Município articula com a GE Celma que prestadores de serviços se instalem em Petrópolis

Tendo Petrópolis como a maior economia na Região Serrana e 8ª no Estado, a prefeitura quer potencializar o setor industrial na cidade para ampliar oferta de emprego para os petropolitanos. Hoje 23,36% do trabalho formal, de carteira assinada, gerado na cidade está nas indústrias. Neste sentido, a prefeitura trabalha para atualizar o Código Tributário Municipal, elaborando uma legislação que oferecerá incentivos para novas atividades, como, por exemplo, alíquotas diferenciadas para serviços aeronáuticos. O objetivo é manter e ampliar importantes atividades do setor, além de atrair novos empreendedores e prestadores de serviços agregados. O assunto foi discutido em uma reunião com o presidente da GE Celma, Julio Talon.

A GE é uma empresa muito importante para a economia da cidade. O município quer mostrar o que a prefeitura vem fazendo para incentivar a captação de novas empresas para a cidade e para articular com a GE, a possibilidade de que eles ajudem a trazer para Petrópolis seus fornecedores. Com isso, o objetivo é não só garantir os empregos que uma empresa do porte da GE tem, mas também ampliar as oportunidades de trabalho, instalando aqui na cidade empresas que hoje fornecem material para ela.

“A economia do estado vem dando sinais de recuperação, o que nos mantém otimistas. A GE Celma já privilegia a contratação de mão de obra local, a maior parte dos nossos prestadores são de Petrópolis. A iniciativa da prefeitura de criar uma política de incentivos para fortalecer o polo da indústria aeronáutica na cidade é positiva e muito bem-vinda”, avalia Julio Talon.

Com 1.800 funcionários distribuídos em quatro unidades, sendo três em Petrópolis e uma em Três Rios - esta última com apenas 20 do total de funcionários da empresa - a GE demonstra interesse em trazer para mais perto seus prestadores. “A prefeitura quer atrair as empresas parceiras da GE para Petrópolis e vamos auxiliar nesta articulação. Vamos envidar esforços não só para a manutenção dos empregos que temos hoje, mas também para a geração de novos empregos para os petropolitanos”, afirmou o presidente da GE Celma, que já está trazendo de São Paulo para Petrópolis o setor administrativo da empresa. Participaram também da reunião, os diretores tributário e financeiro da GE, Carlos Ramos e Tiago Fernandes.

As alterações na legislação municipal darão maior segurança jurídica para as novas empresas. A intenção do município é oferecer estímulos e incentivos para que a cidade se torne mais competitiva no mercado.

São alterações que estão sendo pensadas para manter a arrecadação do município e ao mesmo tempo tornar Petrópolis mais competitiva no mercado, principalmente no que se refere à instalação de empresas correlacionadas à aeronáutica. A prefeitura trabalha em uma inovação na legislação para oferecer estimulo máximo às empresas que quiserem se instalar na cidade.

A proposta de atualização do Código Tributário Municipal está sendo finalizada pela procuradoria Geral do Município para ser enviada para votação na Câmara de Vereadores.

Essa será a segunda ação voltada para a imunização e contará com serviços sociais para a população

A Secretaria de Saúde realiza mais um mutirão de vacinação neste sábado (31.8), para verificação das cadernetas de vacina de crianças, adolescentes e adultos. Os atendimentos serão na associação de moradores da comunidade Oswaldo Cruz – Rua Nossa Senhora Aparecida, nº 1 - Valparaíso - das 9h às 16h. Neste dia, serão disponibilizadas 500 doses de todas as vacinas de rotina, inclusive a contra o sarampo. Quem ainda não tiver sido imunizado contra a doença, terá a oportunidade de receber a dose da tríplice viral. A população terá acesso ainda a outros serviços de saúde tais como aferição de pressão arterial, glicose e teste rápido para a identificação de Infecções Sexualmente Transmissíveis (ISTs).

O evento contará ainda com o apoio da Secretaria de Assistência Social que vai oferecer atendimentos para orientação jurídica, nutricional, avaliação de perfil para a realização do Cadastro Único (CadÚnico) para acesso a programas sociais do Governo Federal e recreação infantil. Eventos como esse oferecem grande suporte para o alcance dessas comunidades com mais dificuldade de acesso aos serviços públicos. Neste dia o foco vai ser garantir a prevenção, promovendo a aplicação de vacinas importantes para imunizar a população, mas a prefeitura aproveitará a ocasião para oferecer outros serviços necessários para os moradores.

