O Hospital Alcides Carneiro realizou cirurgia inédita com a equipe médica da área vascular na última segunda-feira (10.06) e conseguiu salvar a vida de um paciente em estado grave. O caso foi encaminhado para a unidade hospitalar na última sexta-feira (07.06). A equipe avaliou o quadro clínico do paciente de 62 anos, com aneurisma abdominal (roto) que seria indicado para realizar o procedimento em unidade especializada, em Botafogo, no Rio de Janeiro. Tendo em vista o risco, a equipe decidiu realizar a cirurgia que teve sete horas de duração. 

A decisão da equipe garantiu a estabilização do quadro clínico do paciente que é monitorado na unidade hospitalar. A intervenção no caso foi inédita para o hospital, que conta com estrutura para consultas, exames e cirurgias vasculares. O investimento na área clínica garantiu que a equipe conseguisse realizar a cirurgia de alto risco, com resultado de sucesso. “É muito gratificante ver o resultado do trabalho de uma equipe que atuou em conjunto e conseguiu salvar uma vida. Chegamos a conseguir a transferência, mas o paciente não teria suportado a remoção”, destaca o diretor técnico do HAC, Diogo Antunes Macedo.

O médico destaca a estrutura e a dedicação da equipe que possibilitou salvar a vida. “Em tempos difíceis em que o SUS é desvalorizado contamos com condições estruturais e equipe dedicada a desempenhar seu papel. Realizamos uma cirurgia de alta complexidade e foi bem-sucedida”, ressalta.

O HAC conta com área especializada no atendimento vascular, que vai desde o atendimento ambulatorial a cirurgias. No primeiro quadrimestre do ano foram realizadas 285 consultas e aproximadamente 100 cirurgias. O paciente vascular consegue todos o atendimento necessário na unidade pública.

A partir de sexta-feira (14.06), quando tem início a 30ª edição da Bauernfest, ruas do entorno da festa serão transformadas em áreas para o estacionamento rotativo regular. A implementação começa a partir das 18h e a cobrança ocorre até às 22h, no valor de R$ 3,50 a hora. O lado par da Avenida Koeler, um trecho estendido da Rua da Imperatriz e a Avenida Barão do Rio Branco até a altura do número 1.164 (ponte da Moageira) serão áreas extras tendo cobranças, também, aos sábados, domingos e feriados no período da festa, que termina em 30 de junho.

Nestes mesmos dias, um serviço de valet também será oferecido pela SinalVida, na Avenida Koeler, nº 260, pátio da Prefeitura, nas sextas a partir das 18h e nos sábados, domingos e feriados, a partir das 9h, por R$ 35. O valor contempla a diária e o serviço inclui o trabalho de manobrista. Além disso, outras ruas no entorno do evento também terão o horário de cobrança estendido, garantindo a rotatividade do serviço e parada de veículos em locais regulamentados.     

Nos dias de festas a empresa responsável pelo serviço de rotativo na cidade, a SinalVida, vai disponibilizar pontos fixos extras para o pagamento e regularização do serviço. As áreas são as duas extremidades da Rua Alfredo Pachá - principal palco da festa -  além da Praça da Liberdade e Praça Visconde de Mauá (Praça da Águia), esta última onde funcionará de sexta a domingo, o Biergarten. A regularização também pode ser feita com qualquer profissional da SinalVida, identificados com camisa amarela com a logomarca da empresa.

Além disso, também é possível utilizar   o aplicativo DigiPare disponível para celulares com iOS, Android e Windows Phone, o site www.estarpetropolis.com.br; por SMS pelo número 27317, por ligação 0800-941-3444 e em qualquer um dos parquímetros disponíveis - sendo que esses equipamentos aceitam pagamentos em moeda e cartão de crédito e débito; no comércio local

A CPTrans também fez um levantamento dos estacionamentos privados no Centro da cidade. São 39 no entorno da festa e a solicitação da companhia é que esses locais ampliem seu horário de abertura para atender a demanda de usuários durante a festa.

