As empresas responsáveis pelas reformas do Theatro D. Pedro e do Palácio de Cristal começaram nesta terça-feira (22.10) a fase de implantação das obras nos locais. Dois dos principais patrimônios históricos e turísticos da cidade vão passar por melhorias estruturais e já contam com a montagem do canteiro de obras. A expectativa é de que os operários comecem os trabalhos de fato ainda esta semana. Juntas, as duas obras vão custar mais de R$ 2,8 milhões, sendo a maior parte do recurso proveniente de emendas parlamentes. 

No Theatro D. Pedro, a responsável pelo serviço é a Studio G, vencedora da licitação realizada em julho. No projeto está prevista a revitalização da infraestrutura do prédio histórico, como a revisão das instalações elétricas, recuperação do sistema de ar condicionado, adequação para acessibilidade, conserto de infiltrações, entre outras melhorias. Além disso, a obra contempla a implantação do sistema de prevenção e combate a incêndio e pânico. Nesta terça, arquiteto e mestre de obras iniciaram os trabalhos no local. Também já começam a ser instalados os tapumes. As obras vão custar R$ 1.686.000,00.

Já no Palácio de Cristal a empresa Ponta do Céu Urbanização Construções e Paisagismo foi a vencedora da licitação para o serviço de reforma do atrativo. O trabalho, que vai custar R$ 1.144.768,83,conta com a reforma dos banheiros, acessibilidade e iluminação dos jardins. Os trabalhadores também começaram a chegar já na terça-feira para a montagem do canteiro de obras.

O programa Prefeitura Presente segue realizando aplicação de asfalto em ruas de comunidades e bairros de Petrópolis. Nesta terça (22.10), por exemplo, sete bairros foram atendidos com o serviço: Mosela, Alto da Serra, Caxambu, Quitandinha, Estrada da Saudade, Corrêas, Itaipava e Cascatinha.

O objetivo do programa Prefeitura Presente é ampliar serviços realizados por Comdep, Secretaria de Serviços, Secretaria de Obras e CPTrans nas comunidades do município. A meta é colocar até 150 homens nos bairros para reforçar trabalhos de manutenção viária, limpeza (como remoção de entulho, capina, desobstrução de canaletas), pintura de meio-fio e faixas, iluminação pública (tanto manutenção quanto instalação de LED), entre outros.

O serviço de tapa-buraco foi realizado nesta terça nas ruas Mosela (Mosela), Dom João Braga (Alto da Serra), Bernardino Vieira (Caxambu), Amazonas (Quitandinha), Estrada da Saudade (Estrada da Saudade), Paulo Rudge (Cascatinha), Princesa Dona Paula (Corrêas) e Estrada das Arcas (Itaipava).

Além do tapa-buraco, o programa Prefeitura Presente também realizou outros serviços nos bairros.

A Comdep promoveu remoção de entulho Alto da Serra, Taquara, Bairro da Glória, Valparaíso, Quitandinha e Centro. Já a Secretaria de Serviços atuou em Bonsucesso e na comunidade de Águas Lindas (Nogueira).

O serviço de capina e roçada passou por ruas de Castelânea, Saldanha Marinho, Sargento Boening, Alto da Serra, Duarte da Silveira, Taquara, Corrêas, Caxambu, Quitandinha e Centro

O Departamento de Obras fez instalação de coletora no Duques e pintura em Cascatinha e no pórtico do Quitandinha. A equipe de jardinagem promoveu corte de árvore na Posse e corte grama em ruas do Centro. Também houve limpeza do Rio Quitandinha em diferentes pontos da Cel. Veiga.

A manutenção de iluminação pública Castelânea, Quarteirão Brasileiro, Bairro Glória, Corrêas e Quitandinha.

