Petrópolis vai respirar cultura germânica por todos os cantos a partir da próxima sexta-feira (14.06) e um dos pontos altos da Bauernfest – a Festa do Colono Alemão – vai ficar por conta dos 13 grupos de dança folclórica, que já estão confirmados para animar o público. Este ano, chegando à sua 30ª edição, o evento acontece de 14 a 30 de junho (exceto dia 20, feriado de Corpus Christi), com uma intensa programação cultural que vai incluir ainda muita música, teatro, atividades para as crianças, jogos germânicos, concursos, além, claro, da gastronomia típica e chope. A festa vai contar com palcos no Palácio de Cristal, na Praça da Liberdade e na Praça Visconde Mauá (Praça da Águia) – este último com o Bierngarten.

São cerca de 700 dançarinos que prometem disseminar a cultura germânica com coreografias que vão desde danças típicas tradicionais às mais modernas. As apresentações dos grupos é fundamental para o sucesso da festa. 

O Palco Koblenz, que vai ficar nos jardins do Palácio de Cristal, vai concentrar as apresentações dos grupos folclóricos, que começam já na abertura da festa, com a Associação dos Grupos Folclóricos Alemães de Petrópolis (AGFAP), às 20h. A abertura também vai contar, em seguida, com o grupo convidado de Blumenau-SC, Grupo Folclórico Teutônia, além dos grupos da cidade Blumenberg Volkstanz e Bauerngruppe Danças Folclóricas Alemãs de Petrópolis.

Nos fins de semana do evento, as apresentações dos grupos folclóricos acontecem durante todo o dia, começando no início da tarde. Já nos dias de semana as apresentações acontecem nos dias 19, 21, 26, 27 e 28 no período da noite.   

Entre os grupos de dança folclórica de Petrópolis estão: Associação dos Grupos Folclóricos Alemães de Petrópolis (Agfap); Blumenberg Volkstanz; Bauerngruppe Danças Folclóricas Alemãs de Petrópolis; Kaiserstadt Kulturkreis; Mosel Volkstänze de Petrópolis; Rheinland Pfalz Danças Folclóricas; Petrópolis Danças Folclóricas; Grupo Folclórico Germânico Bergstadt; Mosel Volkstänze de Petrópolis. E os convidados de outras cidades: Grupo Folclórico Teutônia; Grupo de Tradições Folc. Pommerland; Edelweiss Tiroler Alpenbühne Tanzgruppe; Schmetterling Germanische Volkstanzgruppe; e Tanzen Macht Freunde de Lajeado.

“A expectativa é muito boa e os grupos estão empenhados para fazer desta a melhor Bauernfest dos últimos anos. Tivemos uma grande procura por grupos de fora da cidade, o que mostra que a festa está crescendo cada vez mais”, destacou a presidente da Agfap, Isis Barreto Sader. 

O investimento na construção ou na reforma de equipamentos esportivos vai beneficiar diretamente a mais de 20 mil pessoas em Petrópolis. O valor total das obras é de R$ 6,7 milhões, sendo R$ 5,9 milhões liberados pelo Ministério do Esporte e mais R$ 811 mil de contrapartida da prefeitura. Já foram entregues o Centro de Iniciação ao Esporte (CIE), no Caxambu, e as quadras dos bairros Morin e Pedras Brancas. Além dessas, serão realizadas melhorias nas quadras do Amazonas, Vila São José, Comunidade Oswaldo Cruz, Comunidade do Alemão e Vale do Carangola.

A ideia da prefeitura é instalar programas sociais que atendam todas essas comunidades, fomentando a prática regular de atividades físicas. 

O CIE atende a mais de 800 adultos e crianças de todo município regularmente em 14 modalidades esportivas. O espaço foi inaugurado pelo prefeito Bernardo Rossi em março do ano passado, proporcionando mais qualidade de vida para os beneficiados. Além das atividades, o local também é palco de competições estudantis e amadoras, recebendo atletas de diversas partes do país. “O CIE no Caxambu foi uma grande conquista da nossa gestão. Queremos atender até duas mil pessoas por mês no local”, garante o prefeito.

Tamires Ferreira de Oliveira Santos, que mora no Caxambu, participa ativamente das aulas de dança e alongamento. Na família, os sobrinhos jogam os esportes de quadra, contribuindo também para o desenvolvimento de cada um.  O CIE está cada vez mais sendo utilizado pelos moradores, que também ganharam um horário para o jogo de futsal da comunidade.