O primeiro dia de realização, a Operação de Inverno abordou 10 pessoas em situação de rua pelo centro da cidade e no bairro Quissamã. A medida visa tirar as pessoas das ruas e oferecer acolhimento noturno no Núcleo de Integração Social (NIS), no Alto da Serra. Os agentes da Secretaria de Assistência Social intensificam as atuações pelas ruas, principalmente à noite, para orientar que as pessoas se instalem na unidade de acolhimento. Três tendas foram montadas em área externa ao NIS, com o apoio da Secretaria de Defesa Civil e Ações Voluntárias para receber a população em vulnerabilidade.

Nesse primeiro momento, foram criados 18 leitos para o pernoite, sendo 6 vagas em cada tenda, ampliando a capacidade de acolhimento do NIS, que em sua estrutura fixa comporta até 70 pessoas. As tendas têm capacidade para até 20 leitos cada. A ampliação de dormitórios vai ser avaliada de acordo com a demanda. 

O encaminhamento para o NIS é feito pelos agentes do Centro de Referência Especializada para População em Situação de Rua (Centro Pop), que fica na Rua Souza Franco – Centro. O trabalho de orientação às pessoas em vulnerabilidade é feito diariamente, pelas ruas e na sede do Centro Pop. Ao final do dia, entre 17h e 21h, os agentes intensificam as abordagens noturnas. 

O NIS recebe todas as pessoas encaminhadas pelos agentes do Centro Pop e especificamente durante a Operação Inverno, as pessoas que chegarem espontaneamente na unidade, mesmo sem passar pelo primeiro atendimento, também são acolhidas. “Nas noites de frio, quem chegar aqui, vai poder entrar e se instalar em uma das tendas. Estamos preparados, com toda a estrutura para dar todo o suporte necessário”, explica o educador do NIS, Sérgio Murilo Alves. A Operação Inverno disponibiliza ainda os telefones 2242-4554 e 2246-8742 do Centro Pop e do NIS para a população fazer contato com o serviço e alertar quanto a presença de pessoas em vulnerabilidade pelas ruas.

Ao chegar no NIS, a pessoa recebe lanche noturno, conta com estrutura para higiene pessoal, recebe roupas limpas e é direcionada a um dos dormitórios com cobertores. Após passar a noite, as pessoas encaminhadas para o pernoite, recebem café da manhã e são aconselhadas a buscar os serviços oferecidos no Centro Pop. No local, os usuários recebem cuidados básicos iniciais para a higiene e alimentação. Todos os dias, incluindo sábado, domingo e feriados, os usuários contam com café da manhã, almoço, café da tarde e jantar, oferecido no NIS. Também podem limpar suas roupas, tomar banho e guardar os pertences.

No decorrer do atendimento, as pessoas recebem acompanhamento psicossocial e ainda são orientadas a buscar a reinserção na sociedade por meio de ingresso no mercado de trabalho, retorno ao convívio familiar, inserção em cursos profissionalizantes, encaminhamento para a rede de saúde, participação de ações motivacionais, entre outros suportes.

O programa Defesa Civil na Sua Casa levou técnicos da prefeitura para vistorias preventivas no Siméria nesta terça-feira (11.06). O prefeito Bernardo Rossi, acompanhado do vice Baninho, liderou as equipes no atendimento aos moradores do bairro. Participaram equipes das secretarias de Defesa Civil e da Assistência Social. O mutirão de atendimentos acontece em toda a cidade durante todo o período de estiagem, de maio a outubro, com o objetivo de reduzir o número de ocorrências causadas pelas chuvas fortes do verão.

Foram atendidos 14 pedidos de vistorias por toda a comunidade. Um relatório com todos os atendimentos será feito pelos técnicos, que irão realizar os encaminhamentos necessários. Além disso, os moradores foram orientados pelas equipes sobre medidas simples que podem salvar vidas, como a instalação de calhas para recolhimento da água da chuva, a importância do descarte correto de lixo, a poda regular de árvores e a preservação das fontes d'água.

