Terça, 09 Novembro 2021 - 08:31

Inscrições para conselhos consultivos em unidades de conservação se encerram nesta segunda-feira (8)

As inscrições para a composição dos conselhos consultivos em unidades de conservação, organizados pela Secretaria Municipal de Meio Ambiente, se encerram nesta segunda (08). O objetivo dos grupos é auxiliar na gestão dos espaços das seguintes unidades: Parque Natural Municipal Padre Quinha (Centro), o Monumento Natural Pedra do Elefante (Taquaril) e a Floresta Municipal Quarteirão Italiano (Independência). Para realizar a inscrição, basta comparecer à sede da secretaria, na Avenida Koeler, 87.

“Nos conselhos podemos fortalecer políticas ambientais, através do diálogo com os representantes da sociedade civil e do governo, estabelecendo parcerias. Com isso, agregamos apoio político e institucional à gestão das Unidades de Conservação do município”, disse o governo interino.

O secretário executivo do Comdema e responsável do setor de Educação Ambiental da Secretaria de Meio Ambiente destacou a importância da participação popular .“Essa participação é um fator estratégico na conservação e proteção das Áreas Protegidas, da defesa da Educação Ambiental para as gerações e uma opção de manutenção da qualidade do ar, água e temperatura de Petrópolis”, disse.

“Quando conseguimos alcançar um conselho consultivo maduro e atuante, colhemos frutos de uma gestão que está em sintonia com a sociedade civil, melhorando nossos resultados através de decisões mais assertivas de acordo com os objetivos da unidade”, destacou o secretário de Meio Ambiente.

No Parque Natural são três vagas para representantes da sociedade civil com atuação em área ambiental. Serão disponibilizadas também vagas para o Conselho Municipal de Meio Ambiente (COMDEMA), para entidades de ensino e pesquisa e para o setor comercial. No Taquaril, as inscrições são para proprietários de imóveis dentro da unidade de conservação, representantes da organização civil e para o setor empresarial.

Já para a Floresta Municipal, são, ao todo, sete vagas. Duas destas são para representantes da sociedade civil e as demais são divididas para instituições de ensino e pesquisa, COMDEMA, setor empresarial, associação de moradores e representante da companhia de água e esgoto.

“Essas três unidades de conservação, por regra do sistema nacional de unidade de conservação, precisam ter, além do seu plano de manejo, conselhos que são consultivos que envolvem a sociedade civil, a comunidade e o governo. Participar de um Conselho é a oportunidade que o cidadão tem de participar das decisões da esfera pública, da vida social e ambiental”, explicou a técnica em análise e recuperação ambiental.

Para mais informações, os interessados podem entrar em contato pelo telefone: (24) 2246-9233.