O prefeito conferiu na tarde de sexta-feira (17.01) os ajustes finais para a abertura da UPA Itaipava Padre Quinha, que será inaugurada neste sábado (18.01), às 9h30. A visita foi acompanhada do vice, do secretário de Obras. A unidade já está preparada para receber os pacientes e inicia os atendimentos neste sábado.  A unidade irá beneficiar 90 mil moradores da região dos distritos. A primeira unidade para atendimento de urgência e emergência dos distritos - com funcionamento 24h - começa a operar neste sábado, com equipes prontas para atender a partir das 8h. A abertura oficial, que contará com cerimônia de inauguração, será feita pelo prefeito.

A UPA Itaipava será administrada pelo Serviço Social Autônomo Hospital Alcides Carneiro (SEHAC), conforme acontece com as demais UPAs, Centro e Cascatinha. Uma Parceria Público Privada (PPP), possibilitou que o Grupo Petrópolis fizesse a doação de todo o equipamento e mobiliário necessário para a montagem da unidade, num montante de aproximadamente R$ 1, 8 milhão.

A unidade funcionará 24 horas para atender os casos de urgência e emergência, adulto e infantil. As equipes serão formadas por médicos clínicos, médicos pediatras, enfermeiros, técnicos de enfermagem, técnicos de RX e de laboratório de análise clinicas. Serviço de Urgência e Emergência de Itaipava funcionará no Centro do distrito, na Estrada União e Indústria, 11.175.

Cidade natal do campeão mundial de mountain bike cross-country, Henrique Avancini, Petrópolis está ainda mais fortalecida no cenário nacional do Mountain Bike (MTB) com a inauguração da Pump Track neste sábado (18.01), às 8h30, no Parque Municipal, em Itaipava. Aberta ao público e ao lado de uma pista de skate, o espaço representa um cenário democrático, de convivência e de crescimento cultural da bike. O equipamento atende atletas de MTB e de outras modalidades, como patins, skate e patinete.

A obra durou dois meses e ocorreu graças a uma parceria da prefeitura com a Red Bull - patrocinadora do atleta - e a LanceTracks, empresa especializada em construções de pistas. A pista em um equipamento do município facilita o acesso do público ao mountain bike.

Essa é mais uma ação da prefeitura para estimular a prática da modalidade em Petrópolis. A Copa Internacional de Mountain Bike (CIMTB), por exemplo, entrou para o calendário oficial de eventos da cidade. Após acontecer de maneira inédita no município em março do ano passado, a competição ocorre em 2020 nos dias 15, 16 e 17 de maio no Vale do Cuiabá.

Potencial nome para representar o Brasil nas Olimpíadas de Tóquio, Henrique Avancini ainda analisa a criação do local como ponto importante para crescimento da modalidade e também como uma vitrine para a formação de mais parcerias que incentivem o esporte ao redor do Brasil. "Percebi que o primeiro contato com o MTB costuma ser, para a maioria das pessoas, um pouco mais difícil, por demandar um local mais afastado, às vezes uma trilha, e o Pump Track quebra essas barreiras”, disse.

"A Pump Track é uma pista pequena onde o piloto usa a movimentação do corpo para dar impulso na bicicleta", explicou Henrique Avancini, que irá utilizar o espaço para seus treinamentos. "Petrópolis está cada vez mais fortalecida no cenário nacional do MTB. Essa é uma pista que exige o piloto construir velocidade, variar os movimentos, entender o tempo de reação dentro da pista", disse o atleta.

A mobilização para a obra emergencial no trecho final do túnel extravasor do Rio Palatinato começou nesta sexta-feira (17.01). Os trabalhos previstos para hoje foram prejudicados pela chuva e os funcionários voltarão ao local neste sábado (18.01). O prefeito  esteve na Rua Francisco Scali (Quissamã) e conversou com moradores e operários. O serviço inicial visa garantir a estabilidade das moradias que foram interditadas pela Defesa Civil e, em seguida, prevê intervenções nos trechos da galeria mais prejudicados pela chuva do início do ano.