Serviço de extensão da iluminação pública vai levar 145 pontos para 44 ruas de 23 bairros de setembro até novembro

O trabalho do programa Petrópolis Iluminada continua ampliando o alcance da rede de iluminação pública nos bairros e comunidades do município. Nesta terça-feira (22.10), três locais na Castelânea receberam a instalação de 12 novos pontos de luz. Esse serviço dá sequência ao trabalho de extensão da rede de iluminação pública. Entre o fim de setembro e o início de novembro, estão planejadas as colocações de 145 pontos de luz em 44 ruas de 23 bairros.

O serviço de extensão da rede de iluminação pública vem sendo feito pelo município em locais que já contavam com rede de distribuição de energia e precisavam apenas da instalação das luminárias. Na Castelânea, por exemplo, foram atendidas a Rua E, a Servidão Isa Gomes e a Rua Henrique Castrioto.

Desde o fim de setembro até semana passada, 22 ruas de sete bairros já tinham ganhado mais 93 pontos. O trabalho já havia passado por Araras, Bela Vista, Nogueira, Corrêas, Castelo São Manoel, Posse e Alto da Serra.

Ainda estão na programação Vale do Cuiabá, Santa Mônica, Madame Machado, Itaipava, Retiro, Cascatinha, Vale do Carangola, Retiro, Samambaia, Bataillard, Centro, Duarte da Silveira, Quitandinha, Pedro do Rio e Bonsucesso.

Instalação de LED tem sequência

Outra frente de trabalho do programa Petrópolis Iluminada, a substituição de lâmpadas comuns por luminárias de LED terá sequência na Av. Dom Pedro, onde serão trocados 80 pontos pela tecnologia que ilumina mais com menor gasto de energia e menos demanda por manutenção. O serviço está previsto para a noite desta quarta (23.10), caso não chova, e vai continuar até o início de novembro.

Neste mês de outubro, já foram encerrados os trabalhos feitos na Rua Teresa, na Floriano Peixoto e na Alberto Torres, com 130 luminárias instaladas no total. A programação ainda inclui as ruas Barão de Teffé, Nilo Peçanha, Av. Ipiranga, Dr. Joaquim Moreira e a reta de Itaipava.

Pioneiro no país e referência no Estado do Rio de Janeiro em política pública de prevenção a desastres, o Defesa Civil nas Escolas foi apresentado para 20 municípios paulistas na Reunião Ordinária da Câmara Temática de Defesa Civil da Região Metropolitana de Campinas (RMC). O encontro foi realizado nesta terça-feira (22.10) e discutiu as ações usadas pelas cidades na redução de riscos. Graças à proposta de trabalhar o assunto em sala de aula, Petrópolis é destaque por estar alinhada à estratégia internacional de redução do risco de desastres das Organizações das Nações Unidas (ONU).

Participaram da reunião representantes das prefeituras de Americana, Arthur Nogueira, Campinas, Cosmópolis, Engenheiro Coelho, Holambra, Hortolândia, Indaiatuba, Itatiba, Jaguariúna, Monte Mor, Morungaba, Nova Odessa, Paulínia, Pedreira, Santa Bárbara d’Oeste, Santo Antônio de Posse, Sumaré, Valinhos e Vinhedo. De forma inédita Petrópolis participou do evento, sendo convidada pelo promotor das Organizações das Nações Unidas (ONU) no Brasil, Sidnei Furtado.

“A troca de experiências e o diálogo entre as cidades é algo muito importante. Essa proposta, de trabalhar a prevenção dentro de sala de aula, deveria ser ampliada para mais cidades por todo o país e segue o direcionamento internacional da ONU de redução do risco de desastres”, disse Sidnei, que também é o coordenador de Defesa Civil de Campinas, anfitriã do encontro.

Os números do Defesa Civil nas Escolas no último semestre chamam a atenção: foram mais de 20 mil alunos envolvidos em 631 atividades. Os trabalhos no primeiro semestre foram desenvolvidos em todas as 180 unidades da rede municipal, além de outras 30 particulares e outras duas estaduais. O Defesa Civil Jovem foi lançado no mês passado, como forma de entrar nas salas de aula do ensino médio através dos jovens. Neste momento, estão sendo desenvolvidos trabalhos envolvendo os riscos relacionados ao verão, como os deslizamentos de terra e as inundações.

