O Dia Internacional da Enfermagem foi celebrado nesta quinta-feira (12), nas unidades de saúde do município. Palestras, homenagens aos profissionais, café da manhã e abertura da Semana da Enfermagem 2022 do Hospital Alcides Carneiro, fizeram parte das programações. Os eventos contaram com a presença do prefeito Rubens Bomtempo.

"Os auxiliares, técnicos e enfermeiros passaram a ter um papel estratégico em toda a saúde pública. Eles são fundamentais para a recuperação dos pacientes, são eles que estão mais perto das pessoas e que mais praticam a empatia no dia a dia nas unidades de saúde de todo o município", ressaltou o prefeito Rubens Bomtempo.

“A luta que esses profissionais empreendem no dia a dia tem uma grande carga histórica, principalmente relacionada à pandemia, a qual, nos momentos de pico, deixou cicatrizes na alma dessas pessoas. Eles fizeram toda a diferença e merecem todo reconhecimento” disse o secretário de Saúde, Marcus Curvelo.

As atividades foram abertas no Centro de Saúde Coletiva, na Rua Santos Dumont, onde, além das homenagens, foram ministradas palestras com os temas “Abordagem a Vítima de Mal Súbito como Primeira Resposta”, “LGPD na Saúde: Os Impactos da Nova Lei na Rotina da Enfermagem” e “Prevenção para os Profissionais de Saúde: Prep e Pep”.

“Esta é a oportunidade de agradecermos a todos os profissionais da área que foram cruciais em momentos importantes, como a pandemia de covid-19 e, recentemente, as chuvas que atingiram a cidade nos dias 15 de fevereiro e 20 de março”, disse a enfermeira Célia Brêtas, diretora do Centro de Saúde Coletiva.

Também nesta quinta-feira (12), foi aberta a Semana da Enfermagem 2022 do Hospital Alcides Carneiro. Dividido em dois dias (quinta e sexta-feira), o evento tem como tema principal "O cuidado com que cuida: Impacto na saúde mental dos profissionais da saúde" e traz em sua programação ciclos de palestras, dinâmicas e homenagens a três profissionais de enfermagem.

As atividades são abertas ao público e não é necessário se inscrever, para participar basta comparecer ao Pavilhão de Ensino da FASE, localizada dentro do HAC, onde acontecem as palestras. Na ocasião também serão homenageados três profissionais do Hospital, sendo um auxiliar de enfermagem, um técnico e um enfermeiro.

O diretor-presidente do Serviço Social Autônomo do Hospital Alcides Carneiro – Sehac, Ricardo Patuléa, também enfermeiro, destacou os desafios da profissão. "Nós sabemos o quanto é difícil trabalhar na área da saúde, principalmente em tempos difíceis como os que vivemos nos últimos anos, mas nós somos guerreiros e todos os dias entregamos o nosso melhor para os pacientes" declarou.

Mais de 240 mil toneladas de detritos já foram recolhidos das ruas pela Comdep

Com o objetivo de avançar com maior celeridade na recuperação da cidade, a Comdep está promovendo mutirões de serviços nos bairros. A Companhia já recolheu mais de 240 mil toneladas de detritos das ruas da cidade. Nesta quinta-feira (12.05), os trabalhos acontecem no Quitandinha, Getúlio Vargas, Espirito Santo, Duarte da Silveira, Rua do Encanto e Alto da Serra. As equipes também estão atuando na desobstrução da Rua Hélio Bittencourt, conhecida como ‘Rua do Túnel’, no Centro, onde duas barreiras deslizaram, interditando a via.

Durante os mutirões, as equipes realizam a capina, roçada, poda de árvores, restauração e manutenção dos espaços públicos.

“A prefeitura tem atuado incansavelmente na limpeza das ruas, desobstrução e recuperação de galerias. Também estamos avançando na dragagem dos rios", destacou o prefeito Rubens Bomtempo.

Além dos mutirões nos bairros, a Comdep também atua na restauração de mais de 40 pontes que foram destruídas pelas chuvas.

Outro trabalho que vem ocorrendo na cidade é a limpeza e desobstrução de bueiros, que é feito tanto de forma manual quanto com auxílio de um caminhão sugador. A operação é realizada em conjunto entre a Comdep e a Secretaria de Obras do município.

“A Comdep continua trabalhando com todo o efetivo nas ruas da cidade. Estamos atuando na recuperação do Centro e dos bairros, principalmente dos locais mais afetados. A demanda nos bairros ainda é muito grande, mas seguimos trabalhando.", disse o diretor-presidente da Comdep, Léo França.

