20 pacientes foram agendados para o atendimento no centro cirúrgico nesta quarta-feira (28.08)

Com oito filhos, Cláudio Marques da Silva, de 46 anos, foi um dos 20 pacientes agendados para o mutirão de vasectomia realizado na última quarta-feira (28.08), no Hospital Alcides Carneiro (HAC). Com esses atendimentos, o hospital zerou a fila de espera pelo procedimento, que faz parte dos serviços oferecidos no Programa da Saúde do Homem desenvolvido na rede de atenção básica da saúde pública. Este é o terceiro mutirão, da atual gestão, específico para o procedimento em homens que passaram pela orientação do planejamento familiar, com acompanhamento de médicos, enfermeiros e psicólogos.

Esse é um serviço de grande importância que foi retomado e os mutirões têm sido alternativas para acelerar a realização desses procedimentos. Desde o ano passado, o  HAC reestruturou o serviço ambulatorial para o atendimento especializado ao homem, com o reforço do Programa da Saúde do Homem na unidade. A rede de atenção básica atua para o cuidado do homem, promovendo ações de sensibilização para que esse público seja mais frequente na rede de saúde, garantindo um cuidado preventivo.

A vasectomia é uma das vertentes do programa, que trabalha o planejamento familiar com os casais atendidos e busca maior envolvimento do homem na escolha pelo método contraceptivo. A medida visa oferecer alternativas menos complexas para as mulheres. Na saúde do homem é importante fazer a vasectomia, que é realizada no hospital, como parte das ações de planejamento familiar que o município precisa cumprir. O mutirão amplia o atendimento para o homem no  município.

Todos os pacientes que optam pela vasectomia passam por acompanhamento com os profissionais, junto com as parceiras, antes de tomarem a decisão pelo método.  Além de todos os exames de pré-operatório, o HAC e o Centro de Saúde realizam atendimentos com psicólogos. O paciente Cláudio Marques passou por todo o preparativo, mas a decisão de realizar já era certa. Com uma filha mais nova do segundo casamento, de 1 ano de idade, o porteiro tem outros quatro filhos do primeiro relacionamento e a atual esposa, também já tinha outros três. “Tomamos essa decisão em comum acordo, tendo em vista que a minha esposa teve complicações no último parto, então para não correr mais riscos, decidi fazer. E para mim é muito mais fácil”, destacou.

Com o mesmo pensamento, o pedreiro Adilson Mendes, de 39 anos, estava acompanhado da esposa, Natália Mendes para realizar o procedimento. O casal tem três filhos, o mais novo com oito meses de vida. “A decisão por eu fazer foi pela praticidade, é muito mais fácil para mim do que para ela. Esse mutirão foi muito bom”, disse o paciente ao lado da esposa, que estava aliviada por não precisar passar por outro procedimento cirúrgico: “A recuperação para as mulheres é mais complicada e como faria para cuidar dos meus filhos pequenos, que dependem de mim? Esse procedimento é muito bom para nós mulheres, que temos que apoiar nossos maridos nessa decisão”, enfatizou a dona de casa. 

Programa da Saúde do Homem visa atrair mais pacientes para a rede

De acordo com o levantamento da Área Técnica da Secretaria de Saúde o índice de atendimento a homens, na faixa etária de 15 a 59 anos, é de 20% se comparado com as mulheres, que representam 80% dos pacientes nas unidades. Nos primeiros seis meses do ano foram realizadas 65.138 consultas nas unidades básicas, dessas 13.092 foram para homens. As ações voltadas para o atendimento exclusivo do homem visam aproximar esse público da rede. A Secretaria de Saúde está atuando de forma intensificada para isso.

Termina nesta sexta-feira (30.08) o prazo para negociações de dívidas na segunda edição do Feirão Limpa Nome. Com oportunidades exclusivas de descontos e parcelamentos, as empresas já registraram abatimentos superiores a 90% do valor total do débito. São 24 instituições de diversos segmentos que disponibilizam equipes para fazer os acordos. O Feirão acontece das 9h às 16h, no prédio anexo à Prefeitura, no número 260 da Avenida Koeler. Até esta quinta-feira (29.08), o Limpa Nome já havia negociado com mais de 1.300 pessoas.