“Minha saúde está muito melhor, estou mais ágil, emagreci bastante também. Acho legal a prefeitura oferecer um espaço como esse, que ensina muita coisa boa para os jovens aqui da comunidade. A nossa turma está crescendo e a gente ajuda divulgando, dizendo que as aulas são muito boas e animadas”, disse Tamires.

Já a reforma da quadra no Pedras Brancas foi entregue para a comunidade em dezembro do ano passado. Logo no início da atual gestão, foi paga uma dívida de R$ 11,1 mil, o que permitiu a retomada da obra, que estava parada desde 2016. Desde janeiro, o espaço conta com um núcleo do Agita Petrópolis com aulas de futsal. O programa atende 60 crianças e adolescentes da localidade com turmas nas categorias sub-12 e 15.

Segundo João Nascimento, morador do Pedras Brancas, a quadra reformada é importante para o lazer dos jovens. “Esse é um espaço com segurança para as nossas crianças praticarem algum esporte, saindo das ruas e da violência. O esporte é uma ferramenta que pode mudar a realidade de um jovem, abrir um novo caminho, por isso a quadra é essencial para o nosso bairro”, disse.

A reforma da quadra no Morin aconteceu a partir de uma emenda de R$ 487,5 mil e contrapartida de R$ 150 mil (R$ 637,5 mil). Ela começou no início de 2016 e foi paralisada alguns meses depois por falta de pagamento de R$ 3,1 mil pela gestão passada. O município honrou o pagamento e permitiu a retomada da obra. A inauguração para a comunidade aconteceu em janeiro deste ano.

A cidade deve ganhar novos projetos sociais em breve. O esporte é o maior aliado da saúde e do bem-estar e a prática deve ser incentivada desde a infância. O Programa Segundo Tempo será a próxima novidade, atendendo a 400 crianças em quatro bairros da cidade.

Além dessas, serão reformadas as quadras do Amazonas, Vila São José, Comunidade Oswaldo Cruz, Comunidade do Alemão e Vale do Carangola. Entre as intervenções previstas estão melhoria de pisos, vestiários, troca de telas, traves, redes e, em alguns casos, construção de coberturas. Essas obras vão trazer melhorias nos equipamentos usados diretamente para cerca de 15 mil pessoas.

“A gente espera pela cobertura da quadra há mais de 10 anos”, afirmou o presidente da Associação de Moradores da Oswaldo Cruz, Reinaldo Santos, dizendo ainda que as melhorias irão permitir o retorno de projetos sociais de basquete e de vôlei.  “Depois da reforma, temos a intenção de aproveitar e trazer projetos de outros esportes também. Será um grande marco para a nossa comunidade”, disse.

 

CEI atenderá 130 crianças de 1 a 3 anos

A Prefeitura assumiu o compromisso de criar vagas para educação infantil e está no caminho certo. No CEI Augusto Meschick já estão matriculadas 130 crianças que terão conforto, carinho e merenda de qualidade. É mais um equipamento público todo adaptado para atender as necessidades das crianças. A inauguração da nova creche na 24 de Maio foi realizada no sábado (08.04).

Com presença da comunidade e secretários municipais, a abertura da creche marca esforço do governo em suprir a demanda por atendimento em educação infantil. Serão mais 700 novas vagas este ano e a meta é chegar a 1.500 novas vagas até o final de 2020.

O CEI foi instalado no prédio onde funcionava a Escola Estadual Professor Augusto Meschick. O local foi municipalizado nesta gestão e adaptado para receber os alunos. “O espaço passou por uma reforma com pintura das salas de aula, criação de um refeitório, adaptação dos banheiros para educação infantil e implantação de um espaço para leitura, tudo para garantir o conforto dos alunos. Todo o CEI foi equipado com mobiliário adequado para atender necessidades dos alunos e brinquedos didáticos novos”, acrescentou Bernardo Rossi.

Os alunos do CEI Augusto Meschick têm entre 1 e 3 anos e já estão em adaptação. O CEI conta com doze salas de aula, cozinha, banheiros, espaço para leitura, pátio e refeitório.