O Procon Petrópolis autuou nesta quinta-feira (12) a concessionária de energia Enel pela falta de atendimento prioritário. Na loja física, os fiscais constataram que há apenas uma fila inicial, sem distinção de prioridade, onde se concentra o maior tempo de espera. A autarquia foi até o local após denúncias de clientes.

“A falta de atendimento prioritário infringe a lei de acessibilidade e também o Código de Defesa do Consumidor. Intimamos a concessionária para que se adeque imediatamente às normas vigentes, de forma a garantir o direito dos clientes”, informou o coordenador do Procon, Fafá Badia.

”Correndo por eles” acontece no domingo (15) com saída na Rua 16 de Março
Caminhada na trilha Rodolph Born no Parque Natural na Rua Ipiranga no sábado (14)

Começa nesta sexta-feira (13), o “Vira Petrópolis” que tem o apoio da Prefeitura e vai levar muita cultura e esporte aos espaços públicos e mídias sociais com os talentos petropolitanos. A iniciativa também é solidária e as doações nos dias do evento serão destinadas ao Projeto Aloha, que atende duas mil famílias de Petrópolis com cestas básicas. O “Vira Petrópolis” segue até domingo (15) com atividades nas praças da Liberdade, Duque de Caxias (Skate) e Visconde de Mauá (Águia); além de outros espaços públicos.

"Incentivar o esporte e a cultura, e valorizar nossos talentos locais é um dos objetivos do Vira Petrópolis. Ocupar os espaços públicos oferecendo aos jovens atividades esportivas é dar oportunidade para que eles também se sintam parte da cidade", comentou o prefeito Rubens Bomtempo. "Só tenho a agradecer a toda a rede de solidariedade que se formou na nossa cidade. Com união e ajuda de todos vamos reerguer e reconstruir nossa cidade", acrescentou o prefeito.

Para os organizadores do evento o Vira Petrópolis tem o intuito de, além de ser solidário às vítimas das chuvas na cidade, dar continuidade e fortalecer as atividades de Lazer, Esportes, Artes e Cultura. Além de promover a inclusão, a solidariedade e a sustentabilidade.

"Promoveremos o evento, baseado na ocupação dos espaços públicos e de mídias sociais com o conjunto de atividades características e próprias da nossa Petrópolis. Neste contexto, vamos reunir forças e promover a coletividade e o trabalho em equipe. A união de diferentes talentos, a fim de mobilizar as pessoas e ajudar quem precisa. Este é o objetivo desse evento, que pretende unir o esporte e a cultura", afirma Gabrielle Freitas, jornalista e produtora cultural, uma das idealizadoras do evento.

Dentro da programação do “Vira Petrópolis” acontece no domingo o “Correndo por Eles”, projeto voluntário que busca a inclusão social por meio do esporte. A corrida começa no pórtico da 16 de Março e segue até a Rua do Imperador, com final perto da Praça Dom Pedro. As inscrições podem ser feitas na hora e é preciso levar um litro de óleo de cozinha usado. As pessoas com deficiência ganham camiseta, medalha e ainda participam de um sorteio de cesta básica e voucher's de vários estabelecimentos da Rua 16 de Março.

O conselheiro da Comissão Municipal da Defesa dos Direitos das Pessoas com Deficiência, Chen Li Cheng, está trazendo o projeto para Petrópolis. Ele ressalta que a intenção é incentivar as pessoas com deficiência a saírem de casa. “A expectativa com a corrida é muito grande. E o principal é fazer com que as pessoas saiam de casa e saibam que elas podem tudo. Vamos mostrar para Petrópolis que somos iguais a todo cidadão, isso é inclusão”, afirma o conselheiro. “Caso chova temos um plano B e a corrida vai acontecer em um trajeto menor no calçadão da Rua Irmãos D´Angelo”, disse.

Também faz parte da programação do “Vira Petrópolis” uma caminhada no sábado (14), às 10h, no Parque Natural Municipal Padre Quinha, na Avenida Ipiranga, na trilha Rodolph Born. As inscrições devem ser feitas na Secretaria de Esportes pelo Watsapp (24) 99957-0931.

Quem desejar participar do “Vira Petrópolis” seja como voluntário, incentivador ou participar das atividades previstas deve entrar em contato pelo instagram @virapetropolis.