Para o último dia de evento, a expectativa é de movimento intenso durante todo o dia, por isso, a recomendação é chegar cedo. Participam do Feirão Santander, Bradesco, Caixa Econômica Federal, Itaú, Banco do Brasil, Oi, Claro, Tim, Vivo, Sky, Net, Tech Cable, Enel, Águas do Imperador, Casas Bahia, Ponto Frio, Bico da Bota, Stella Maris, Real Modas, Pirulito, Gisele Jeans, Ótica Obelisco, Universidade Católica de Petrópolis e Servir – empresa de cartões de crédito do Grupo Mil.

Quem conseguiu negociar seus débitos saiu feliz da vida. Esse é o caso da educadora Maria Glória Machado, moradora de Corrêas. Ela tinha um débito proveniente de uma dívida não paga há pouco mais de ano no valor de R$ 627,94. Negociando, ela conseguiu abatimento para a R$ 42,06 – apenas 6,69% do valor devido. “Nossa! Nem acreditei quando vi o desconto. Esperava pagar uns R$ 200 mais ou menos, mas o abatimento que consegui foi muito grande. Estou muito satisfeita”, comemorou.

Entre os registros de negociações feitos nesta quinta, estão de uma conta R$ 9.038,17 onde o cliente vai pagar R$ 452; outro de R$ 15.551,25 que ficou por R$ 336,25; um de R$ 6.601 cujo valor a ser pago é de R$ 300. A Vanessa Fernandes, por exemplo, moradora do Duarte da Silveira, estava com uma dívida de R$ 1.326 e conseguiu negociar para pagar R$ 150 referente a um débito com banco. “Fiquei sabendo do Feirão pela internet e estava ansiosa para poder vir a acertar minha vida. Consegui agora e posso dizer que valeu muito a pena”, contou.

O Limpa Nome também tem acordos agressivos de valores altos. De todo o feirão, o maior registrado foi de uma conta de 2007 com uma empresa varejista que, com o acúmulo de juros ao longo dos anos, chegou a R$ 1.235.148,00. No Feirão, foi acordado desconto de 99,98%, ou seja, a cliente vai pagar uma entrada de R$ 72,75 e outra parcela de R$ 157,25. Um outro registro alto é referente a uma conta corrente onde o cliente acumulava uma dívida de R$ 129 mil e acordou o pagamento de três parcelas de R$ 200.

“Os descontos são variados e de acordo com a dívida de cada pessoa. Avaliamos a condição do débito e conseguimos oportunizar descontos diferenciados. Estamos tendo grande sucesso com o Feirão, tendo sucesso na grande maioria das pessoas que buscam acordo aqui”, destaca o gerente de um dos bancos que participa do evento, Jorge Roberto Arruda.

Esse feirão tomou grandes proporções e está conseguindo regularizar a situação financeira de muitas pessoas. As pessoas relatam que elas tiraram um peso das costas, que agora conseguirão dormir em paz por ter se livrado dessa dor de cabeça – em alguns casos, dívidas de anos.

O Centro Integrado de Operações de Petrópolis (Ciop), com 56 câmeras instaladas em 46 pontos diferentes, é uma das ferramentas que contribuem para o município ser o mais seguro do Estado do Rio e, por isso, serve de referência para outras cidades que querem investir em monitoramento. É o caso de Queimados, que está no extremo oposto, segundo o Atlas da Violência 2019, com quase nove vezes mais casos de homicídios, e que teve representantes para conhecer o trabalho desenvolvido por aqui para poder implantar o mesmo serviço lá.

O monitoramento é realizado desde maio do ano passado. No primeiro ano de funcionamento das câmeras, o Ciop registrou 265 imagens de crimes ou suspeitas, que contribuíram com 15 prisões em flagrante ou após investigações feitas pela Polícia Civil.

Todo o processo de montagem da central de monitoramento, o termo de referência para orientar os estudos de Queimados, estão à disposição para que o bom serviço feito aqui possa ser replicado por lá.

