Terça, 27 Outubro 2015 - 12:11

Quase 10 mil negociações concluídas no Concilia Petrópolis

Quem tem dívidas com a Prefeitura e ainda não negociou o débito deve ficar atento: termina na próxima sexta-feira (30/10), no Clube Petropolitano, no Centro, a segunda etapa do Concilia Petrópolis. Desde o início da campanha, em 24 de setembro, 9.806 pessoas aproveitaram as condições especiais de pagamento oferecidas pela Prefeitura, que incluem redução de até 100% de juros e multas e parcelamento em até 60 vezes. O atendimento no Clube Petropolitano, na Avenida Roberto Silveira, no Centro, é realizado das 9h às 16h.

O Procurador Geral do Município, Marcus São Thiago, lembrou que os contribuintes em débito com a Prefeitura devem ficar atentos. “Estamos oferecendo todas as condições para que o contribuinte possa fazer o pagamento da dívida. Quem não negociar ficará sujeito a sanções, com inclusão do nome do devedor nos serviços de proteção ao crédito e até penhora de bens. É importante que todos os que têm débitos, seja de IPTU, ISS ou referente a qualquer taxa ou multa, procure a Prefeitura e negocie a dívida”, disse o procurador Marcus São Thiago.

“É importante que o contribuinte não perca essa oportunidade para ficar em dia com as suas obrigações com o município, com redução de juros e multas. Além de ficar com o nome limpo em condições favoráveis de pagamento, o contribuinte estará cumprindo o seu dever de cidadão, possibilitando que a Prefeitura continue investindo em saúde e educação”, disse o secretário de Fazenda, Paulo Roberto Patuléa, lembrando que esta é a oportunidade que o contribuinte tem para quitar seus débitos também com o Imposto Sobre Serviço (ISS) dos profissionais autônomos e a taxa de vigilância sanitária, por exemplo. “No caso do ISS, a pessoa pode retirar as guias pela internet, no site da Prefeitura – www.petropolis.rj.gov.br. Já a guia para pagamento da taxa de vigilância sanitária tem que ser retirada no segundo andar da Secretaria de Fazenda, na Rua 16 de Março, 183, Centro”, esclareceu.

Nesta segunda-feira (26/10), 194 negociações foram concretizadas. O vigilante e empresário Bruno Catarino, de 26 anos, e sua mãe, a acompanhante Ângela Catarino, de 58 anos, aproveitaram esta segunda-feira para quitar seus débitos no Concilia Petrópolis, referentes a três imóveis da família. Por conta de um processo judicial envolvendo um dos imóveis, que se arrastou por dez anos, a família acumulou uma dívida com o município, mas que começa a ser resolvida. “Conseguimos resolver, então valeu a pena. Gostei muito”, disse Ângela. “É uma forma de você pagar os retroativos. Às vezes, você fica inadimplente por não ter uma forma de fazer a negociação com a Prefeitura”, acrescentou Bruno Catarino.

Prestação de conta COVID-19

Alvará Online - BANNER

Casa dos Conselhos

DO

Cadastro da inscrição do IPTU para crédito da Nota Imperial

turispetro

iluminacao

balcao empregos

plano compras

portal transparencia

licitacao

Concursos

Casa dos Conselhos

ecidade

jrestaurativa

gabinete cidadania.fw

cpge

EOUVmunicipios

selo acesso_informacao.fw

Relatorio CMVP

cmv-logo