretarias municipais de educação.

A secretaria de Educação representou Petrópolis no evento, como delegada. “Petrópolis é coordenador da Região Serrana. A participação no fórum aproxima o governo municipal de outros dirigentes, facilita a troca de experiências e é mais uma oportunidade para discutirmos políticas públicas na área educacional”, afirma o governo interino.

Durante o evento foram eleitos os novos integrantes da diretoria executiva, que ficará à frente da instituição nos próximos dois anos. Luiz Miguel Martins Garcia, dirigente municipal de Educação de Sud Mennuci/SP foi reeleito como presidente e Marcelo Ferreira da Costa, dirigente municipal de Educação de Senador Canedo/GO como vice-presidente. A chapa "Undime unida para avançar" ficará à frente da instituição nos próximos dois anos. O Rio de Janeiro ficou com a presidência da Região Sudeste, com o presidente da Undime-RJ, secretário de Cachoeiras de Macacu, Osório Luís.

“Para os municípios, a nova gestão se compromete com a realização de cursos referentes à gestão de políticas públicas a análise de programas educacionais, um dos pedidos comuns das Secretarias de Educação. Petrópolis continuará auxiliando a instituição na Região Serrana e buscando, cada vez mais, o fortalecimento do diálogo com os entes federativos em prol da educação básica pública de qualidade”, confirma a secretaria de Educação.


Programação conta com aulas de yoga, pilates, atividades lúdicas, step e abdominal

A Academia da Saúde oferece neste sábado (18), no Parque Cremerie, uma série de atividades físicas abertas ao público. Com o tema “Saúde e bem-estar”, a programação do dia conta com aulas de yoga, pilates, atividades lúdicas, step e abdominal, além da avaliação da Relação Cintura Quadril (RCQ). Quem tiver interesse em realizar os exercícios, basta comparecer ao Parque, de 10h às 15h.

“Programas como o Agita Petrópolis, a Academia da Saúde e o Festival das Comunidades, que levam a atividade física para a vida das pessoas, são de enorme importância para a população. A prática de atividades físicas contribui para a saúde e uma uma melhor qualidade de vida", lembrou o governo interino, que inaugurou o 20º núcleo do programa Agita Petrópolis no Itamarati no dia 8 e já prepara o 21°, que vai funcionar em Corrêas.

As atividades no Parque Cremerie começam às 10 horas com aulas de yoga. Às 11 horas, serão realizadas atividades lúdicas. Ao meio-dia, os alunos farão pilates com caminhada. A partir das 13 horas serão feitos exercícios com step e abdominal. Finalizando a programação às 14 horas, os participantes participarão da atividade de pilates. Além disso, quem estiver presente poderá realizar a avaliação da Relação Cintura Quadril (RCQ), que avalia a distribuição de gordura corporal pela medida da cintura e do quadril. O exame verifica o risco que uma pessoa tem de desenvolver uma doença cardiovascular.

O coordenador da Academia da Saúde ressalta a importância do exercício físico na vida das pessoas. “São inúmeros os benefícios para quem realiza atividades físicas. Desde deixar o sedentarismo, aumentar a imunidade e oferecer mais qualidade de vida, além da melhora na saúde de quem pratica exercícios. Oferecemos essa atividade de lazer no Cremerie e estamos de portas abertas para receber quem deseja se movimentar neste sábado”, disse o coordenador, ressaltando ainda que, após as atividades, as pessoas podem aproveitar o dia no Parque.

O Parque Cremerie tem aproximadamente 40 mil metros quadrados e possui quadras de esportes, lago com pedalinhos, área verde e espaços para piquenique. O parque fica na Estrada da Independência, s/nº - Independência, e está aberto à visitação de terça a domingo, das 8h às 16h30. A entrada é franca.

A Academia da Saúde é um programa da Prefeitura de Petrópolis que oferece atividade física gratuita à população em quatro locais da cidade: Parque Cremerie, Parque de Itaipava, Castelo São Manoel e Vale do Carangola. As atividades oferecidas nestes locais são gratuitas e abertas ao público. São oferecidas atividades como fisioterapia, ginástica, alongamento, yoga, meditação, caminhada, hidroginástica, bio pilates e terapias alternativas como acupuntura, shiatsu e fitoterapia.

Para informações de dias e horários das aulas, o telefone para contato é (24) 2233-8852. A Academia da Saúde do Castelo São Manoel fica próximo ao Posto de Saúde do bairro, assim como a do Vale do Carangola, localizado junto à unidade de Saúde da área. As atividades nos Parques Municipais de Itaipava e do Cremerie são realizadas no interior dos parques.


O governo municipal anunciou nesta sexta-feira (17/09) a ampliação do Agita Petrópolis para mais um local: Corrêas. A partir de outubro, a prefeitura vai oferecer o programa – primeiro próprio do município para estimular a prática de atividade física – na Paróquia Nossa Senhora do Amor Divino, que fica na rua Vigário Corrêa, às terças e quartas-feiras à tarde. Os interessados em participar das atividades podem entrar em contato pelo telefone (24) 2233-1218 para mais informações.