“A integração tem sido uma marca do trabalho de toda a segurança pública da cidade. Na montagem do Ciop, foram ouvidos o comandante da PM, os delegados, também ouvimos os juízes, para planejar da melhor forma possível os locais onde deveríamos colocar as câmeras, de acordo com as manchas criminais. Essa proximidade tem funcionado muito bem”, explicou o comandante da Guarda Civil, Jeferson Calomeni.

Os secretários de Segurança e Ordem Pública, Sérgio de Souza Perfeito, e de Transportes e Trânsito, Allan Tavares Perfeito, estiveram na sala de monitoramento e foram apresentados para as funcionalidades que o sistema utilizado em Petrópolis possui. Um dos que chamou a atenção é a possibilidade de aplicar filtros para reduzir o tempo de investigações de imagens, que permite otimizar a busca por provas por parte da Polícia Civil.

“Gosto de ver o que está funcionando, ver coisas novas e tentar sempre fazer melhor. Nós queremos aproveitar essa visita para verificar como funciona o monitoramento daqui e pegar todas as informações possíveis que podem nos ajudar a levar essa ideia de instalação de câmeras também na nossa cidade”, disse Sérgio.

“Se a gente pegar o mesmo caminho que já deu certo aqui em Petrópolis, temos certeza de sucesso na nossa ideia de fazer monitoramento. É importante ter essas parcerias como estamos buscando aqui em Petrópolis para termos celeridade no nosso trabalho”, afirmou Allan.

Um dos maiores eventos católicos de Petrópolis já está com data marcada. No dia 6 de outubro, jovens peregrinos vindos de várias regiões participarão da “Adorai”, que este ano está comemorando 25 anos e conta com uma ampla programação em seis pontos da cidade. O apoio da prefeitura ao evento foi firmado nesta quarta-feira (28.08), durante uma reunião com o bispo da Diocese de Petrópolis; Dom Gregório Paixão e o Padre da paróquia do São Sebastião, Renato Gomes.

Durante o encontro, foram apresentadas todas as atividades que serão oferecidas no evento, que tem como tema “Cristo Vive – Ele é nossa Esperança”. Os jovens poderão participar dos espaços temáticos no Palácio de Cristal, Praça da Liberdade, Relógio das Flores entre outros. Nos locais terão movimentos com questões sociais como a violência contra a mulher, além de shows de cantores convidados. A expectativa é que a cidade receba mais de 10 mil jovens durante todo o Adorai.

O evento Adoraijá é um sucesso entre os jovens. Este tipo de programação é muito importante para o  município, pois os jovens se mobilizam em prol de uma boa causa.

O “Adorai” faz parte da Jornada da Juventude da Diocese de Petrópolis, que no ano passado reuniu jovens de várias paróquias em Magé.

“Quero agradecer em poder trazer para Petrópolis nossos eventos. Os jovens começam a chegar na sexta-feira e termina no domingo com o Adorai. Quero agradecer ao apoio não só pelo evento, mas por toda atenção em nossos pedidos para realização de eventos aqui na cidade”, frisou D. Gregório Paixão.

Ainda segundo o padre da paróquia do São Sebastião, Renato Gomes, o evento abre portas para cidade. “Agradecemos ao prefeito em acolher o Adorai que vai receber jovens de vários outros municípios. Esse apoio é muito importante para que não só os jovens, mas todos que estarão participando se sensibilizem com as atividades e seja um momento de muitas bênçãos”, finalizou o padre.

Conservar o patrimônio histórico, cultural, esportivo e artístico representado pela área de lazer do Parque São Vicente, no Quitandinha. Esse é o objetivo do projeto de lei do executivo que denomina logradouro público a rampa municipal de voo livre existente na localidade, que ainda será encaminhado para a Câmara de vereadores. A concessão de uso ainda está sendo discutida entre representantes dos grupos que representam os praticantes de voo livre.

Em uma reunião na noite desta quarta-feira (28.08) na prefeitura entre membros do governo e representantes da modalidade, foi explicado que o terreno foi desapropriado de maneira indireta, já que há mais de 40 anos o local é usado pelos moradores da cidade como área de lazer. Segundo o Petrópolis Voo Clube (PVC), a pista do Parque São Vicente existe desde 1977.

