A necessidade da conexão com a internet para que os produtores rurais possam participar de cursos on-line bem como pesquisar novas tecnologias que podem auxiliar no melhor escoamento da produção são preocupações da Secretaria de Desenvolvimento Econômico. Pensando nisso, a secretaria criou o “Conexão Rural”, projeto que busca a instalação gratuita de internet nas associações de produtores agrícola da cidade.

O assunto foi apresentado nessa semana para produtores rurais durante uma reunião realizada na sede do Sindicato Rural. Petrópolis possui, aproximadamente, 800 Produtores que vivem da agricultura familiar. São cerca de cinco mil pessoas que sobrevivem graças ao que é produzido no município, em locais como Caxambu, Brejal, Vale das Videiras, Posse, Secretário e Bonfim.

O projeto “Conexão Rural” prevê que empresas petropolitanas disponibilizem em áreas rurais, pontos de internet. A tecnologia ficará disponível nas sedes das associações, estimulando os produtores a participar de cursos técnicos e acompanhar a evolução da agricultura.

“Com o auxilio da Firjan, empresários do setor de tecnologia serão convidados a atuar mais ativamente na área rural. A nossa intenção é a de estabelecer a conexão nessas áreas mais afastadas, possibilitando que os produtores tenham acesso aos programas, cursos e novidades da área agrícola gratuitamente através de pontos de internet disponibilizados nas associações ”, disse o secretário de Desenvolvimento Econômico, Marcelo Fiorini.

A necessidade da internet nas zonas rurais já foram apresentadas para empresários do setor e, felizmente, uma das empresas se interessou em disponibilizar a internet, a principio, em duas associações: Bonfim e Caxambu. A novidade foi apresentada aos representantes das associações durante uma reunião realizada na sede do Sindicato Rural de Petrópolis. O encontro contou com a participação de Luiz Daud, representante Regional do Sinditec / Firjan -  Sindicato das Indústrias de Tecnologia da Informação e Comunicação do Estado do Rio de Janeiro.

“As empresas da área tecnologico podem apoiar o crescimento do setor agrícola através do fornecimento de novas tecnologias. O Sinditec / Firjan e o SEBRAE apoiam essa tendência e, com o auxilio da Secretaria de Desenvolvimento Econômico, as associações serão mapeadas. Vamos incentivar as demais empresas do setor a participar do projeto e acelerar o desenvolvimento do setor”, explicou Luiz.

Segundo o subsecretário de Desenvolvimento Econômico, Fernando Pessoa, uma empresa do setor já está estudando as regiões e a implantação do projeto na sede de duas associações deve ocorrer nos próximos meses. “Todo o suporte será dado pela empresa. A conexão será estabelecida e os produtores atuantes nas associações dessa região poderão acessar a internet nas sedes. Esse é um grande passo para o setor. Com a instalação de um polo do Senar na cidade, o que deve ocorrer ainda nesse ano, serão disponibilizados cursos técnicos e, algumas aulas, são on-line. Também queremos chamar a atenção para as demais empresas do setor atuantes na cidade. O setor rural está em constante crescimento e a conexão com a internet é extremamente importante e será o diferencial competitivo. A intenção é de que todos as associações recebam a internet em breve”, contou Fernando Pessoa.

23 mil equipamentos serão distribuídos gratuitamente a famílias carentes em Petrópolis

ONG vai capacitar jovens para instalar e fazer manutenção de equipamentos

 

Um acordo de cooperação técnica entre a prefeitura e a entidade não governamental Seja Digital vai viabilizar até outubro – data prevista para o desligamento do sinal analógico de TV no estado do Rio - a distribuição de 23.230 kits com antena, conversor digital e controle remoto a beneficiários do CadÚnico – Cadastro Único para famílias com renda mensal de até três salários mínimos. O projeto da Seja Digital, apresentado na manhã desta terça-feira (11.07) ao prefeito Bernardo Rossi, prevê a qualificação técnica de jovens petropolitanos para trabalhar na instalação e manutenção de equipamentos, além de ações de divulgação do novo sistema de transmissão, que já entrou em funcionamento no Distrito Federal e em cidades nos estados de São Paulo e Goiânia.