O evento na comunidade é aberto para toda a população. Serão disponibilizadas doses de vacinas de rotina, previstas no calendário vacinal, como Pneumo 10, Meningo C, Hepatite A, Hepatite B, Rotavírus, Febre Amarela, dT, DTP, dTpa gestante, Polio, Tríplice viral, HPV e Varicela. Tendo em vista o surgimento recente de casos de sarampo pelo estado, a equipe da Vigilância Epidemiológica atuar para que as pessoas que necessitem, recebam a dose. A recomendação para a imunização contra o sarampro é de que pessoas entre 1 e 29 anos e os profissionais de saúde recebam duas doses. Pessoas entre 30 e 49 anos, que ainda não foram vacinadas, precisam de uma única dose. Gestantes e pessoas imunodeprimidas não podem receber a vacina.

Será feita ainda a entrega das cadernetas infantis para as crianças que ainda não tiverem recebido o documento. Essa é a segunda ação especificamente para vacinas. É uma ação muito importante, em que é feita verificação das caderneta de vacinação e é garantido que a população esteja imunizada. A Secretaria de Saúde enfatiza que esse é um momento para se reforçar a prevenção contra o sarampo.

Assim como para todo tipo de imunização, a Secretaria de Saúde realiza ação de prevenção contínua contra o sarampo. As doses são disponibilizadas durante todo ano, nas 15 salas de vacina do município. “Durante essas campanhas aproveitamos para reforçar a imunização”, frisa a coordenadora da municipal de imunização, Simone Sisnando. No último mutirão, realizado em junho, cerca de 200 pessoas foram atendidas na comunidade do Bairro da Glória.

Para receber as doses das vacinas que estiverem pendentes é necessário apresentar a caderneta de imunização e documento de identificação com foto. Os profissionais da Vigilância Epidemiológica farão a verificação de todas as doses. Na ocasião, a pessoa que estiver em atraso com as vacinas, pode receber mais que uma dose se for necessário.

Na ocasião, as mães que estiverem sem as cadernetas dos filhos, devem apresentar o documento com as informações de imunização da criança e requerer uma caderneta padrão. Durante o mutirão será feita a entrega do documento para quem não o possuir.

Trabalho será feito pela Águas do Imperador para ampliar o abastecimento em 400 metros e atender pelo menos 20 famílias

Prefeitura também fez uma vistoria técnica com a concessionária para viabilizar o mesmo serviço na comunidade do Cantão, no Independência

Cerca de 20 famílias da Rua São Paulo, no Quitandinha, serão beneficiadas com a extensão da rede de abastecimento de água. As obras começam em breve. O trabalho será feito pela Águas do Imperador e vai percorrer 400 metros. O mesmo serviço começou a ser planejado para a comunidade do Cantão, no Independência. A prefeitura e a concessionária fizeram uma vistoria técnica no local e, agora, a empresa fará o levantamento necessário para viabilizar a extensão da rede.

Esses trabalhos fazem parte de um investimento de R$ 17,4 milhões por parte da concessionária Águas do Imperador, apenas este ano, para ampliar redes de abastecimento de água e coleta de esgoto. Em 2019, o planejamento prevê a expansão de 15 km de rede de água.

A extensão de rede representa um ganho muito grande para esses moradores, que vão ter a garantia da água tratada em casa, com abastecimento sempre. Eles vão contar com o serviço de qualidade e isso vai gerar um impacto muito positivo também na saúde dessas pessoas.

Na Rua São Paulo, os moradores são abastecidos com água de mina, o que pode gerar dificuldade em épocas mais secas. Por isso, a extensão da extensão é comemorada por quem vive há mais de duas décadas na região.

“É uma notícia maravilhosa. Tem anos que corremos atrás disso. Vai beneficiar muitos moradores aqui que já se cadastraram para receber a ligação com a rede e vai ajudar muito, porque na época que não chove, a gente fica prejudicado”, conta a costureira autônoma, Mônica Itaborahy Schneider.

A prefeitura também esteve com Águas do Imperador no Cantão, que fica no Independência, onde os moradores também solicitaram a extensão da rede de abastecimento. A concessionária vai fazer o estudo de viabilidade técnica ao mesmo tempo em que o Centro de Referência em Assistência Social (Cras) – inaugurado neste mês – fará o trabalho de inclusão de famílias no Cadastro Único (CadÚnico), porta de entrada para que moradores tenham acesso, por exemplo, à tarifa social de água.

A inscrição no CadÚnico pode ser feita por famílias com renda de até três salários mínimos e possibilita acesso a diversos programas sociais. No caso da tarifa social da água, é possível obter 50% de desconto para a primeira faixa de consumo (zero a 10 m³) mensal de água e esgoto.

Mais de 30 escolas e instituições participarão da programação especial em homenagem a Independência do Brasil, celebrada no dia 7 de setembro. Nesse ano quatro eventos serão realizados pelo poder público: Abertura Oficial, Desfila no Parque Municipal, em Itaipava, Ato Cívico, na Posse e o tradicional desfile no Centro Histórico.