O serviço é atribuição do Instituto Estadual do Ambiente (Inea) e foi pedido pelo prefeito diretamente ao secretário de Estado de Meio Ambiente e Sustentabilidade, Altineu Cortes, e o presidente do órgão, Carlos Henrique Vaz.

Pela manhã, o prefeito recebeu na prefeitura um morador da região para tranquilizar sobre o começo da obra. Prefeito ressaltou que buscou, desde o início do período de chuvas, que o governo do Estado realizasse intervenções no túnel extravasor e, agora, vai acompanhar cada passo do serviço.

“Nesse momento só posso agradecer porque nós, moradores, estamos sendo escutados. Estamos brigando por obras há mais de 20 anos. Agora estamos com essa situação emergencial e é bom que aconteça essa obra, mas depois disso, vamos continuar esperando pela obra definitiva”, disse o morador Hélito Fernandes Fraguas.

A expectativa é que esses trabalhos possam durar cerca de 45 dias. “Os pontos emergenciais são o local das casas e o buraco maior. Depois, vamos fazer a sondagem dos outros trechos do túnel”, explicou o superintendente Regional do Piabanha (SUPPIB-INEA), Edmardo Campbell.

A ambulância avançada do SAMU base Petrópolis já está rodando com o novo aparelho de eletrocardiograma interligado ao Instituto do Coração (Incor). Com a tecnologia, em poucos minutos é possível certificar se o paciente está sofrendo um infarto, ainda a caminho da unidade médica. Tanto o aparelho quanto o serviço de emissão do laudo do eletrocardiograma são fornecidos sem custos ao município, mais um avanço na área da saúde da cidade.

Para ter acesso à tecnologia, o SAMU Petrópolis se habilitou junto ao Incor e atendeu os requisitos para ganhar o aparelho, assim como toda a prestação do serviço de avaliação para resultado do exame.

O eletrocardiograma portátil é interligado a um aparelho celular. Médicos e enfermeiros socorristas do SAMU, - profissionais que podem atuar no socorro deste tipo de ocorrência, passaram por treinamento do Incor para sua utilização. Durante o atendimento, com a suspeita de infarto, é feita a reprodução gráfica da atividade cardíaca que é enviada via celular para uma central médica. Nesta central, um cardiologista faz a leitura do exame e em poucos minutos envia o laudo, também via celular, para os socorristas. Tudo por meio de um aplicativo, explicou o coordenador do SAMU, José Geraldo da Rocha. “Os 14 médicos e enfermeiros que atuam no SAMU Petrópolis já estão devidamente habilitados para usar o sistema”, informou o coordenador.

“Como este resultado, no caso positivo para o infarto, já iniciamos a medicação e chegamos na unidade de referência com o exame pronto. A rapidez neste atendimento pode evitar maiores complicações dos casos atendidos”, explicou a socorrista do SAMU, enfermeira Marcela Barcellos.

O SAMU base Petrópolis é administrado pela Secretaria Municipal de Saúde. Na unidade também funciona a Central de Regulação do atendimento das ambulâncias do SAMU de outros seis municípios da Região Serrana: Guapimirim, Cantagalo, Carmo, Sumidouro, São José do Vale do Rio Preto e Cachoeiras de Macacu.

Parte dos representantes da sociedade civil no Conselho Municipal de Proteção e Defesa dos Animais (Comupa) foi definida na Casa dos Conselhos na noite de quinta-feira (16.01). As duas cadeiras do segmento da Proteção Animal serão ocupadas por Fernanda Schimel e Andréa da Costa Santos, após um pleito com 58 votos. Outras cinco vagas da sociedade civil também foram definidas: Ongs (2), Associação de Moradores, Convention & Visitors Bureau e OAB-RJ. Restam cinco cadeiras que ainda serão definidas após novo chamamento público - nenhum representante desses segmentos compareceu à reunião. O conselho é composto, ao todo, por 24 membros - os outros 12 são do poder público.