A desapropriação indireta acontece quando o governo toma posse do bem particular para uma finalidade pública, e após mais de 10 anos, esse proprietário perdeu o direito de requerer a indenização. Pelo tempo de uso pela população, a rampa do Parque se enquadra nesse perfil e a lei apenas irá denominar de forma oficial o logradouro público.

 Foi dado um prazo para que as entidades representativas das modalidades se manifestem se têm interesse em administrar a área, para ser incluída na lei a possibilidade de concessão diretamente a elas ou se deverá ser realizado um chamamento público.

O presidente do PVC, Cláudio Leal, contou que os eventos previstos para esse ano foram cancelados diante da incerteza sobre a utilização da pista enquanto área pública. "Será um passo importante para a modalidade. Com a lei, as competições podem retornar para o Parque São Vicente, que é considerada a vista mais bonita do Estado", disse.

Segundo o atleta petropolitano de voo livre Geraldo Magela, também é uma forma de incentivar o turismo naquela região. “São atletas de vários lugares do país que visitam a cidade com o objetivo de conhecer a pista. É importante ressaltar que a cidade tem as melhores condições de decolagem e de voo do Estado, além das belezas da nossa região”, explica.

 Obras para implantação do serviço pelos distritos seguem em ritmo acelerado

A obra de construção do prédio onde vai funcionar o serviço de urgência e emergência de Itaipava está sendo feita em ritmo acelerado. A unidade vai levar para os moradores dos distritos atendimento semelhante ao das UPAs Centro e Cascatinha. A expectativa é de que as obras sejam concluídas no fim do ano, beneficiando cerca de 90 mil pessoas de Itaipava, Pedro do Rio e Posse. Nesta semana, os profissionais atuam na preparação da rede de esgoto do local.

Esse novo serviço de urgência dos distritos vai agilizar o atendimento da população que mora nessas regiões mais distantes.

O novo prédio vai facilitar o acesso para a população dos arredores, sendo localizado em área central da região e próximo ao terminal rodoviário. Esse serviço vai dar grande suporte ao atendimento de urgência e emergência da cidade. Petrópolis vai passar a contar com três unidades para esse tipo de serviço.

O serviço contará com toda a estrutura de uma UPA, com salas amarela e vermelha, sala infantil, além de uma sala de medicação, nebulização e uma central de material esterilizado (CME). Atuarão no local 21 médicos clínicos, 14 pediatras, 36 técnicos de enfermagem, 14 enfermeiros, 4 farmacêuticos, 2 assistentes sociais, além de direção médica, coordenação de enfermagem, profissionais de radiologia e administrativo.

O projeto conta com as aprovações exigidas pela Vigilância Sanitária. A definição do imóvel garantiu ainda a parceria público-privada com o Grupo Petrópolis, que já garantiu R$ 1,5 milhão para a equipagem da unidade.

Ruas Washington Luiz, General Osório e Marechal Deodoro tiveram 42 pontos instalados

A prefeitura está dando sequência ao trabalho para tornar a rede de iluminação pública mais eficiente com a troca de lâmpadas comuns por LED. As ruas Washington Luiz, General Osório e Marechal Deodoro tiveram 42 pontos substituídos nas noites de terça e quarta-feira. Esta é a segunda etapa do serviço de instalação de LED, com previsão de serem colocadas 661 em 24 ruas.

Na noite da última terça-feira (27.08), foram substituídos 23 pontos na Rua Washington Luiz entre as Duas Pontes e a UPA Centro. Nesta quarta (28.08), foram mais quatro na mesma via, oito na General Osório (totalmente concluída) e sete na Marechal Deodoro.

Nesta quinta (29.08), o serviço continua na Rua Marechal Deodoro, onde serão instaladas nove luminárias, e será iniciado na Aureliano Coutinho, onde estão previstos 17 pontos. Já para esta sexta (30.08), a programação inclui a Rua Visconde de Bom Retiro.

Esse trabalho começou no ano passado, quando foram colocadas 340 luminárias em 15 ruas do Centro. No mês de junho, foram 15 pontos substituídos na Rua do Imperador, em frente ao Cefet.

O trabalho acontece sempre no período noturno por causa da menor movimentação de veículos. O serviço utiliza um caminhão-cesto e mobiliza dois funcionários entre 22h e 6h30. A tecnologia das luminárias de LED consome menos energia e demanda menos manutenções, ao mesmo tempo que promove maior iluminamento dos locais atendidos.