Segundo a Secretaria de Educação, os eventos reforçarão as atividades que são promovidas nas escolas em homenagem ao 7 de setembro.

As instituições de ensino sempre organizam atividades diferenciadas nesse período para chamar a atenção dos alunos sobre esse momento histórico. A participação nos desfiles e no Ato é muito importante porque mostra para a comunidade as ações e preparação das equipes escolares nessa data.

Pelo cronograma elaborado pela Secretaria de Educação, serão realizados quatro eventos: a abertura ocorrerá na sexta-feira (30 de agosto), às 8h, na Praça dos Expedicionários; no domingo (1º de setembro) será realizado, às 9h, o desfile no Parque Municipal, em Itaipava; na Posse, o Ato Civico será na quarta-feira (4 de setembro), às 9h, no Ciep Gabriela Mostral e o tradicional desfile de 7 setembro (sábado), será às 9h, na Rua do Imperador.

Confira a programação:

Semana da Pátria 2019

30 de agosto (sexta-feira) – 8h - Abertura Oficial

Praça dos Expedicionários

1º de setembro (domingo) - 9h - Desfile Cívico em Itaipava

Parque Municipal

4 de setembro (quarta-feira) - 9h - Ato Cívico na Posse

Ciep Gabriela Mostral

7 de setembro (sábado) - 9h -Desfile Cívico no Centro

Rua do Imperador

O setor de fiscalização da Secretaria de Meio Ambiente notificou duas empresas por não apresentarem a documentação ambiental necessária para a extração de areia no Rio Piabanha, na Posse. Os donos dos estabelecimentos deverão apresentar os documentos no prazo de sete dias para comprovarem a regularidade da atividade. Caso contrário, eles podem ser multados no valor mínimo de R$ 6.800. Este foi o resultado de uma operação realizada nesta quarta-feira (28.08) pelos fiscais do Meio Ambiente em parceria com policiais da 106ª Delegacia de Polícia (DP) de Itaipava.

A ação teve início na Posse e se estendeu até Itaipava, verificando a regularidade da documentação, da extração e o cumprimento das condicionantes estabelecidas nas licenças ambientais. Ao todo, foram fiscalizadas quatro empresas do ramo. O trabalho em conjunto também será realizado em outros bairros do município para coibir os crimes ambientais na cidade.

A atividade é exercida, geralmente, através de balsas e é realizada com a dragagem da areia do leito do rio.  Quando realizadas de forma ilegal, podem causar diversos prejuízos ambientais. "Podemos citar a supressão de vegetação, alterações das margens do rio, erosão do solo e construções irregulares que servem de apoio", explica o chefe do setor de fiscalização de Meio Ambiente, Miguel Fausto.

O telefone para denúncias da Secretaria de Meio Ambiente é 2233-8180 e pode ser realizada por qualquer pessoa de forma anônima. O setor de fiscalização organiza um cronograma para atender as demandas recebidas.

Feirão Limpa Nome é a oportunidade para regularizar situação financeira com 24 empresas

Pagamentos de contas em dia, histórico de dívidas negativas, relacionamento financeiros com empresas e bancos são fatores determinantes para a pontuação do “Score”. Na prática, o Score de crédito é a reputação do cidadão como comprador, o que significa que quem mantém em dia suas contas, consegue melhores financiamentos e linhas de créditos mais atrativos. Numa escala de 0 a 1000, quanto maior for a pontuação, maior também é a reputação daquela pessoa enquanto pagador.

Isso significa que se uma pessoa teve o nome negativado do SPC ou Serasa e não regularizou sua situação junto à empresa, mesmo depois de cinco anos quando o nome sair deste cadastro, a reputação dessa pessoa continua baixa. A dívida não deixa de existir e a empresa pode fazer a cobrança com juros e negar qualquer outro pedido de crédito. E é justamente para ajudar que a população regularize essa situação que o Feirão Limpa Nome está sendo realizado. Desde segunda-feira, as 24 empresas que mantém o estande na Casa dos Conselhos – prédio anexo à Prefeitura, que fica no número 240 da Avenida Koeler.

O Feirão Limpa Nome trata da saúde financeira do cidadão. Foram reunidas 24 grandes empresas onde há grande número de endividados para que possam fazer essa negociação. Tirar o nome do cadastro de negativados, regularizar sua situação econômica, enfim, conseguir recuperar o crédito na praça para poder voltar a consumidor de maneira saudável. Oportunizar isso é importante porque está se falando, também, do desenvolvimento econômico da cidade. São vários fatores atrelados, que acarretam em um bom caminho para Petrópolis de maneira geral.