“Essa é uma fase muito importante para as crianças. Os estímulos orientados pelas professoras e educadoras são imprescindíveis. O trabalho desenvolvido no CEI será acompanhado de perto pela Secretaria de Educação. É uma nova creche e especialmente recebida pela comunidade que precisava de um equipamento público de qualidade para atendimento de crianças nessa faixa etária”, afirmou a secretária de Educação, Marcia Palma.

A diretora do CEI, Aline Priori, agradeceu ao poder público e Secretaria de Educação. “Sabemos o quanto é importante para as crianças e suas famílias ter um espaço com toda segurança para o atendimento. Agradeço a confiança do governo e auxilio da Secretaria de Educação”, falou.

Fabiana Caciano de Oliveira, mãe do Pedro Caciano, de 1 ano e 6 meses está muito feliz com a nova creche. Ela trabalha no comércio e precisava muito da vaga.

"A vaga para o meu filho saiu em uma boa hora. Trabalho o dia todo e precisava muito desse auxilio. A equipe da creche o recebeu muito bem", contou.

Giulia Moraes, mãe do Benjamin, de 1 ano e 3 meses fez questão de participar da inauguração do CEI. “Adorei o espaço, meu filho ficou muito bem. Quero voltar ao mercado de trabalho e, agora, sabendo que meu filho está sendo muito bem cuidado, em um ambiente lindo e confortável, estou mais tranquila", disse.

Juliana de Amorim, mãe da Chloe, de 2 anos, também aprovou o novo espaço. “Minha filha começou a adaptação e não estranhou nada, corre pros braços da tia e isso é uma alegria enorme pra mim. Adorei o espaço, a equipe é muito acolhedora e estou encantada com tudo novinho!”.

A Associação de moradores agradeceu ao prefeito Bernardo Rossi. “É um presente. Um presente muito esperado. Essa comunidade merece. As mães merecem. Melhor presente que poderíamos ter ganhado. Agradeço muito o prefeito Bernardo Rossi por essa conquista".), disse a presidente da associação, Odete da Silva.

Mais vagas para creche: até 2020 serão 1500 novas matriculas

Em dois anos, a gestão Bernardo Rossi, com ampliação e adaptação de espaços, conseguiu ampliar em mais 400 vagas de educação infantil. E a meta é continuar expandindo. A expectativa do poder público é de que 700 novas vagas sejam criadas até o final do ano e o número alcance 1.500 novas vagas até 2020.

O CEI Augusto Meschick é apenas um dos imóveis preparados pela atual gestão para atendimento de crianças na faixa etária de creche. Também no Centro, o CEI Primeira Infância, foi ampliado e a capacidade de atendimento vai aumentar de 38 alunos, para 100 crianças. O CEI Boa Vista será inaugurado no 2º semestre: mais 60 vagas para creche. No Jardim Salvador, a EM Monsenhor Cirilo Calaon teve um dos andares adaptados para receber alunos da educação infantil, de 1 a 3 anos. O espaço será reinaugurado no 2º semestre.

Ainda com a meta de ofertar mais vagas para educação infantil, o poder público alugou uma casa em Corrêas em maio desse ano. O local será adaptado e a expectativa é de que mais de 200 crianças também sejam atendidas no local. No planejamento da Secretaria de Educação, novas creches também serão inauguradas no Independência, Itaipava, Quissamã e Centro.

O Choque de Ordem realizado por Guarda Civil, Polícia Militar e Fiscalização de Posturas na noite desta sexta-feira (07.06) teve 23 registros de ocorrências. Um bar da Rua 13 de Maio recebeu uma autuação por não ter fechado o estabelecimento à meia-noite e outro por ter descumprido a ordem de fechamento – esse bar só encerrou o funcionamento por volta de 00h40.

O trabalho mobilizou 31 agentes entre 22h e 1h deste sábado (08.06). Foram aplicadas 20 multas por estacionamento irregular, metade na Rua 13 de Maio e o restante na Nelson de Sá Earp. Além disso, o choque de ordem também esteve na Estrada da Saudade, onde um bar foi multado por som alto.

“Seguimos fiscalizando os bares quanto ao horário de funcionamento e como um dos estabelecimentos não cumpriu a determinação, autuamos e demos ordem de fechamento, o que não foi cumprido e gerou mais uma autuação por desobediência. Temos realizado o Choque de Ordem frequentemente com o objetivo de evitar que a diversão de algumas pessoas signifique transtorno para outras”, diz o comandante da Guarda Civil, Jeferson Calomeni, que esteve no serviço desta sexta.

