Mantendo a política de austeridade e honrando o compromisso de manter em dia o pagamento dos salários de servidores, ativos e aposentados, a prefeitura vai adiantar 25% do 13º salário no pagamento deste mês. Os vencimentos – já com o reajuste de 4,3% -  serão depositados nesta quarta-feira (31.07). A antecipação vem somar a outras ações da atual gestão em benefício dos servidores públicos, como a liberação de licenças prêmio, quinquênios, regularização de férias, enquadramentos por formação e por tempo de serviço para funcionários da Saúde e Educação, aposentadorias e adequação da previdência e abono por permanência. Além de outras em andamento, como a criação do PCCS da Comdep e a promoção automática da Guarda Civil e o pagamento de triênios. A antecipação de parte do 13º foi anunciada nesta segunda-feira (29.07) em reunião com sindicatos que representam servidores públicos do município. Comissionados terão os vencimentos depositados na semana que vem.

O município já quitou R$ 77,8 milhões, de um total de R$ 119 milhões em dívidas trabalhistas acumuladas em gestões passadas. Outros R$ 63,6 milhões foram gastos com a concessão de benefícios como incorporações de abono para a Guarda Civil, regularização de férias, enquadramentos do PCCS da Educação, progressão funcional aos servidores da Saúde, aposentadorias e adequação da previdência dos servidores, entre outros benefícios. A gestão está concluindo o pagamento de quinquênios para 2.600 servidores.

Os benefícios já concedidos pelo município como enquadramentos, regularização de férias, liberação do FGTS de servidores que está retido na Caixa desde 1986,  ressaltando ainda que em outras frentes, o município também atua para avançar na criação de um grupo de trabalho para dar andamento aos triênios e de um grupo de estudos para avaliar os impactos do RETH para servidores da Educação.

“O adiantamento do 13º é uma boa notícia, mas para os servidores da educação, o principal avanço é vermos que este governo descongelou o PCCS da Educação e está reafirmando seu compromisso de começar a descongelar os triênios, assim como já foi feito com os enquadramentos”, disse a representante do Sindicato dos profissionais da Educação (Sepe), Rose da Silveira.

O presidente do Sindicato dos Servidores Públicos do Município (Sisep)  Oswaldo Magalhães, destacou que além do reforço financeiro na conta do servidor, a antecipação do 13º confirma o compromisso do governo com a categoria.  “A antecipação é muito bem-vinda, em especial em tempos de crise. Mas, mais importante do que isso, é que o pagamento dos 25% nos traz uma expectativa positiva sobre as contas. A antecipação aponta que o município continuará a cumprir a meta de manter em dia o pagamento dos servidores”, avalia Oswaldo Magalhães. 

As novas entidades que farão parte do Conselho Municipal de Saúde  (Comsaúde) foram eleitas no último sábado (27.07). Os novos conselheiros tomarão posse no próximo dia 13 de agosto, em primeira reunião após pleito, quando também será definido o próximo presidente da entidade. Com maior número de cadeiras, agora com 32 representantes, o órgão também passa a ter um maior tempo de mandato, sendo de quatro anos.

De acordo com o regimento do Comsaúde, o próximo a ocupar a presidência será indicado pelo governo municipal, tendo em vista que a última escolha para presidente, há dois anos, foi feita por representantes da sociedade civil. O mandato de presidente do órgão tem duração de dois anos.

No sábado (27), foram eleitos representantes da Associação de Moradores Santa Edwiges, Associação de Moradores Presidente Sodré, Associação de Moradores do Bairro da Glória, Associação de Moradores Manoel Torres, Associação de Moradores Bairro Primeiro de Maio, União Distrital das Associações de Moradores, Mitra Diocesana de Petrópolis, União Nacional LGBT-Petrópolis, Associação Pró-saúde, educação, esporte e lazer Yedda Granato (Seelyg), Ordem dos Advogados do Brasil Seção-Petrópolis, APAE, Frente Nacional de Combate ao Câncer, Gruparj, APPO, Instituto Alliance e Sindicato dos Empregados no Comércio de Petrópolis.