A recuperação de crédito foi o fator determinante para que a dona de casa, Mariluce Fernandes, moradora do Morin, buscasse o Feirão. Ela conta que uma dívida antiga que levou seu nome a ser negativado seis anos atrás ainda gera dor de cabeça. “Meu nome entrou e saiu do SPC, mas a empresa continua cobrando e isso é ruim porque além dessa dor de cabeça de ter essa dívida, também não consigo crédito para comprar as coisas, ter um cartão de crédito ou abrir um crediário. Sem dúvida esse será um passo fundamental para isso”, explica.

Priscila Neves, atendente da Câmara de Dirigentes Legistas (CDL) – instituição parceira do Feirão –, explica que tirar o nome do cadastro de negativados é um passo importante para recuperar esse crédito. “Toda vez que alguém deixa de pagar uma conta, atrasa a data, paga o mínimo do cartão, por exemplo, o Score diminuiu e ao pagar a conta, ele aumenta. Então, quando há regularidade nas contas, a possibilidade de conseguir crédito, seja ele com um cartão ou até financiamento imobiliário, são bem maiores”, explica.

Para o cabeleireiro Mailson Rodrigues, o Feirão Limpa Nome foi a oportunidade de ter suas contas em dia e recuperar o crédito na praça. Ele conta que não consegue abrir contas em bancos e nem fazer crediário devido a uma restrição em seu nome por uma empresa de telefonia. Na negociação realizada, ele conseguiu abatimento de mais de 50% no valor total da dívida. “Isso, sem dúvida, será fundamental para mim, pois vou conseguir recuperar meu nome e meu poder de compra”, destacou.

As atividades oferecidas nas Academias da Saúde serão realizadas no Circuito Imperial de Lazer da Rua do Imperador no próximo domingo (01.09), data em que se comemora o dia do professor de educação física. São aulas gratuitas de yoga, pilates, step, capoeira, dança de salão e de alongamento, além de barracas com shiatsu, fisioterapia, florais e fitoterapia. A zumba será por conta da Academia Korper. Para o público infantil, o Sesc Rio vai oferecer recreação, oficinas e brincadeiras. As ações são abertas para a toda a população e acontecem de 9h às 14h.

O evento tem o objetivo de mostrar para a população os serviços oferecidos pelas Academias da Saúde no município. Elas são parte da rede de atenção básica, da Secretaria de Saúde, com atendimento complementar aos usuários do sistema público de saúde. O esporte é um dos principais aliados da saúde e da qualidade de vida. Será uma oportunidade para os petropolitanos conhecerem os serviços das Academias da Saúde.

O Circuito Imperial de Lazer funciona aos domingos no trecho entre a Praça Dom Pedro e o início da Rua Marechal Deodoro com atividades esportivas e de lazer. A iniciativa é realizada em parceria da prefeitura com o Sesc Rio, Unopar, Universidade Cruzeiro do Sul e Estácio de Sá, que disponibilizam professores e estagiários para o espaço.

A Superintendência de Esporte e Lazer vai conseguir agregar várias atividades esportivas e de lazer para atender toda a família. A ideia é manter a população da cidade mais ativa. A pasta está pensando em fazer em outros locais de fácil acesso, como os parques no Centro e no distrito.

Além das atividades na Rua do Imperador, o novo percurso do Circuito Imperial de Lazer da Av. Barão do Rio Branco - começando na Av. Ipiranga, também vai funcionar de 7h às 14h. Também são opções de lazer o Parque Municipal, em Itaipava, e o Parque Natural, no Centro, para quem gosta de correr, andar de bicicleta ou de andar de skate.

Programação com mostra das melhores criações e premiação

Vídeos serão apresentados no Festival de Cinema de Petrópolis

Integrantes das 35 escolas que participarão do Festival de Vídeo das Escolas da Rede Municipal marcaram presença na oficina de roteiro e produção, realizada pela equipe de Projetos da Secretaria de Educação. As dicas foram dadas pelo cineasta e roteirista Marcelo Caldas, nessa quarta-feira (28.08) no Liceu Municipal Prefeito Cordolino Ambrósio. O tema o festival nesse ano será: "Qualidade de vida na comunidade com sustentabilidade". Os melhores vídeos serão premiados durante uma cerimônia. As produções também serão apresentadas durante o Festival de Cinema de Petrópolis.

Serão premiados os cinco melhores vídeos das categorias: Alunos do 1º segmento; Alunos do 2º segmento; Ensino médio; Educação Especial e EJA. O objetivo é o de promover a integração entre as escolas, motivar o exercício da leitura crítica da mídia televisiva e a produção audiovisual com foco nas atividades pedagógicas voltadas ao currículo escolar. A data limite para entrega dos vídeos finalizados será 27 de setembro.

