Na Serra Serata, a festa da cultura italiana de Petrópolis, Prefeitura premia estudantes de escolas municipais em concurso de redação sobre imperatriz Tereza Cristina, esposa de Pedro II.

A Casa do Colono participa da 16ª Primavera dos Museus, nesta semana. com programa especial: oficina de artes, palestra sobre restauração de acervos e distribuição de mudas de flores.

O Centro Cultural de Cascatinha Wilma Borsato foi reaberto pela Prefeitura neste sábado (17). O imóvel, fechado há quatro anos, passou por reforma e, agora, vai contar com programação cultural, oficinas e projetos para atender a comunidade de Cascatinha. O prédio, que é tombado pelo Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan), foi construído em 1884 para abrigar uma das estações ferroviárias da Estrada de Ferro Grão Pará e ganhou o nome da vereadora, que é uma antiga moradora da região.

“É uma felicidade poder estar entregando esse espaço para a comunidade, para que ele possa ser também revitalizado no ponto de vista cultural e da memória do povo de Cascatinha. O mais importante é que esse espaço passa a fazer parte da história de Cascatinha novamente”, disse o prefeito Rubens Bomtempo, que ressaltou a importância de Wilma Borsato para a comunidade e também para a vida do seu pai, o médico Rubens de Castro Bomtempo.

Além da pintura, o prédio ganhou manutenção das janelas e portas, e o jardim foi todo revitalizado. “É um orgulho poder reinagurar esse espaço que é de cultura, de memória, de história e de resgate de um povo”, comentou a presidente do Instituto Municipal de Cultura (IMC) Diana Iliescu. “Já temos aqui fotografias dos imigrantes italianos, mas também estamos com um processo de digitalização da documentação dos funcionários da Companhia Petropolitana com o apoio da Estácio de Sá. Um trabalho de resgate da memória da comunidade”, frisou Diana.

A secretária-chefe de gabinete Luciane Bomtempo lembrou a história dela com a vereadora Wilma Borsato e de todo o trabalho dela com a comunidade de Cascatinha. As filhas de Wilma – Rosane e Roseane Borsato Costa - compareceram a solenidade e foram homenageadas. A presidente da Casa D´Itália Anita Garibaldi, Graça Vescovine falou das parcerias que vão acontecer no Centro Cultural, que também estará recebendo parte da programação cultural da Serra Serata (festa da cultura italiana que está acontecendo no Palácio de Cristal).

O vereador Marcelo Chitão também abordou a importância de revitalizar o prédio pela história que o mesmo representa. Já o diretor do Centro Cultural Wilma Borsato, Rafael Valente lembrou que o espaço foi inaugurado em 2004 por Rubens Bomtempo. A reabertura do Centro Cultural de Cascatinha Wilma Borsato contou com a apresentação do Coral Pró Tempore e projeção de um memorial fotográfico.

O Procon Petrópolis, da Prefeitura, atendeu 41 queixas de consumidores no Conjunto Residencial Vicenzo Rivetti, no Carangola, em ação social que vai quinzenalmente aos bairros.

 

Pelos próximos dois fins de semana, Petrópolis vai celebrar a cultura Italiana, com toda a sua riqueza gastronômica, cultural e histórica, na 13ª edição da Serra Serata. A festa, que é uma homenagem aos imigrantes italianos que chegaram à Petrópolis e foram uma importante força motriz para o desenvolvimento econômico da cidade, começou nesta quinta-feira, 15, no Palácio de Cristal.

A solenidade de abertura contou com a presença de secretários municipais, representantes da Casa D’Itália Anita Garibaldi, do Instituto Histórico de Petrópolis e com a Banda do 32º Batalhão de Infantaria Leve de Montanha, que apresentou o hino do Brasil, da Itália e de Petrópolis. Antes do início, foi respeitado um minuto de silêncio, pelo falecimento da mãe do vice-prefeito Paulo Mustrangi, Suely Mustrangi de Oliveira, na manhã desta quinta-feira, 15, aos 80 anos.