Também ficou definida a data da primeira reunião do Comupa: 20 de fevereiro, às 18h, na Casa dos Conselhos. O primeiro mandato na presidência será exercido pelo poder público e terá duração de um ano. Após esse período, a sociedade civil assume a cadeira e fica com o mandato pelo mesmo tempo. Na sequência, haverá alternância de poder entre os representantes do governo municipal e da sociedade a cada dois anos.

Além da definição da Proteção Animal, as cadeiras das Ongs serão ocupadas pelo Gapa e a Dog's Heaven. Edna Queiroga, do Caxambu, ocupará a vaga das Associações de Moradores. Valdir Júnior é o representante do Conventions & Visitors Bureau. A cadeira da OAB-RJ será ocupada por Roberta D’Angelo.

Um novo chamamento público será realizado para outras cinco vagas, dos segmentos que não compareceram na eleição: Representante dos Médicos Veterinários; Instituição de Ensino Superior; Associação Comercial e Empresarial de Petrópolis; Comércio e Produtos para animais e Conselho Municipal de Saúde.

A lei de criação do Comupa foi sancionada pelo prefeito  em setembro do ano passado, buscando garantir a participação da sociedade civil na formulação das políticas públicas de proteção e defesa de animais domésticos e silvestres. Nele serão debatidas as campanhas que visam à proteção e defesa animal no município, assim como as medidas para a conservação da fauna silvestre e a manutenção dos seus ecossistemas.

Dentro do Comupa, também será criado o Fundo Municipal de Proteção e Defesa dos Animais (FMPDA), com seus recursos voltados para a elaboração de programas e ações indicados pelo conselho. O Fundo será regulamentado por uma resolução expedida pelo próprio conselho em um prazo de 90 dias. Os recursos serão provenientes da aplicação de multas, de doações de organismos nacionais e internacionais - públicas ou privadas - e dotações orçamentárias.

O processo de efetivação das matrículas dos novos alunos na rede municipal ocorrerá até o fim do mês de janeiro. A partir do resultado da pré-matrícula (disponível no site da prefeitura desde o dia 10 de janeiro), os pais ou responsáveis podem conferir o dia e o local onde será efetivada a matricula. Vale salientar que o planejamento foi feito pela Secretaria de Educação para facilitar a vida dos pais.

As escolas da rede municipal abrirão no dia 3 de fevereiro para atividades internas e as aulas com alunos começam no dia 4. No caso dos alunos que mudaram de escola ou que estão ingressando na rede municipal nesse ano, os pais e responsáveis não precisarão correr para comprar uniforme.  A mesma orientação serve para os materiais de uso básico dos alunos.

No período de pré-matrícula, a Educação recebeu 1.516 inscrições. No final de todo o processo, a expectativa é de cinco mil matrículas tenham sido feitas nesse ano – considerando as novas e transferências por terminalidade (quando o aluno é direcionado para outra escola por conta dos anos de atendimento. Exemplo: o aluno sai do 5º período em um CEI do município e é matriculado no 1º ano do ensino fundamental em outra escola).

Na segunda fase da matrícula – dias 29, 30 e 31 de janeiro, a Secretaria de Educação vai atender aqueles que se inscreveram na pré-matrícula, mas não conseguiram vaga em uma das três opções de escolas citadas. Nos casos em que o aluno foi direcionado para uma das escolas escolhidas, mas, os pais decidiram mudar de escola (apesar da escolha previa na pré-matrícula) após a divulgação do resultado, é importante que o responsável efetua a matricula na escola designada no resultado e retorne à Secretaria de Educação, na primeira semana de fevereiro, para tentar a transferência. Quem perdeu o prazo da pré-matrícula deverá esperar até a primeira semana de fevereiro e procurar atendimento na Secretaria de Educação.

Vale destacar que foram aceitas inscrições para 4º e 5º períodos da Educação Infantil; 1º ao 9º ano do Ensino Fundamental e 1ª a 9ª Fase da Educação de Jovens e Adultos (EJA - Noturno). O mesmo sistema de pré-matrícula registrou em 2016 o total de 900 novas inscrições para o ano seguinte e, em 2017, o número total de cadastro foi de 1.185 para 2018. Em 2018 foram 1.102 inscrições para o ano letivo de 2019.