Informar e sensibilizar proprietários de terras sobre a importância da criação de Reservas Particulares do Patrimônio Natural (RPPNs) para a proteção da Mata Atlântica. Esses são os objetivos de uma palestra promovida pelo Instituto Estadual do Ambiente (Inea), com o apoio da Secretaria de Meio Ambiente, neste sábado (31.08), às 10h, no auditório da Apa-Petrópolis em Itaipava (ao lado do Corpo de Bombeiros). Durante o evento, dúvidas sobre os documentos necessários e especificações sobre mapeamento também poderão ser sanadas.

Em Petrópolis são 12 RPPNs - cinco elaboradas pelo governo federal, quatro pelo Estado e três municipais. Segundo estudo realizado pelo Inea, o município possui 11.471 hectares de florestas em áreas privadas, o que indica um potencial para o estabelecimento de RPPNs. Também são parceiros da iniciativa o Refúgio de Vida Silvestre Estadual da Serra da Estrela (Revisest) e a Reserva Biológica Estadual de Araras (Rebio-Araras).

É uma forma do morador contribuir para a proteção dos ecossistemas locais e regionais. É importante ressaltar que o proprietário do terreno ganha alguns benefícios, como isenção de impostos sobre a terra.

Como tem caráter perpétuo, as RPPNs - mesmo no caso de venda - continuam sendo uma unidade de conservação (UC) e deve ser preservada. Novas reservas podem melhorar ainda mais a posição de Petrópolis no ranking do ICMS Verde. Petrópolis é a melhor colocada da Região Serrana na classificação do ano passado – 8ª entre as 92 cidades do Estado do Rio de Janeiro.

A preservação das áreas verdes é uma das prioridades da gestão. A excelente colocação do município no ICMS Verde e o aumento na arrecadação indicam que o trabalho realizado dentro das áreas de preservação de Petrópolis está sendo bastante efetivo.

Outras unidades de conservação de Petrópolis são o Parque Natural, no Centro, o Monumento Natural da Pedra do Elefante (MONA-PE), no Taquaril, o Parque Nacional da Serra dos Órgãos, a APA Petrópolis, a Reserva Biológica de Araras, a Reserva Biológica do Tinguá e o Refúgio de Vida Silvestre da Serra da Estrela.

Para ajudar na criação de uma RPPN, o Inea faz o reconhecimento da reserva por meio de portaria definitiva publicada no Diário Oficial do estado. Além disso, o instituto oferece suporte técnico, com apoio ao georreferenciamento da propriedade. Tudo será apresentado para quem participar da palestra.

"As RPPNs são importantes ferramentas de gestão para a preservação de ambientes naturais, podendo trazer algumas estratégias de negócios para os proprietários", completa a chefe da Rebio-Araras, Isabela Bernardes.

Inscrições estão abertas para evento que acontece em setembro

Estão abertas as inscrições para a XII Conferência Municipal de Assistência Social, que vai ser realizada nos dias 20 e 21 de setembro. Quem tiver interesse em participar do evento tem até o dia 13 de setembro para se inscrever na sede da secretaria do Conselho Municipal de Assistência Social – Rua Barão do Rio Branco nº 2846, Retiro, Petrópolis, no 2º andar -, pelo site da prefeitura http://www.petropolis.rj.gov.br/pmp/, o telefone 2233-8125. Nesta edição a conferência terá como tema “O direito do povo com financiamento público e participação social”.

Realizada a cada dois anos, a Conferência é aberta para a sociedade civil, profissionais de Assistência Social, representantes de entidades e organizações relacionadas, representantes dos poderes executivo, legislativo e judiciário, educadores e participantes de conselhos. Esse é um evento de grande importância para se discutir as ações que já existem e fortalecimento de políticas públicas em assistência social.

O evento terá abertura no dia 20 de setembro, às 19h, na Casa dos Conselhos - na Avenida Koeller, 260- Centro, onde haverá palestra e debate sobre o tema central.  No dia 21 de setembro, no sábado, os profissionais e participantes em geral vão participar de grupos de trabalho para discutir e propor ações para o estabelecimento de políticas públicas em assistência social no município. O segundo dia de conferência vai concentrar as ações no Laboratório Nacional de Computação Científica (LNCC), no Quitandinha.

O tema apresentado para a discussão pretende debater sobre a garantida do direito da população com o financiamento público e participação social por meio das entidades representativas da sociedade civil. A partir das discussões será definida proposta de ação a ser levada para as conferências estadual e federal. “Essa é uma oportunidade para se discutir ações a serem implantadas no município, no sentido de estabelecimento de políticas públicas consistentes para a cidade”, destaca o presidente do CMAS, Rodrigo Lopes.