O que vai ter no “Vira Petrópolis”:

Campeonato Jiu Jitsu
E-sports
Atividade cicloturística
Montanhismo
Skate
Música ao vivo
Yoga
Atividade pedagógicas
Feira Cervejeira

Apresentações musicais confirmadas:
Local: Praça da Águia

Sexta - 13/05
20h30 - Tribo de Gonzaga (forró)

Sábado - 14/05

14h - Pedro Ribeiro (samba/MPB)
17h - Garage (Soul / Blues)
20h30 - SouS (rock)

Domingo - 15/05

15h - Jonathan Francisco (Samba /MPB)
18h - Rafa Rodrigues Trio (Pop)

Para amanhã, o município continua com céu encoberto e possibilidade de registro de chuva fraca

O município continua com tempo chuvoso nesta sexta-feira (13) em função do transporte de umidade do oceano para o continente. De acordo com o Boletim Meteorológico da Defesa Civil, amanhã, o céu permanecerá encoberto, com chuva fraca, isolada ao longo do dia. Haverá leve declínio na temperatura que poderá variar entre a mínima de 12°C e máxima de 20°C.

De acordo com a equipe de monitoramento da Defesa Civil, não são esperados volumes de chuva significativos para os próximos dias. As equipes permanecem em monitoramento constante e, em caso de mudança das condições do tempo, novos alertas serão emitidos ao longo do período. A Defesa Civil orienta que a população fique atenta aos informes que podem ser enviados por SMS ou grupos de comunicação por aplicativo.

Para receber os avisos por SMS, basta cadastrar o CEP por meio de mensagem de texto para o número 40199. O acesso aos avisos também é possível por meio de grupos por aplicativo, através do link https://t.me/defesacivilpetropolis.

A Prefeitura de Petrópolis segue avançando na recuperação da infraestrutura da cidade. Nesta quarta-feira (11.05), a Secretaria de Obras do município concluiu a pavimentação em toda a extensão da Rua Alberto de Oliveira, na Mosela. Nos próximos dias, a prefeitura vai iniciar a recuperação viária da Rua Pedro Elmer, no Itamarati. A Companhia de Desenvolvimento de Petrópolis (Comdep) e a Companhia de Trânsito e Transportes (CPTrans), também estão realizando diversos serviços de melhorias nos bairros.

“Nós iniciamos o asfaltamento na Alberto de Oliveira poucos dias antes da chuva do dia 15 de fevereiro. Infelizmente, grande parte da malha asfáltica de toda a cidade foi muito danificada com as chuvas. Concluímos o asfalto aqui e estamos avançando com o trabalho por toda a cidade. Além do asfalto, estamos atuando com equipes na revitalização do bairro”, destacou o prefeito Rubens Bomtempo.

Com o objetivo de organizar o tráfego, e reforçar a segurança de motoristas e pedestres, a CPTrans está realizando a readequação e revitalização da sinalização na Rua Alberto de Oliveira. Nos próximos dias, dois quebra-molas serão instalados ao longo da via.

A Comdep além de intensificar as ações de limpeza, capina e roçada, está empenhada na recuperação dos espaços públicos, incluindo a troca e instalação de lixeiras.

A Prefeitura, por meio das equipes da Divisão de Imunização e o Departamento de Atenção Básica da Secretaria de Saúde está organizando uma grande ação para a atualização do Cartão de Vacina de crianças do município. A partir da próxima segunda-feira (16), as comunidades serão atendidas com a “Vacinação Itinerante”. O público alvo são meninos e meninas de dois meses a menores de sete anos, porém, adolescentes e adultos também poderão participar.

A primeira comunidade atendida será a do Vila Rica, em Pedro do Rio. A vacinação vai acontecer no Posto de Saúde da Família (PSF), das 9h às 15h, nos dias 16 e 17 de maio. “Além de proteger nossas crianças, a intenção é atualizar a caderneta para melhorar a cobertura vacinal. O objetivo é evitar que doenças que estavam erradicadas voltem a ser motivo de preocupação”, destaca o prefeito Rubens Bomtempo.

De acordo com o secretário de Saúde, Marcus Curvelo, levantamentos realizados pela Divisão de Imunização, mostraram que durante a pandemia a procura pelas vacinas de rotina, como a pentavalente, por exemplo, diminuiu. “Sozinha ela protege contra doenças como difteria, tétano, coqueluche, hepatite B e contra a bactéria haemophilus influenza tipo b, que é responsável por infecções no nariz, meninge e na garganta”, explica o secretário.