A Seja Digital é uma entidade não governamental responsável pelo processo de digitalização do sinal de TV no Brasil. A parceria com a prefeitura irá atender à população em pontos instalados em CRAS (Centro de Referência de Assistência Social) e escolas da cidade. Nos locais, haverá orientação sobre o desligamento do sinal analógico de TV, que acontecerá no dia 25 de outubro na cidade do Rio de Janeiro e em outros 18 municípios da região, quando a programação dos canais abertos de televisão será transmitida apenas pelo sinal digital.

 

"O nosso objetivo é que a informação sobre o processo de desligamento do sinal analógico de TV chegue a toda população para que ela possa se preparar para receber o sinal digital e viver essa nova experiência, que traz som e imagem com qualidade de cinema, gratuitamente. Não vamos deixar ninguém para trás", afirma Vivian Bilhim, gerente regional da Seja Digital no Rio de Janeiro.


Sobre a Seja Digital

 

A Seja Digital (EAD - Entidade Administradora da Digitalização de Canais TV e RTV) é uma instituição não governamental e sem fins lucrativos, responsável por operacionalizar a migração do sinal analógico para o sinal digital da televisão no Brasil. Criada por determinação da Anatel, tem como missão garantir que a população tenha acesso à TV Digital, oferecendo suporte didático, desenvolvendo campanhas de comunicação e mobilização social e distribuindo kits para TV digital para as famílias cadastradas em programas sociais do Governo Federal. Também tem como objetivos aferir a adoção do sinal de TV digital, remanejar os canais nas frequências e garantir a convivência sem interferência dos sinais da TV e 4G após o desligamento do sinal analógico. Esse processo teve início em abril de 2015 e, de acordo com cronograma definido pelo Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações, mais de 1.300 municípios terão o sinal analógico desligado até 2018.
 

Já são 14 Centros de Inclusão Digital em funcionamento

Quem está à procura de cursos gratuitos na área de informática não pode perder tempo: em 14 Centros de Inclusão Digital e também no Centro de Referência e Excelência Tecnológica são oferecidos cursos para a comunidade. Os CIDs, que foram reativados nas comunidades, já garantem atendimento a 300 alunos. No CERT, além da oferta de cursos, no local são recuperados computadores para os setores administrativos da prefeitura. Todas essas ações foram realizadas ao longo do ano pela Prefeitura, por meio da Secretaria de Desenvolvimento Econômico, que também está acompanhando projetos de obras importantes para a cidade como a Requalificação da Paulo Barbosa e recuperação da Estrada União e Indústria.

Paralisados em 2016, os CIDs começaram a ser recuperados pelo poder público no último ano. Já são 14 em funcionamento com atendimento de 300 alunos. Mais de 150 máquinas foram recuperadas e estão nos CIDs. Informática básica e pacote office são alguns dos cursos disponibilizados. Para 2019 o Departamento de Políticas Públicas de Ciência e Tecnologia quer aumentar o número de alunos atendidos para mais de 500 alunos.

Quem tiver interesse em participar dos cursos que são ofertados gratuitamente pode fazer a inscrição diretamente nos CIDs. Dúvidas podem ser esclarecidas pela Secretaria de Desenvolvimento Econômico por meio do telefone 2233-8135 - ramal: 2085. Confira os endereços dos CIDs em funcionamento:

Rua Nossa Senhora da Aparecida, Centro.