Petrópolis está entre os cinco, dos 92 municípios, classificados pela Secretaria de Saúde do Estado

O serviço de atenção básica oferecido pelas 44 equipes de saúde da família no município, está entre os que recebeu melhor avaliação da Secretaria de Saúde do Estado. Petrópolis é o único município na região serrana a se destacar no Programa Estadual de Financiamento da Atenção Primária à Saúde (PREFAPS).  A cidade também está entre os cinco melhores classificados, entre os 92 municípios do Estado. Para conferir esse trabalho de perto, o prefeito esteve nesta terça-feira (27.08), no Posto de Saúde da Família (PSF) do Bataillard, um dos que contribuiu para que Petrópolis recebesse a avaliação positiva do Estado. O título vai gerar benefícios para a cidade, cerca de R$ 500 mil, para mais investimentos na rede.

O PSF do Bataillard atende cerca de 500 pessoas mensalmente entre consultas médicas, procedimentos, atendimentos em programas de saúde e em residências. A unidade conta com um médico, dois enfermeiros, um auxiliar, cinco agentes comunitários de saúde e equipe de apoio administrativo. O PSF tem capacidade de atender 3,5 mil moradores da comunidade.

“O atendimento é muito bom, venho sempre aqui, é muito importante esse serviço para a comunidade. Se não tivesse o posto seria muito difícil. Aqui faço todos os meus exames de rotina”, destaca a moradora, Diva Moreira, de 69 anos. O morador Jorge Canuto da Silva, de 54, teve que amputar um dedo e recorre ao atendimento com frequência. “Se não fosse esse posto eu teria perdido o meu dedo, tenho feito todo o meu acompanhamento aqui. Para a comunidade esse atendimento é muito importante. É uma estrutura excelente”, disse.

Na unidade, além dos atendimentos médicos e com nutricionistas são realizados procedimentos como aferição de pressão arterial, glicose, retirada de pontos, curativos, nebulização, além de atendimentos em grupo e nos programas de saúde como de gestantes, saúde escolar, hipertensão, diabete, planejamento familiar e alimentação saudável. 

Serviço de atenção primária é avaliada pela primeira vez no estado

Na primeira classificação realizada pela Secretaria de Estado de Saúde, Petrópolis consegue boa avaliação, que vai gerar mais recursos para avanços nos serviços já oferecidos. A equipe do PSF Bataillard é uma das 44 da rede de saúde da família que atuam em 37 unidades em toda a cidade atualmente. Cada equipe trabalha com a capacidade de atendimento de 3,5 mil pessoas ao ano por região. A avaliação quadrimestral do Programa Estadual de Financiamento da Atenção Primária à Saúde (PREFAPS) vai garantir mais investimentos para a rede. Os R$ 500 mil repassados ao município serão destinados a melhorias em infraestrutura e manutenção de insumos para o atendimento nas comunidades. Petrópolis recebeu essa boa avaliação logo na primeira classificação realizada pelo programa no Estado.

Quando Carine da Conceição saiu de casa nesta terça-feira (27.08) com a expectativa de negociar seus débitos e ter seu nome limpo, mal poderia esperar que o acordo chegasse a tamanho desconto. Com débito acumulado de 21 mil, fruto do gasto desenfreado com um cartão de crédito  e  juros que foram acumulando,  a possibilidade de quitar o débito foi ficando cada vez mais distante. “Até que fiquei sabendo do feirão e vim aqui negociar. Foi um desconto de 97% no valor da dívida. Vou pagar R$ 620. Saio daqui aliviada, realizada. Aprendi a minha a lição”, conta.

Como Carine, outras 260 pessoas buscaram o Feirão Limpa Nome neste segundo dia para regularizar sua vida financeira. São pessoas com histórias distintas, mas que, em comum, têm a vontade de quitar suas dívidas, regularizar seus débitos e ficar com o nome limpo na praça. E a oportunidade para fazer isso com as 24 empresas participantes vai até a próxima sexta-feira (30), das 9h às 16h, na Avenida Koeler, 260 – prédio anexo à Prefeitura.

São casos como o da agente comunitária Regiane Novena, moradora de Itaipava, que fazem do feirão um sucesso. Ela não escondia sua felicidade pela renegociação de sua dívida com o carnê de uma loja da cidade. Regiane conseguiu um desconto de 94,7%: o valor caiu de R$ 2.188 para R$ 140. “Estou muito feliz com a negociação. Pude até escolher o dia de pagamento. A negociação foi muito vantajosa. Agora vou aproveitar para negociar débitos com outras lojas”, contou ela, sorridente.

As empresas que estão participando são os bancos Santander, Bradesco, Caixa Econômica Federal, Itaú e Banco do Brasil; as empresas de telefonia, internet e TV à cabo, Oi, Claro, Tim, Vivo, Sky, Net e Tech Cable; as concessionárias Enel e Águas do Imperador; as varejistas Casas Bahia e Ponto Frio; as sapatarias Bico da Bota, Stella Maris e Real Modas; as lojas de vestuário Pirulito e Gisele Jeans; a Ótica Obeslico; a Universidade Católica de Petrópolis negociando dívidas de alunos e ex-alunos, e a Servir – empresa de cartões de crédito do Grupo Mil.