Apesar da campanha estar focada nas crianças menores de sete anos, a chefe da Divisão de Imunização, Thayene Varella, adianta que adolescentes de nove a 19 anos e adultos que levarem seus cartões também poderão ser vacinados. “Ninguém será excluído. Estamos levando para a vacinação itinerante as vacinas do calendário básico nacional para facilitar o acesso da população à vacinação", frisa.

Na vacinação itinerante, as crianças poderão receber os imunizantes Pneumo 10, VIP, Pentavalente, Rotavírus, Meningo C, Febre Amarela, Tríplice Viral, VOP, DTP, Hepatite A e Varicela.

Veja o calendário:

Dias 16 e 17 de maio
Posto de Saúde da Família do Vila Rica
9h às 15h

Dias 18 e 19 de maio
Posto de Saúde da Família de Secretário
9h às 15h horas

O primeiro dia do mutirão de revalidação do cadastro do Aluguel Social, nesta quarta-feira (11), atendeu mais de 150 famílias. Os atendimentos continuarão sendo realizados nos próximos dias, até o dia 10 de junho, na Casa dos Conselhos Augusto Ângelo Zanatta (na sede da Prefeitura, na Avenida Koeler, 260, Centro). A iniciativa é uma parceria entre a Prefeitura e o governo do estado.

O objetivo do mutirão é qualificar os cadastros do município e do estado, resolver pendências e garantir o aluguel social para quem de fato precisa do benefício.

Por isso, todos devem vir: quem já alugou um imóvel, quem ainda está desalojado, quem já foi cadastrado pelo Estado e/ou pelo município, quem está aguardando para apresentar o contrato e quem por algum motivo ainda não deu entrada no aluguel social.

Serviço:

Mutirão #TodosporPetrópolis - Revalidação do cadastro para Aluguel Social
Local: Casa dos Conselhos Augusto Ângelo Zanatta (na sede da Prefeitura, Avenida Koeler, 260, Centro)
Horário: as senhas são distribuídas das 9h às 14h.

Calendário:

A e B - dias 11, 12 e 13 de maio
C e D - dias 16, 17 e 18 de maio
E - dia 19 de maio
F e G - dia 20 de maio
H, I e J - dias 23 e 24 de maio
K e L - dias 25 e 26 de maio
M - dias 27 e 30 de maio
N, O e P - dia 31 de maio
Q e R - dias 01 e 02 de junho
S, T e U - dias 3 e 6 de junho
V, W, Y e Z - dia 7 de junho
Repescagem - dias 8, 9 e 10 de junho

Quem deve comparecer:

• Quem já alugou um imóvel
• Quem ainda está desalojado
• Quem já foi cadastrado pelo Estado e/ou pelo município
• Quem está aguardando para apresentar o contrato

Documentação para revalidação do cadastro do Aluguel Social:

1. Documento de Identificação de todos os membros da família (RG, CPF, Certidão de Nascimento ou Casamento);

2. Comprovantes de Rendimentos de todo núcleo familiar:

• Carteira de trabalho (nº, dados pessoais, emprego e página de emprego em branco, se for o caso, comprovando o rendimento ou desemprego e último contracheque) (caso haja).
• Caso o emprego seja informal, deverá ser fornecida carta de próprio punho da fonte pagadora;

3. Laudo da Defesa Civil comprovando a perda das condições de habitabilidade do imóvel onde era domiciliada a família afetada.

4. No caso de LOCATÁRIOS: Contrato de Locação vigente com firma reconhecida e/ou comprovante de residência atualizado (a partir de março de 2022) em nome do beneficiário ou de terceiro desde que faça parte do núcleo familiar e que resida no imóvel;

5. Comprovante de Residência do imóvel atingido em nome da pessoa que representará a família para fins de recebimento do aluguel social, devendo ser priorizado o responsável familiar devidamente inscrito no Cadastro Único;

6. Número de Identificação Social (NIS) e Relatório do Cadastro Único demonstrando o núcleo familiar (o beneficiário que ainda não possuir o NIS e não for inscrito no Cadastro Único terá um prazo máximo de 90 dias para providenciá-los);

7. Comprovante de Conta Bancária da Caixa Econômica Federal (CEF);

8. Declaração assinada pelo beneficiário de que a família afetada não possui outra residência em condições de habitabilidade (emitida pelo município);

