Quinta, 29 Agosto 2013 - 12:03

Saúde realiza pré-conferência municipal

Começa nesta quinta-feira (29/8) a programação da pré-conferência municipal de saúde. O evento tem como objetivo a elaboração do documento básico que será levado para a XII Conferência Municipal de Saúde em setembro.

Durante a pré-conferência serão debatidos os eixos estabelecidos para a Conferência Municipal. As palestras serão ministradas por membros do Conselho Municipal de Saúde e pelo secretário de saúde André Pombo.

No primeiro dia da programação (29/8) será discutida a rede municipal de saúde e o seu financiamento. O secretário de saúde será um dos palestrantes. O evento tem início às 18h30 no auditório do Centro de Saúde.

O segundo dia da programação acontece na próxima terça-feira (3/9). Em pauta está a Rede de Atenção Básica e o Controle Social. O evento acontece na FASE a partir das 18h30. No último dia da pré-conferência acontece no dia 10/9 no Hospital Alcides Carneiro (HAC) onde serão discutidos os deveres e valorização dos profissionais, além da humanização dos atendimentos. A palestra tem início às 18h30. A programação é aberta ao público.

Acontece neste sábado (31/8) a quinta etapa da campanha de vacinação anti-rábica. A mobilização será realizada em diferentes pontos de Nogueira, Corrêas, Cascatinha, Itamarati, Bela Vista, Bairro Esperança e Floresta. A campanha acontece em 15 postos de vacinação, seis deles com funcionamento de 9h às 17 horas e outros nove em horários variados.

Cães e gatos que já tomaram a vacina este ano não precisam ser imunizados. “É muito importante a mobilização de todos. A vacina contra a raiva é uma forma de proteger os animais”, alertou o coordenador da Vigilância Sanitária, Eduardo de Lucena. A previsão é que mais de sete mil doses sejam aplicadas.

Confira a relação dos postos de vacinação:

- Corrêas: Escola Municipal Professor Josemar Contage - 9h às 17 horas

- Corrêas / Estrada da Mineira - Oficina do Edio - 14:00 às 17:00h

- Corrêas / Bairro da Glória: Escola Municipal Marieta Gonçalves - 9h às 17 horas

- Corrêas / Castelo São Manoel: Escola Municipal Magdalena Tagliaferro - 9h às 17 horas

- Corrêas / Bonfim: Centro de Educação Infantil Rural do Bonfim - 10h às 12 horas

- Corrêas / Bonfim: Quadra do Bonfim - 09:00 às 17:00h

- Cascatinha / Alcobacinha -Garagem do Sr. Adão Ilário - 09:00 às 12:30h

- Itamarati: Quadra da Escola de Samba Bem Te Vi - 09:00 às 17:00h

- Nogueira: Escola Municipal Sérgio Ribeiro Rocha - 9h às 17 horas

- Nogueira / Calembe: Escola Municipalizada Dr. Paulo Motta - 13h às 16 horas

- Nogueira / Águas Lindas: P.S.F. Águas Lindas - 09:00 às 12:00h

- Bela Vista: Escola Paroquial São Francisco de Assis - 13:30 às 17:00h

- Bairro Esperança: Largo da Provisória - 09:00 às 12:00h

- Bairro Esperança: Próximo a mercadinho Meira - 13:00 às 17:00h

- Floresta: Igreja menino Jesus de Praga - 09:00 às 17:00h

Termina nesta sexta-feira (30/8) a campanha nacional de atualização da caderneta de vacinação. Até o momento mais de 2.300 crianças menores de cinco anos foram vacinadas. Durante a campanha, promovida pelo Ministério da Saúde, serão oferecidas todas as vacinas do calendário básico infantil: BCG, hepatite B, penta, inativada poliomielite (VIP), oral poliomielite (VOP), rotavírus, pneumocócica 10 valente, meningocócica C conjugada, febre amarela, tríplice viral (sarampo, rubéola e caxumba) e DTP (difteria, tétano e coqueluche).

A meta da campanha é vacinar as crianças que não estiverem com a caderneta em dia. O público nesta faixa etária, em Petrópolis, é de aproximadamente 20 mil crianças. Até sexta-feira participarão da campanha os postos que já possuem a rotina de vacina, no horário de 8h às 16 horas.