A determinação de fechamento dos estabelecimentos comerciais à meia-noite foi tomada há duas semanas, após episódios de violência na Rua 13 de Maio. A medida foi estendida também para a Rua Nelson de Sá Earp. A partir do próximo dia 14 de junho, o horário de funcionamento será estendido: os bares devem fechar à meia-noite e meia, mas poderão continuar atendendo clientes dentro dos estabelecimentos até 1h30. A medida será válida para todo Centro, além das duas ruas.

A operação contou com 14 agentes da Guarda Civil, oito PMs, três fiscais de Posturas (além do diretor de Ordem Pública, Charles Nazareno), e ainda dois conselheiros tutelares e três agentes da Vara da Infância e da Juventude. Dez viaturas foram usadas no trabalho.

As ações de “Choque de Ordem” foram implementadas pela Secretaria de Serviços, Segurança e Ordem Pública em 2017. No primeiro ano foram registradas 150 ocorrências em seis edições. No ano passado, em cinco edições foram contabilizadas 173 ocorrências – número que considera todos os pontos por onde o Choque de Ordem passou (Centro e bairros). Esse ano, em 13 edições foram registradas 184 ocorrências. O objetivo é coibir estacionamento irregular, som alto, venda de bebidas alcoólicas para menores de 18 anos, além de reprimir o tráfico de drogas.

A partir de semana que vem, estabelecimentos comerciais poderão fechar as portas meia-noite e meia e medida valerá para todo Centro 

Nove empresários da Rua 13 de Maio garantiram nesta sexta-feira (07.06) que farão a segurança e irão promover a limpeza do local em razão do movimento de clientes. As ações serão feitas em acordo com a prefeitura e conhecimento do judiciário. Com a contrapartida dada pelos proprietários de bares, o horário de fechamento dos estabelecimentos comerciais será alterado a partir da próxima semana: os bares terão que fechar à meia-noite e meia e a medida valerá para todo Centro. O acordo foi firmado em reunião do grupo de empresários e a prefeitura, com participação do titular da Vara da Infância e Juventude, Alexandre Teixeira.

De acordo com os empresários, eles vão dividir os custos para manter seis seguranças trabalhando em toda Rua 13 de Maio às sextas (quando ocorre o maior movimento de pessoas no local) e quatro seguranças aos sábados. Além disso, eles também contrataram um funcionário que fará a remoção de lixo em toda rua após o fechamento dos estabelecimentos.

Com isso, o horário de funcionamento dos bares será estendido pela prefeitura a partir do dia 14 de junho.  Eles poderão fechar as portas meia hora mais tarde, à meia noite e meia e continuar com clientes até 1h30, com três exigências: o consumo só poderá ser feito dentro do estabelecimento, só poderá ser disponibilizado copo de vidro (não poderá ser usado copo descartável) e não poderá ser vendido bebida na saída dos clientes dos estabelecimentos.

“Alguns bares já tinham segurança, mas agora conseguimos unir todos os proprietários e aumentar a quantidade para cobrir a rua toda. Poder estender esse horário para a gente vai melhorar bastante. Nós também concordamos de que não queremos badernas e por isso estamos fazendo isso”, afirmou um dos empresários que participou da reunião, Antônio Pellegrini.

Outra medida tomada que será adotada pelos bares é aumentar a rigidez sobre a venda de bebidas para impedir de forma mais eficaz o consumo por menores de 18 anos. Eles ainda terão controlar a emissão de ruídos, respeitando o que estabelece o Código de Posturas e sem perturbar o sossego dos moradores.

Dessa forma, a medida será estendida também para todo Centro, para atender o pedido dos empresários de isonomia. A alteração passa a valer na próxima semana para que haja tempo de mobilização de todas as forças de segurança e fiscalizadoras.

O juiz Alexandre Teixeira classificou o acordo como razoável para todos os lados.

“Nós não podemos lavar as mãos, o risco da atividade de vocês é compartilhado por nós, ou seja, vocês também precisam dar uma contribuição. Acho que o horário de 1h30 está bastante razoável, se o cliente está consumindo dentro do estabelecimento e se for fechado para que ele não saia com bebida pela calçada”, falou Alexandre Teixeira.

