Terça, 28 Julho 2020 - 17:32

Taxa de ocupação de leitos permanece controlada e prefeitura amplia horário de funcionamento do comércio

Quadras de esporte também estão autorizadas a funcionar

Prefeito Bernardo Rossi destaca o compromisso em salvar vidas e o cuidado com a saúde do petropolitano desde o início da pandemia

A prefeitura mantém atenção nas medidas de proteção à saúde dos petropolitanos e na taxa de ocupação de leitos, que permanece controlada. Com 23,77% de leitos de UTI em uso pelo SUS e 41,07% de leitos clínicos no domingo (27/07), o governo municipal ampliou o horário de funcionamento do comércio. A partir desta segunda-feira (27), os estabelecimentos já autorizados a abrir situados nas ruas Teresa ou Aureliano Coutinho e adjacências podem funcionar de segunda a sábado das 9h30 às 17h30. No Centro Histórico (Rua do Imperador), de segunda até sexta-feira das 11h30 às 19h e sábado das 10h às 19h.

Os bancos, supermercados e farmácias podem funcionar 24 horas por dia, sete dias por semana. Além disso, também fica permitido o consumo em balcões de padarias e lanchonetes, respeitando o distanciamento de 1,5 metros entre os clientes. 

As quadras de esporte também estão autorizadas a funcionar a partir desta segunda. O funcionamento desses estabelecimentos segue a nota técnica estabelecida pela Secretaria de Saúde. Entre as regras estão: cada jogador deverá ter a sua garrafa de água, não podendo cedê-la nem pegar emprestado de outra pessoa; O cumprimento físico por parte dos jogadores no momento das comemorações deve ser evitado; além do uso obrigatório de máscaras por funcionários, clientes e colaboradores e a disponibilização de álcool em gel.

Deverá ser priorizada a entrada do time por um portão e saída por outro portão; caso a quadra não tenha dois locais para isso, a mesma providenciará a instalação de um outro portão de acesso ou entrada e saída, onde os times terão uma diferença de 10 minutos para entrada e saída e que devem obedecer aos distanciamentos para evitar aglomeração. Os estabelecimentos deverão fornecer a todos os frequentadores um termo de responsabilidade e ciência, em duas vias, uma para a empresa e outro para o cliente, contendo as normas a serem seguidas e as penalidades em caso de descumprimento.

Neste primeiro momento da flexibilização das quadras, fica proibido o acesso de menores de 18 anos, bem como a utilização dos locais para treinamento das escolinhas. Os espaços deverão ser sanitizados durante o dia com hipoclorito de sódio ou outro produto comprovadamente eficaz na eliminação do vírus. Bebedouros e chuveiros estão interditados, assim como churrasqueiras e outros espaços para confraternizações. Nos estabelecimentos que dispuserem de serviço de lanchonete, o atendimento ao público deverá ser limitado a 30% (trinta por cento) da capacidade de lotação. Está proibida a venda e consumo de bebidas alcoólicas nestes locais.