Entre os trabalhadores na Saúde, passam ter representatividade o Sindicato dos Médicos de Petrópolis, Sociedade Médica de Petrópolis, Asbantho, Associação Petropolitana dos Agentes Comunitários de Saúde, Associação Brasileira de Enfermagem, Conselho Regional de Petrópolis, Sindicato dos Servidores Públicos e dos Trabalhadores nas Entidades Paraestatais do Município de Petrópolis e Sindicato Empregados em Estabelecimentos Serviço de Saúde Petrópolis.

Entre os prestadores de serviço, entidades de ensino e pesquisa estão o Ambulatório Escola da FMP/FASE, Centro de Terapia Oncológica, Hospital Clínico de Correas e a Faculdade Medicina de Petrópolis. "Com esta eleição, o processo de alteração do Conselho foi concluído. A primeira mudança foi a alteração no número de cadeiras passando de 24 para 32 cadeiras, desta maneira ampliou-se a participação popular. O segundo foi passar de dois para quatro anos o mandato dos conselheiros, iniciando em agosto de 2019 e terminando em agosto de 2023", explica o atual presidente do Comsaúde, Rogério Tosta.

"Ao contrário do que muitos possam comentar, o mandato de quatro anos garante ao Conselho dar continuidade na política pública de saúde e isto é uma grande conquista, pois com a mudança de governo aquilo que for bom para o município deve continuar e ser ampliado, deixando de ser apenas um programa de governo para saúde, para ser uma política pública passando de governo para governo".

O recorde de movimento durante a Bauernfest – com 450 mil visitantes – foi só um dos inúmeros motivos pelos quais o turismo tem considerado a alta temporada de 2019 o melhor período para o setor de, pelo menos, os últimos 10 anos. Neste mês de julho a ocupação hoteleira continuou superando as expectativas, mesmo depois da festa, e no Centro Histórico, por exemplo, a taxa chegou a 99% no último fim de semana, com 98% em todo o município. Outra prova de que o setor está em alta é a mais recente atualização do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged), divulgado pelo Ministério do Trabalho, revelando que o setor de serviços, que inclui meios de hospedagem e alimentação, gerou 177 empregos em junho. Em todo primeiro semestre foram 480 novos empregos.

Em toda alta temporada – de maio a agosto -, Petrópolis deverá ultrapassar 1 milhão de visitantes no período. O número é metade do que o município recebe anualmente. O clima frio, mas sem chuvas na maior parte do tempo; os eventos, cada vez maiores e com mais qualidade; as férias escolares; o fortalecimento de novos circuitos e opções de turismo – como Vale do Amor e os circuitos rurais, como de Secretário; além do cervejeiro, estão entre as principais razões para o setor ser, hoje, uma das principais fontes de renda da cidade.

De dez anos pra cá, a cidade já aumentou em 50% o número de hotéis e pousadas. Atualmente, Petrópolis conta com 117 meios de hospedagem, sendo 31 hotéis, 71 pousadas, quatro resorts, três SPAs, sete hostels, e um flat , com 6.325 leitos disponíveis. Dez anos atrás, a cidade registrava 78 meios de hospedagem.

“Eu realmente confirmo que este ano estamos tendo um julho muito forte, muito bom. Pelo menos nos hotéis que eu administro tenho tido uma taxa de ocupação mais alta do que nos últimos anos. Lembrando que julho sempre é um mês muito forte pra hotelaria em Petrópolis. E é importante salientar também o acerto em relação à Bauernfest, uma festa mais extensa, onde tudo correu muito bem, os turistas gostaram muito. Acaba sendo também um fator de propulsão pra julho já começar com o pé direito. Aliado a uns dias frios, de inverno, tudo conspirou a favor. Temperaturas agradáveis e dias bonitos”, frisa o proprietário do Casablanca Koeler, Flávio Abi Daud.