O Palácio de Cristal já ganhou as cores da Alemanha com o trabalho de montagem das barracas da 30ª Bauernfest, que está a todo vapor para a festa. Serão 40 barracas, divididas entre alimentação, bebidas, souvenir e fotografia e ainda as destinadas ao artesanato local, espalhadas pelos jardins do Palácio, pela Rua Alfredo Pachá, e a Praça da Liberdade.

           Este ano, chegando à sua 30ª edição, a Bauernfest vai até o dia 30 de junho, sendo que não funciona no dia 20 de junho, feriado de Corpus Christi. Além do Palácio de Cristal, a Rua Alfredo Pachá, os jardins da Casa Barão de Mauá e a Praça da Liberdade também já recebem a estrutura da festa. O evento ainda vai contar com programação cultural na Praça Visconde de Mauá (Praça da Águia), com o Biergarten.

Serão centenas de atrações. Entre elas estão 13 grupos de dança folclórica – locais e convidados, os tradicionais bailões com a Banda Germânica, desfiles, oficinas e atividades para crianças, concursos de chope a metro e chapéu mais enfeitado, jogos germânicos, teatro, entre outras. No ano passado, mais de 350 mil pessoas passaram pelo evento, com uma movimentação de R$ 43 milhões na economia.

Município mantém 40 unidades de saúde voltadas para a aplicação da vacina

Município alcançou 75,9% de imunização entre o público prioritário a receber a dose da vacina contra a gripe. Prorrogada no pelo Ministério da Saúde a campanha, que encerraria no dia 31 de maio, teve continuidade em todo o Brasil. Nas cidades do estado do Rio de Janeiro, que teve o menor índice de vacinação do país, as doses se mantiveram restritas à população de maior risco. Em Petrópolis, a extensão do prazo teve resultado positivo, mas ainda faltam aproximadamente 23,6 mil pessoas a comparecerem a uma das 40 salas de vacina no município.

Após o dia 15 de junho a vacinação vai estar aberta a toda a população. No momento, as salas de vacinas estão restritas a imunizar as crianças de 6 meses e menores de 6 anos de idade; trabalhadores da saúde; gestantes; mulheres que estejam nos primeiros 45 dias pós-parto; idosos, a partir de 60 anos; professores; e pessoas que apresentarem prescrição médica que comprove serem portadores com doenças crônicas, como as respiratórias, cardíacas, renais, hepáticas e neurológica, além de diabetes, imunossupressão, obesidade grau III, transplantados e portadores de síndromes de nascença, como a de Down, entre outras.

A meta, de acordo com o estabelecido pelo Ministério da Saúde, é vacinar 98.550 pessoas inseridas nesse grupo de risco no município. Até o momento, já compareceram 74.865 pessoas do grupo prioritário. Entre as crianças ainda há o menor índice de vacinação. Mesmo após a prorrogação, apenas 59,9% foi vacinada. Entre os professores, foi identificada a maior cobertura vacinal, 97%. Na sequência estão os idosos, que compareceram em 83,9% às salas de vacina. A Coordenadoria de Vigilância Epidemiológica registrou ainda 77,8% de imunização entre os trabalhadores da saúde; 77,2% em no pós-parto; 71,4% nos doentes crônicos; e 60,7% entre as gestantes.

A manutenção da disponibilidade da vacina entre o grupo prioritário, seguiu recomendação do Governo do Estado, que antes de terminar a campanha era a região com menor índice de vacinados em todo o país. Os municípios do Rio de Janeiro, que não tinham alcançado a meta, mantiveram a vacina apenas para a população de maior riso. Foi o caso de Petrópolis, no final do mês de maio, apenas 60% das pessoas haviam sido vacinadas.

Até o momento, o município registrou 29 casos suspeitos de H1N1, seis aguardam resultados, 21 foram descartados para o vírus H1N1 e em dois casos - cujos pacientes foram a óbito - foi confirmado H1N1. A vacina influenza trivalente imuniza a população contra os dois tipos de influenza A (H1N1 e H3N2) e um tipo de influenza B.

40 unidades de saúde com vacinação contra gripe

A Secretaria de Saúde ampliou o número de salas de vacinas voltadas para a aplicação das doses. Os atendimentos são de acordo com o horário de funcionamento das unidades de saúde, das 8h às 17h. Algumas unidades que funcionam com o horário estendido, onde são feitos atendimentos até às 20h, o horário para a aplicação da vacina é até às 19h.