Após recolher cerca de 100Kg de lixo eletrônico em Nogueira, a Secretaria do Meio Ambiente volta ao bairro nesta sexta-feira (30.08), das 10h às 17h, para dar continuidade à campanha que acontece em parceria com a Recicla Ambiental – empresa de reciclagem que vai receber o material – além da Comdep e da Secretaria de Desenvolvimento Econômico. No ponto de coleta, as pessoas podem deixar diversos equipamentos eletrônicos, como celulares, computadores, câmeras digitais, notebooks e tablets, que estejam obsoletos ou com algum defeito e que não sejam mais utilizados.

A iniciativa tem o objetivo de conscientizar a população sobre a importância da preservação ambiental e o quanto esse material, caso seja descartado de forma incorreta, pode prejudicar a natureza. A campanha é uma das ações que fazem parte do projeto Inteligência Ambiental (IA) do setor de educação ambiental.

Com mais essa iniciativa com foco na preservação do meio ambiente, a prefeitura está cumprindo a Política Nacional de Resíduos Sólidos. Desde o início da gestão, a prefeitura está trabalhando pela preservação ambiental no município.

Além do recolhimento, a Secretaria de Meio Ambiente orienta a população sobre a importância do descarte correto do lixo doméstico e de preservar a natureza. A pasta realiza também o trabalho de orientação nas escolas e nas comunidades.

Em setembro, a campanha de recolhimento de lixo eletrônico acontece na Rua Paulo Barbosa, no Centro, nos dias 13 e 14. Iniciado no ano passado, o trabalho é realizado mensalmente na Praça Dom Pedro, no Centro, recolhendo mais de quatro toneladas de material até o momento.

Equipamentos eletrônicos podem causar a contaminação de solo e da água. É importante lembrar que esse tipo de lixo foi criado pelos seres humanos, e que é preciso descartar de maneira correta, sem prejudicar a natureza.

Aposentados e pensionistas do Instituto de Previdência e Assistência Social do Servidor Público do Município de Petrópolis (INPAS) irão receber, nesta sexta-feira (30.08) uma palestra sobre Mobilidade Urbana na Terceira Idade. O tema será abordado pelo diretor-presidente da CPTrans, Jairo Cunha, e pelo diretor técnico e operacional da companhia, Luciano Moreira. O encontro será realizado no auditório do INPAS, localizado no número 35 da Rua Alencar Lima – Edifício Cinda, sala 311.

Quinta, 29 Agosto 2019 20:08

Piquenique marca o encerramento dos GEDs

Mais de 200 estudantes participaram da Gincana Estudantil dos Distritos

Pela primeira vez, 15 escolas da rede municipal participaram dos GEDs - Gincana Estudantil dos Distritos, realizada pela Secretaria de Educação e organizada pelos diretores das escolas localizadas nos distritos. Através de encontros lúdicos, a gincana cumpriu com o objetivo de promover a interação entre os alunos e promover a pesquisa sobre temas diferenciados como Meio Ambiente e História. Para fechar com chave de ouro, um piquenique foi realizado com os alunos nessa quinta-feira (29.08) no Parque Municipal, em Itaipava.

Mais uma atividade de sucesso realizada com os alunos da rede municipal de Educação. Diretores e servidores se empenham e, com todo carinho, realizam ações que incentivam os jovens.

Durante a gincana foram realizados quatro encontros em formato de gincana: cada uma das 15 escolas levou para cada encontro três estudantes do 5º ano do ensino fundamental e eles responderam as questões elaboradas de acordo com temas pré-selecionados. Os temas dos encontros foram: História e Geografia de Petrópolis, matemática, Língua Portuguesa e Meio Ambiente.

Oportunidade única de entrosamento entre as escolas e que também serviu como incentivo. Os alunos pesquisaram sobre os temas, fizeram amizade com estudantes das outras escolas e se divertiram no piquenique no Parque Municipal.

O diretor da EM Monsenhor João de Deus Rodrigues, Ney Marcos de Paula Júnior, destacou a animação dos alunos. “Foi uma experiência enriquecedora tanto para os alunos quanto para as equipes das escolas, que montaram a gincana com muito carinho. As crianças adoraram”.