Rua Manoel Torres, nº 395, Manoel Torres – CEI A Sementeira

Rua Visconde de Souza Franco, 474 - Casa da Cidadania

Rua Quissamã, n° 1737 – 3ª Igreja Batista

Avenida Leopoldina, nº 590 – Nogueira

Estrada da União e Indústria, nº 18060 - Itaipava

Rua Capitão José Leal, s/n (Antiga Estação), Pedro do Rio – Centro Cultural

Rua Monsenhor Bacelar, nº 590, Centro. – Terra Santa

Rua Souza Filho n° 590, Centro

Estrada União e Indústria s/ nº. Posse, CEU Posse

Rua Nossa Senhora da Aparecida (Comunidade Oswaldo Cruz)

Rua Paulino Afonso, nº44 (Vila São Jose);

Rua Bingen, n° 520 (CERT);

Liceu Municipal Carlos Chagas (Antigo Matadouro)

Recuperação de máquinas e EcoPonto

No CERT – Centro de Referência e Excelência Tecnológica o poder público está oferecendo para a comunidade cursos gratuitos: educação orçamentária, pacotte office, montagem de micros e escrita criativa. Também no CERT funciona o EcoPonto – local de recolhimento de lixo eletrônico e recuperação de acervo da PMP.

Para 2019 o planejamento de ações do departamento inclui ainda a digitalização de obras da Biblioteca Municipal, reativação de outros CIDs, relatório sobre conectividade na cidade no Observatório de Empresas de TI e Observatório do Mercado de Trabalho e realização de novas parcerias com instituições de ensino superior.

Gestores municipais de todo o Brasil puderam conhecer de perto as soluções tecnológicas inovadoras que podem auxiliar municípios no desenvolvimento de diversos setores durante o DemoDayBrazilLAB 2019, realizado nessa quinta-feira (28.03) em São Paulo. As três startups escolhidas sugerem soluções nas áreas da assistência social, evasão fiscal no setor público e saúde.

O Departamento de Ciência e Tecnologia da SDE, participou do processo realizando mentoria para seis dos 54 projetos inscritos no BrazilLab.

Em primeiro lugar ficou a startup GSUAS,  que administra o Sistema Único de Assistência Social, auxiliando na identificação de pessoas que se encontram em situação de vulnerabilidade ou risco social (mulheres vítimas de violência, jovens em cumprimento de medida socioeducativa, crianças e idosos em risco). Na segunda colocação foi apontada a Fábrica de Negócios – que combate a evasão fiscal no setor público visando a recuperação de receita e redução do tempo de auditoria e, em terceiro, a UPSaúde que mantém um sistema que gerencia o agendamento de consultas medicas por aplicativo.

Essas startups poderão ser implantadas nas prefeituras que se interessarem pelos projetos – sem custo para o poder público

O  DemoDayBrazilLAB 2019 é um evento que conclui o 3ª ciclo do Programa de Aceleração do BrazilLAB. Desde o inicio do projeto, já foram inscritas 650 startups, 55 delas foram aceleradas e 14 já estão implantadas em Estados e municípios.

Programa promove inclusão digital nos bairros.

A Secretaria de Desenvolvimento Econômico está fazendo um levantamento sobre a situação dos 54 Centros de Inclusão Digital (CIDs) que existem no município. Programa criado em 2010, ele foi sendo desativado ao longo dos anos e na gestão passada culminou com 48 deles inativos.  A prefeitura, agora, busca a retomada do projeto que será feita de forma gradual.

Os CIDs, com computadores, acesso à internet e estagiários cedidos pela prefeitura, foram criados com a intenção de oferecer iniciativas de inclusão digital para a comunidade, como cursos para a terceira idade, inclusão digital a jovens e adultos, aulas de introdução à informática e impressão de guias. No entanto, por falta de manutenção e investimentos, a maioria deles ficou fechada durante o último ano. Um dos exemplos de um CID que funciona de forma precária é o localizado na Vila São José. A chave do espaço está com a associação de moradores desde o ano passado e um voluntário da comunidade foi designado para tomar conta do espaço.

“Os CIDs são muito importante para a comunidade porque é por intermédio deles que muitas pessoas têm acesso a serviços informatizados, facilitando, inclusive, o desenvolvimento de cada bairro. Nestes centros, cidadãos de todas as idades acessavam a internet, com a orientação de instrutores também responsáveis pelos cursos de informática em diversos níveis. O CID se caracteriza por ampliar as oportunidades de emprego e renda, facilitando o acesso à capacitação dentro das comunidades. Um levantamento está sendo feito e vamos reorganizá-los para que possam atender a comunidade de forma satisfatória”, afirmou o secretário de Desenvolvimento Econômico, Marcelo Fiorini.

