Imprimir esta página
Sexta, 24 Agosto 2018 - 19:26

Tratamento com Reiki inicia no HAC com aprovação dos pacientes oncológicos

  Tratamento com Reiki inicia no HAC com aprovação dos pacientes oncológicos

Terapia já fez 30 atendimentos

Melhorar a qualidade de vida dos pacientes com câncer por meio de um método natural, usando apenas o toque das mãos. É com este objetivo que o Hospital Alcides Carneiro (HAC) implementou em seu Ambulatório, através de parceria com a Associação Petropolitana dos Pacientes Oncológicos (APPO), o Reiki. A terapia holística, que não tem vínculo com religião e busca controlar as emoções do paciente, auxiliando no tratamento, começou no início do mês e já conquistou adeptos que aprovaram a iniciativa.

“O sentimento que tenho é de gratidão. Poder perceber que estamos colaborando para a melhora do estado emocional de um paciente, que depois de algum tempo já retorna mais forte, e o lado psicológico é fundamental para o tratamento da doença. Sabemos que o câncer é uma doença muito agressiva, mas já temos tido bons retornos, com pacientes relatando que já estão conseguindo dormir melhor, mais tranquilos e com menos dores”, explica a terapeuta holística responsável pelos trabalhos no HAC, Sandra Siqueira.

O Reiki é um método utilizado com o objetivo de recuperar a saúde do paciente, gerando o equilíbrio das energias e as recompondo. Apenas com o toque das mãos, sem qualquer outra ferramenta.Já foram 30 atendimentos desde a implantação do serviço, no último dia 9 de agosto, sendo disponibilizados dois dias por semana. A terapeuta explica que o Reiki não é feito com o intuito de tratar a doença, mas, sim, a causa dela.

“É importante ressaltar que a terapia não tem relação com religiões, sendo indicada para qualquer pessoa. Ela também não substitui a medicação e é usada para melhorar o equilíbrio, o alívio das dores e o fortalecimento do sistema imunológico, melhorando a qualidade de vida dos pacientes”, completa a terapeuta, que é responsável pela terapia na APPO há três anos.

O fator psicológico influencia positivamente no tratamento da doença. Não há limites de número de sessões, sendo possível, para o paciente, receber o tratamento uma vez por semana ou a cada 15 dias.Na terapia, são feitas sessões para equilibrar os chacras, seguidas de avaliação sobre a evolução do paciente.

A auxiliar de limpeza E. P., de 40 anos, é paciente oncológica e foi a primeira atendida pelo Reiki no Hospital Alcides Carneiro. “É um sentimento maravilhoso. Desde que comecei a fazer a terapia, deixei de ter enxaquecas, enjoos, sensações que me incomodavam no tratamento. Na primeira sessão, já senti os benefícios e estou voltando para fazer o tratamento completo. Tenho me sentido outra pessoa”, disse.

Para fazer as sessões no HAC, é necessário procurar a Assistente Social no Ambulatório da unidade e fazer a ficha de inscrição. Na sequência, o paciente é encaminhado para a terapia.Os atendimentos no Hospital Alcides Carneiro são realizados às terças-feiras, das 09h às 14h, e, quintas, das 09h às 17h.

Itens relacionados por tópico