A presidente da Associação de Moradores do Siméria, Eliete Marques Nogueira, ressaltou a importância do poder públicos nos bairros. “Quando tem a queda de uma barreira ou um buraco na pista, é importante que a população seja logo atendida. Desde o início do governo, temos uma ótima relação com a Defesa Civil e demais órgãos, que precisam estar cada vez mais perto da população”, disse.

Alcemar Teixeira, outro morador do bairro, também elogiou a presença dos técnicos da prefeitura. “Às vezes a gente só precisa mesmo de uma orientação, uma ajuda simples, para evitar uma tragédia. A presença das equipes da prefeitura é muito importante para a comunidade, demonstra uma preocupação grande com os moradores”, afirmou.

Na próxima terça-feira (18.06) o Defesa Civil na Sua Casa será realizado na Vila Operária em Cascatinha, com a presença dos técnicos no trabalho de prevenção aos desastres de origem natural. Um calendário está sendo elaborado pela pasta para atender os bairros do município.

Os vencedores do Prêmio Maestro Guerra Peixe de Cultura foram conhecidos na noite de segunda-feira (10.06), durante cerimônia no Castelo de Itaipava. O evento, que é considerado uma das principais premiações do setor artístico-cultural do interior do estado, premiou artistas e produções culturais que mais se destacaram em Petrópolis no ano de 2018 em 11 categorias. O prêmio de mais destaque, Notório Reconhecimento, que avalia o conjunto da obra realizado ao longo dos anos, foi para o ator, músico e locutor Reinaldo Gonzaga, que atualmente é morador de Petrópolis.           

Os vencedores de cada categoria foram: Música Popular: O Velho Blues; Música Erudita: Coral Municipal de Petrópolis; Teatro: Teatro Circense Andança (O Chororô do Rio); Dança: Marcio Rodrigues (atuação 2018); Artes Visuais: Josiana Oliveiras (Arvorecer); Literatura: André Tavares (Todos os Pais do Mundo); Comunicação: Um Programa & Tal (RPT); Audiovisual: Gustavo Pizzi (Benzinho); Produção Cultural: FEESPE; e Categoria Especial: SESC.

Reinaldo Gonzaga, que recebeu a estatueta do Notório Reconhecimento, foi o destaque da noite. “É com muita gratidão que recebo esta homenagem. Agradeço a todos os organizadores e parabenizo a todos os artistas, todos os colegas, que hoje são merecedores também desse prêmio. É uma grande satisfação estar aqui”, disse.

“O Prêmio Guerra Peixe é dez. Estou muito feliz por estar aqui hoje, são 10 anos do prêmio. Uma década se passou, mas passou rápido porque quando estamos envolvidos em algo que a gente curte é muito prazeroso”, frisa o coordenador do prêmio, Marco Aurêh.

A comissão julgadora que apurou o resultado durante todo o ano passado foi formada pela artista plástica Elisabeth Ferraz; a bailarina, professora e coreografa Isabela Barenco; a jornalista, pesquisadora digital e professora Monica Winter; o jornalista e pesquisador musical Nelson Kuster; o artista plástico e animador cultural Paulo Campinho; o técnico em audiovisual e produtor cultural Rogério Avelino; o músico, compositor e ator Thiago Oliveira; o ator, artista plástico e cenógrafo Arthur Varella e o escritor, músico e professor Marcelo Fernandes.          

Um dos momentos mais emocionantes da entrega do prêmio foi o “Janela para a Saudade”, que prestou uma homenagem a artistas e produtores culturais que morreram em 2018.

Vencedores:

Música Popular: O Velho Blues.

Música Erudita: Coral Municipal de Petrópolis

Teatro: Teatro Circense Andança (O Chororô do Rio)

Dança: Marcio Rodrigues (atuação 2018)

Artes Visuais: Josiana Oliveiras (Arvorecer)

Literatura: André Tavares (Todos os Pais do Mundo)

Comunicação: Um Programa & Tal (RPT).