Em 2018, a atividade turística no município gerou 4.458 empregos diretos, com trabalhadores em hotéis e pousadas, por exemplo, um aumento de 6,3% em relação ao ano anterior.

Empresas de telefonia, internet e TV a cabo também confirmaram a participação na segunda edição do Feirão Limpa Nome, marcado para acontecer entre os dias 26 e 30 de agosto, entre 9h e 16h, na sede da Prefeitura. São sete empresas que, na primeira edição, foram responsáveis por 30,8% das renegociações: Oi, Claro, Tim, Vivo, Sky, Net e Tech Cable, que prometem oferecer descontos de até 90% para quitação de débitos. A ação, organizada pelo Procon, tem o Santander, Bradesco, Caixa, Itaú e, pela primeira vez, Banco do Brasil, também confirmados. Outras empresas estão negociando para fazer parte do grupo.

Na primeira edição, quase 900 pessoas negociaram um valor superior a R$ 2,5 milhões. A média de acordo girou em 86% de desconto, mas, em alguns casos, os abatimentos chegaram a 99%, como a de um uma consumidora que conseguiu negociar uma dívida de R$ 10.571 para pagamento de uma única parcela de R$ 104,17. Para negociar com as empresas é só comparecer dentro do horário, retirar uma senha e aguardar ser chamado. É importante levar cobranças antigas e documentos de identificação com foto.

Novidade nesta edição é que os consumidores poderão contar com a Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL) para consultar se o consumidor está com o nome negativado junto ao Serviço de Proteção ao Crédito (SPC Brasil) e por qual empresa. Essa inclusão atende a uma demanda percebida na primeira edição, onde muitas pessoas sabiam que estavam com o nome negativado, mas desconheciam qual empresa havia colocado o nome no cadastro. Além disso, a OAB está homologando os acordos junto com os fiscais do Procon e a UCP vai participar com estudantes de direito dando auxílio nas dúvidas dos consumidores.

Com o objetivo de fomentar ainda mais os investimentos em novos negócios e pequenos empreendedores, o valor mínimo inicial do microcrédito ofertado através da AgeRio, no Espaço Empreendedor (EE), passou de R$ 3 mil para R$ 5 mil.  No local, também são oferecidos outros serviços como esclarecimento de dúvidas sobre como abrir um novo negócio, MEI, Alvará, Nota Fiscal Eletrônica, incentivos fiscais, entre outros. Só este ano, até o mês junho foram 7.688 atendimentos, o que significa um aumento de 69,7% em relação ao mesmo período no ano passado. O serviço no EE ocorre de segunda a sexta-feira, das 10h às 17h, no Centro Administrativo Frei Antônio Moser – Avenida Barão do Rio Branco, nº 2846.

Com o novo valor do microcrédito inicial, o microempreendedor pode investir ainda mais no seu negócio, melhorando infraestrutura, serviço, espaço, matéria-prima, além de estar movimentando a economia do município.

Entre os vários serviços oferecidos pelo Espaço Empreendedor, os empresários podem contar com os serviços sobre Mais Valia (Secretaria de Obras), Departamento de Trabalho e Renda, Posturas e IPTU (Secretaria de Fazenda), atendimento ao produtor rural, Secretaria de Assistência Social e Secretaria de Meio Ambiente.

Além do espaço físico para atender os empresários, a prefeitura lançou em maio, o espaço virtual, o site do Espaço Empreendedor, onde estão disponíveis todas as informações da cidade e de como abrir o seu próprio negócio. No site, as pessoas podem conferir conteúdos sobre alvará on-line, Incentivo fiscal, Jucerja entre outros. O endereço eletrônico é www.petropolis.rj.gov.br/espaco-empreendedor.

Com a retomada das aulas da rede municipal de ensino nesta terça-feira (30.07), CPTrans e Guarda Civil se preparam para atuar no trânsito do município, minimizando o impacto causado por conta das viagens às escolas. São cerca de 42 mil estudantes só da rede municipal, que precisarão se deslocar.  Por conta disso, a data será marcada pelo reforço no contingente, com mais de 50 agentes de trânsito e guardas civis atuando na ordenação no trânsito. A Companhia Petropolitana de Trânsito e Transportes também determinou às empresas de ônibus a recolocação de veículos que foram suprimidos no período de férias, retomando à normalidade nos horários e itinerários das linhas.