Estão funcionando como polos de efetivação de matrícula: Casa da Educação Visconde de Mauá, Av. Barão do Rio Branco, 03 – Centro; Polo de Educação de Itaipava, Estrada União e Indústria, 11590 A – Itaipava (Shopping 2000, sala 105); CEU da Posse, Estrada União e Indústria, 746-844 – Posse; Escola Municipal Vereador José Fernandes da Silva, Rua Teresa, 1781; Escola Municipal Alto Independência, Rua Leonor Maia, 1670 – Alto Independência;  Colégio Anglicano de Araras, Estrada Bernardo Coutinho, 1643 – Araras e Escola São Geraldo, Rua Divino Espírito Santo, 740 – Carangola.

Os documentos necessários para a efetivação da matrícula estão discriminados no site da prefeitura.

Dúvidas podem ser esclarecidas na Secretaria de Educação – que fica na Rua da Imperatriz, nº 193, Centro - e no Polo de Educação de Itaipava - na Estrada União e Indústria, nº 11.590, sala 105. Informações adicionais também podem ser adquiridas através dos telefones: 2246 - 8683 e 2246-8685.

A Secretaria de Defesa Civil e Ações Voluntárias registrou a queda de uma barreira na Rua Lopes de Castro, no Valparaíso, nesta sexta-feira (17.01). Ninguém ficou ferido. O maior índice pluviométrico está registrado no bairro Vila Felipe, com 34 milímetros de chuva nas últimas quatro horas. A previsão indica a possibilidade de mais chuva para o fim de semana.

A Defesa Civil permanece em estado de atenção e todo o contingente de agentes – 55 pessoas – está de plantão para atender a população em caso de ocorrências.

Em caso de qualquer sinal de instabilidade no imóvel ou terreno, o morador deve ligar para o telefone 199 e pedir uma vistoria preventiva à Defesa Civil. A ligação e o serviço são gratuitos.

Os moradores do condomínio 3 do conjunto habitacional do Vicenzo Rivetti realizaram nesta sexta (17.01) o cadastro para que o recebimento de água e luz já esteja regularizado assim que se mudarem. São 300 famílias que receberão no dia 1º de fevereiro a chave da casa própria, com a entrega das primeiras unidades do condomínio.

O cadastro dos moradores foi feito durante o dia na Casa dos Conselhos, na sede da prefeitura. Estiveram presentes no local representantes da Enel e da Águas do Imperador, que prestarão os serviços de fornecimento de luz e abastecimento de água, respectivamente, para os moradores do conjunto. Além disso, quem possuía débito com alguma das prestadoras de serviço, pôde negociar e regularizar sua situação junto às empresas.

A doméstica Dulce Helena, de 56 anos, conta que espera há nove anos pela casa: “Eu morava no Alto Independência, minha casa rachou e perto dela havia uma árvore muito grande com risco de queda. Acabei indo morar no Floresta pelo Aluguel Social, após minha casa ser interditada e estou há nove anos na espera. Estou feliz pela conquista da casa, é uma sensação boa”, lembrou.

O conjunto habitacional do Vicenzo Rivetti é destinado para pessoas que ficaram desabrigadas por causa de chuvas no município e que se enquadram na faixa 1 do programa Minha Casa Minha Vida, com renda familiar de até R$ 1,8 mil por mês. São 18 blocos construídos em três condomínios – dois deles com 300 unidades e o último, com 176. Os apartamentos possuem 49 m² e contam com dois quartos, sala, cozinha/área de serviço e banheiro. Os condomínios ainda vão contar com áreas de lazer infantil e salão de festas. Das 776 moradias, parte será destinada para famílias que possuem pessoas com deficiência.

Ele começou a ser construído em 2013, mas as obras foram paralisadas pela empresa anterior já no ano seguinte. Só em 2017, já no governo Bernardo Rossi, os trabalhos ganharam ritmo.