Nesta quinta-feira (29/8) é comemorado o Dia Nacional de Combate ao fumo. Para lembrar a data, a secretaria de Educação em parceria com a secretaria de Saúde realizou um concurso de cartazes para alunos do ensino fundamental sobre o tabagismo, que teve como slogan Planeta Sem Fumo, Vida + Saudável. A premiação acontecerá no salão nobre da Universidade Católica de Petrópolis, a partir das 13 horas.

Cerca de 150 crianças participaram do concurso. Elas confeccionaram 76 cartazes. Desses, seis foram selecionados. “Essa iniciativa é uma forma de conscientizar os alunos desde pequenos sobre os males do fumo e de como é prejudicial à saúde. A intenção é prevenir para que eles não se tornem futuros fumantes”, disse a chefe de saúde da Secretaria de Educação, Cecília Nahm.

Além do concurso, outras ações de combate ao fumo são realizadas no município. Na área de educação foi implantado o Programa Saber Saúde, cujo objetivo é capacitar os profissionais para inserir no plano pedagógico das escolas o tema tabagismo e outros fatores de risco de câncer na grade escolar. Até o momento, foi implantado em mais de 70 escolas municipais atingindo aproximadamente 28 mil alunos até o 9° ano do ensino fundamental. Já foram capacitados 1350 professores, além da equipe de apoio das escolas participantes.

Petrópolis também está entre os 10% dos municípios brasileiros que oferecem tratamento contra o tabagismo para a população. No primeiro semestre de 2013, foram tratados aproximadamente 140 pacientes, sendo que 80% deles chegaram ao final do tratamento sem fumar.

Atualmente o tratamento acontece em mais de 30 unidades, dentre elas, Centro de Saúde Coletiva, CAPS AD, e em várias unidades da Estratégia Saúde Família (ESF). A secretaria de Saúde está ampliando a oferta do serviço com a capacitação de profissionais das unidades de ESF e unidades básicas visando levar o tratamento para as áreas mais distantes do município.

As ações de prevenção e educação na cidade também são realizadas pela Vigilância Sanitária, em cumprimento à Lei Estadual n° 5517/09 realizando orientação e fiscalização de aproximadamente 200 estabelecimentos por mês.

O tabagismo é uma doença crônica gerada pela dependência da nicotina, que hoje mata cerca de cinco milhões de pessoas por ano no mundo, sendo 200 mil no Brasil. A epidemia global do tabaco mata cerca de seis milhões de pessoas a cada ano, dos quais mais de 600 mil são não fumantes que morrem pelo tabagismo passivo. No Brasil são 200 mil mortes todos os anos. O tabagismo também é uma doença pediátrica, pois 90% dos fumantes começam a fumar antes dos 19 anos, sendo 15 a idade média de iniciação. Incentivados por propagandas e outras estratégias de marketing que visam facilitar o acesso aos produtos de tabaco, a cada dia cerca de 100 mil adolescentes começam a fumar no mundo, segundo dados do Banco Mundial.

O Hospital Alcides Carneiro acaba de receber uma unidade centralizadora de todos os serviços e exames de diagnóstico: o Centro de Diagnóstico do HAC foi inaugurado na manhã desta terça-feira (27/08) pelo prefeito Rubens Bomtempo e tem a expectativa de realizar 600 atendimentos por mês. O espaço vai concentrar sete procedimentos: endoscopia, colonoscopia, histeroscopia, ecocardiograma, ergometria (teste de esforço) e retossigmoidoscopia.

O investimento foi superior a R$ 500 mil e faz parte de uma parceria entre a Prefeitura e Fundação Octacílio Gualberto, mantenedora da Faculdade Arthur Sá Earp Neto (Fase) e da Faculdade de Medicina de Petrópolis. “Além de oferecer mais conforto e qualidade no atendimento, o Centro de Diagnóstico possui salas onde os pacientes podem se recuperar após a realização dos procedimentos, o que vai desafogar os leitos do centro cirúrgico e da clínica médica”, explicou o prefeito Rubens Bomtempo.