Em quatro unidades – Centro de Saúde, do Centro; as UBSs Retiro, Quitandinha e Mosela – a vacinação ocorre em período estendido, até às 19h. A UBS Mosela funciona em horário estendido toda segunda, quarta e quinta-feira. As demais seguem o horário de segunda a sexta-feira. Nesses locais, pode ocorrer um intervalo nos atendimentos de vacina, entre 16h30 e 17h para que seja realizada a troca de equipes plantonistas. Entre as unidades que a vacina está sendo aplicada estão: 

Centro de Saúde Itamarati - Rua Bernardo Proença, n.º 32, com horário de funcionamento das 8h às 17h.

PSF Caxambú - Estr. José de Almeida Amado s/n, com horário de funcionamento de 7:30 às 16:30

PSF 24 de Maio - Rua 24 de maio, 197 – Centro, com horário de funcionamento de 7:30 às 16:30

UBS Morin - Rua Pedro Ivo, n.º 81, com horário de funcionamento das 8h às 16h.

PSF Vila Felipe - Rua Ermínio Schimidt, s/n, com horário de funcionamento de 7:30 às 16:30

PSF São Sebastião - Rua São Sebastião, nº 625, com horário de funcionamento das 8h às 16h.

PSF Alto Siméria - Rua Manoel Francisco de Paula s/n, com horário de funcionamento de 7:30 às 16:30

PSF Dr. Thouzet - Rua. Dr. Thouzet, 609 – Quitandinha, com horário de funcionamento de 7:30 às 16:30

PSF Alto Independência - Rua José Lino s/nº, com horário de funcionamento das 8h às 16h.

PSF Vila Saúde - R. Santa Catarina, Lt 24 - Qd 41, com horário de funcionamento de 7:30 às 16:30

PSF Santíssima Trindade - Rua Lopes de Castro – Bingen, com horário de funcionamento de 7:30 às 16:30

PSF Bairro Castrioto - R. Santa Rita de Cássia, 114 – Castrioto, com horário de funcionamento de 7:30 às 16:30

PSF Comunidade São Jõao Batista – Rua Luís Winter, 560 - Duarte Silveira, com horário de funcionamento de 7:30 às 16:30

PSF Moinho Preto - Rua João Xavier, 2109 - Moinho Preto, com horário de funcionamento de 7:30 às 16:30

PSF Pedras Brancas - Rua Pedras Brancas, 1190 – Mosela, com horário de funcionamento de 7:30 às 16:30

Ambulatório Escola FMP/FASE - Rua Hivio Naliato, 899, Cascatinha, com horário de funcionamento das 8h às 16h.

Hospital Alcides Carneiro - Rua Vigário Correa, 1345 – Corrêas, com horário de funcionamento das 8h às 16h.

PSF Castelo São Manoel - R. Capitão João Amâncio de Souza Coutinho, 436, com horário de funcionamento das 8h às 17h.

PSF Jardim Salvador - Rua juiz Castro e Silva, 33 - Jardim Salvador, com horário de funcionamento de 7:30 às 16:30

PSF Carangola - Estrada do Carangola, 860 – Carangola, com horário de funcionamento de 7:30 às 16:30

PSF Fazenda Inglesa - Estr. Fazenda Inglesa, s/n – Mosela, com horário de funcionamento de 7:30 às 16:30

PSF Vale das Videiras - Estr. Almirante Paulo Martins, 8201, com horário de funcionamento de 7:30 às 15h

PSF Bonfim - Estrada do Bonfim s/n – Bonfim, com horário de funcionamento de 7:30 às 16:30

PSF Águas Lindas - Estrada do Palmital, 768 – Nogueira, com horário de funcionamento de 7:30 às 16:30

UBS Itaipava - Estrada Philúvio Cerqueira Rodrigues, com horário de funcionamento das 8h às 16h.

PSF Comunidade Primeiro de Maio - Rua Norival Braga da Silva, S/N, com horário de funcionamento de 7:30 às 16:30

PSF Boa Esperança - Estr. Ministro Salgado Filho s/n – Cuiabá, com horário de funcionamento de 7:30 às 16:30

UBS Pedro do Rio - Estr. União Indústria, com horário de funcionamento das 8h às 16h.

PSF Posse - Estr. União Indústria, n.º 33.530, com horário de funcionamento das 8h às 16h.