Audiovisual: Gustavo Pizzi (Benzinho)

Produção Cultural: FEESPE

Categoria Especial: SESC

Notório Reconhecimento: Reinaldo Gonzaga

Uma van fará o transporte gratuitamente no trajeto entre a Bauernfest e a Rua Teresa. A implantação do serviço foi acordada nesta terça-feira (11.06) em reunião realizada pela prefeitura entre os representantes da Arte (Associação de Lojistas da Rua Teresa) e das empresas de ônibus. Serão cinco viagens disponíveis entre 12h e 16h aos sábados e domingos. Os pontos de embarque e desembarque serão na Roberto Silveira, próximo ao Amparo, e na altura do número 122 da Rua Teresa.

O serviço já será implementado neste sábado (15). O objetivo é ampliar a festa levando os usuários ao principal polo de modas da cidade. São 20 mil pessoas empregadas na Rua Teresa que serão beneficiadas com o público da festa, que deverá receber mais de 350 mil pessoas. A van fará o itinerário entre a Bauern e a Rua Teresa direto, sem paradas em outros locais da cidade. As viagens partem às 12h, 13h, 14h, 15h e 16h da Roberto Silveira e às 12h30, 13h30, 14h30, 15h30 e 16h30 da Rua Teresa de volta à festa.

A Bauernfest gera cerca de 350 empregos diretamente. São 30 mil postos de trabalho no comércio, hotelaria e gastronomia beneficiados com turismo e os eventos.  A van fazendo o itinerário à Rua Teresa irá completar principalmente aos petropolitanos que atuam no comércio e o nosso polo de modas é um dos maiores empregadores da cidade, que será beneficiado com essa extensão da festa.

Na Rua Teresa, turistas e petropolitanos que forem no período da festa irão encontrar, além 800 lojas com moda para todos os gostos, uma vila gastronômica, com comidas típicas e decoração temática. As lojas também entram no clima com as cores da Alemanha e distribuirão canecas vermelhas, amarelas e pretas entre os clientes. Lembrando que a van será custeada pelos empresários da própria Rua Teresa. 

Transporte urbano também garantido na festa

Opção para quem chegar à festa pela Rodoviária do Bingen, a frota dos veículos “Via Bauerfest” terá um reforço médio de 60 a 80 viagens a mais aos sábados e domingos. Os ônibus sairão, em média, a cada 8 minutos com destino ao entorno da festa do colono alemão, a partir das 9h, podendo chegar até às 23h. O reforço também irá acontecer à noite, com os ‘corujões’ para contemplar, principalmente, o trabalhador da festa.

“É uma festa que contempla a cidade e todos são beneficiados. Iremos aumentar o número de viagem, garantindo às pessoas que queiram chegar ao evento e saírem dele, de maneira rápida. Estaremos atentos ao público da festa, fazendo o monitoramento via GPS e poderemos, inclusive, adequar à operação para aumentar a oferta de viagens para a Bauern”, garante o dirigente da Cidade Real, Miguel Ângelo Vianna.

Um motel em Bonsucesso foi autuado durante fiscalização do Procon Petrópolis nesta segunda-feira (10.06) por estar com a licença sanitária e o certificado de dedetização vencidos. A ação desencadeada dentro da Operação Cupido, que tem foco no Dia dos Namorados, também encontrou alimentos vencidos no local. O estabelecimento recebeu prazo para adequação e os alimentos foram descartados. Outros dois motéis, na BR-040 e no Centro, também foram fiscalizados, mas não houve flagrante de irregularidades.

Dentre os alimentos vencidos foram encontrados um pacote de pó de café, cinco unidades de hambúrgueres, dois sanduíches prontos, 1Kg de peito de frango, 600g de bacon fatiado e dois pacotes de biscoito. Esses alimentos, porém, não estavam disponíveis para os clientes. Eles foram encontrados dentro da dispensa do estabelecimento. O prazo para atualização das licenças é de dez dias. 