A aposentada Angela Catarina da Silva, moradora do Chácara Flora destacou: “precisei fazer uma obra e gastei mais de R$ 120 mil. Para concluir precisei pegar um empréstimo e acabei ficando sem emprego na época e doente. Hoje a dívida chegou a mais de R$ 18 mil – um valor que eu não conseguiria pagar nem se parcelasse. Mas vim aqui, negociei e saio com a minha vitória. Vou pagar R$ 1.762. Estou muito feliz”, comemorou.

Prefeitura discute com subsecretaria de Habitação construção de moradias com recursos do Estado e implantação de programa voltado para idosos

A prefeitura busca, dentro da política habitacional do município, novos modelos de projetos que possam ser implantados na cidade. Nesta terça-feira (27.08), a Secretaria de Obras, Habitação e Regularização Fundiária se reuniu com a Subsecretaria de Habitação do Estado (ligada à Secretaria de Cidades do Estado) para debater a construção de casas com recursos estaduais e ainda um programa voltado para moradias destinada a idosos. Também foi realizada uma vistoria em dois terrenos do Estado onde serão construídas moradias em Petrópolis – em Benfica (Itaipava) e na Mosela.

“É importante a gente ter essa visão conjunta do trabalho da prefeitura de Petrópolis e do governo do Estado para ver quais as soluções que se aplicam em cada realidade. E, com isso, tentar, de alguma maneira, intervir com sucesso na questão habitacional do município”, disse o subsecretário de Habitação do Estado, Fabio Quintino. 

Uma das propostas consideradas é a utilização de recursos do Fundo Estadual de Habitação de Interesse Social (Fehis) para a construção de moradias. Esse fundo é voltado para erguer casas para famílias de baixa renda. O subsecretário de Habitação do Estado, Fábio Quintino, solicitou que o município apresente um plano de ação que possa contemplar o número de famílias a serem beneficiadas, a retirada de pessoas de áreas de risco e formas para coibir a ocupação irregular.

Outra ideia levantada foi um projeto para implantar uma Vila da Melhor Idade (VMI), que busca construir casas para idosos com foco na convivência com outras pessoas, proporcionando assistência necessária a elas.

“Há uma possibilidade de implementação de um projeto habitacional de apartamentos ou casas com recursos oriundos do Fehis e também a possibilidade de um projeto de criação de habitação para a terceira idade, que seria um programa implementado pelo governo do Estado. Nós estivemos olhando alguns terrenos para implantação desse projeto”, afirmou a subsecretária de Obras, Habitação e Regularização Fundiária, Raquel Motta.

Os moradores das comunidades Águas Lindas e Calembe, em Nogueira, receberam as equipes do programa Defesa Civil na Sua Casa para vistorias preventivas nesta terça-feira (27.08). Os técnicos realizaram 15 atendimentos somando as duas localidades, e a partir de agora, os relatórios serão encaminhados para as pastas e órgãos responsáveis. A iniciativa da Secretaria de Defesa Civil e Ações Voluntárias tem a finalidade de trabalhar antecipadamente nos bairros, atendendo a população durante o período de estiagem.

A equipe também realizou uma ação de orientação aos moradores sobre os riscos de deslizamentos, preservação das fontes de águas, construções irregulares entre outros. Os agentes foram acompanhados pelo representante da Associação de Moradores de Águas Lindas, Carlos Eduardo França Vianna, que destacou a presença da Defesa Civil na localidade, agindo de forma antecipada.

“Dessa forma, podemos evitar tragédias e salvar vidas.  Em 2015, por exemplo, aconteceu uma barreira enorme na Rua J, que assustou a todos os moradores”, lembrou Carlos Eduardo, que levou as equipes também até a Estrada do Palmital, local em que já ocorreu deslizamentos de terra.

"Ações simples podem salvar vidas. Essa troca de informação com pessoas técnicas, preparadas, ajuda a todos os moradores. Conseguimos mostrar para os técnicos todas as nossas necessidades e isso é muito importante para o bairro", completa o presidente da associação.

O Defesa Civil na Sua Casa já levou técnicos para a Comunidade do Alemão, Neylor, Siméria, Duarte da Silveira, Vila Operária em Cascatinha, João Xavier e no Bairro da Glória. São mais de 60 atendimentos previamente realizados somando esses locais. 

Na atual gestão, a prefeitura criou planos de contingencia para as ameaças de inverno e de verão, além de realizar treinamentos com os moradores periodicamente. Um calendário está sendo elaborado pela Secretaria de Defesa Civil e Ações Voluntárias para atender as comunidades do município. Os interessados em receber o programa no seu bairro podem ligar para o (24) 2246-9291 e agendar o atendimento dos técnicos da Defesa Civil. 