Petrópolis possui um ambiente favorável para a tecnologia da informação devido às várias instituições de ensino e empresas de projeção nacional instaladas no município. Por isso, o governo possui o interesse em reativar o programa.Para a reativação dos CIDs, estagiários serão contratados.

“Estamos buscando parcerias, inclusive com universidades para que estagiários trabalhem nos centros ajudando a população no uso dos computadores. A intenção é a de retornar as atividades gradativamente, priorizando as comunidades mais carentes”, disse Darlan Mendes, diretor do departamento de Ciência e Tecnologia.

A Prefeitura de Petrópolis, em conjunto com a Fundação de Cultura e Turismo, preparou uma programação especial para a comemoração do Dia do Trabalhador (1/5). As atrações incluem shows, recreação infantil, mostra artesanal e serão no mesmo ambiente da Festa do Produtor, um ponto de encontro dos produtores rurais e criadores de animais que acontece desde o dia 24 de abril no Parque Municipal de Petrópolis em Itaipava.

No dia 1º, a cantora Preta Gil se apresenta às 19h em palco montado especialmente para a Festa do Trabalhador. Mas há programação o dia inteiro, com contação de histórias, pequenas esquetes infantis junto com a recreação, shows de bandas locais e venda de produtos rurais fabricados na cidade. A secretaria do Meio Ambiente também aproveita para promover os serviços de educação ambiental e distribuição de mudas de árvores nativas da região, enquanto a secretaria de Educação promove a contação de histórias em uma mini biblioteca que será montada em estande institucional da Prefeitura.

No dia 1º, a programação gospel terá início às 16h, com o DJ Alex Couto, e será seguido pela palavra do Conselho dos Ministros Evangélicos do Município de Petrópolis – COMEMPE – representado pelo pastor Adilson Luis da Silva. A cantora Fernanda Brum fará sua apresentação em seguida, às 17h. A banda de Pop Rock Naftalina vai se apresentar logo depois, às 18h30h, com repertório dos anos 70 e 80. Em seguida, o tão esperado show da Preta Gil e o Bloco da Preta prometem não deixar ninguém parado. Mas antes, quem faz uma aparição especial no palco é a atriz Camila Morgado. Em uma parceria com O Globo, Camila, que é petropolitana, vem mostrar para o público como ela ama a cidade, fazendo uma declaração de amor especial a Petrópolis. O evento faz parte das comemorações dos 170 anos da cidade.

festa do_trabalhador_1_20130429_1884637975O Bloco da Preta vai levar ao público uma verdadeira salada musical, com sucessos em ritmos brasileiros variados. Dentre as músicas que Preta Gil vai cantar estão “Sinais de Fogo”, “Stereo” e “Relax”, grandes sucessos da cantora, que vai rechear o show com músicas próprias e sucessos de outras bandas. A formação da banda é a seguinte: Fabio Lessa (baixo), Ricardo Marins (guitarra), André Fernandes (bateria), Ranieri Oliveira (teclado), Miguel (vocal) e Mestre Pablo à frente da bateria “Black Power”, com 10 ritmistas.

A ideia de criar o Bloco da Preta surgiu em 2009, quando a cantora levou seu show para a The Week, local com capacidade para 3 mil pessoas. A princípio era um projeto paralelo, para atender à demanda de shows no verão do Rio naquele ano, mas que devido ao grande sucesso do Carnaval virou um projeto para o ano todo e para todo o país. No carnaval de 2013, Preta Gil comandou o Bloco da Preta na Avenida Rio Branco, no Rio de Janeiro. Foram cerca de 300 mil foliões que acompanharam a cantora, num dos momentos mais emocionantes de sua carreira.