A Guarda Civil estará com duas equipes na realização da Ronda Escolar, sendo uma deslocada especialmente para atender as unidades de ensino dos distritos de Itaipava, Pedro do Rio e Posse. São 17 profissionais se revezando em turnos para atender às 182 unidades municipais de ensino. As equipes também podem atuar na ronda de escolas do estado e particulares quando são solicitadas para o trabalhar nesses locais.

Pelo planejamento, os profissionais serão destacados para controlar o tráfego em pontos identificados como de maior fluxo de passagem de veículos, como na Mosela, próximo à Escola São Judas Tadeu, por exemplo, além da Avenida Ipiranga, devido às unidades de ensino particulares. Nos distritos, a atuação será nas proximidades da Praça de Corrêas e na Estrada União e Indústria. As equipes também são volantes, podendo se deslocar de acordo com as demandas.

Com 400 mil visitantes por ano, o Museu Imperial – um dos mais movimentados do país e o principal de Petrópolis – comemorou o aniversário da Princesa Isabel nesta segunda-feira (29.07) com uma cerimônia de apresentação de três peças doadas à instituição. Duas pinturas que mostram a princesa quando criança e uma pintura em guache sobre cartão feita pela própria filha do Imperador Pedro II agora completam o acervo do museu.

Neste 29 de julho, completam 173 anos do nascimento da princesa que promoveu a abolição da escravidão no Brasil e ficou conhecida como “A Redentora”.  

“Essa cerimônia é muito importante para o Museu Imperial. Não apenas esse, mas todos os museus vivem e são oxigenados pelas doações que recebe. O Museu Imperial, por exemplo, tem diversas formas de incorporação de acervo, mas principalmente doações. Elas têm sido feitas desde o período da sua criação, em 1940. Com a incorporação desses itens, ganha-se uma amplitude maior, passa a ser patrimônio de todos”, frisa o diretor do Museu Imperial, Maurício Vicente Ferreira Júnior.

Carro chefe do turismo em Petrópolis, o Museu Imperial é o principal museu que integra o circuito histórico-cultural do município.

Entre as pinturas doadas está o retrato da Princesa Isabel feito em Munique, na década de 1850. O item foi doado por André Cahn. O outro, também retrato da princesa, foi feito em guache sobre marfim, datado da mesma década, uma doação do empório Multimix. E o guache sobre cartão, desenhado pela própria Princesa Isabel, intitulado de “Natureza Morta”, foi doado pela Diretoria do Patrimônio Histórico e Documentação da Marinha.

A cerimônia ainda contou com a presença do príncipe Dom Francisco de Orleans e Bragança, entre outras autoridades e instituições.

As aulas do 2º semestre da rede municipal de ensino retornam nesta terça-feira (30.07), nas 182 unidades da cidade, cumprindo o calendário oficial. Foram 17 dias de recesso nas escolas, porém todos os setores administrativos da secretaria funcionaram normalmente. As férias para o segundo semestre estão previstas para iniciar em 18 de dezembro. A Secretaria de Educação funciona no prédio Frei Memória – Avenida da Imperatriz, nº 193.

Já estão abertas as inscrições para o 2º Concurso Municipal Amador de Fotografias de Cerejeiras. Podem participar tanto moradores quanto visitantes da cidade, desde que o registro da cerejeira tenha sido feito em Petrópolis. Interessados podem se inscrever, gratuitamente, até o dia 08 de agosto, na sede do Instituto Municipal de Cultura e Esportes (IMCE), no Centro de Cultura Raul de Leoni. A premiação acontece no dia 10 de agosto.

O evento faz parte da programação do Bunka-Sai, a festa da cultura japonesa de Petrópolis, que será realizado entre os dias 08 e 11 de agosto, no Palácio de Cristal, com entrada gratuita.