 Nesta quarta-feira, o Procon terá uma equipe orientando à população e tirando dúvidas sobre o tema na Praça Alcindo Sodré, de 13h às 17h.

Quem quiser denunciar alguma irregularidade pode contatar o Procon pela página do órgão no Facebook, o Procon Petrópolis; pelo site www.petropolis.rj.gov.br/procon. Há, ainda, o WhatsApp Denúncia, no número 98857-5837 ou os telefones 2246-8469 / 8470 / 8471 / 8472 / 8473 / 8474 / 8475 / 8476 e 8477. Atendimento presencial pode ser realizado na unidade do Centro, que fica na Rua Moreira da Fonseca, nº 33. A unidade de Itaipava localizada no Centro de Cidadania, que fica na Estrada União e Indústria, 11.860. Os telefones da unidade são: 2222-1418, 2222-7448 e 2222-7337.

O serviço de limpeza da 30ª Bauernfest vai contar com 86 funcionários durante todos os dias da Festa do Colono Alemão. O trabalho de varrição estará no Palácio de Cristal – principal palco do evento –, Praça da Liberdade e Praça da Águia (que também terão atrações), além das ruas no entorno desses locais.

A atuação começa antes mesmo da abertura da festa. Já na sexta-feira (14.06), uma equipe estará no local finalizando a limpeza a partir de 12h. O esquema especial do trabalho se estende até o dia 1º de julho, dia seguinte ao encerramento da Festa. 

A Comdep terá duas equipes de 30 funcionários cada, uma com atuação durante o dia (de 7h às 17h) e outra à noite (17h até 3h), no Palácio de Cristal e entorno. Além disso, serão usados dois caminhões pipas para lavagem tanto no interior do Palácio quanto em ruas próximas. Também haverá turmas de trabalho com oito pessoas na Praça da Liberdade e Praça da Águia. 

Nos jardins do Palácio de Cristal, a Comdep vai disponibilizar 70 barris para o descarte de lixo por parte do público que vai acompanhar as atrações da Bauernfest. Ainda serão colocados mais 15 barris na Rua Alfredo Pachá, cinco na Roberto Silveira, 15 na Praça da Liberdade e 10 na Praça da Águia.

Nas últimas semanas, a Comdep também atuou para preparar o Palácio de Cristal com serviços como o plantio de grama e de 500 mudas Sálvia, Lantana, Impatiens e Lírios, a manutenção de lixeiras pequenas, revitalização da pintura em todo entorno do principal espaço da festa e lavagem na parte interna, desde o teto, os vidros e no piso.

Durante a Bauernfest, ainda será feita a coleta de material reciclável e de óleo de cozinha saturado. A Comdep manterá, todos os dias, o estande com informações sobre coleta seletiva e reciclagem, além de exposição de peças de artesanato e outros produtos feitos a partir do reaproveitamento de materiais.

O Centro de Referência de Assistência Social (CRAS) do Retiro ganha nova sede em prédio e área de maior acessibilidade na região na segunda-feira (17.06). Localizada no centro comercial do bairro, na Rua Hermogênio Silva – 238, a nova unidade vai atender média mensal de 250 pessoas e tem capacidade de levar os serviços oferecidos para cerca de 5 mil famílias. A inauguração do novo endereço será na próxima segunda-feira (17.06).

A unidade que antes funcionava em local de difícil acesso, agora oferecerá mais comodidade aos moradores do Retiro, cobrindo uma área territorial que abrange as comunidades do Neylor, Alemão, São Luis, Atílio Marotti e Quarteirão Brasileiro. 

