Segunda, 23 Setembro 2019 - 18:16

Anuário Estatístico de Acidentes de Trânsito será apresentado nesta quarta-feira (25.08)

Anuário Estatístico de Acidentes de Trânsito será apresentado nesta quarta-feira (25.08)

Nesta terça (24.08), Parada Positiva, evento voltado aos motociclistas ocorre no entorno da Praça D. Pedro

A CPTrans apresenta, nesta quarta-feira (25.08) o Anuário Estatístico de Acidentes de Trânsito, que consolida os dados de 2018. O evento ocorre a partir de 14h na Casa da Educação encerrando a programação da Semana Nacional do Trânsito. A íntegra do documento reúne dados coletados de janeiro a dezembro do ano passado do Corpo de Bombeiros, PMERJ e da Secretaria Municipal de Saúde. Antes disso, na terça-feira (24), ocorre o evento Parada Positiva, no entorno da Praça D. Pedro, a partir das 9h. Este ano, o foco das ações da CPTrans foi os motociclistas, maiores vítimas de acidentes registrados ao longo de 2018 em Petrópolis.

O Parada Positiva é uma ação que ocorre em parceria com a Motomundi e Yamaha voltada aos motociclistas. O objetivo é conscientizar a categoria sobre a importância de um trânsito mais seguro. Na ocasião um profissional fará um checklist da moto verificando as condições dos pneus, faróis e freios. Em seguida, seguirão para ação educativa, para demonstrar aos motociclistas os pontos cegos dos motoristas no carro e que podem causar acidentes. Também nesta terça, ocorre panfletagem num processo continuado de conscientização aos cidadãos petropolitanos.

Petrópolis teve, em 2018, 26 mortes – 50% delas de vítimas de acidentes envolvendo motociclistas. De acordo com o documento, 19 delas ocorreram no próprio local do acidente e sete a caminho da unidade de saúde ou durante o tratamento hospitalar. Em território sob jurisdição municipal foram 14 óbitos enquanto em áreas como a BR-040, BR-495, RJ-117, RJ-123, RJ-107 e RJ-134 foram 12 mortes registradas. Na contramão da redução do número de óbitos está o crescente número de vítimas: enquanto em 2017 houve 1.776 acidentes com 1.589 vítimas, no seguinte foram registrados 1.950 acidentes e 1.713 vítimas.

“É um dado que chama a atenção e reflete um problema global, mas ainda assim um dado alarmante que exige uma mudança de comportamento imediata. Embora tenhamos conseguido menos mortes o número de acidentes ainda é grande e considerando a frota que temos na cidade é indispensável que as pessoas tomem cuidado por si e pelo outro. Não há ação da CPTrans ou de qualquer entidade que fará essas estatísticas mudarem se não houver mudança de comportamento imediato”, destaca o diretor técnico e operacional da companhia, Luciano Moreira.

Notícias por data

« Setembro 2020 »
Seg. Ter Qua Qui Sex Sáb. Dom
  1 2 3 4 5 6
7 8 9 10 11 12 13
14 15 16 17 18 19 20
21 22 23 24 25 26 27
28 29 30        

Prestação de conta COVID-19

Alvará Online - BANNER

Casa dos Conselhos

DO

Cadastro da inscrição do IPTU para crédito da Nota Imperial

turispetro

iluminacao

balcao empregos

plano compras

portal transparencia

licitacao

Concursos

Casa dos Conselhos

ecidade

jrestaurativa

gabinete cidadania.fw

cpge

EOUVmunicipios

selo acesso_informacao.fw

Relatorio CMVP

cmv-logo