FERNANDA BRUM

festa do_trabalhador_2_20130429_1729996811A cantora Fernanda Brum, bastante esperada pela comunidade gospel, começou a cantar aos cinco anos de idade. Com uma voz privilegiada, ousou ao lançar seu primeiro álbum independente e impressionou o público de imediato. Casada com o produtor musical, pastor e cantor Emerson Pinheiro, a cantora já lançou 11 discos solo, sendo dois em espanhol e quatro DVDs. Seu mais recente álbum é o Liberta-me, lançado pela MK Music, que marca uma nova fase no ministério da cantora e também pastora.

FESTA DO PRODUTOR

destaque festa_produtorA Festa do Produtor vai até o dia 5/05 e está promovendo a exposição de produtos da região, hortifrutigranjeiros e agroindústria familiar. Mel da região, geléias, chutneys e uma série de delícias fabricadas em Petrópolis estão encantando moradores e visitantes. Os produtores também participam com exposição e venda de produtos naturais e artesanato local. A festa iniciou sua primeira etapa com a 7ª Expo Itaipava do Cavalo Campolina, que começou no dia 24 de abril no Parque Municipal. Na noite deste sábado (27/04), às 20h, há o leilão do Haras Chiribirinha, de Duas Barras, com a expectativa de comercializar quase R$ 1,5 milhão no leilão de animais da raça campolina. O evento está atraindo visitantes e empresários do ramo, promovendo a ocupação de hotéis e pousadas do município, assim como o aquecimento do setor gastronômico na região. Ao todo, 34 expositores de várias regiões do Rio, São Paulo e Minas Gerais, expõem seus cavalos e participam de torneios até o dia 28 de abril.

O tradicional parque de diversões Play City também já está montado no local e permanecerá até o dia 19 de maio, com brinquedos infantis e para adultos. Dentro da programação da Festa do Produtor, hoje se apresentam Pablo e Bernardo Rock Music. No dia 30 de abril é a vez de Márcio Alves, enquanto no dia 3 de maio Daniel Monnerat animará a festa. As apresentações são sempre às 20 horas.

RODADA DE NEGÓCIOS UNE PRODUTORES, HOTELARIA, RESTAURANTES E SUPERMERCADOS DA REGIÃO 

Com o objetivo de aproximar os produtores locais dos hotéis, restaurantes e grandes varejistas do ramo de supermercados, a Prefeitura e o Sebrae, juntamente com a Secretaria de Ciência e Tecnologia, Desenvolvimento Econômico e Agricultura, vão realizar, pela primeira vez, uma rodada de negócios para a área rural. O evento acontece no dia 2 de maio, de 10 ás 17 horas, para incentivar a criação de grandes parcerias.

Na rodada de negócios, são necessárias informações sobre os produtos e serviços a serem ofertados, o mercado de atuação, a capacidade de produção e o número de funcionários, entre outras. Com base nesses dados, é feita a análise do perfil da empresa que pretende participar como ofertante para verificar se é compatível com as demandas da empresa âncora ou demandante.

Informações no Disque Turismo: 0800 024 15 16.

Segunda, 13 Novembro 2017 - 18:50

Divulgados os nomes dos palestrantes do TEDx

Inscrições ainda estão abertas

Estudantes do ensino médio, universitários, empresários do setor de tecnologia e professores já podem fazer a inscrição para a 2ª edição do TEDx Petrópolis, no LNCC (laboratório Nacional de Computação Científica). O evento contará com doze palestras, divididas em três blocos, com foco em temas do setor de Tecnologia, Social e Científico. Os nomes dos palestrantes já foram confirmados.

O evento tem o apoio da Prefeitura através da Secretaria de Desenvolvimento Econômico. Cem vagas estão sendo disponibilizadas para o público e as inscrições podem ser feitas no site oficial do evento: www.tedxpetropolis.com

Temas ecléticos serão utilizados pelos palestrantes como Movimento Maker, Blockchain e Big Data (Tecnologia), Transgênicos e acelerador de partícula (Científico), além de questões de gêneros, e Fake News (social).