Com mais esse núcleo, são 21 locais atendidos com atividades físicas regulares no Agita Petrópolis - seguindo todos os protocolos de segurança contra a Covid-19. O programa busca combater o sedentarismo com atividades gratuitas nos bairros do município. Em uma hora de aula, são promovidas atividades que desenvolvem a elasticidade e melhoram a habilidade articular, além de retirar as tensões dos músculos e a sobrecarga nas articulações.

"Esporte promove saúde e qualidade de vida. O Agita Petrópolis é um grande marco, um divisor de águas do município. Tenho um grande orgulho de ter criado esse programa, quando era secretário de Esportes, possibilitando de forma democrática levar atividade física gratuita para toda a cidade", destacou o governo interino.

O programa conta com núcleos no Alto da Serra, Bataillard, Benfica (dois núcleos), Cascatinha, Caxambu, Centro, Contorno, Madame Machado, Oswaldo Cruz, Pedro do Rio, Posse, Quitandinha, São Sebastião, Vale do Cuiabá, Vicenzo Rivetti e Vila Rica. Os interessados em participar podem entrar em contato com a secretaria de Esportes, Promoção da Saúde, Juventude, Idoso e Lazer (SEPJIL) para se cadastrar.

Também como forma de prevenção ao coronavírus, são usados tapetes sanitizantes, termômetros e também é disponibilizado o álcool em gel para os alunos em cada núcleo. "Ainda é fundamental que a população mantenha os cuidados, respeitando as regras sanitárias e o uso de máscara, por exemplo. Precisamos praticar esporte, mas de forma segura, respeitando os protocolos determinados", completou o secretário da SEPJIL.

Núcleo de Segurança do Paciente do Alcides Carneiro foi implementado em junho

Com o objetivo de conscientizar os profissionais de saúde e gestores do Hospital Alcides Carneiro (HAC) sobre a necessidade de aprimorar as práticas do cuidado dentro do ambiente hospitalar, foi realizado nesta quinta-feira (16) o fórum lembrando a implantação do Núcleo de Segurança do Paciente (NSP) do HAC. Com o tema “Cuidado materno e neonatal seguro” foram feitas três palestras ao longo da tarde. O Dia Mundial de Segurança do Paciente, instituído pela Organização Mundial da Saúde (OMS), é celebrado nesta sexta-feira, 17 de setembro.

O Núcleo de Segurança do Paciente (NSP) do Alcides Carneiro foi implementado em junho deste ano. Ele é constituído por uma comissão multidisciplinar, que trabalha com o objetivo de melhorar os processos de trabalho, qualificando a assistência hospitalar para garantir a segurança do paciente. Além disso, são executados processos para manter a proteção das pessoas no hospital. Desde a criação do NSP, mais de 20 treinamentos foram oferecidos dentro do HAC para os profissionais.

A coordenadora do NSP. Ela ressalta a necessidade do trabalho com os profissionais sobre os cuidados com os pacientes. “O HAC tem a única maternidade e unidade neonatal pública de Petrópolis. Precisamos qualificar os profissionais que trabalham diretamente com os pacientes. É o atendimento deles que faz a diferença. Buscamos melhorar os processos de cuidado e uso de tecnologias da saúde, disseminar a cultura da segurança por toda a instituição e garantir boas práticas de funcionamento do serviço de saúde”.

O médico obstetra Vander Guimarães abriu o dia de palestras, falando sobre violência obstétrica. Ele, que atua há 25 anos no próprio HAC, chamou a atenção para a promoção de ações para o parto seguro e respeitoso. A enfermeira obstétrica Rafaela Bragança, especialista em UTI Pediátrica e Neonatal, abordou o Cuidado Materno e o Parto Seguro e Respeitoso. Finalizando a programação, a enfermeira Janaína Burger, especialista em Neonatologia e Obstetrícia, palestrou sobre o Neonatal Seguro. Ela salientou sobre a prevenção da prematuridade neonatal.

A diretora administrativa do Sehac acompanhou o fórum. Ela parabenizou a equipe pelo evento. “É gratificante ver o comprometimento da equipe e dos profissionais do hospital. O conhecimento adquirido nas palestras reflete no atendimento no dia a dia dos pacientes do hospital”.

O Setembro Laranja busca reforçar a importância do cuidado para a redução de danos evitáveis. Estudos apontam que cerca de 10% dos pacientes internados sofrem algum tipo de evento adverso. Por isso, as práticas de segurança são importantes para garantir a redução de danos evitáveis ao mínimo aceitável, além de permitir reconhecer potencialidades e fragilidades que nortearão ações de melhorias de modo a construir uma cultura positiva e forte dentro das instituições de saúde.