O programa também já rendeu um prêmio para a prefeitura. O Centro Nacional de Monitoramento e Alertas de Desastres Naturais (Cemaden) vai entregar um pluviômetro semiautomático e um kit educativo para serem usados dentro da política pública.

Estão abertas as inscrições para a V Conferência de Esportes e Lazer, que será realizada no dia 9 de novembro, de 9h às 18h, no auditório da Universidade Unopar, que fica na Rua Montecaseros, no Centro. Os interessados em participar podem se inscrever na Superintendência de Esportes e Lazer, que fica no Centro de Cultura Raul de Leoni. Outras informações sobre o evento podem ser obtidas por telefone: (24) 2233-1218.

Os três eixos em debate serão o turismo esportivo; impacto das competições no âmbito escolar; e a atividade física como instrumento de saúde preventiva. Na programação ainda acontecem duas palestras: às 9h, com o superintendente de Esportes e Lazer, Leandro Kronemberger, e às 10h, com o professor de educação física Jefferson Retondaro.

A V Conferência Municipal dos Esportes funciona como espaço de discussão das diretrizes das políticas municipais de esportes e lazer, onde professores, alunos, treinadores e entidades ligadas ao esporte discutem sobre ações e projetos para o setor.

Programação:

8h -  Cadastramento

8h45 - Abertura da Conferência

9h - Palestra com Leandro Kronemberger - Esporte em Petrópolis: sementes plantadas e frutos colhidos

10h - Palestra com Jefferson Retondaro - Jogos escolares em tempos compulsivos: o real, virtual e o atual

11h15 - Discussão em grupo de três eixos temáticos:

1)      Projetos e captação de recursos

2)      Fomento da atividade física para todos

3)      Capacitação dos profissionais da área

12h30 - Almoço

14h - Apresentação dos eixos temáticos

15h30 - Coffee Break

16h - Eleição dos novos membros do conselho

18h - Encerramento

Ainda há vagas para as aulas que são abertas à comunidade

Com 81 anos, Dona Lila, como é carinhosamente conhecida Maria da Conceição Machado, mostra disposição nas aulas de hidroginástica na EM Monsenhor João de Deus Rodrigues, em Pedro do Rio. Dona Lila é um dos 435 adultos que participam das aulas de hidroginástica da localidade. Além deles, outras 209 crianças – a partir dos 8 anos – também participam das atividades na piscina da escola. “Aqui me sinto maravilhosa. Não tenho dificuldades, dor, nada.  Me divirto e não falto a nenhuma aula, de jeito nenhum. Aqui é o paraíso”, afirma Dona Lila.

Três profissionais são responsáveis pelas aulas de natação e hidroginástica na EM Monsenhor João de Deus Rodrigues e, nesta terça-feira (22.10) um aulão foi realizado com os alunos adultos que fazem parte do projeto. Dona Lila fez questão de participar. “Eles podem contar com minha presença sempre porque eu sou animada. As aulas estão aprovadíssimas”, comentou ela, que participa da hidroginástica na escola desde que a piscina foi montada: há 14 anos.

“Queremos envelhecer com saúde, e a hidroginástica nos proporciona isso. As aulas são muito boas e realmente sentimos diferença na nossa condição física. Depois de uma certa idade, temos que correr atrás do prejuízo”, comentou Theodorico de Oliveira, de 76 anos, também aluno da hidroginástica.

O diretor da EM Monsenhor João de Deus Rodrigues, Ney Marcos de Paulo Júnior, explica que ainda há vagas para as aulas. “Atendemos alunos da rede municipal, inclusive os que se enquadram na modalidade de educação especial, além de moradores de outros bairros. As aulas são realizadas por profissionais, temos sempre um guardião na piscina e há vagas disponíveis”, explicou.

