Terça, 04 Junho 2019 - 18:21

Petrópolis presente no Smart City Day

Evento, em São Paulo, é organizado pela Microsoft e SPIN- Soluções Públicas Inteligentes

Petrópolis foi uma das 30 cidades do Brasil que marcaram presença no Smart City Day, evento criado pela Microsoft e SPIN - Soluções Públicas Inteligentes, realizado na última segunda-feira (03.06), em São Paulo, com a intenção de discutir e planejar ações que ajudem as cidades a conseguir soluções, através da tecnologia da informação, para problemas do cotidiano como eficiência energética, por exemplo.

A inovação pode e deve ser uma aliada dos municípios na busca por soluções para problemas diagnosticados pelo poder público. E a participação do evento foi importante porque a prefeitura teve a oportunidade de trocar informações e discutir as soluções públicas que podem ser utilizadas na cidade.

O conceito de “smart cities” vem se tornando comum e Petrópolis tem potencial para se tornar referência. Petrópolis tem um setor de tecnologia que vem crescendo a cada ano e também forma mão de obra especializada que pode contribuir para o planejamento de soluções administrativas para a cidade. O poder público também criou a Lei da Inovação, para incentivar o crescimento do setor. O município tem, ainda, um Centro de Operações todo equipado com monitoramento em tempo real de diversos pontos da cidade e está estudando uma forma de melhorar a eficiência da internet local. O município está avançando e a prefeitura quer mostrar que Petrópolis tem o potencial para abrigar todas as soluções públicas criadas em favor do desenvolvimento da cidade.

O evento, organizado pela Microsoft e SPIN - Soluções Públicas Inteligentes, contou com palestras e apresentações de cases sobre o investimento "inteligência" nos municípios brasileiros (iluminação pública, mobilidade urbana, saneamento básico, segurança pública, saúde e educação). Segundo o conceito abordado no evento, a adoção de recursos baseados em Internet das Coisas ("IoT") e Big Data na prestação de serviços públicos típicos do ambiente urbano, podem ser usados em equipamentos municipais (luminárias, semáforos, lixeiras, bueiros, câmeras, drones etc.), dotados de inteligência embarcada e capacidade de comunicação em tempo real, entre si e com o gestor público, o que pode proporcionar ao gestor, parâmetros extremamente confiáveis para a tomada de decisões precisas, acertadas e eficientes.

“Fomos convidados a participar do evento e tivemos a oportunidade de discutir projetos inovadores e de cidades inteligentes. Nosso interesse está em implantar um projeto piloto de IOT - Internet das Coisas - em Petrópolis. Será mais um passo para projeto maior, com priorização de ações, para o projeto “Petrópolis, Cidade Inteligente”, explicou o diretor do Departamento de Ciência e Tecnologia, Marcelo Simões.

       Também foram temas de discussões assuntos como “O Papel do Governo Federal, a Nova Frente Parlamentar Mista em Apoio às Cidades Inteligentes e Humanas e os Desafios da Legislação 4.0”; “O Plano Nacional da Internet das coisas (IoT)”; “Redes de Iluminação Pública Inteligentes - Estado da Arte no Brasil e no Mundo, PPPs, Receitas Acessórias e Perspectivas de Mercado” e “Proteção de Dados e Segurança - Cibernética nas Smart Cities”.

Alvará Online - BANNER

Notícias por data

« Outubro 2019 »
Seg. Ter Qua Qui Sex Sáb. Dom
  1 2 3 4 5 6
7 8 9 10 11 12 13
14 15 16 17 18 19 20
21 22 23 24 25 26 27
28 29 30 31      

Alvará Online - BANNER

Casa dos Conselhos

DO

Cadastro da inscrição do IPTU para crédito da Nota Imperial

turispetro

iluminacao

balcao empregos

plano compras

portal transparencia

licitacao

Concursos

Casa dos Conselhos

ecidade

jrestaurativa

gabinete cidadania.fw

cpge

EOUVmunicipios

selo acesso_informacao.fw

Relatorio CMVP

cmv-logo