Imprimir esta página
Segunda, 05 Julho 2021 - 10:29

Comandante da Guarda Municipal do Rio participa de encontro com presidente da CPTrans e superintendente da Guarda de Petrópolis

O encontro aconteceu durante o curso de atualização ministrado pela guarda do Rio para agentes de trânsito de Petrópolis.

O diretor-presidente da Companhia Petropolitana de Trânsito e Transportes - CPTrans e o superintendente geral da Guarda Civil Municipal de Petrópolis receberam hoje (2) o comandante da Guarda Municipal do Rio de Janeiro, José Ricardo Soares. O encontro foi precedido de uma visita às turmas da Guarda Civil e agentes da companhia de trânsito, que passam por capacitação ministrada pela Guarda do Rio na unidade da Universidade Estácio de Sá em Petrópolis. Desde o mês passado, agentes petropolitanos têm sido capacitados através da parceria com a instituição carioca.

“É uma integração importante, que beneficia a cidade de Petrópolis. A Guarda do Rio tem uma experctise com trânsito e está trazendo esse conhecimento para os nossos agentes”, ressalta o diretor-presidente da CPTrans.

Desde o dia 21, agentes da CPTrans e da Guarda Civil deram início ao Curso de Agente de Trânsito, uma atualização e capacitação, realizada na Universidade Estácio de Sá, em Petrópolis, que tem em vista as mudanças no Código de Trânsito Brasileiro - CTB. Além das alterações na legislação de trânsito, novas técnicas de abordagem fazem parte do currículo.

“A Guarda Municipal do Rio já trabalha no trânsito desde 1994 e, desde 1997, formando turmas, capacitando. É um prazer para nós trazer esse conhecimento para mais municípios, como Petrópolis. Mas, é uma via de mão dupla. O instrutor aqui transmite, mas também recebe conhecimento”, avalia o comandante da Guarda carioca.

Dos agentes da Guarda Civil de Petrópolis, 140 passam pela atualização, que tem aulas práticas e teóricas e se encerra no dia 12 deste mês. “Essa atualização é importante porque o Código de Trânsito Brasileiro (CTB) está sempre mudando. Além disso, são noções atualizadas de técnicas de abordagem e ética, que vão ter um reflexo muito positivo para a população petropolitana”, pontua o superintendente geral da Guarda e Petrópolis.


Itens relacionados por tópico