Cada CRAS funciona com dois assistentes sociais, um psicólogo e um pedagogo. O programa segue as normas do Sistema Único de Assistência Social (SUAS) e tem registrado maior celeridade nos atendimentos. As unidades do CRAS são referência para a inclusão dos usuários a benefícios oferecidos pelo Governo Federal, através do Cadastro Único para Programas Sociais (CadÚnico). Em Petrópolis, cerca de 29 mil pessoas possuem o registro e são direcionadas a programas como o Bolsa Família, destinado a aproximadamente 12 mil famílias na cidade; e o Benefício de Proteção Continuada (BPC), que está disponível para cerca de 3 mil famílias.

As unidades do CRAS também fornecem programas e ações voltadas para o idoso e adolescente. O ID Jovem possibilita a gratuidade de adolescentes ao transporte e à cultura e a carteira do idoso também disponibiliza benefícios para o público da terceira idade que se enquadra ao perfil de vulnerabilidade social.

Para garantir a expansão dos serviços, a Secretaria de Assistência Social tem atuado de forma intersetorial com outros programas oferecidos pelas demais secretarias do governo. A ideia é continuar expandido os serviços. Além da inclusão em programas, o CRAS desenvolve ações para crianças, adolescentes, adultos e idosos. Regularmente são oferecidas oficinas de dança, capoeira, crochê e artesanato. O CRAS também organiza um coral com os usuários interessados. 

Os Centros de Referências de Assistência Social estão localizados nos bairros: 

CRAS Quitandinha

Horário de funcionamento: das 8h às 17h, de segunda-feira a sexta-feira, sem horário de almoço - Rua Alagoas, s/nº – Quitandinha.

CRAS Centro

Horário de funcionamento: das 8h às 17h, de segunda-feira a sexta-feira, sem horário de almoço – Rua Dr. Sá Earp, nº 39 – Centro.

CRAS Retiro

Horário de funcionamento: das 8h às 17h, de segunda-feira a sexta-feira, sem horário de almoço - Rua Hermogênio Silva, 238 - Retiro.

CRAS Posse

Horário de funcionamento: das 8h às 17h, de segunda-feira a sexta-feira, sem horário de almoço - Estrada União e Indústria, S/N, ao lado do CIEP Gabriela Mistral (CEU da Posse).

CRAS Corrêas

Horário de funcionamento: das 8h às 17h, de segunda-feira a sexta-feira, sem horário de almoço. Rua Vigário Correa, 443 – Corrêas.

CRAS Vale do Carangola

Horário de funcionamento: das 7h30 às 16h30, de segunda-feira a sexta-feira, sem horário de almoço. Rua Waldemar Vieira Afonso, 19 – Antiga ONG - Vale do Carangola.

CRAS Itaipava

Horário de funcionamento: das 8h às 17h, de segunda-feira a sexta-feira, sem horário de almoço. Estrada União e Indústria, 11.860 – Itaipava.

CRAS Madame Machado

Horário de funcionamento: das 8h às 17h, de segunda-feira a sexta-feira, sem horário de almoço.Rua Geraldo Lourenço Dias, s/nº (ponto final do ônibus 704) – Madame Machado

 

Com mais de 60 horas de treinamento das equipes, contando com a presença de 45 instituições diferentes e mais 100 pessoas preparadas para a resposta imediata em casos de queimadas, a prefeitura lança a versão atualizada do Plano Inverno municipal nesta quarta-feira (12.06) na Casa dos Conselhos às 14h. Serão apresentados os planos de contingência do município da estação e suas matrizes de atividades e responsabilidades em cima de duas ameaças: incêndios florestais e estiagem. O objetivo é organizar o pronto atendimento à população em caso de ocorrências. Também serão apresentadas as futuras ações operacionais e humanitárias.

O trabalho realizado pelas equipes da prefeitura dentro do Plano Inverno municipal vem contribuindo na redução do número de casos de incêndios florestais em toda a cidade. O Corpo de Bombeiros registrou 302 queimadas em 2017, sendo 174 atendidas pelo Destacamento de Itaipava. No ano passado, foram 174 casos ao todo, com 78 desses acontecendo na região do terceiro distrito. O plano estabelece ações de resposta para agilizar o atendimento às ocorrências e minimizar os efeitos das queimadas, além de prever ações de conscientização com o apoio de outros órgãos. 