O objetivo do concurso, realizado em comemoração aos 111 anos da imigração japonesa no Brasil, é incentivar a arte da fotografia e valorizar a cultura japonesa em Petrópolis, já que as cerejeiras são um símbolo do Japão. Serão duas categorias: adulto e infantil. O autor da melhor foto na categoria adulto vai ganhar um jantar com direito a acompanhante no restaurante de comida japonesa Kinpai Sushi Bar. Já o vencedor da categoria infantil receberá um brinde da organização da festa.

As fotos serão avaliadas por uma comissão julgadora formada por fotógrafos profissionais e um empresário de floricultura. As cores da fotografia, os aspectos da composição a conexão com o tema, criatividade e originalidade serão considerados como critérios de avaliação.

Interessados devem retirar o edital no IMCE, que fica na Praça Visconde de Mauá, 305, no Centro. Mesmo local das inscrições, que serão realizadas entre 9h e 18h. Já o concurso acontece às 20h30, no sábado, durante a programação do Bunka-Sai. O edital também está disponível no site da prefeitura: http://www.petropolis.rj.gov.br/.

Após recolher mais de 300kg de material em Corrêas em julho, a Secretaria de Meio Ambiente realiza nova uma etapa da campanha de recolhimento de lixo eletrônico na Praça do bairro na próxima quinta-feira (01.08). Serão coletados diversos equipamentos eletrônicos, como celulares, computadores, câmeras digitais, notebooks e tablets, que estejam obsoletos ou com algum defeito e que não sejam mais utilizados. A ação acontece em parceria com a Recicla Ambiental – empresa de reciclagem que vai receber o material – além da Campanha de Desenvolvimento de Petrópolis (Comdep) e da Secretaria de Desenvolvimento Econômico.

Iniciada no ano passado, a campanha é realizada mensalmente na Praça Dom Pedro, no Centro, recolhendo mais de quatro toneladas de material até o momento. De acordo com a Organização Nações Unidas (ONU), em 2017 foram gerados 44,7 milhões de toneladas desse tipo de resíduo em todo o mundo, sendo que até 2021 esse número deve crescer 17%. O descarte correto do lixo eletrônico ajuda a preservar o meio ambiente.

O lixo eletrônico contém substâncias como chumbo, mercúrio, cádmio e berílio que, ao serem descartados incorretamente, poluem a natureza. Com o apoio de uma empresa especializada, o material será descartado ou reutilizado de forma adequada. "Petrópolis é uma cidade linda, que precisa ter o seu lado verde preservado”, disse Éder Gonçalves, gerente da Recicla Ambiental, empresa parceira da ação.

O recolhimento de lixo eletrônico é mais uma ação do projeto Inteligência Ambiental (IA) do setor de educação ambiental, criado pela Secretaria de Meio Ambiente em 2017 com o objetivo de conscientizar a população da importância da preservação ambiental. Também são realizados trabalhos de orientação nos bairros e nas escolas, dentro do Defesa Civil nas Escolas – que engloba também o Meio Ambiente.

Quase 200 atletas participaram da segunda edição da Fire Run no domingo (28.07). A largada aconteceu no Corpo de Bombeiros com um brado dos militares, para um percurso de seis quilômetros na Av. Barão do Rio Branco. Na classificação geral, a vitória entre os homens ficou com Arthur da Silva Souza, com o tempo de 22min e 04seg. No feminino, Isis da Costa Silva levou a melhor terminando a prova em 25min e 23seg. A prova contou com o apoio da prefeitura, através da Superintendência de Esportes e Lazer e da CPTrans, somando pontos para o ranking dos corredores.

A corrida de rua aconteceu em homenagem ao Dia dos Bombeiros, comemorado no dia 2 de julho. O sucesso da prova em Petrópolis está servindo para outros municípios também realizarem o evento. Também foi uma oportunidade de conhecer um pouco mais sobre o trabalho realizado pelos militares na cidade. Segundo o tenente-coronel Gil Kempers, comandante da corporação, o evento foi considerado um grande sucesso.