Participaram da gincana as escolas municipais: Amélia Antunes, Arnaldo Dyckerhoff, Augusto Pugnaloni, Avelino de Carvalho, Beatriz Zaleski, Carlos Canedo, Celina Schechner, Hildebrando de Carvalho, Liceu São José, Monsenhor João de Deus Rodrigues, Municipalizada Moysés Furtado Bravo, Oswaldo Costa Frias, Dr. Paula Buarque e Santa Terezinha.

Alunos de 48 escolas visitarão a feira

Iniciativa inédita, alunos da rede municipal terão a oportunidade de conhecer a XIX Bienal Internacional do Livro no Rio. A Secretaria de Educação vai possibilitar que 4.320 alunos, de 48 escolas possam visitar a XIX Bienal, que vai ocorrer entre os dias 30 de agosto e 8 de setembro, no Rio Centro.

Oportunidade única de aproximação com seus autores preferidos, conhecer a Bienal, os livros e os autores. Será uma experiência inesquecível para cada um deles.

As visitas ocorrerão do dia 30 de agosto a 8 de setembro. Cada aluno receberá um cartão bienal com valor R$ 11 que poderá ser trocado por um livro no evento. As escolas fizeram concursos internos para a seleção dos alunos que participarão da visita nesse ano – matriculados no segundo segmento do ensino fundamental.

A Secretara de Educação ofereceu para as escolas essa oportunidade porque quer que os alunos também tenham acesso a esse universo da leitura. Um grande desafio enfrentado pelos professores é aproximar os alunos da literatura e a Secretaria quer estimular esse hábito.

As visitas começarão nessa sexta-feira (30.08) e seguirão até o dia 6 de setembro. Os ônibus da Secretaria de Educação levarão os alunos para a bienal. Uma programação foi feita para garantir que todas as 48 escolas sejam atendidas.

Sobre a Bienal:

A Bienal do Livro Rio é o maior evento literário do país. Durante dez dias, o Riocentro sedia a festa da cultura, da literatura e da educação. Nos espaços dedicados às atrações, o público pode participar de debates, bate-papos com personalidades e escritores, além das atividades culturais que promovem a leitura. Em sua última edição, reuniu mais de 640 mil pessoas e 300 autores.

O Centro Cultural Estação Nogueira recebe, a partir da próxima terça-feira (03.09), a exposição “Cortransmitância”, do artista plástico Elias Seriato. A mostra conta com quadros com arte abstrata, em formatos geométricos, e também outros trabalhos que representam questões sociais, como a desigualdade racial. A exposição fica em cartaz até o dia 29 de setembro e tem entrada gratuita.

“A exposição é bastante interativa. Através de uma instalação com linhas, a proposta é de que o público interaja. E também abordo questões sociais, como relacionadas aos afrodescendentes no Brasil, a violência. Estou levando uma possibilidade de discussão”, frisa o artista, lembrando sobre as características da exposição: “Nessa fase, ‘Cortransmitância’ aponta para uma época de rápido desaparecimento da distinção entre os sexos, mas na qual ainda persiste a tensão entre estereótipos da cor. Evidenciando as velhas divisões, sejam sociais ou entre gêneros, colocando sob os holofotes o preconceito velado a um grupo historicamente estigmatizado por discriminação. A exposição propõe interação do público, que se tornará coautor da principal obra, uma instalação intitulada ‘Teia’, ao qual se dará forma até o último dia da exposição”.

Elias Seriato é radicado em Petrópolis. O artista iniciou sua carreira como desenhista de quadrinhos, depois pintor, derivando progressivamente para uma obra mais abstrata com vocabulário geométrico e pesquisa sobre a cor, transparências e texturas em trabalhos de grandes dimensões. Ele estudou Fundamentação da Arte em 2011 na EAV do Parque Laje e em 2016 se rendeu aos estudos de uma outra paixão, a Arquitetura e Urbanismo.

Segundo Seriato, desde 2018 o artista se dedica a três séries distintas, com destaque a “Cortransmitância”, na qual investiga formas e transparências com uso de materiais não convencionais para a finalização dos trabalhos, lhes atribuindo outros valores. “Entre os materiais estão plástico, ferro, linhas”, explicou.