Justamente no início de 2013, fortes chuvas atingiram a cidade e prejudicaram muitas famílias, como aconteceu com a cozinheira Sandra Santos, de 40 anos, que perdeu tudo após a parte da frente da sua casa ceder: “Nós morávamos na Rua Cuba, no Quitandinha e, com as chuvas em 2013, a parte da frente da casa desceu e perdemos tudo. Atualmente moramos no Samambaia com o Aluguel Social. Receber uma casa nova é gratificante, é uma sensação de alívio. Estamos contando os dias depois de tudo que passamos, dia primeiro de fevereiro às 9 horas estaremos lá”, contou ela empolgada.

O condomínio 3 está nos passos finais de acabamentos e limpeza dos blocos – este último trabalho assumido pelo município. O mesmo vai acontecer na sequência com os condomínios 1 e 2, que também terão sorteios realizados nas próximas semanas. A previsão de entrega das demais unidades é para o primeiro trimestre desde ano.

Quem precisa de informações sobre MEI pode procurar o atendimento oferecido pela Secretaria de Desenvolvimento Econômico na sede do Sebrae. A ação é provisória, até que o funcionamento do Espaço Empreendedor seja restabelecido, o que deve ocorrer na próxima semana. O Sebrae fica na Rua Nilo Peçanha, nº 54.

O atendimento ocorrerá de segunda a sexta-feira, das 10h às 17h. No local será possível ter acesso a informações sobre formalização, Declaração Anual de faturamento, alteração, baixa e parcelamento de MEI.

Outros serviços podem ser consultados pela internet. O Alvará Online pode ser obtido pelo site da prefeitura; a Nota Fiscal Eletrônica também está disponível no site da prefeitura; também pelo endereço online da prefeitura é possível cadastrar currículos, buscar profissionais ou consultar vagas disponibilizadas no Balcão de Empregos; também pela internet, é possível dar entrada na abertura de empresas por meio da Junta Comercial do Estado do Rio de Janeiro (www.jucerja.rj.gov.br); o registro de Microempreendedor Individual (MEI) também está disponível no Portal do Empreendedor (www.portaldoempreendedor.gov.br). Outras informações estão disponíveis no site: www.petropolis.rj.gov.br/espaco-empreendedor.

A Galeria Peter Brian Medawar, no Parque Municipal, em Itaipava, apresenta a partir desta sexta-feira (17.01) a série de exposições “Prata da Casa”. São artistas da cidade e convidados que participaram do projeto Atelier Aberto e do Curso de Desenho e Pintura, que acontecem no Centro de Cultura Raul de Leoni. São sempre dois artistas com estilos diversos que terão a chance de apresentar suas obras ao público. Iniciando a série de mostras, a Galeria apresenta os artistas Carlos R. Sardinha e Cineia Wendling. A exposição terá trabalhos produzidos ao longo de 2019.

Em “Prata da Casa”, a artista Cineia Wendling, que é aluna do Curso de Desenho e Pintura do Centro de Cultura, apresenta uma série de obras construídas por meio de tecidos padronados justapostos e costurados, formando composições abstratas. Já Carlos R. Sardinha, que é morador de Niterói, mas sobe a Serra exclusivamente para participar do Atelier Aberto, apresenta sua pintura que se destaca pela variedade e liberdade estilística.

A exposição poderá ser visitada desta sexta-feira (17.01) até o dia 29 de fevereiro, de segunda a domingo, das 9h às 17h. A Galeria Peter Brian Medawar fica na Estrada União e Indústria, 10.000.

Quatro agências bancárias foram autuadas nesta quinta-feira (17.01) por deixarem os clientes esperando por mais de 15 minutos para atendimento. Na fiscalização, a equipe do órgão de defesa do consumidor demorou 54 minutos para ser atendida em uma das unidades. O Procon retomou o serviço nos bancos, após receber várias denúncias através de seus canais, sobre irregularidade no atendimento. As ações acontecem desde 2017 e já apresentam um número bem menor de irregularidades, o que comprova a eficácia das operações que acontecem periodicamente.

