Imprimir esta página
Quinta, 11 Novembro 2021 - 10:29

Promoção da saúde e cidadania para moradores do Conjunto Habitacional do Vicenzo Rivetti é debatido em nova reunião do GIPP

A reunião do Grupo Intersetorial do Poder Público – GIPP, que trata assuntos relacionados ao Conjunto Habitacional Vicenzo Rivetti, aconteceu na tarde desta terça-feira (09), na Prefeitura. Saúde, segurança e assistência social, foram discutidos no encontro conduzido pela Coordenadoria Especial de Articulação Institucional – CEAI, que contou com as três sindicas do local e representantes das Secretarias de Saúde, Obras, Serviços, Segurança e Ordem Pública, Conselho Tutelar e Polícia Militar.

“Esta é a terceira reunião do GIPP e temos conseguido avançar em uma série de demandas, inclusive, acelerar o lançamento do edital, pela CEF, para a contratação de uma empresa para a realização das obras externas emergenciais do Conjunto. Neste encontro, estamos buscando ações de promoção a saúde, cidadania e bem estar”, explica a coordenadora Especial de Articulação Institucional.

CRAM, Gabinete da Cidadania, Departamento de Habitação e Regularização Fundiária, e representantes da empresa que administra o condomínio também participaram do encontro, assim como as sindicas Maria Silvia Gonçalves, Sônia Regina Sivirino e Fabiana Maria Martins Teixeira Maia. Da Secretaria de Saúde, participaram Oswaldo Alberto Filho, do

Departamento de Saúde Mental, Luana Mello, coordenadora de Atenção Básica, Solange da Silva, coordenadora do Programa de Saúde da Criança, Jorge Antônio Simões, gerente da Unidade Básica de Saúde do Carangola, Carla de Camargo Vasconcelos, coordenadora de Saúde Bucal, Mileyde Zamboni, do Posto de Saúde do Vale do Carangola e Cristiane de Carvalho Braz.

“Através das reuniões do GIPP temos encontrado apoio para solucionar uma série de questões e conseguido alinhar os trabalhos, apresentando todas as demandas e construindo uma boa relação entre a comunidade, poder público e os demais órgãos. Isso é fundamental para todos os moradores”, disse Fabiana. O conjunto, entregue em 2020, conta com 776 unidades habitacionais, distribuídas em três condomínios.

Na semana passada, a Caixa Econômica Federal lançou o edital para a contratação de uma empresa para a realização das obras externas emergenciais do Conjunto Habitacional. Para participar do certame, as empresas interessadas têm até às 12h do próximo dia 16 de novembro para enviar as propostas através do link http://licitacoes.caixa.gov.br. Estão previstas a execução de serviços técnicos de recuperação e reparos de vícios construtivos, como problemas nas cisternas de água e instalações do gás natural.

Itens relacionados por tópico