Ana Lara, filha do Valdir do Carmo, de 81 anos, fez questão de levar o pai para a primeira experiência na hidroginástica. “Ele teve uma recomendação médica e ficamos felizes em poder trazê-lo para fazer as aulas aqui. Eu já participei das aulas e o projeto é muito legal. Além da questão médica há a socialização, tão importante para os que estão na terceira idade”.

Coordenação motora, equilíbrio e fortalecimento da musculatura são alguns dos benefícios da hidroginástica para os adultos. “Conseguimos perceber a evolução deles a cada aula e isso é muito legal. Os alunos reconhecem os benefícios, nós acompanhamos e os ajudamos sempre que necessário”, disse José Bordalo Neto, coordenador das atividades na piscina da EM Monsenhor João de Deus Rodrigues.

Ricardo Martins, de 69 anos, salienta os benefícios conquistados com as aulas de hidroginástica. “Estava com muita dificuldade para andar por causa de uma hérnia e, hoje, já estou conseguindo, dia após dia, grandes avanços. Vale muito a pena. Só tenho a agradecer”.

Ainda há vagas para aulas de natação e hidroginástica

As aulas de natação e hidroginástica são oferecidas para crianças a partir dos 8 anos e para adultos sem limite de idade. Os interessados podem procurar a secretaria do centro esportivo da EM Monsenhor João de Deus Rodrigues durante a semana. Para a inscrição é necessário a apresentação do atestado médico. A escola fica na Estrada Dr. Barros Franco, s/n, Pedro do Rio.

A E.M Monsenhor João de Deus Rodrigues oferece, ainda, aulas de basquete e dança de salão, além de atender aproximadamente mil alunos, em três turnos de atendimento, do 4º período da educação infantil até o 9º do ensino fundamental e ainda mantêm aulas do EJA (Educação de Jovens e Adultos) no turno da noite.

Três dias de palestras com especialistas do setor educacional

“Construindo Redes de Ensino onde todos os alunos aprendam”. Esse é o tema da palestra de abertura do Seminário de Educação "A Educação nos move: repensando ideias, atualizando propostas", que começará nesta quarta-feira (23.10) na UCP, campus Benjamin Constant. A ação é uma iniciativa da Secretaria de Educação e a palestra de abertura será ministrada por Teresa Pontual, gerente Executiva da FGV – Fundação Getúlio Vargas. O evento terá início às 13h, com o credenciamento.

Ao todo, em três dias de seminário, serão realizadas 14 palestras e três mesas redondas com apresentação de projetos de sucesso realizados na rede municipal de Educação.

No dia 23 a programação será das 13h às 17h. No dia 24, das 8h às 17h e no dia 25 de outubro, das 8h ás 11h. Os horários e as salas onde os assuntos serão tratados estão na programação no site da PMP.

Confira a programação:

23/10 – QUARTA-FEIRA

13h – Credenciamento

13h30 – Café

14h – Abertura do evento

14h15 – Apresentação Musical (orquestra de violões – Casa da Educação)

14h30 – Palestra de Abertura: Construindo Redes de Ensino onde todos os alunos aprendam (Teresa Pontual – Gerente Executiva da FGV EBAPE/CEIPE)

15h30 – Tempo para perguntas

16h –  Mesa Redonda c/ 3 trabalhos: Apresentação de Prática de Sucesso (Banner)

17h – Encerramento

24/10 – QUINTA-FEIRA

MANHÃ

8h – Credenciamento, café e encaminhamento para salas

8h30 às 9h50

Sala 1 – Brincadeiras Musicais na Educação Infantil - Ana Laura Simão – Graduada em música e especializada em Educação Integral

Sala 2 – Currículo - Ana Lúcia Tavares - Licenciatura em Letras e Pedagogia –UNIFLU Especialização em Políticas Públicas – FGV / Pós-Graduação em Docência do Ensino Superior – UERJ/FAFIC - Coordenadora da Educação Básica – SMECE - Professora da rede pública de Ensino.