“Ficamos muito satisfeitos com a corrida. A participação dos petropolitanos foi muito bacana, todos interessados em conhecer um pouco mais do trabalho que a gente faz na cidade. O número de participantes aumentou em comparação ao ano passado, acredito que seja pela inclusão da prova no ranking municipal", disse Gil Kempers.

Duas outras provas que contam pontos para o ranking estão com inscrições abertas: Corrida Master (20 de outubro) e Petrópolis Night Run (26 de outubro). A última prova será a WTR Serra do Mar (23 de novembro). A Corrida do Shopping Pedro II, Corrida Contra a Fome, a Corrida do Trabalhador, a Petrópolis-Itaipava, a Love Run, XC Run e a Fire Run já foram realizadas.

Os corredores devem ficar atentos aos resultados, com o ranking parcial e a programação atualizada.

O resultado parcial do ranking municipal dos corredores e o calendário esportivo completo, com todos os eventos previstos para Petrópolis neste ano, estão disponíveis no site da prefeitura (www.petropolis.rj.gov.br).

O Café com Sabedoria deste mês traz um assunto bem importante para os servidores aposentados e pensionistas do Instituto de Previdência e Assistência Social do Servidor Público de Petrópolis (INPAS): “Educação Física como forma de prevenção”. O tema será abordado pelo professor de Educação Física e vereador, Hingo Hammes, na quarta-feira (31.07) às 10h, no auditório do INPAS, na Rua Alencar Lima, 35 – Centro. As palestras acontecem mensalmente, com o objetivo de informar os servidores em um encontro de descontração.

O recorde de movimento durante a Bauernfest – com 450 mil visitantes – foi só um dos inúmeros motivos pelos quais o turismo tem considerado a alta temporada de 2019 o melhor período para o setor de, pelo menos, os últimos 10 anos. Neste mês de julho a ocupação hoteleira continuou superando as expectativas, mesmo depois da festa, e no Centro Histórico, por exemplo, a taxa chegou a 99% no último fim de semana, com 98% em todo o município. Outra prova de que o setor está em alta é a mais recente atualização do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged), divulgado pelo Ministério do Trabalho, revelando que o setor de serviços, que inclui meios de hospedagem e alimentação, gerou 177 empregos em junho. Em todo primeiro semestre foram 480 novos empregos.

Em toda alta temporada – de maio a agosto -, Petrópolis deverá ultrapassar 1 milhão de visitantes no período. O número é metade do que o município recebe anualmente. O clima frio, mas sem chuvas na maior parte do tempo; os eventos, cada vez maiores e com mais qualidade; as férias escolares; o fortalecimento de novos circuitos e opções de turismo – como Vale do Amor e os circuitos rurais, como de Secretário; além do cervejeiro, estão entre as principais razões para o setor ser, hoje, uma das principais fontes de renda da cidade.

De dez anos pra cá, a cidade já aumentou em 50% o número de hotéis e pousadas. Atualmente, P etrópolis conta com 117 meios de hospedagem, s endo 31 hotéis, 71 pousadas, quatro resorts, três SPAs, sete hostels, e um flat , com 6.325 leitos disponíveis. Dez anos atrás, a cidade registrava 78 meios de hospedagem.

“Eu realmente confirmo que este ano estamos tendo um julho muito forte, muito bom. Pelo menos nos hotéis que eu administro tenho tido uma taxa de ocupação mais alta do que nos últimos anos. Lembrando que julho sempre é um mês muito forte pra hotelaria em Petrópolis. E é importante salientar também o acerto em relação à Bauernfest, uma festa mais extensa, onde tudo correu muito bem, os turistas gostaram muito. Acaba sendo também um fator de propulsão pra julho já começar com o pé direito. Aliado a uns dias frios, de inverno, tudo conspirou a favor. Temperaturas agradáveis e dias bonitos”, frisa o proprietário do Casablanca Koeler, Flávio Abi Daud.