O novo espaço já recebeu elogios dos pacientes: “Ficou muito bonito. Capricharam na obra”, disse o aposentado Adão Francisco Kleiz, de 72 anos. Internado no HAC, ele passou por uma endoscopia no novo local. “No passado não era tão bom assim. Agora está bem melhor, o atendimento está ótimo e o hospital está ficando muito bonito”, comentou Luzia Maria do Santos Kleis, esposa do paciente.

Para o prefeito, a inauguração do Centro de Diagnóstico é mais um passo importante no processo de recuperação do hospital. “Chegamos ao governo com o Hospital Alcides Carneiro em situação crítica, a pior da unidade. O CTI estava fechado, o Centro Cirúrgico funcionava com apenas um leito, a maternidade com a capacidade redobrada para atender a toda demanda do município e a emergência estava fechada. Em sete meses, desenvolvemos várias ações recuperar o HAC. Inauguramos o mamógrafo, reformamos a clínica masculina, estamos assinando com o governo do estado que vai proporcionar um investimento de quase R$ 7 milhões em obras. São passos importantes que vão tornar o Hospital Alcides Carneiro referência no atendimento”, destacou.

O secretário de saúde, André Pombo, também frisou que a inauguração do Centro de Diagnóstico torna realidade os compromissos assumidos durante a campanha. O diretor da Fase, Paulo César Guimarães, ressaltou que a parceria com a Prefeitura busca proporcionar melhor qualidade no atendimento do hospital.

“Esta obra é uma união de esforços da Prefeitura, da Câmara Municipal e da Faculdade de Medicina com o objetivo de fazer o melhor possível para o povo petropolitano”, concluiu o prefeito. Participaram da solenidade de inauguração vereadores, diretores do HAC, diretores do Sehac além do corpo médico e funcionários do hospital.

Quarta, 28 Agosto 2013 - 10:05

PAC Estrada da Saudade: início das obras

O prefeito Rubens Bomtempo realizou, na noite da última segunda-feira, (26/08) audiência pública no Monte Florido para debater com o PAC da Estrada da Saudade com os moradores da região. São mais de R$ 20 milhões em intervenções em infraestrutura, habitação e trânsito que garantirão melhorias na qualidade de vida da população. Bomtempo anunciou que, na semana que vem, já deverá haver movimentação no local para o início das obras, com a montagem dos barracões.

Entre as melhorias, estão viradouros para ônibus, novo sistema de drenagem, pavimentação em concreto nos trechos de mais difícil acesso, baias e sinalização, além da estabilização da encosta para a segurança da área, cobertura de quadras esportivas, melhorias de infraestrutura e construção de um Centro de Educação Infantil.

O Programa Minha Casa, Minha Vida chegará ao bairro na Rua da Chácara com a construção de 170 unidades habitacionais. A previsão é de que mais de três mil moradias também sejam beneficiadas com a regularização fundiária.

Outra novidade é que a mão de obra local terá preferência nas contratações das várias frentes de obras. O secretário de Trabalho, Assistência Social e Cidadania (Setrac), Jorge Maia, afirmou que, junto com a empresa responsável pelas melhorias e com a Secretaria de Habitação, fará um serviço de cadastramento dos trabalhadores da região.“Faremos um aproveitamento, dentro do maior limite possível, da mão de obra local”, disse Jorge Maia.

Quando o atual governo assumiu a prefeitura, em janeiro, o PAC Estrada da Saudade estava parado. O prefeito Rubens Bomtempo explicou na audiência que correu para que a proposta de obras tramitasse, conseguindo, junto à Caixa Econômica Federal, que a licitação ocorresse em maio. Presentes ao evento, os vereadores Luizinho Sorriso (PT) e Meirelles (PTB) parabenizaram o prefeito por colocar o projeto em prática.

Cerca de cem pessoas compareceram à audiência pública, dando sequência à política de governo de garantir a participação popular nas decisões sobre a cidade. Na ocasião, Bomtempo pôde dar esclarecimentos sobre as medidas que vêm sendo tomadas nas várias áreas da administração pública, além de ouvir as demandas da comunidade.

 

Duas fases das obras de contenção das margens do Rio Piabanha, que corta a Rua Bingen, já foram entregues pelo prefeito Rubens Bomtempo. O trabalho teve início em abril, após as chuvas de março e também fazia parte do pacote de sete obras emergenciais realizadas pelo município, em parceria com o Governo do Estado, através do Programa Somando Forças.