Sala 3 – As habilidades cognitivo-linguísticas e sua relação com o desenvolvimento da leitura e escrita – Thais Gomes Braga da Silveira

Sala 4 – Flávia Justen – Roda Literária: Tecendo fios, bordando sentidos

Sala 5 – Repensando as práticas de avaliação- Bianca Dela Nina – Mestre em Educação e Mestre em Português e Linguística

10h – Mesa Redonda Boas Práticas

11h – Encerramento

TARDE

13h – Credenciamento, café e encaminhamento para salas

13h30 às 14h50

Sala 1 – Brincadeiras Musicais na Educação Infantil - Ana Laura Simão – Graduada em música e especializada em Educação Integral

Sala 2 – Currículo - Ana Lúcia Tavares - Licenciatura em Letras e Pedagogia –UNIFLU Especialização em Políticas Públicas – FGV / Pós-Graduação em Docência do Ensino Superior – UERJ/FAFIC - Coordenadora da Educação Básica – SMECE - Professora da rede pública de Ensino.

Sala 3 – As habilidades cognitivo-linguísticas e sua relação com o desenvolvimento da leitura e escrita – Thais Gomes Braga da Silveira

Sala 4 –Flávia Justen – Roda Literária: Tecendo fios, bordando sentidos

Sala 5 – Material Adaptado através do brincar – Thiago de Araujo (Coordenador da Brinquedoteca da Recriasce / Responsável pelos projetos da Criative Ideias)

15h às 16h - Salão – Neurociências e o desenvolvimento das potencialidades em sala de aula - Martha Relvas (Coordenadora do Programa de Pós-graduação de Neurociência Pedagógica da UCAM/AVM)

16h – Mesa Redonda Boas Práticas

17h – Encerramento

25/10 – SEXTA-FEIRA

8h – Credenciamento, café e encaminhamento para salas

8h30 às 9h30 - Cíntia da Luz Rodrigues – Doutoranda e Mestre em Educação pela UFF, Avaliadora Educacional Técnica da SASE/MEC

10h –  Palestra e encerramento -  A Educação nos move – Pilar Lacerda – diretora Fundação SM Brasil.

Site da prefeitura é a ferramenta para os candidatos cadastrarem seus currículos

O Balcão de Empregos da Prefeitura, administrado pelo Departamento de Trabalho e Renda (Detra), da Secretaria de Desenvolvimento Econômico, tem 13 vagas disponíveis nesta semana. Os candidatos devem cadastrar os seus currículos na prefeitura no site www.petropolis.rj.gov.br. Mais informações podem ser consultadas pelo telefone (24) 2233-8113.

O balcão de empregos realiza a divulgação das vagas e os encaminhamentos dos candidatos para processo seletivo, sendo assim, fica a cargo do empregador a responsabilidade pelas entrevistas e possíveis contratações. O Detra fica na Rua Aureliano Coutinho, 203, no Centro. Confira as oportunidades:

Jardineiro - 1 vaga - sexo masculino - Experiência e CNH

Motorista carreteiro - 3 vagas - sexo masculino - Ensino fundamental, CNH categoria E e experiência

Motorista truck - 1 vaga - sexo masculino - Ensino fundamental, CNH categoria D, experiência e disponibilidade para viajar

Motorista utilitário - 2 vagas - sexo masculino - Ensino fundamental completo, CNH categoria D e experiência