PSF Brejal - Estrada do Brejal, Km 06, com horário de funcionamento das 8h às 15h.

PSF Secretário – Rua Visconde de S. Bernardes, 320 – Secretário, com horário de funcionamento de 7:30 às 16:30

Vila Rica - Rua A (Ao lado da Quadra 28) - Vila Rica, com horário de funcionamento de 7:30 às 16:30

Meio da Serra - Estrada Velha da Estrela, s/n - Alto da Serra, com horário de funcionamento de 7:30 às 16:30

Alto da Serra - Rua Tereza, 2024 - Alto da Serra, com horário de funcionamento de 7:30 às 16:30

Carangola - Estrada do Carangola, 860 – Carangola, com horário de funcionamento de 7:30 às 16:30

UBS Araras - Estr. Bernardo Coutinho, 3435 – Araras, com horário de funcionamento de 8h às 17h 

Unidades com funcionamento em horário estendido:

Centro de Saúde Coletiva - Rua Santos Dumond, 100, com horário de funcionamento das 8h às 19h.

UBS Quitandinha - Rua General Rondon, nº 400 e 490, com horário de funcionamento das 8h às 19h.

UBS Mosela - Rua Mosela, 744, com horário de funcionamento das 8h às 19h (segundas, quartas e quintas-feiras).

UBS Retiro - Av. Barão do Rio Branco, 3027(ao lado da 105ª DP, com horário de funcionamento das 8h às 19h.

 

As negociações da campanha Quita Dívida Servidor já somam mais de R$ 400 mil nesta primeira semana. A ação realizada pela Prefeitura em parceira com a Caixa Econômica Federal para negociar débitos dos servidores públicos terá continuidade até a próxima sexta-feira (14.06), nas quatro agências do banco. A dívida total de servidores que realizaram acordos nestes primeiros cinco dias, juntas, somavam R$ 403.042,22 e, com as negociações, caíram para R$ 98.302,87 – uma média aproximada de 75% de economia.

Há casos, porém, que registram descontos bem superiores a esse. Numa das primeiras negociações feitas logo no primeiro dia de campanha, na segunda-feira (03.06), uma dívida de R$ 28.944,44 caiu para R$ 1.152 – um abatimento de 96,02% no montante acumulado de dívidas de cartão de crédito, cheque especial e empréstimo consignado. Houve, ainda, um débito de R$ 7.832,34 que caiu para R$ 320 – um abatimento de 95,91% referente a um empréstimo de CDC.

Nos espaços estão sendo negociados dívidas de servidores negativados ou com alguma pendência junto à Caixa Econômica. O banco está oferecendo descontos para pagamentos à vista. As dívidas que podem ser negociadas, porém, são de vários tipos, como renovação dos contratos para o aumento de prazo, unificação de dividas diversificadas, débitos de cartões de crédito, cheque-especial e créditos consignados, por exemplo.

O benefício é válido para todos os mais de 12 mil servidores públicos, incluindo os aposentados e pensionistas do INPAS. As agências da Caixa para negociação são: Imperial (Rua do Imperador 149/153 – Centro), Petrópolis (Rua do Imperador, 745 – Centro), Alta da Serra (Rua Teresa, 1380 – Centro) e Itaipava (Estrada União e Indústria, 10.040). 

Está marcada para domingo (09.05), às 9h, a aplicação da prova eliminatória do processo seletivo da eleição dos novos membros dos Conselhos Tutelares de Petrópolis, na Universidade Católica de Petrópolis, campus Barão do Amazonas. Na ocasião, os 34 candidatos aprovados nas primeiras etapas, farão a prova com 50 questões de múltipla escolha. Os aprovados nesta prova, farão um curso de capacitação no dia 06 de julho promovido pelo CMDCA.

  A última etapa do processo de escolha é a reunião onde a comissão eleitoral que irá apresentar aos candidatos habilitados todas as regras eleitorais para a campanha, assim como o nome e o número dos candidatos que concorrerão as vagas também serão publicadas no Diário Oficial (DO). A Campanha começa no dia 22 de julho e a votação acontece no dia 06 de outubro.

Serão 10 Conselheiros titulares eleitos, sendo 5 para o primeiro distrito – Petrópolis, e os outros 5 para os demais distritos (Cascatinha, Itaipava, Pedro do Rio e Posse) para o quadriênio 2020-2024. Todo processo da eleição é fiscalizado pelo Ministério Público (MP). A votação é aberta para todos os cidadãos bastando ter título de eleitor. Todas as informações estão disponíveis no Diário Oficial do dia 27 de fevereiro.

