Benefício faz parte de uma série de investimentos do município na valorização dos servidores

Os secretários escolares vão receber uma gratificação de R$440,78. O benefício foi publicado no Diário Oficial (D.O.) do dia 30 de janeiro, no entanto, o valor é retroativo ao mês de dezembro de 2022. A gratificação começa a ser paga na folha de pagamento de fevereiro (paga no último dia útil do mês).

“Era uma reivindicação da categoria que conseguimos conceder. Foi com muita responsabilidade e um trabalho de recuperação da economia e finanças da Prefeitura, por parte do secretário de Fazenda, Paulo Roberto Patuléia, que conseguimos investimentos importantes”, ressaltou o prefeito Rubens Bomtempo. “Temos um compromisso com a educação e desafios que precisamos vencer para transformar a realidade da nossa educação pública”.

Além da gratificação para os secretários escolares, a Prefeitura fez uma série de investimentos do município na valorização dos servidores da Educação. O pagamento de 100% do superávit do Fundeb, o descongelamento do PCCS concedendo os enquadramentos por tempo de serviço e formação, a regulamentação da Lei do 1/3 para planejamento, a revisão do documento de porte, a capacitação dos profissionais no curso de primeiros socorros promovido pelo Samu foram algumas dessas ações.

“A gratificação dos secretários escolares é uma reivindicação muito antiga e estamos felizes de poder conceder esse benefício. Acreditamos que as mudanças que queremos para a educação passa também pela valorização dos nossos servidores. E é isso que estamos fazendo, com responsabilidade e união”, destacou a secretária de Educação, Adriana de Paula.

A Prefeitura também quadruplicou o valor per capita por aluno do Programa de Gestão Descentralizada de Recursos da Educação Municipal (PGDREM), passando de R$2,64 para R$10. Para este ano outros projetos estão previstos como a remuneração para projetos pedagógicos, investimentos em equipamentos tecnológicos, criação da Casa da Formação Continuada, implantação da avaliação externa, curso de formação de lideranças educacionais, ampliação da grade curricular do Ensino Fundamental II, novo programa da Educação Infantil, ampliação do Projeto Espiral e a reestruturação do programa de Educação Integral.


Valores são referentes ao convênio para a realização do Vestibular Social

A Prefeitura quitou as dívidas de 2019 e 2020 com a Universidade Católica de Petrópolis (UPC) referente ao convênio para a realização do Vestibular Social. O valor de R$545 mil é referente a um débito de 2019 e a um parcelamento feito em 2020.

“Com responsabilidade e usando os recursos municipais em projetos que incentivem os nossos jovens e adolescentes vamos mudar a realidade da educação da nossa cidade”, disse o prefeito Rubens Bomtempo. “Quitando essas dívidas foi possível abrir para este ano 200 vagas para diversos cursos do Vestibular Social”, acrescentou o prefeito.

A prova do Vestibular Social contou com 1.044 candidatos, o maior número de participantes desde que o programa foi criado pela Prefeitura em 2007. O resultado final foi divulgado no fim de janeiro e nessa sexta-feira (3) encerra o período de matrículas. Todas as divulgações sobre o Vestibular Social estão no site: vestibular.ucp.br.

 

A Secretaria de Esportes em breve estará funcionando em novo endereço. O prefeito Rubens Bomtempo anunciou, na tarde de terça-feira (31), a transferência da sede, que hoje funciona em uma sala da Rua 16 de Março, para o prédio da Escola Municipal Fábrica do Saber, em Cascatinha. Até o mês de março, toda a estrutura estará funcionando no local.

“A intenção é promover, cada vez mais, a educação com o esporte e essa mudança para aquele prédio, que conta com uma excelente estrutura, vai permitir um incremento para os dois setores. Além disso vai beneficiar tanto as crianças, quanto os próprios moradores do segundo distrito”, disse o prefeito Rubens Bomtempo.

Além de oferecer atividades físicas e esportivas, o Centro Esportivo da Fábrica do Saber conta com piscina e quadras poliesportivas. “Esses espaços serão ainda mais aproveitados. Nosso objetivo é aumentar a oferta de atividades A ideia é começar a transferir os primeiros núcleos do Esporte para lá já na próxima semana”, adianta o secretário de Esportes, Rafael Simão.

A secretária de Educação, Adriana de Paula, destaca que o fato de a Secretaria de Esportes dividir espaço com a escola irá agregar os dois setores. “A Fábrica do Saber tem um grande potencial e a chegada da Secretaria de Esportes vai estimular ainda mais todas as atividades oferecidas na unidade. Essa integração é boa para todos”, frisa Adriana de Paula.