Promotor de vendas - 5 vagas - sexo feminino - Ensino médio e experiência

Recepcionista bilíngue - 1 vaga - sexo masculino - Experiência

Inquilinos e outros moradores do imóvel também podem pontuar créditos

Sua Nota Imperial de serviços gera até 20% de desconto no Imposto Predial Territorial e Urbano (IPTU). Até o dia 31 deste mês, quem cadastrar o imóvel no site da prefeitura (www.petropolis.rj.gov.br) garante que parte dos gastos com o pagamento por serviços como manicure, cabeleireiro, mensalidades de academia, escolas e cursos, transporte, e até mesmo banho e tosa de animais, seja revertido em descontos no imposto. Na prática isso significa que um imóvel cujo IPTU custa R$ 1 mil, por exemplo, pode receber créditos que gerem até R$ 200 em desconto, e no carnê o valor do imposto com abatimento seja de R$ 800. Os créditos são acumulados com a contratação de serviços que gerem o pagamento de Imposto Sobre Serviços (ISS). E o direcionamento de créditos não precisa ser feito apenas pelo proprietário.

O desconto para o IPTU 2020 é válido para notas emitidas no período entre 1º de novembro de 2018 e 31 de outubro deste ano.  Notas emitidas a partir de 1º de novembro, já acumulam créditos para o IPTU 2021. O direcionamento dos créditos pode ser feito não só por proprietários, mas também por inquilinos e todos os demais moradores de um mesmo imóvel. Para garantir o abatimento já no carnê de 2020, o contribuinte deve fazer o cadastro no site da prefeitura.

No caso de serviços prestados à pessoa física, o valor contabilizado para desconto no IPTU é de 40% sobre a alíquota recolhida pelo prestador do serviço, referente ao ISS - que varia entre 2% e 5%. Na prática isso significa que uma nota fiscal por um serviço em que o cliente pague R$ 200, por exemplo, e gere o recolhimento de 5% de ISS (R$ 10), o consumidor que fez o pagamento receba de volta R$ 4, em crédito para desconto no IPTU. No caso da emissão de nota para pessoa jurídica, os créditos são gerados a partir de 20% sobre o valor da alíquota recolhida, o que neste caso significaria R$ 2, de desconto. O desconto no imposto é o resultado do acumulo de créditos computados cada vez que o cliente paga por um serviço e exige a nota fiscal de serviço eletrônica.

Importante destacar que os créditos da Nota Imperial geram abatimento no valor do IPTU, não alterando, no entanto, o valor referente à taxa de lixo, cobrada no carnê do imposto.

A ação aconteceu em parceria com a CDL

Com o objetivo de orientar os empresários do segmento de alimentos, como supermercados, sobre a atuação legal dos empreendimentos, o Procon Petrópolis, em parceria com a Câmara de Dirigentes Lojistas de Petrópolis (CDL), realizou nesta terça-feira (22.10) uma palestra de conscientização, para mais de 20 representantes de redes de supermercados da cidade. O encontro aconteceu no auditório da CDL.

A ação faz parte do Procon Palestras junto com a CDL, que acontece uma vez por mês, com temas diversificados que são explanados pela equipe do órgão, para que os fornecedores se adequem e evitem futuros problemas durante uma fiscalização. A palestra foi ministrada pela fiscal do órgão Fernanda Montenegro, com a presença do coordenador do Procon, Bernardo Sabrá e o responsável do setor jurídico, Thiago Ramos.

Durante a palestra, o grupo tirou dúvidas sobre legislação, validade de produtos, precificação, propaganda enganosa, promoção, armazenamento, produtos fracionados, manipulação de carne, questões sanitárias, lei das sacolas plásticas, livro do Código de Defesa do Consumidor, entre outras orientações.

“Esta orientação do Procon, que é um órgão fiscalizador, estreita o relacionamento e melhora a qualidade do serviço da empresa com o consumidor. É um momento onde eles podem tirar as dúvidas de ordem rotineira e é muito importante o Procon se disponibilizar. Agradecemos a oportunidade de o órgão estar aqui para nossos associados orientando de forma justa e só trazendo benefícios”, frisou o presidente da CDL, Abrahão Jorge Bailune, que ainda contou que a Câmara possui 800 associados de vários segmentos por toda a cidade.