“Esse é um evento importante para o setor de Ciência e Tecnologia da cidade, um das vocações do municipio. Temos empresas importantíssimas atuando nesse setor e vários estudantes que estão se especializando para buscar uma oportunidade nesse campo de atuação. É um evento dinâmico e vale a pena conferir. A Secretaria de Desenvolvimento Econômico apoia as iniciativas inovadoras”, afirma o secretário de Desenvolvimento Econômico, Marcelo Fiorini.

“As inscrições continuam abertas. As principais levas de convites acontecerão até dia o dia 18, após isso será feita a distribuição de vagas remanescentes. Então é interessante que o pessoal se inscreva o quanto antes”, explica Yasmin Barros, co-organizadora do TEDx Petrópolis. 

Confira os palestrantes já confirmados:

Adriana Bonomo: vai falar sobre “As novas formas de combater o câncer.” Médica formada pela UFRJ, coordena a equipe de pesquisa de combate ao câncer da Fundação Oswaldo Cruz - FioCancer.

Cecília Kosmann: “Solucionando velhos problemas com novas tecnologias”. Formada em Ciências Biológicas pela UFSC, com mestrado em Entomologia pela UFPR e doutorado em Biologia Animal pela UnB. Pós-doutorado em Zoologia pela UnB e outro em Biociências pela UNESP.

Cezar Taurion: “Blockchain: o tsunami que está chegando!”. Sócio e líder de Corporate Ventures da KICK Ventures. Atua na área de TI desde o fim dos anos 70, com formação em economia e mestrado em Ciência da Computação. Foi ChiefEvangelist da IBM e diretor da PwC. Colunista da CIO Magazine e Computerwold Brasil. É autor de nove livros que abordam diversos assuntos tecnológicos como Big Data, Open Source/Software Livre e CloudComputing.

Cristina Tardáguila: “Fake News: A mentira na política”. Pós-graduada em Jornalismo pela UFRJ e pela Universidad Rey Juan Carlos de Madrid. Possui MBA em Mkt Digital pela FGV - RJ. Desde 2015, dirige a Agência Lupa, a 1ª agência de fact-checking do Brasil. Repórter e editora, trabalhou no O Globo e Folha de S. Paulo, além da revista Piauí. Autora do livro "A arte do descaso" (Ed. Intrínseca), a história do maior roubo a museu do Brasil.

Dayse Miranda: Científico: “A Vida é Cara! Salvar Vidas É Barato!”.  Socióloga e doutora em Ciência Política, coordenou a pesquisa “Suicídio entre profissionais de segurança no Brasil: uma análise institucional", autora do livro "Por que Policiais se Matam?", análise do comportamento suicida na PM do RJ.

Eduardo Lopes: “A impressão 3D e o futuro do consumo”. Arquiteto e empreendedor digital, pesquisa novos softwares de criação e o impacto na concepção arquitetônica contemporânea.
Doutorando em Arquitetura e Design pela FAU-USP, estuda a fabricação e o uso de braços robóticos. Em 2013 fundou o Garagem FabLab e desde 2016 é sócio do Olabi, laboratórios de fabricação digital pertencentes à rede mundial iniciada pelo MIT.

Flavia Bendelá:“Os impactos a indústria 4.0 na sociedade e na economia”. Doutoranda em Inovação pela Rennes Schoolof Business - FR e mestre em Administração pelo Ibmec RJ. É Conselheira do Distrito de Inovação de Petrópolis - DIP.

Giowana Cambrone: “Do tabu da normalidade: precisamos discutir sobre transexualidade”. Mestranda em Políticas Públicas e Formação Humana pela UERJ. Advogada, atuando em causas sociais defendendo o direito de minorias. Também é professora na Faculdade Facha - RJ. Giowana foi pioneira na luta pelo direito de usar o nome junto à OAB e desde então auxilia outras pessoas a conquistarem judicialmente o direito a ter suas identidades reconhecidas.

Marcia Tiburi: “Discurso de ódio” - Doutora em filosofia pela UFRGS. Publicou diversos livros de filosofia, entre eles  “As Mulheres e a Filosofia” (Ed. Unisinos) e "Sociedade Fissurada" (Ed. Record). Publicou também romances e livros pela editora SENAC-SP.