 

A Secretaria Municipal de Saúde está à espera do envio, pelo Ministério da Saúde, de novos lotes de vacinas contra a covid-19 para retomar a imunização de crianças de 5 a 11 anos e de bebês de seis meses a menores de três anos. A primeira – com a Pfizer pediátrica – foi suspensa no dia 24 de janeiro, quando as últimas doses do estoque foram aplicadas, enquanto a outra – Pfizer Baby – foi zerada nesta terça-feira (31), no Centro de Saúde Coletiva. O mesmo problema afeta todo o país.

A aplicação do imunizante Coronavac, para crianças de 3 e 4 anos, deve ser paralisada nos próximos dias, pois as cerca de 100 doses remanescentes já foram distribuídas entre os postos. Elas estão disponíveis apenas nas Unidades Básicas de Saúde do Quitandinha e Itaipava e Centro de Saúde do Itamarati. “Esse problema não se restringe a Petrópolis. Municípios de todo o país vivem essa mesma situação, pois, quando o novo governo chegou à presidência, além de encontrar os estoques de alguns imunizantes zerados, outros estavam com datas de validade muito próximas ao vencimento. Novos lotes foram adquiridos pelo Governo Federal e serão distribuídos aos Estados que repassarão aos municípios”, explica o secretário de Saúde, Marcus Curvelo.

Segundo nota divulgada pelo Ministério da Saúde, os estoques das vacinas Pfizer Baby, Pfizer Pediátrica e CoronaVac (para crianças de 3 a 4 anos) foram encontrados zerados. A previsão é de que, ainda em fevereiro, a pasta regularize a distribuição dos imunizantes. A expectativa é de que a Pfizer Baby seja entregue ao município na próxima semana. Neste momento, em Petrópolis, apenas os estoques de imunizantes destinados ao público adulto e adolescente estão normais.

Confira os horários:

Centro de Saúde do Itamarati
Segunda, terça e quinta-feira das 8h30 às 16h30
quarta e sexta-feira das 8h30 às 19h30

UBSs Quitandinha e Itaipava
Segunda, quarta e sexta das 8h30 às 16h30
Terça e quinta-feira 8h30 às 19h30

 

Gestores e equipes das unidades escolares do Independência e entorno se reuniram na manhã desta quarta-feira (1) para promover a integração; implantação de projetos e investimentos para 2023 e a troca de ideias. O encontro aconteceu na Escola Municipal Alto Independência e é um passo importante para a criação do Conselho Gestor Regional da Educação. A reunião contou com a presença do prefeito Rubens Bomtempo e da secretária de Educação, Adriana de Paula.

“Vamos participar desse diálogo permanente e é dessa maneira que vamos conseguir a sustentabilidade das nossas ações. A criação do Conselho Gestor vai proporcionar esse diálogo”, disse o prefeito Rubens Bomtempo, destacando as principais conquistas para a Educação em 2022, como o aumento do valor per capita do PGDREM. “Quadruplicamos o valor do PGDREM para que os gestores possam investir ainda mais nas unidades escolares. Temos desafios para 2023 e cada um precisa fazer sua parte pensando unicamente nas nossas crianças e adolescentes”, frisou o prefeito.

O encontro reuniu as diretoras da E. Municipalizada Maria da Glória Queiroz de Vasconcelos, da Comunidade São Jorge, do CEI Romano Canavese, do CEI Célia Lobo Paulo, do CEI Professora Dora Killer; além do diretor da Escola Municipal Alto Independência. “Essa parceria entre a gente sempre existiu, mas está se intensificando. Estamos muito felizes pelo o que está acontecendo aqui no nosso bairro. Temos esperança e sabemos que vamos e podemos agora fazer o melhor”, disse o diretor da Escola Municipal Alto Independência, Carlos Magno.

A secretária de Educação, Adriana de Paula, lembrou de outros projetos para a região como a reconstrução da Escola de Educação Infantil Maria da Glória Queiroz de Vasconcelos. O atual imóvel será demolido e no local será construído um novo prédio com dois pavimentos e 300 metros quadrados maior do que o anterior.

A nova escola, que atende crianças de três a cinco anos em período parcial, vai contar com seis salas de aula, sanitários (incluindo um adaptado), copa, cozinha, refeitório, pátio, sala multiuso e área da administração. A unidade vai atender 120 alunos.

“Estamos iniciando o nosso ano letivo cheio de esperanças de um ano melhor, com muita dedicação e amor com as nossas crianças e adolescentes. Temos grandes desafios, mas temos também muitos projetos criados com o objetivo de mudar a realidade da educação da nossa cidade”, concluiu a secretária de Educação.