Segundo o gerente do Multimix, João Carlos do Amaral, a palestra fortalece as empresas. “Foi um encontro muito produtivo. Nós já temos a noção da legislação, mas foram muito válidas as orientações dadas pelo Procon, pois assim fazemos uma reciclagem de toda atuação dentro do mercado”, finalizou o gerente.

Participaram da palestra as redes de supermercados: Super Serra; Tá no Gosto; Mercadeli; Dib; Bramil; Extra; Supermarket e Velleju.

Nove agentes da Guarda Civil de Petrópolis participaram nesta terça-feira (22.10) o 2º Encontro de Guardas Municipais Femininas do Rio de Janeiro. O objetivo do evento foi proporcionar integração, capacitação e troca de experiências entre corporações de 39 municípios do Estado e ainda de outras cidades do país que foram convidadas. Acompanhadas da subcomandante Cláudia da Conceição, elas puderam participar de diversos debates em torno da atuação delas e de temas sensíveis às mulheres, como a aplicação da Lei Maria da Penha, boas práticas por parte de comandantes, inteligência emocional, elaboração e execução de projetos e programas. O evento também contou com apresentações culturais e foi realizado em Copacabana com presença de cerca 270 mulheres.

As partidas decisivas de futsal do CUP Intermunicipal movimentam o Centro de Iniciação ao Esporte (CIE), no bairro Caxambu, no dia 2 de novembro. O primeiro jogo, às 13h, será a semifinal masculina entre a UCP e a FMP. Na sequência, entre as meninas, jogam a Estácio e a Medicina da Feso de Teresópolis. Os meninos retornam às 15h para o confronto entre Direito da Feso de Teresópolis e a Fase. As finais da competição acontecem no mesmo dia, começando às 16h.

No feminino, a equipe da UCP aguarda qual time será adversário na grande final. Neste semestre, a competição universitária, criada em Petrópolis, abriu espaço para atléticas de outros municípios, como Teresópolis, Vassouras, Nova Friburgo e Cantagalo. São cerca de 200 atletas envolvidos na modalidade.

Desde o início da atual gestão, o governo municipal apoia as competições universitárias através da Superintendência de Esportes e Lazer, que busca o fomento da prática esportiva entre os jovens. No ano que vem, a competição intermunicipal será ampliada para outras quatro modalidades: basquete, handebol, vôlei e futebol society. A ideia é envolver até mil alunos, somando todas as cidades e atléticas participantes. 

Jogos estudantis movimentaram cerca de 5 mil alunos

Mais de cinco mil estudantes estiveram envolvidos nas competições estudantis realizadas em Petrópolis neste ano. São cerca de 800 horas de atividades físicas variadas para alunos de 12 até 18 anos. No primeiro semestre, a 4ª edição do Jeds – Jogos Estudantis dos Distritos – movimentou as instituições localizadas nos distritos em sete modalidades.

O mesmo número de esportes foi disputado nos Jogos Estudantis Municipais (Jems), que reuniu equipes de 30 colégios. Dentro dos Jogos Estudantis Unificados de Petrópolis (Jeups), o número de escolas bateu o recorde do torneio: são 50 inscritas, envolvendo até outubro mais de 3 mil estudantes das redes municipal, estadual, federal e particular.

Banner INFOS ATUAIS2

Notícias por data

« Outubro 2019 »
Seg. Ter Qua Qui Sex Sáb. Dom
  1 2 3 4 5 6
7 8 9 10 11 12 13
14 15 16 17 18 19 20
21 22 23 24 25 26 27
28 29 30 31      

Alvará Online - BANNER

Casa dos Conselhos

DO

Cadastro da inscrição do IPTU para crédito da Nota Imperial

turispetro

iluminacao

balcao empregos

plano compras

portal transparencia

licitacao

Concursos

Casa dos Conselhos

ecidade

jrestaurativa

gabinete cidadania.fw

cpge

EOUVmunicipios

selo acesso_informacao.fw

Relatorio CMVP

cmv-logo