Oportunidade para alunos do 6º ao 9º ano da rede municipal de Educação

Espanhol, música, graffiti, dança, teatro, desenho técnico, automaquiagem, judô, acompanhamento pedagógico, artesanato e informática. Esses são os cursos que ainda tem vagas disponíveis no Centro de Ensino Darcy Ribeiro, da Secretaria de Educação. As vagas são para o turno da manhã e voltadas para alunos do 6º ao 9º ano da rede municipal de Educação.

As matriculas podem ser feitas na própria unidade de ensino que funciona na Estrada Machado Fagundes, nº 326, Cascatinha.

Também há vagas para capoeira e cozinha experimental. Para matrícula é necessário estar cursando o ensino fundamental II e levar os documentos: cópia da certidão de nascimento, 2 fotos 3x4, declaração da escola e cópia do comprovante de residência. O atendimento ocorre de segunda a sexta-feira, das 9h às 15h. Informações adicionais podem ser adquiridas através do telefone 2246-2392.

“O Centro de Ensino Darcy Ribeiro está de portas abertas para receber os novos alunos”, garante a diretora do Centro de Ensino, Carla Vianna.

As partidas de vôlei da fase final dos Jogos Estudantis Unificados de Petrópolis (Jeups) começam na próxima quinta-feira (29.08).  Serão realizados 36 jogos até o próximo sábado (24) no Centro de Iniciação ao Esporte (CIE), no bairro Caxambu. Mais de 150 atletas, nas categorias sub-13, 15 e 18, devem participar das disputas da modalidade.  Este ano o Jeups bateu recorde de adesão com 50 escolas inscritas. A tabela com toda a programação das modalidades pode ser encontrada no site da prefeitura (www.petropolis.rj.gov.br).

Nesta fase final, acontecem 212 partidas em cinco modalidades, com a participação de 247 equipes, reunindo cerca de 2 mil alunos. Esses números comprovam o fortalecimento dos jogos estudantis na atual gestão. Em 2016, apenas 19 escolas participaram. Em 2017 foram 41, no ano passado 44 e, neste ano, com 50, os jogos chegaram ao maior número de instituições inscritas na história.

São oito equipes classificadas em cada categoria dos esportes em quadra – no entanto, o basquete, no sub-18 masculino, e o futsal, no 15 e 18 masculino, são 16 escolas. Após a realização do vôlei, será a vez dos jogos de handebol, que também acontecem no CIE.

Além delas, o apoio ao Banco de Sangue Santa Teresa é a novidade para 2019. As instituições de ensino que levarem o maior número de pessoas para a mobilização ganharão pontos equivalentes aos esportes em disputa. Serão aceitas doações até o dia 30 de setembro. “Como as escolas podem conseguir pontos, a gente acredita que a campanha vai aumentar o número de doações diárias durante a segunda fase", disse Vinicius Paulo Neves Pereira, captador de doações.

Outra novidade é o projeto Selecionados Jeups. Serão formadas seleções com os principais atletas das categorias sub-15 e 18 no basquete, handebol, vôlei e futsal (apenas no feminino, já que no masculino a Liga Petropolitana de Desportos representa a cidade). Uma comissão de professores está avaliando o desempenho dos estudantes, que serão selecionados após o encerramento de cada modalidade.

Resultados foram apresentado para diretoras da rede municipal

Para fortalecer a meta de alfabetização na rede municipal de Educação, a Secretaria de Educação realizou, em julho, uma avaliação diagnóstica das turmas de 3º anos de 97 escolas. A intenção foi a de levantar os pontos positivos e as intervenções necessárias para fortalecer o ensino e formular formações para os gestores específicas para o próximo ano. Os resultados foram apresentados para os gestores das unidades escolares nessa terça-feira (37.08). Participaram da prova, 3.478 alunos de 149 turmas. Os resultados foram entregues para as equipes gestoras das escolas que poderão realizar atividades direcionadas de acordo com os índices alcançados nos quesitos linguagens e matemática.

Banner INFOS ATUAIS2

Notícias por data

« Agosto 2019 »
Seg. Ter Qua Qui Sex Sáb. Dom
      1 2 3 4
5 6 7 8 9 10 11
12 13 14 15 16 17 18
19 20 21 22 23 24 25
26 27 28 29 30 31  

Prestação de conta COVID-19

Alvará Online - BANNER

Casa dos Conselhos

DO

Cadastro da inscrição do IPTU para crédito da Nota Imperial

turispetro

iluminacao

balcao empregos

plano compras

portal transparencia

licitacao

Concursos

Casa dos Conselhos

ecidade

jrestaurativa

gabinete cidadania.fw

cpge

EOUVmunicipios

selo acesso_informacao.fw

Relatorio CMVP

cmv-logo