Agora está em andamento a segunda etapa da obra de construção de um muro de contenção, que segue em ritmo acelerado. A expectativa é que o trabalho seja concluído até o fim de setembro. As obras somam o valor de R$ 177.440, 13 e irão garantir mais tranqüilidade aos moradores e comerciantes da região.

As intervenções eram necessárias porque com o escorregamento das margens, a via ficou abalada. Muros de contenção em gabiões já foram erguidos em dois pontos da Rua Bingen. “Concluímos a segunda etapa antes do prazo previsto”, salienta o secretário de Obras Aldir Cony, lembrando que as ações foram autorizadas pelo prefeito Rubens Bomtempo dez dias após as chuvas de março.

O mecânico Gilberto Gonçalves da Silva, de 56 anos, morador do bairro Duarte da Silveira, destacou a importância do trabalho: “Se a resposta não fosse rápida, o problema poderia se agravar, causando ainda mais transtornos. Mas não foi isso que ocorreu. As obras estão sendo concluídas com rapidez”, disse.

Começou ontem (26/8) o I Ciclo de Palestras em Comemoração ao Mês da Psicologia. O evento, organizado pela Assessoria de Psicologia Escolar, da Secretaria de Educação, objetiva promover o debate sobre a importância da psicologia nos ambientes das escolas. Esta semana foi escolhida para receber as palestras, todas realizadas no auditório II da Universidade Católica de Petrópolis (UCP), na Rua Barão de Amazonas, 124, Centro, por ser 27 de agosto a data em que se comemora o Dia do Psicólogo.

O primeiro dia do ciclo teve duas palestras. A primeira foi Bullying e Cyberbullying no Contexto Escolar, com a psicóloga e coordenadora geral de estágios do curso de Psicologia (UCP), Mara Carneiro de Souza Noel. A segunda, Ponte para o Trabalho das Emoções, Ética e Valores Humanos, com a coordenadora de Projetos de Leitura da Secretaria de Educação, Mariana de Melo e Silva Amaral.      

A subsecretária de Educação, Rosilene Ribeiro, realizou a abertura do evento e falou sobre a importância da psicologia para o desenvolvimento emocional dos alunos e a harmonia dentro das instituições.

Rosilene explicou também como funciona a Assessoria de Psicologia Escolar, que é nova na Prefeitura. “Nesta nossa gestão, liderada pelo nosso Prefeito Rubens Bomtempo, resolvemos enfrentar um grande desafio na Secretaria de Educação: o de constituir uma equipe para a Psicologia Escolar, que tem muito a contribuir com o desenvolvimento das escolas”, conta ela, que é professora de psicologia. E, completa: “Em janeiro, chegando à secretaria começamos um trabalho voltado exclusivamente para a psicologia escolar, porque hoje a pedagogia sozinha não dá mais conta da diversidade e dos embates que acontecem dentro das salas de aula. O psicólogo é um profissional voltado para questão da saúde, da qualidade de vida e das relações humanas, para entender melhor e cuidar do outro.”  

As inscrições continuam abertas e podem ser realizadas pelo e-mail O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo. .  Podem participar professores da rede municipal, estadual ou particular de ensino e também todos os interessados nos temas. As palestras são abertas para perguntas.

Programação

Dia 27 de agosto

8h30 – Palestra: O Autismo e a Escola: Construindo laços

Palestrante: Maria Angélica Augusto de Mello Pisetta

Doutora em Psicologia, professora de Psicologia da Universidade Federal Fluminense (UFF), membro Correspondente da Escola Brasileira de Psicanálise.

13h – Palestra: Deficiência Intelectual: estratégias e abordagens educacionais

Palestrante: Cláudia Teresinha Loureiro

Pedagoga, especialista em Psicopedagogia, Educação Infantil e Atendimento Educacional Especializado.