A edição comemorativa de 10 anos do Prêmio Maestro Guerra Peixe acontece na próxima segunda-feira (10.06). Artistas e produções culturais que mais se destacaram em Petrópolis no ano de 2018 serão conhecidos durante a solenidade, realizada a partir de 19h30, no Castelo de Itaipava. O evento, que é considerado uma das principais premiações do setor artístico-cultural do interior do estado, é organizado pela prefeitura, através do Instituto Municipal de Cultura Esportes (IMCE).

Em homenagem ao maestroGuerra Peixe, o prêmio conta com 11 categorias, dez delas com quatro indicados e um vencedor, a única exceção é o Notório Reconhecimento, que avalia o conjunto da obra realizado ao longo dos anos, e é o único já leva a estatueta em bronze “Bandolim e Arte”, obra do artista visual Sérgio Cestari. Em 2019 o notório contemplado é o ator, músico e locutor Reinaldo Gonzaga. Os demais premiados só serão conhecidos no dia da festa.

A comissão julgadora que apurou o resultado durante todo o ano de 2018 foi formada pela artista plástica Elisabeth Ferraz; a bailarina, professora e coreografa Isabela Barenco; a jornalista, pesquisadora digital e professora Monica Winter; o jornalista e pesquisador musical Nelson Kuster; o artista plástico e animador cultural Paulo Campinho; o técnico em audiovisual e produtor cultural Rogério Avelino; o músico, compositor e ator Thiago Oliveira; o ator, artista plástico e cenógrafo Arthur Varella e o escritor, músico e professor Marcelo Fernandes. 

Confira os indicados:

Música Popular: Álcool 70; Alma Reggae; Dois no Samba; O Velho Blues.

Música Erudita: Coral Municipal de Petrópolis; Coral das Meninas e dos Meninos Canarinhos de Petrópolis (Réquiem de Mozart); Orquestra de Câmara de Petrópolis (ASMB); Teatro Gregoriano Estrada Real.

Teatro: Cia de Teatro da UMEP (O Reino Enfeitiçado); Flávia Miranda (figurinos de O reino Adormecido); Teatro Circense Andança (O Chororô do Rio); Trupe Inventada (O Grande Conscerto).

Dança: Ballet Heloísa Schanuel (The FairyDoll); Cia Corpoiesis (À flor da pele); Marcio Rodrigues (atuação 2018); Studio DNA (Mamma Mia).

Artes Visuais: Carolina Ponte e Pedro Varela (Diálogos); Josiana Oliveiras (Arvorecer); Novos Olhares (Coletiva); Projeto Marcelo Lago e Grupo Açúcar (Diálogos).

Literatura: André Tavares (Todos os Pais do Mundo); Felipe Barenco (Dois, cinco, meia); José Afonso Vaz (Os Chinelos de Vó Mariquinha); Sylvio Adalberto (Sentir é Terno).

Comunicação: Arte e Cultura (TV Fase); Jornal de Itaipava; Um Programa & Tal (RPT).

Audiovisual: Carol Martins (Flores para quem está viva); Gustavo Pizzi (Benzinho); Milena Cafer e Mariana Diegues (Sexismo Insistente).

Produção Cultural: Deguste; FEESPE; Solstício do Som; Renata Garcia. Categoria Especial: Concertos de Órgão da Catedral São Pedro de Alcântara; Museu da Cerveja; SESC; Televisual (30 anos).

Notório Reconhecimento: Reinaldo Gonzaga.

Pagina 8 de 1232

Notícias por data

« Junho 2019 »
Seg. Ter Qua Qui Sex Sáb. Dom
          1 2
3 4 5 6 7 8 9
10 11 12 13 14 15 16
17 18 19 20 21 22 23
24 25 26 27 28 29 30

Alvará Online - BANNER

Casa dos Conselhos

DO

iptu

turispetro

iluminacao

balcao empregos

plano compras

portal transparencia

licitacao

Concursos

Casa dos Conselhos

ecidade

jrestaurativa

gabinete cidadania.fw

cpge

EOUVmunicipios

selo acesso_informacao.fw

cmv-logo

Relatorio CMVP