Dentro das ações previstas no Plano Inverno municipal estão o sobrevoo de um drone nas áreas propensas às queimadas em apoio aos órgãos ambientais; o Defesa Civil nas Escolas, reforçando as orientações sobre prevenção no ambiente escolar; e a Blitz Verde, que são operações de caráter educativo, com a entrega de panfletos nas comunidades. O treinamento das brigadas operacionais de apoio no combate aos incêndios florestais já foi realizado. 

Também serão realizadas ações em conjunto com a Secretaria de Assistência Social com foco na ajuda humanitária. A primeira delas é a campanha de arrecadação de agasalhos e cobertores. Uma barraca está montada na Praça Dom Pedro para receber o material, além da sede da Defesa Civil, na Rua Buarque de Macedo, 128, no Centro, ser ponto de recolhimento. O encerramento será no dia 5 de julho, quando acontece uma Festa Julina solidária aberta para a população. 

O Plano Inverno municipal é um trabalho da prefeitura realizado em conjunto com o Ministério Público, Polícias Militar e Civil, Corpo de Bombeiros, Exército, Aeronáutica, Cruz Vermelha, SAMU, órgãos ambientais, sociedade civil e todos os setores do governo municipal.

Reivindicação antiga do Conselho Municipal de Segurança Pública, a criação do Fundo Municipal de Segurança Pública é considerada como “fundamental” para poder equipar e dar maior estrutura de trabalho para a Guarda Civil. O projeto de lei que trata do assunto foi debatido na reunião do Comsep realizada na noite de segunda-feira (10.06), na Casa dos Conselhos.

O envio do projeto de lei para a Câmara foi anunciado na última semana. O Fundo Municipal de Segurança Pública será o mecanismo que permitirá a captação de recursos federais para aquisição de equipamentos e desenvolvimento de projetos da Guarda Civil.

 Com o Fundo criado, a Guarda poderá apresentar projetos para aquisição de uniformes, viaturas, equipamentos de proteção individual (como capacetes para os agentes que se deslocam de moto), de comunicação (como rádios), entre outros tipos. Além disso, a corporação possui projetos para reestruturação do Parque Natural Padre Quinha (cuidado pelo Grupamento Ambiental da GC) e criação do Sistema de Guarda Comunitária Móvel, que pretende apresentar ao governo federal e poder desenvolvê-los.

“É fundamental, uma bela iniciativa. Existe verba para segurança pública e o município precisa se habilitar para receber esses recursos. A Guarda tem que se equipar, tem que estar preparada para o trabalho nas ruas”, afirmou o presidente do Conselho Comunitário de Segurança (CCS), Guilherme Lacombe.

Outro ponto abordado foi o esquema de segurança preparado para o período da 30ª Bauernfest, que começa na próxima sexta (14.06) e se encerra no dia 30. A Guarda Civil vai mobilizar cerca de 30 homens por dia. O esquema de segurança ainda vai contar com o canil, o ônibus de videomonitoramento e o uso das câmeras do Ciop, tanto em diferentes pontos do Centro quanto no circuito entre os palcos da Festa e as entradas da cidade – Bingen e Quitandinha. 

Um terceiro assunto debatido na reunião foi o trabalho do choque de ordem. Para o presidente do CCS, esse um trabalho que dá sequência ao serviço de fiscalização no município.

“As ações de choque de ordem são importantes dentro de um trabalho de contínua fiscalização que é necessária. É fundamental manter a presença da Guarda e de todos os órgãos que promovem ações de ordem, e também tem que aumentar o policiamento. Nesse sentido, nós temos um papel importante de lutar para que o efetivo das forças de segurança possa aumentar na nossa cidade”, disse Lacombe.

O major José Zeumo Maciel Junior representou o 26º Batalhão da Polícia Militar durante a reunião do Conselho Municipal de Segurança Pública.