 

No ano do sesquicentenário do nascimento do Pai da Aviação, o Museu Casa de Santos Dumont passará por uma grande reforma. As intervenções na Encantada vão garantir mais acessibilidade e conforto para os visitantes. Os trabalhos têm início na próxima semana e para isso o museu ficará fechado para visitação a partir da terça-feira (7).

“O Museu Casa de Santos Dumont é um dos nossos principais pontos turísticos. Com essa reforma, vamos revitalizar o local e entregar à população e aos turistas uma experiência de museu mais tecnológica e mais bonita”, ressaltou a secretária de Cultura, Diana Iliescu. O Museu Casa de Santos Dumont recebe quase 100 mil visitantes ao ano.

Tanto a fachada, incluindo o telhado quanto a parte interna da Casa de Santos Dumont e do Centro Cultural 14 Bis passarão pela reforma. Todo o projeto foi aprovado pelo Instituto Histórico e Artístico Nacional (Iphan).


Cancela, sirenes e ilhas de segurança orientaram cidadãos sobre áreas seguras

Equipes da Defesa Civil estão percorrendo 11 locais para trabalho de ronda preventiva, após as chuvas desta quarta-feira (1º). Agentes da secretaria estão em áreas como as ruas Amazonas, Espírito Santo e Rio de Janeiro (as três no Quitandinha), Independência, Alto da Serra, Vila Felipe, Chácara Flora, Sargento Boening, 24 de Maio, Meio da Serra e Centro Histórico.

O Protocolo de Inundação foi acionado com as chuvas desta quarta. Às 19h40, o estágio operacional do município foi alterado para observação, em função dos dados meteorológicos que apontavam previsão de chuva forte. Às 19h45, o trânsito foi interditado entre a Ponte Fones (onde foi acionada cancela automática) e as Duas Pontes (onde o fechamento foi manual). O trânsito foi liberado por volta de 21h15, após a diminuição do nível do Rio Quitandinha.

Também foram acionadas sirenes, que avisavam sobre a possibilidade de inundações. Além disso, motoristas e pedestres foram orientados pelas ilhas de segurança, que foram demarcadas com sinalização horizontal e vertical no corredor do Rio Quitandinha e nas principais áreas do Centro Histórico. Estas ações também estão previstas no Protocolo de Inundação do Plano de Contingência para o verão 2022/2023.

A Defesa Civil registrou três ocorrências, todas sem gravidade. Na Rua Rio de Janeiro, houve deslizamento de terra que atingiu parte da via. Não houve feridos ou áreas interditadas. Equipes da Comdep já estão em deslocamento para liberar o tráfego. Houve também dois pedidos de avaliação de imóveis.

Fique alerta

A Defesa Civil segue monitorando as condições do tempo e pode emitir alertas a qualquer momento.

Cadastre o seu CEP através do envio de mensagem de texto para o número 40199 para receber os alertas e acompanhe o portal da Prefeitura de Petrópolis.

O Boletim Meteorológico atualizará a previsão do tempo para a cidade, podendo ser acessado através do link: https://bit.ly/3vmRgZ2

 

O prêmio de transparência pública conquistado em janeiro pela Prefeitura foi comemorado na noite de terça-feira (31).

Durante reunião do Conselho Municipal de Transparência Pública, os servidores municipais que contribuíram para essa conquista foram homenageados. Em pauta, o selo prata de transparência, concedido pela Atricon (Associação dos Membros dos Tribunais de Conta do Brasil) à Prefeitura.

“Uma vitória importante da cidade, da Prefeitura, e que foi possível ao empenho dos nossos servidores municipais neste ano tão difícil para nós, que foi 2022. Ganhamos o Selo Prata e agora vamos trabalhar para ganhar o Selo Ouro e o Selo Diamante. Transparência é um valor importante para a nossa gestão, importante para a democracia, e nós vamos continuar trabalhando nesse sentido”, disse o prefeito Rubens Bomtempo.

A reunião foi na Casa dos Conselhos Augusto Ângelo Zanatta, na sede da Prefeitura. O prefeito Rubens Bomtempo, o vice-prefeito Paulo Mustrangi e os secretários de governo Luciane Bomtempo (chefe de Gabinete), Ramon Mello (Administração), Thiago Gibrail (Controle Interno) e Miguel Barreto (Procuradoria Geral do Município) homenagearam com um certificado de agradecimento os servidores envolvidos com o Portal da Transparência da Prefeitura.