9. Declaração de propriedade de imóvel assinada (emitida pelo Estado), devendo ser apresentado pelo beneficiário para fins de comprovação de propriedade (caso possua):

• Registro Geral de Imóveis;
• Escritura Pública de Imóvel;
• Declaração de Posse;
• Promessa de compra e venda ou
• Quaisquer outros títulos hábeis

Profissionais do Instituto Científico e Tecnológico de Defesa Civil (ICTDEC) trocam experiências a partir de ações adotadas no município

O engajamento comunitário em ações de Defesa Civil, voltado para o fortalecimento de ações de prevenção e enfrentamento de desastres, foi o foco da dinâmica realizada pela Secretaria da Defesa Civil do município durante o curso Dimensão Social e Atuação Profissional em Situação de Desastres. A iniciativa foi desenvolvida pela Escola de Defesa Civil (ESDC), da Secretaria Estadual de Defesa Civil, por meio de encontro on-line. Cerca de 100 participantes - representantes de unidades de Defesa Civil de municípios de todo o Estado - conheceram um pouco do trabalho de formação comunitária desenvolvido em Petrópolis.

Para falar sobre o assunto a Defesa Civil contou com a participação de representante de um dos Núcleos Comunitários de Defesa Civil (NUDEC), como exemplo do trabalho estruturado na cidade. “A melhor exemplificação do trabalho que construímos com as comunidades é representante local, falando da importância do trabalho em parceria entre a Defesa Civil e comunidades”, destacou o secretário de Defesa Civil, Tenente Coronel Gil Kempers.

Durante o encontro, foram apresentados os mecanismos utilizados no processo de formação comunitária na cidade. Para a criação dos NUDEC e Equipes de Acolhida foram realizados treinamentos presenciais e virtuais com os representantes das comunidades, em que foram discutidas questões locais, visando estabelecer maior participação local em questões relacionadas à Defesa Civil, como identificação de risco e atuação em situação de emergência.

“Toda a formação que construímos tem como foco a questão do pertencimento e da participação comunitária como base para as transformações que a comunidade necessita. Uma das marcas da Defesa Civil é a aproximação e integração com as comunidades para reduzir riscos de desastres”, destacou o gestor de projetos da Defesa Civil, Rodrigo D’Almeida.

A partir da atuação dos representantes locais por meio dos NUDEC a Defesa Civil consegue se antecipar em ações de prevenção. Além de treinamentos e orientações constantes, por meio de grupos de comunicação de aplicativo, a Defesa Civil mantém contato constante com os representantes dos NUDEC locais. Por meio desse canal, em situações de emergência, os representantes locais recebem orientações de segurança, até que os agentes de Defesa Civil e demais órgãos competentes cheguem no local

"Hoje mostramos que é possível a Defesa Civil e a comunidade trabalhar em conjunto. Agora recebemos em tempo real as informações sobre os alertas e mobilizamos a comunidade em situação de risco”, destacou a diretora do NUDEC do Vale do Cuiabá, Cristina Rosário.

A coordenadora do treinamento pela SEDC, a Tenente Coronel Gabriela Franco destaca a experiência que o município tem no estabelecimento de parcerias com as comunidades. “A nossa proposta é poder trabalhar com os profissionais e criar uma rede com esses profissionais para que possam atuar em uma situação desastre”, pontuou.

Cerca de 160 escolas e centros de Educação Infantil da Rede Municipal vão receber o projeto “De Conto em Conto”. A iniciativa foi lançada na manhã desta quarta-feira (11) na Praça Visconde de Mauá (Praça da Águia) e contou com a participação dos alunos das unidades Germano Valente e Monsenhor Gentil. O projeto de contação de histórias é promovido pela Prefeitura, por meio do Departamento de Educação Infantil da Secretaria de Educação.

“Nossas escolas e centro de Educação Infantil contam com projetos que buscam incentivar a leitura e promovem aprendizagem de forma inclusiva. Cultura e educação andam sempre juntas e projetos como esse mostram a qualidade do ensino dentro das nossas unidades”, comentou o prefeito Rubens Bomtempo.

Em todas as unidades em que o projeto acontecer será levado um tecido e junto com os alunos será feito um trabalho. “No encerramento do ‘De Conto em Conto’, todos esses trabalhos vão se juntar em uma enorme colcha que será apresentada no encerramento do projeto previsto também para acontecer na Praça da Águia”, disse a secretária de Educação Adriana de Paula.

Pagina 13 de 1811