Em 2018, a atividade turística no município gerou 4.458 empregos diretos, com trabalhadores em hotéis e pousadas, por exemplo, um aumento de 6,3% em relação ao ano anterior. Para o secretário da Turispetro, Marcelo Valente, o trabalho não para e o setor pode crescer ainda mais.

“Além de cuidar do nosso patrimônio e investir nos eventos para atrair mais visitantes, temos procurado fortalecer os novos circuitos turísticos e aumentar a divulgação em todo país, participando de inúmeras feiras voltadas para o setor, por exemplo. Todo movimento que vem sendo feito desde 2017 tem mostrado excelentes resultados e o objetivo é firmar o turismo como principal pilar da economia do município”, destaca.


Hospital reestrutura equipe e aplica método que garantem mais conforto para as gestantes

Massagem, exercício com bola, aromoterapia, banho e música são alguns dos métodos usados para a realização do parto humanizado no Hospital Alcides Carneiro (HAC). A unidade já conta com equipe especializada e pratica os métodos que serão adotados no novo Centro Obstétrico, onde a realização do parto normal será ainda mais intensificada, ainda que o método humanizado também contemple as cesarianas. O trabalho já vem sendo adotado antes mesmo da conclusão da parte física do projeto, que visa a criação de quatro salas de parto (parto, pré-parto e parto) e mais 10 leitos de apoio para o acolhimento das pacientes. A nova estrutura faz parte do projeto para o qual são investidos mais de R$ 20 milhões em obras e equipamentos para o hospital.

Os métodos para o parto humanizado são aplicados em todos as gestantes com o intuito de priorizar a realização do parto normal. Não havendo complicações clínicas e interesse por parte da mãe, as cesárias são a segunda opção. O parto humanizado é a escolha de 50% dos atendimentos. Em junho, metade dos 277 bebês que nasceram no hospital não passaram pelo centro cirúrgico. A equipe voltada para o parto humanizado aplicou 244 técnicas para o relaxamento e alívio da dor nas gestantes em trabalho de parto.

Com uma equipe formada por cerca de 20 profissionais, entre os quais médicos, residentes e enfermeiros obstetras, o hospital tem atuado para a humanização dos partos. A proposta é oferecer mais conforto e segurança para as gestantes, garantindo maior sensibilização no contato entre mães e bebês logo nos primeiros momentos. Vale lembrar que o conceito de humanização é praticado em partos normais e até mesmo em cesáreas.

“Fui muito bem atendida. Já tive um parto normal há cinco anos, mas dessa vez foi bem diferente. Foi uma experiência muito boa. Fiz exercícios na bola, recebi massagem, fiquei no chuveiro. Tudo isso me ajudou muito, fiquei muito tranquila”, conta a paciente Renata Mauriz, de 28 anos, que teve seu filho Arthur no hospital.

Stephanie Joaquim Zanirati, de 23 anos, escolheu o parto humanizado para dar à luz a primeira filha, Ana Alice. “Foi tudo maravilhoso. A equipe me ajudou muito. Essa foi minha primeira experiência e só tenho o que agradecer”, ressalta a mãe, que assim como todos os casos que não passam por intercorrências, acompanham os bebês em tempo integral após o nascimento.

De acordo com a médica obstetra Thaissa Loures o parto normal é menos invasivo, acelera a recuperação das pacientes e as taxas de complicações são menores. “Temos conseguido resultados muito positivos”, lembra.

Profissionais atuam para orientar sobre o parto humanizado desde o pré-natal

Os profissionais da obstetrícia do hospital levam as informações sobre os métodos do parto humanizado para os atendimentos realizados na rede de atenção básica. A ideia é preparar as mães durante toda a gestação para que haja maior esclarecimento sobre o método, que oferece menos risco de complicações. O parto humanizado é a indicação quando a gestante deseja e não apresenta complicações clínicas. A equipe utiliza métodos para o alívio da dor no trabalho do parto. “Nossa equipe atua para atender as necessidades da gestante, que fica à vontade para escolher o que é melhor para ela. O parto humanizado busca atender as necessidades da mãe”, destaca a enfermeira obstetra, Daiany Barreto.