Os gestores das unidades educacionais da rede municipal que ainda não participaram dos cursos de capacitação que estão sendo promovidos pela Defesa Civil em parceria com a Secretaria de Educação devem ficar atentos: duas novas datas foram divulgadas para os cursos de evacuação das unidades escolares e noções básicas de primeiros socorros.

O curso de evacuação das unidades escolares em caso de emergência vai ocorrer no dia 13 de junho. Os gestores serão divididos em dois grupos: das 8h às 12h e das 13h às 17h, na sede da Defesa Civil. Já o curso de Noções Básicas de Primeiros Socorros será realizado no dia 17 de junho, também na Defesa Civil e em dois grupos, nos mesmos horários. As inscrições devem ser feitas pelo e-mail:  O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo.

As dúvidas podem ser esclarecidas através do telefone 2246-8678. Segundo a Defesa Civil, as capacitações contarão com treinamento teórico e noções básicas de primeiros socorros para atender a Lei nº 13.722 de 4 de outubro de 2018 - Lei Lucas - que torna obrigatória a capacitação em noções básicas de primeiros socorros de professores e funcionários de estabelecimentos de ensino público e privados e educação básica e de estabelecimento de recreação infantil (treinamento prático).

Petrópolis foi um dos 14 municípios do Rio de Janeiro selecionados para participar do Seminário sobre a Educação de Sobral, no Ceará. O evento apresentou um panorama da trajetória e estratégias adotadas pelo município, que fizeram Sobral ter hoje a melhor Rede Pública Municipal de Educação do Brasil, segundo avaliação do Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (Ideb) 2017. A intenção da Secretaria de Educação de Petrópolis, foi a de trocar ideias e informações que poderão ser implantadas na cidade serrana.

Com uma rede extensa, 182 unidades escolares, Petrópolis está investindo na educação integral, na formação de professores e nos planos de trabalhos elaborados pelas gestões das unidades escolares, a partir das necessidades e realidades de cada comunidade escolar. 

Petrópolis foi representada no evento pela chefe do Departamento de Ensino Fundamental da Secretaria de Educação, Glória Maria Vargas - ela foi aprovada na chamada pública feita pela Fundação Getúlio Vargas para participação no seminário. Apenas 14 dos 92 municípios fluminenses conseguiram as vagas. Glória Maria também faz parte da comitiva formada por gestores públicos de Educação de municípios do Rio de Janeiro que participam do programa “Rede de Líderes Educacionais Fluminense”, desenvolvido pelo Centro de Excelência e Inovação em Políticas Educacionais (CEIPE) da Fundação Getúlio Vargas.

“A experiência em Sobral contribuiu para a reestruturação da proposta formativa com foco na alfabetização e confirmou que estamos no caminho certo, seguindo a linha de trabalho em que estamos empenhados, com o compromisso com a qualidade do ensino”, afirmou Gloria.

O evento contou com visitas técnicas à Casa da Avaliação Externa do município e à Escola de Formação Permanente do Magistério e Gestão Educacional (Esfapege), além de palestras sobre a experiência Educacional de Sobral – 22 anos, as atividades, ações e metodologias de Desenvolvimento da Aprendizagem e da Gestão Pedagógica nas Escolas Municipais de Sobral e a formação de Professores no Município de Sobral.

Notícias por data

« Junho 2019 »
Seg. Ter Qua Qui Sex Sáb. Dom
          1 2
3 4 5 6 7 8 9
10 11 12 13 14 15 16
17 18 19 20 21 22 23
24 25 26 27 28 29 30

Alvará Online - BANNER

Casa dos Conselhos

DO

iptu

turispetro

iluminacao

balcao empregos

plano compras

portal transparencia

licitacao

Concursos

Casa dos Conselhos

ecidade

jrestaurativa

gabinete cidadania.fw

cpge

EOUVmunicipios

selo acesso_informacao.fw

Relatorio CMVP

cmv-logo