A festa foi oficialmente aberta pela secretária de Turismo, Silvia Guedon, que ressaltou a importância do trabalho em conjunto da Secretaria de Turismo, Instituto Municipal de Cultura e Casa D’Italia Anita Garibaldi para garantir uma festa à altura da importância dos imigrantes italianos para Petrópolis. “Temos muito a agradecer aos italianos, um povo com muita alegria, garra e força. É assim que se constrói uma cidade. Todos de mãos dadas em torno de um mesmo objetivo que é deixar esse legado, erguido pelos italianos, para as próximas gerações”, destacou Silvia.

Após a solenidade de abertura, o Palácio de Cristal recebeu música italiana da melhor qualidade, com Anna Hannickel e orquestra. A primeira atração de uma festa que, durante dois fins de semana vai oferecer ao público muita dança, música, teatro, atividades para as crianças, gastronomia e muito conhecimento sobre a cultura italiana e a contribuição deste povo para a nossa Petrópolis. “É com muita alegria que abrimos esta edição do Serra Serata, que ajuda a fortalecer o renascimento cultural da nossa cidade. Serão dias e noites de imersão na cultura e no entusiasmo do povo italiano”, celebrou a presidente do Instituto Municipal de Cultura, Diana Iliescu.

Do lado de fora do Palácio, mais de 30 barracas servindo comidas típicas italianas, seguindo o cardápio elaborado pela Casa D’Itália Anita Garibaldi. “Os italianos deixaram o seu país sem saber o que estariam enfrentando. Aqui no Brasil e depois em Petrópolis, encontraram um lar, mas nunca deixaram para trás as suas raízes e era isso que eu sentia no meu pai. Há quase 40 anos a Casa D’Itália foi criada para manter essa chama acesa. A Serra Serata é uma comemoração à vida e o povo petropolitano merece. A festa é de vocês!”, destacou Graça Vescovini, presidente da Casa D’Itália.

O Instituto Histórico de Petrópolis também esteve representado pela presidente Ana Cristina Francisco que lembrou as grandes comemorações do ano de 2022, como o Bicentenário da Independência e o Bicentenário de nascimento da Imperatriz Teresa Cristina, que será homenageada com uma exposição, promovida pelo IHP, durante o Serrra Serata. Na abertura a Imperatriz, primeira italiana a chegar à Petrópolis, ainda no tempo do império, natural de Nápoles, Reino da Itália, foi representada pela atriz Vania Moreira.“Estamos muito felizes em participar desta festa tão importante e convidamos a todos para conhecer um pouquinho da história da Imperatriz Teresa Cristina”, convidou Ana Cristina.

A Serra Serata é uma realização da Prefeitura de Petrópolis, por meio da Secretaria de Turismo, Instituto Municipal de Cultura, com o apoio da Casa D’Itália Anita Garibaldi. Serão 8 dias de festa, de 15 a 18 e 22 a 25 de setembro, no Palácio de Cristal. A programação completa está no site do evento https://web2.petropolis.rj.gov.br/serra-serata/, onde é possível encontrar a programação completa, curiosidades e a história da imigração italiana em Petrópolis.

SERVIÇO
Serra Serata 2022 - La Vita è Bella
Quando: 15 a 18 e 22 a 25 de setembro.
Onde: Palácio de Cristal
Horário de funcionamento:
5ª - 10h às 00h
6ª e sábado - 10h às 01h
Domingo - 10h às 00h
*Atividades também serão realizadas no Centro Cultural Wilma Borsato e no Cineclube Raul Lopes.
Entrada franca

A Prefeitura iniciou a entrega do cartão Supera RJ a 14 mil familias em vulnerabilidade social. São 200 cartões a cada dia, por ordem alfabética. Veja a lista desta semana, de A a C.

O número de atendimentos ortopédicos foi recorde, em agosto, no Hospital Municipal Nelson de Sá Earp: 1.978 pacientes foram beneficiados. A Prefeitura elevou em 69% a oferta de consultas.

"Juntos salvamos vidas" é o lema da Semana Nacional do Trânsito em Petrópolis, com palestras e esquetes teatrais promovidos pela Prefeitura em várias escolas e nas ruas, até o dia 23.

As inscrições no concurso público da Educação terminam nesta sexta-feira (16). São 877 vagas de trabalho no magistério, educação infantil e secretaria escolar.

A Prefeitura ampliou a vacinação do público juvenil contra meningite e HPV, seguindo recomendação do Ministério da Saúde. Veja quem deve ser vacinar.

Pagina 3 de 1827