Segunda, 10 Janeiro 2022 - 10:55

Com previsão de continuidade de chuva fraca a moderada, Defesa Civil mantém o município em estágio operacional de alerta

A Secretaria de Defesa Civil segue com o município em estágio operacional de alerta. Apesar da redução da intensidade, núcleos de chuva, ainda que fraca, permanecem atuando no entorno da cidade. Com esse cenário, as equipes se mantêm de sobreaviso. No período – 5 a 8 de janeiro – foi registrada chuva contínua, com intensidade moderada, chegando a ser forte de forma pontual no município. Nos últimos dias, a Defesa Civil emitiu boletim geológico que sinalizou o risco muito alto para deslizamentos, principalmente no primeiro distrito. Das 214 ocorrências, 155 foram de escorregamento de terra, seja em via pública ou próximo a residências.

A Defesa Civil interditou 55 casas. A Secretaria de Assistência Social atende 170 pessoas, com suporte para as necessidades imediatas e destinando os serviços adequados.

Toda a Prefeitura atuou na resposta às chuvas, de maneira integrada. Além do trabalho da Defesa Civil, que operou com todo o efetivo operacional, técnico, administrativo, o governo municipal colocou equipes das Secretarias de Obras; Serviços, Segurança e Ordem Pública; Assistência Social; Educação; Saúde; Comdep, CPTrans e Administração para atuação intersetorial, unindo esforços pela segurança da população e manutenção do funcionamento da cidade.

Os agentes da Defesa Civil mantêm o monitoramento constante e seguem de prontidão para o atendimento a novas ocorrências que ainda podem surgir. “Mesmo com a redução da intensidade da chuva ainda podemos ter registro de novas ocorrências, tendo em vista o impacto do solo após os dias de chuva contínua. É importante que a população permaneça atenta e a qualquer sinal de risco, nos acione pelo 199”, destacou o secretário de Defesa Civil, Gil Kempers.

Para amanhã (10) e terça (11), a previsão é de permanência de núcleos de chuva fraca, podendo ser moderada de forma isolada. Da última quinta (6) até este domingo (9), o maior acumulado pluviométrico foi registrado na região do Independência, com 299.4 milímetros nas últimas 96 horas.