O Centro Cultural Estação Nogueira é um dos principais centros culturais e durante todo este ano recebeu excelentes exposições. É uma forma de fomentar a cultura para os moradores dos distritos.

Quem quiser discutir os temas abordados na exposição pode entrar em contato com o artista pelo Instagram: @eliasseriato ou Facebook: facebook.com/eliasseriato. O Centro Cultural Estação Nogueira, que é mantido pelo Instituto Municipal de Cultura e Esportes, fica na Av. Leopoldina, nº 317 (Praça de Nogueira). A visitação pode ser feita de 9h às 17h, de segunda à sexta-feira, e de 9h às 14h aos sábados.

Evento reuniu mais de cem pessoas na Bohemia

Empreendedorismo, o mercado tecnológico e a importância da Inovação nos setores produtivos foram temas abordados durante a 4ª edição da Rio Info Petrópolis, realizada nessa quinta-feira (29.08) na Cervejaria Bohemia. O evento, realizado pela Rio Soft, com promoção da TI Rio e conta com apoio da Prefeitura de Petrópolis por meio da Secretaria de Desenvolvimento Econômico, Sebrae e universidades contou com mostra empresarial e sessão de negócios. Mais de cem marcaram presença no evento.

A inovação está em tudo e pode ajudar no desenvolvimento econômico de vários setores e é por isso que a Rio Info é tão importante, porque coloca estudantes, empresários, professores, universidades e o poder público para pensar nas novas tendências do mercado e o que pode ajudar o poder público na busca de resoluções.

O tema dessa edição foi: “A Cultura Digital e em Petrópolis, especificamente voltada para a criatividade e inovação”. Mais uma oportunidade para o poder público apresentar os destaques da Lei da Inovação, instrumento criado para incentivar a instalação de novas empresas da cidade. Petrópolis tem mão de obra especializada que é formada nas universidades especializadas, empresas, centros de pesquisas, ou seja, um ambiente atrativo para empreendedores.

Alberto Blois, um dos organizadores do evento e integrante da Rio Info, Rio Soft e TI Rio, agradeceu a participação dos petropolitanos no circuito Rio Info. “É uma honra estar em Petrópolis, mais uma vez, abrindo mais uma edição da Ri Info. Passamos por Nova Friburgo e Teresópolis e estamos fechando essa fase do circuito Rio Info com chave de ouro em Petrópolis. A inovação é o nosso foco e queremos estimular o crescimento da inovação em todos os setores no nosso Estado”.

A programação da Rio Info contou com uma mostra Empresarial Tecno-Científica de Petrópolis, com a participação de empresas e startups e sessão de negócios organizada pelo Sebrae, além de uma sessão do projeto Pitch Inova Petrópolis com apresentação de estudos realizados por estudantes da FASE, UFF, CEFET e Cenip, além de painel cobre Cultura Digital e Vocações de Petrópolis e oportunidades da economia criativa de Petrópolis e networking. O evento também contou com a “Mostra Hélice Tripla de Petrópolis”.

Os objetivos da Rio Info são: apoiar o ambiente de inovação na região; aproximar universidade e seus projetos ao mundo empresarial e de empreendedorismo intensivo em conhecimento; auxiliar no desenvolvimento de canais para a ampliação de negócios; aproximar empresariado da capital e do interior e desenvolver socialmente e economicamente o interior do estado do Rio de Janeiro.

Notícias por data

« Agosto 2019 »
Seg. Ter Qua Qui Sex Sáb. Dom
      1 2 3 4
5 6 7 8 9 10 11
12 13 14 15 16 17 18
19 20 21 22 23 24 25
26 27 28 29 30 31  

Alvará Online - BANNER

Casa dos Conselhos

DO

Cadastro da inscrição do IPTU para crédito da Nota Imperial

turispetro

iluminacao

balcao empregos

plano compras

portal transparencia

licitacao

Concursos

Casa dos Conselhos

ecidade

jrestaurativa

gabinete cidadania.fw

cpge

EOUVmunicipios

selo acesso_informacao.fw

Relatorio CMVP

cmv-logo