15h30 – Palestra: Educação e Sentido de Vida

Palestrante: Cleia Zanatta Clavery G. Duarte

Doutora em Psicologia Social (UERJ), mestre em Psicolgia Clínica (PUC/RJ), graduada em Pedagogia, Psicologia e Direito (UCP), professora dos cursos de graduação e de mestrado em Psicologia da UCP, coordenadora do curso de Psicologia da UCP e diretora do Centro de Ciências da Saúde da UCP.

Dia 28 de agosto

8h30 – Palestra: Indisciplina e Adolescência na Escola

Palestrante: Marcos Gonçalves de Oliveira

Psicólogo e conselheiro tutelar em Petrópolis.

13h – Palestra: Implicações da relação Família x Escola no sucesso escolar

Palestrante: Marta Ribeiro Lyrio

Psicóloga, especialista em Educação Infantil, Atendimento Educacional Especializado e Psicologia do Trabalho, Integrante da Assessoria de Psicologia Escolar.

Dia 29 de agosto

8h30 – Palestra: Gestão, conflitos e liderança

Palestrante: Rui Carlos Stockinger

Psicólogo e Psicoterapeuta Humanista e Existencial, escritor e professor da Universidade Gama Filho e FASE, coordenador da Saúde Mental do Município de Petrópolis.

13h – Palestra: Educação para a Saúde Emocional

Palestrante: Miriam Brito Guimarães

Coordenadora de Equipe de Formação na área de Educação e Saúde Emocional (ASEC), mestranda em Psicologia da Educação na USP, assessora pedagógica na rede particular de ensino de São Paulo, colaboradora em projetos de formação de professores da rede pública de ensino de São Paulo.

Dia 30 de agosto

8h30 – Palestra: Estratégias para manejo de sala de aula de alunos com TDAH

Palestrante: Glória Maria Barros Vargas

Pedagoga, especialista em Gestão Inclusiva (UFRJ), diretora Escola Magdalena Tagliaferro.

13h – Palestra: Lidando com o perfil psicológico do transtorno opositor-desafiador

Palestrante: Alexandre David Oliveira Passos

Psicólogo especialista em Psicologia Clínica, Psicanálise e Saúde Mental, Integrante da equipe do CAPSI – Petrópolis, e da Secretaria de Estado da Administração Penitenciária – RJ.

15h30 – Palestra: Adoção: implicações pertinentes ao âmbito escolar

Palestrante: Vanessa Senna Guingo

Psicóloga especialista em Psicologia Clínica, integrante da Assessoria de Psicologia Escolar, coordenadora do Grupo de Apoio à Família e a Adoção de Petrópolis (GAFAP).

A Companhia Municipal de Desenvolvimento de Petrópolis (Comdep) realizou na semana passada um trabalho de manutenção no Relógio das Flores. A obra é um dos cartões-postais da cidade e o maior relógio de ponteiros do Brasil, que completa 41 anos no próximo dia sete de setembro.

Segundo o presidente da Comdep, Hélio Dias, o relógio passa periodicamente por uma revisão do equipamento eletrônico e preservação dos jardins do entorno. Foram plantadas salvia, impatiens (beijo), entre outras flores características da época.

No Dia D de divulgação e mobilização nacional para a atualização da caderneta de vacinação, ocorrido no último sábado (24/8), foram vacinadas no município 2.063 crianças com até cinco anos. Ao todo, 50 postos ficaram abertos no Dia D, e mais de quatro mil crianças compareceram às unidades.

“Cinquenta por cento das crianças que compareceram aos postos no sábado tiveram que tomar algum tipo de vacina”, disse a coordenadora do setor de Epidemioligia, Elisabeth Cavalcanti. Durante a campanha, promovida pelo Ministério da Saúde, serão oferecidas todas as vacinas do calendário básico infantil: BCG, hepatite B, penta, inativada poliomielite (VIP), oral poliomielite (VOP), rotavírus, pneumocócica 10 valente, meningocócica C conjugada, febre amarela, tríplice viral (sarampo, rubéola e caxumba) e DTP (difteria, tétano e coqueluche).

A campanha termina nesta sexta-feira (30/8) e a meta é vacinar as crianças que não estiverem com a caderneta em dia. O público nesta faixa etária, em Petrópolis, é de aproximadamente 20 mil crianças. Até sexta participarão da campanha os postos que já possuem a rotina de vacina, no horário de 8h as 16 horas.