Terça, 22 Fevereiro 2022 - 16:57

Com reforço nas equipes, Defesa Civil segue com as vistorias em áreas afetadas

A Defesa Civil segue na realização das vistorias pelas áreas afetadas por conta das fortes chuvas que atingiram a cidade na última semana, na terça-feira (15). Com o reforço das equipes, até o momento, já foram realizadas 350 vistorias para a disponibilização de laudos técnicos às residências danificadas por deslizamento, infiltrações, alagamentos, imóveis com riscos estruturais ou em áreas que ainda oferecem riscos geológicos. Ao todo, o município soma 1690 ocorrências, das quais, 1324 foram por deslizamentos.

As áreas mais afetadas são Morro da Oficina, Vila Felipe, Caxambu, Sargento Boening, que são as localidades com busca de vítimas. Hoje, as equipes da Defesa Civil atuam pelas localidades da Rua Minas Gerais, Rua Ceará, Rua General Rondon, Valparaíso, Rua Santos Dumont, Rua Dr. Sá Earp, Rua Itália, Alto da Serra, Coronel Veiga (Gulf), Rua Alfredo Batista, Travessa Paulo Roberto Filgueira, Rua Cel. Albino Siqueira.

A Polícia Civil registra 183 vítimas fatais, desse total, 111 são mulheres, 72 homens e 32 são crianças. Do montante, 169 já foram identificadas, 152 foram liberados para funerária e os demais aguardam os familiares. A Secretaria de Assistência Social atende 807 pessoas em 13 pontos de apoio estruturados em escolas pelo Governo Municipal. Todas as pessoas afetadas estão recebendo o suporte para as necessidades essenciais.