Marcos Vinicius Colaço: “Radiação Síncrotron: A "luz" dos Elétrons”. Doutorado em Física, é professor na UERJ com período sanduíche no Sincrotron Italiano Elettra e bolsa da IAEA/ICTP. Utilizou fontes de luz Síncrotron em diferentes áreas como odontologia e biologia. Sua linha de pesquisa aplica os potenciais de micro tomografia, difração e fluorescência de raios X nos mais diversos campos como anatomia, biomedicina e materiais luminescentes.

Nátaly Neri: “Afrofuturismo: A Necessidade de Novas Utopias”. Graduanda em Ciências Sociais pela UNIFESP - EFLCH, militante e focada na educação crítica com recorte étnico-racial. É idealizadora e produtora do próprio canal no Youtube - "Afros e Afins", onde estimula a autonomia financeira, intelectual e estética da mulher negra a partir de discussões sobre consumo consciente, racismo e empoderamento feminino.

Renata Rampim: “Internet das Coisas sem mistérios!”.Doutora em RFID pela UNICAMP, com estágio no InstitutPolytechnique de Grenoble - FR. Certificada internacionalmente CompTIA RFID+, ISCEA RFIDSCM – RFID Supply Chain Manager. Autora do livro "Internet das Coisas sem mistérios: uma nova inteligência para os negócios".

 

Serviço foi disponibilizado nessa semana

A empresa petropolitana FSI começou a fornecer internet de alta velocidade no prédio da prefeitura que funciona no Parque Municipal de Itaipava. A conexão via fibra ótica, garante 100% de estabilidade na conexão. Um estudo está sendo feito pela empresa para que, futuramente, a internet também possa beneficiar os usuários do parque.

No prédio da prefeitura funcionam um polo da Secretaria de Educação, protocolo geral da administração e a sede da Secretaria de Serviços, Segurança e Ordem Pública. O fornecimento está sendo feito de forma gratuita pela FSI. O contato com a empresa foi feito pelo departamento de Ciência e Tecnologia, da Secretaria de Desenvolvimento Econômico.

“Essa é uma das metas da secretaria, atendendo a uma determinação do prefeito Bernardo Rossi, melhorar o sistema de trabalho do funcionalismo e manter um diálogo constante com as empresas do setor, sempre pensando nos benefícios em favor do município”, afirmou o secretário de Desenvolvimento Econômico, Marcelo Fiorini.

O departamento de Ciência e Tecnologia está se aproximando das empresas provedoras de conectividade do município, entendendo os desafios do setor e buscando parcerias. “Graças ao apoio da FSI, um prédio da administração municipal que era mal atendido agora conta com internet de alta qualidade, o que facilita o trabalho dos servidores no atendimento dos departamentos que funcionam no local”, explicou o diretor do departamento de Ciência e Tecnologia, Darlan Mendes.

“A internet está sendo oferecida de forma gratuita em todas as salas do prédio. Essa é uma cortesia que tem como objetivo beneficiar o município. Estamos estudando uma forma para que o parque possa se beneficiar futuramente com a internet também. É importante destacar que a internet oferecida possui uma estabilidade maior, que suporta altas velocidades. O link da FSI tem redundância, ou seja, caso o link principal utilizado pelo provedor caia, ele é automaticamente substituído pelo link de redundância, o cliente nem sente que a internet caiu”.

A empresa petropolitana foi fundada em 2014 e possui clientes na região de Itaipava e no Rio de Janeiro, atendendo a residências e empresas de médio e grande porte.