“Perdemos 1 ano de mandato, mas não perdemos 1 minuto o olho da questão da transparência. E ela foi nos exigida de uma forma muito dura, com o 15 de fevereiro. E nós respondemos. Foi 1 volume muito grande de pedido de informação, principalmente do Legislativo, mas também da sociedade”, disse Luciane Bomtempo.

Selo prata de transparência

O Selo Prata, recebido pela Prefeitura, foi concedido pela Atricon (Associação dos Membros dos Tribunais de Conta do Brasil).

Foram avaliados 8.016 entidades (Executivo, Legislativo, Judiciário, Ministério Público, Defensoria Pública e Tribunal de Contas) das 3 esferas (município, estado e União) do Brasil.

A Prefeitura alcançou 82,9% de transparência, índice muito superior à média nacional (67,24%). Apenas 7% dos entes avaliados chegaram ao grau de transparência das contas públicas atingido por Petrópolis. No estado do Rio, apenas 4 (incluindo a Prefeitura de Petrópolis) foram reconhecidos.

Entre os 12 critérios avaliados, o município ganhou nota 10 em 5: acessibilidade, diárias, informações institucionais, informações prioritárias e serviço de informações ao cidadão. O governo municipal também teve ótimo desempenho em outras áreas, como recursos humanos (88,89%), contratos (87,50%) e receita (86,67%).

 

Já está em vigor, em Petrópolis, a lei 8.483/2023, que institui a “Semana da Tulipa Vermelha”, de conscientização sobre a doença de Parkinson. Sancionada pelo prefeito Rubens Bomtempo em 9 de janeiro, a programação da campanha deverá ser realizada anualmente, sempre na semana do dia 11 de abril, Dia Mundial da Doença de Parkinson.

“Incluímos essa campanha no calendário oficial de eventos do município, porque apesar dos conhecimentos sobre essa doença ainda serem limitados, precisamos chamar a atenção da população, que precisa ter um pouco mais de conhecimento das causas, primeiros sintomas e tratamento.”, disse o prefeito Rubens Bomtempo.

Dados do Ministério da Saúde apontam que, atualmente, cerca de 200 mil brasileiros tem o diagnóstico da Doença de Parkinson. “Destas, quase 900 estão em Petrópolis. Porém, existe a possibilidade que esse número seja maior. Por isso, a conscientização de toda a população é fundamental, para garantir o tratamento adequado e melhorar a qualidade de vida dessas pessoas”, frisa o secretário de Saúde, Marcus Curvelo.

O dia 11 de abril foi escolhido como Dia Mundial da Doença de Parkinson em homenagem a James Parkinson, médico inglês que descreveu a doença pela primeira vez em 1817, na época chamada de “paralisia agitante”. No ano de 2005, a tulipa vermelha foi escolhida como o símbolo oficial do mês de sensibilização. A definição deste símbolo se originou, em decorrência da criação de uma tulipa vermelha com detalhes em branco pelo floricultor holandês diagnosticado com Parkinson, J.W.S Van der Wereld.

 

A Coordenadoria de Vigilância Ambiental da Secretaria de Saúde concluiu o primeiro ciclo do Levantamento de Índice Rápido para Infestação por Aedes aegypti (LIRAa) de 2023. O estudo foi realizado entre os dias 2 e 6 de janeiro e constatou o índice de 0,61%, mantendo o município no nível de baixo risco. No período foram visitados 5.094 imóveis entre o primeiro e o quinto distrito.

“O Ministério da Saúde orienta que o nível tolerado seja inferior a 1% e, em todo o ano passado, ficamos abaixo dessa marca. Porém, principalmente agora, durante o verão, é essencial que a população continue colaborando e fazendo a sua parte, ou seja, mantendo hábitos simples e básicos, como por exemplo, não deixar água parada”, disse o prefeito Rubens Bomtempo.

Dos 5.094 imóveis visitados, os Agentes de Combate a Endemias – ACE encontraram focos em 31 domicílios entre o primeiro e o quinto distrito. Esses criadouros, segundo o secretário de Saúde, Marcus Curvelo, estavam, principalmente, em vasos, pratos e frascos de plantas e bebedouros para animais.

“Apesar de estarmos no nível de baixo risco de infestação, é importante que o cidadão os devidos cuidados. Enquanto poder público, estamos fazendo a nossa parte. Durante todo o ano, por exemplo, as equipes de ACEs, realizam o trabalho de combate aos vetores e de orientação à população. Nas visitas, os agentes realizam a destruição de criadouros e aplicam larvicidas, quando necessário”, destaca o Marcus Curvelo.

Pagina 1 de 1864