Município fortalece o esporte com investimentos em obras que vão beneficiar mais de 20 mil pessoas diariamente

O Centro de Iniciação ao Esporte (CIE) de Petrópolis, no Caxambu, já atende cerca de 800 adultos e crianças mensalmente em 14 modalidades esportivas e tem a capacidade para contemplar até 2 mil pessoas com as atividades. Principal equipamento esportivo público da cidade, o espaço foi inaugurado em março do ano passado pelo prefeito Bernardo Rossi e também é palco de competições estudantis e amadoras, recebendo atletas de diversas partes do país. A prefeitura ainda estuda a possibilidade de aumentar o número de esportes oferecidos dentro do complexo, como, por exemplo, a inclusão de aulas de boxe.

Em toda cidade, entre a construção e a reforma de equipamentos esportivos, a atual gestão vai entregar locais que vão beneficiar diretamente mais de 20 mil pessoas. O valor total das obras é de R$ 6,7 milhões, sendo R$ 5,9 milhões liberados pelo Ministério do Esporte com a contrapartida de R$ 811 mil da prefeitura.

O CIE ainda tem capacidade para atender a 1,2 mil pessoas com atividades como futsal, vôlei, handebol, basquete, basquete 3x3, jiu-jitsu, muay thai, karatê, judô e capoeira, de segunda à sexta-feira, de 10h às 18h, para o público infantil. Para os adultos, existem turmas de dança, ginástica, alongamento e bocha adaptada. Todas as atividades contam com vagas para novos alunos, que podem se cadastrar diretamente no CIE, que fica na Rua Flávio Cavalcanti, S/N, Caxambu.

A comunidade conta também com um horário para o futsal adulto masculino, atendendo a um desejo antigo dos moradores do Caxambu.

Tamires Ferreira de Oliveira Santos, de 22 anos, participa ativamente das aulas de dança e alongamento oferecidas no CIE. Na família, os sobrinhos jogam os esportes de quadra, contribuindo também para o desenvolvimento de cada um. “Acho legal a prefeitura oferecer um espaço como esse, que ensina muita coisa boa para os jovens aqui da comunidade. Com o esporte, eles não ficam ociosos e sem ter o que fazer”, disse.

Os mais antigos moradores do bairro também estão satisfeitos com as atividades oferecidas no CIE. Dagmar Moreira de Carvalho, de 71 anos, enumera os benefícios para a saúde. “Melhorei das dores nas pernas e nas costas, controlei minha pressão, além também de me sentir mais disposta. É um espaço ótimo para todo o nosso bairro, atende dos menores até os mais velhos”, afirma.

Além do CIE, também foram entregues as quadras dos bairros Morin e Pedras Brancas. Além dessas, serão realizadas melhorias nas quadras do Amazonas, Vila São José, Comunidade Oswaldo Cruz, Comunidade do Alemão e Vale do Carangola.

Segundo Leandro Kronemberger, superintendente de Esportes e Lazer, a cidade deve ganhar novos projetos sociais nos próximos meses. “Vamos aproveitar estes espaços para a instalação de programas que atendam as comunidades. O Programa Segundo Tempo, do governo federal, será a próxima novidade”, disse.

Notícias por data

« Julho 2019 »
Seg. Ter Qua Qui Sex Sáb. Dom
1 2 3 4 5 6 7
8 9 10 11 12 13 14
15 16 17 18 19 20 21
22 23 24 25 26 27 28
29 30 31        

Alvará Online - BANNER

Casa dos Conselhos

DO

Cadastro da inscrição do IPTU para crédito da Nota Imperial

turispetro

iluminacao

balcao empregos

plano compras

portal transparencia

licitacao

Concursos

Casa dos Conselhos

ecidade

jrestaurativa

gabinete cidadania.fw

cpge

EOUVmunicipios

selo acesso_informacao.fw

Relatorio CMVP

cmv-logo