Em Petrópolis, a lei que embasa as ações do Procon é 5.763/2001. Segundo ela, cabe às agências disponibilizar pessoal suficiente para atender em até 15 minutos seus clientes em dias normais e em até 30 minutos em dias anteriores e posteriores a feriados.

O tempo de espera das agências variou – uma agência atendeu em 3 minutos e outra em 54. O Procon já realizou mais de 248 fiscalizações em agências bancárias desde o início da gestão em 2017. Quando a fiscalização flagra a irregularidade por mais de cinco vezes, a agência pode ter seu alvará de funcionamento suspenso até que comprove ter capacidade de atender o que preconiza a legislação.

Denúncias sobre irregularidades podem ser feita na unidade do Procon que funciona na Rua Dr. Moreira da Fonseca 33, no Centro, ao lado da Câmara dos Vereadores. Os telefones para contato são o 2246-8469 / 8470/ 8471 / 8472 / 8473 / 8474 / 8475 / 8476 e 8477. Há, ainda, a unidade de Itaipava, que fica na Estrada União e Indústria 11.860, no Centro de Cidadania. Os usuários também têm como opção o WhatsApp Denúncia pelo 92257-5837 e o site www.petropolis.rj.gov.br/procon e o serviço de mensagens da página Procon Petrópolis no Facebook.

A equipe do Gabinete de Cidadania recebeu na tarde desta quinta-feira (16.01) doações de alimentos não perecíveis, biscoitos, equipamentos de limpeza, roupas para crianças e ração, de integrantes da instituição Rio Solidário. Os donativos serão destinados as famílias afetadas pelas fortes chuvas de verão que atingiram a cidade de Petrópolis neste início de ano. São 19 imóveis interditados pela Defesa Civil e 61 famílias cadastradas pela Secretaria de Assistência Social.

Integrantes da entidade subiram a Serra para entrega dos donativos. Ao todo, foram doados mais de 400kg de alimentos não perecíveis, 91 pacotes de biscoito, 27 itens de equipamentos de limpeza, 98 pacotes de ração animal, além 80 novas peças de roupa infantil.

A Coordenadora do Gabinete da Cidadania e a Secretária de Assistência Social receberam as doações, e ainda estudam como será feita a entrega para as famílias. Os itens de ração serão destinados a Coordenadoria de Bem-estar Animal (Cobea).

O Rio Solidário é uma instituição sem fins lucrativos que existe há 24 anos, e ajuda pessoas vulneráveis socialmente em todo o estado do Rio de Janeiro. A entidade atende desde a primeira infância até o público adulto com projetos de educação, capacitação e doações.

A diretora executiva da instituição, Juliana Dias, conta como foi a mobilização para arrecadar as doações: “Infelizmente os dias de janeiro tradicionalmente trazem muita chuva para o Estado, causando algumas tragédias. O Rio Solidário sempre se mobiliza para ajudar as pessoas e famílias que são afetadas pela chuva. Conseguimos dentro do que já possuíamos em nosso estoque de outras campanhas, junto com novas doações já neste ano, trazer esses donativos para as famílias petropolitanas”, disse.

Banner INFOS ATUAIS2

Notícias por data

« Janeiro 2020 »
Seg. Ter Qua Qui Sex Sáb. Dom
    1 2 3 4 5
6 7 8 9 10 11 12
13 14 15 16 17 18 19
20 21 22 23 24 25 26
27 28 29 30 31    

Prestação de conta COVID-19

Alvará Online - BANNER

Casa dos Conselhos

DO

Cadastro da inscrição do IPTU para crédito da Nota Imperial

turispetro

iluminacao

balcao empregos

plano compras

portal transparencia

licitacao

Concursos

Casa dos Conselhos

ecidade

jrestaurativa

gabinete cidadania.fw

cpge

EOUVmunicipios

selo acesso_informacao.fw

Relatorio CMVP

cmv-logo