O prefeito participou de um encontro com o General de Divisão Luis Henrique de Andrade, Chefe de Ensino, Pesquisa, Desenvolvimento e Inovação do Departamento de Ciência e Tecnologia do Exército. Na ocasião, o chefe do executivo, acompanhado pelo vice e pelos juízes Luis Claudio Rocha e Alexandre Teixeira, parabenizou os projetos e pesquisas realizados pelo IME – Instituto Militar de Engenharia e salientou o interesse em formalizar parcerias com a instituição de ensino para a realização de estudos e projetos que envolvem inteligência e pesquisas, como prevenção de catástrofes. O prefeito disse ainda que a cidade está de portas abertas para a instituição e agradeceu o suporte que o Exército Brasileiro tem dado para eventos como a realização do Dia Paralímpico, iniciativa da Secretaria de Educação que envolveu 200 alunos especiais em atividades na sede do 32º Batalhão de Infantaria Motorizado, realizado no dia 25 de outubro. O encontro aconteceu na sede da Chefia de Ensino, Pesquisa, Desenvolvimento e Inovação, no Rio de Janeiro.

Quarta, 12 Fevereiro 2014 - 08:44

Estrada da Saudade ganha CID reestruturado

Bairro será beneficiado com a Secom a partir de março

Os moradores da Estrada da Saudade comemoraram na manhã desta terça-feira (11/2) a inauguração do Centro de Inclusão Digital Osvaldo Cortásio. O espaço foi totalmente reestruturado pelo atual governo e conta agora com um projeto pedagógico e com uma parceria com a Fundação de Apoio à Escola Técnica (Faetec). Durante o evento, o prefeito Rubens Bomtempo anunciou que levará para o local a Sala do Empreendedor na Comunidade (Secom).

“Assim que assumi a Prefeitura visitei os CIDs e encontrei grande parte deles fechado e sem qualquer projeto. Hoje estamos dando um sentido maior a este espaço com uma proposta educacional e de prestação de serviços essenciais para os moradores, como é o caso da Secom. Com a sala do empreendedor vamos dar a oportunidade para que muitos trabalhadores da região saiam da informalidade e possam ter a chance de trabalhar, inclusive, para o setor público”, afirmou o prefeito.

O CID funciona no Clube Saudade e conta com oito computadores com acesso à internet. De acordo com o secretário de Ciência e Tecnologia, Airton Coelho, além de garantir aos moradores o acesso a vários serviços gratuitamente, a parceria com a Faetec vai garantir aos estudantes material didático e ainda a disponibilização de estudantes de informática para atuarem como monitores: “Os petropolitanos precisam de espaços como este, mas que funcionem. Esse é um novo momento para os CIDs”.

O vereador Luizinho Sorriso disse que esse projeto começou em 2010 com a proposta do governo passado de implantar um CID na comunidade. No entanto, não houve qualquer investimento por parte da Prefeitura na época: “Não ajudaram com a implantação de cursos nem com as máquinas”, lembrou.

“Esse foi um compromisso assumido pelo prefeito Rubens Bomtempo logo no início do seu terceiro mandato. Hoje estamos aqui abrindo novamente as portas desse espaço que vai garantir inclusão digital a todos os moradores da região. Só temos a agradecer todo o empenho e esforço desse governo”, disse o presidente da Associação de Moradores Marco Antônio Cesar.

Também participaram do evento secretários municipais, o presidente do Clube Saudade, Evandro de Oliveira, o padre André, que deu a bênção ao novo espaço, moradores da região e familiares do ex-morador da região Osvaldo Cortásio que foi homenageado pela Prefeitura em reconhecimento à dedicação em favor da comunidade.  

Pagina 5 de 13

Banner INFOS ATUAIS2

Notícias por data

« Agosto 2020 »
Seg. Ter Qua Qui Sex Sáb. Dom
          1 2
3 4 5 6 7 8 9
10 11 12 13 14 15 16
17 18 19 20 21 22 23
24 25 26 27 28 29 30
31            

Prestação de conta COVID-19

Alvará Online - BANNER

Casa dos Conselhos

DO

Cadastro da inscrição do IPTU para crédito da Nota Imperial

turispetro

iluminacao

balcao empregos

plano compras

portal transparencia

licitacao

Concursos

Casa dos Conselhos

ecidade

jrestaurativa

gabinete cidadania.fw

cpge

EOUVmunicipios

selo acesso_informacao.fw

Relatorio CMVP

cmv-logo